1. Spirit Fanfics >
  2. Eu Insisto, Você Admite >
  3. Hot Jomaz

História Eu Insisto, Você Admite - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Oi meu amores esta aqui o capitulo com hot Jomaz que eu prometi, como isso aqui e uma one shot esse e o capitulo de encerremento da historia sei que foi curtinha mas one shot e assim mesmo, espero que gostem desse momento de safadesa Jomaz, entao boa leitura e se divirtam com o capitulo

Capítulo 2 - Hot Jomaz


Fanfic / Fanfiction Eu Insisto, Você Admite - Capítulo 2 - Hot Jomaz

Thomaz Costa Pov On

 

 

 

Já faz uma semana que eu convenci o Gui – eu o chamo assim carinhosamente. – a confessar que me ama e então começamos a namorar, essa semana tem sido a melhor da minha vida, namorar com o Gui e tudo que eu  sonhava e queria e agora aconteceu, é real, eu me sinto incrivelmente bem quando estou junto com ele e uma sensação tão incrível que nem dá pra descrever, seria tudo perfeito se não fosse por um detalhe nos ainda não fizemos amor, já tentei avançar algumas vezes mas ele sempre trava daí eu acabo desistindo pra não forçar a barra, acho que ele trava por medo de se entregar pra mim e eu largar ele, por causa da fama de galinha que eu tinha e também pelo fato de nosso namoro ser secreto, mas hoje vou aproveitar que meus pais estão viajando e vou preparar uma surpresa especial lá em casa a noite pra ele, que tenho certeza que vai fazer ele relaxar e se entregar pra mim.

 

 

 

João Gui Pov On

 

 

 

Estava na escola na hora da aula de matemática, enquanto a professora explicava algumas coisas das quais não estava prestando muita atenção pois já havia estudado a matéria e também  porque o Tho sentava na carteira que ficava atrás de mim e aproveitava pra ficar fazendo carinho no meu cabelo e pescoço, desde que começamos a namorar ele sempre faz isso senta numa carteira atrás dá minha só pra poder ficar me acariciando, claro que bem discretamente pra ninguém perceber já que nosso namoro e secreto, Tho joga um pedaço de papel dobrado pra mim abro pra ver o que tinha dentro dele, havia uma mensagem dizendo que era pra mim encontrar ele as 18:00 na casa dele pois os pais dele estavam viajando e teria uma surpresa lá pra mim, fiquei tão animado imaginando o que poderia ser essa surpresa, mal posso esperar pra chegar a noite e eu ir pra casa do meu amor.

 

 

 

Thomaz Costa Pov On

 

 

 

Quando as aulas terminaram dei um abraço rápido no Gui e sai correndo dá escola pra chegar aqui em casa pra preparar a surpresa pra ele, eu já tinha comprado tudo que precisava, levei tudo pro quarto e comecei a ajeitar do jeito que eu achei que ficaria melhor, agora era só esperar a hora dele chegar aqui.

 

 

 

João Pov On

 

 

 

Quando as aulas terminaram o Tho me deu um abraço bem rápido e saiu correndo imaginei que ele estava com pressa para ir embora pra arrumar a surpresa que ele vai fazer pra mim, fui pra minha casa e me arrumei da melhor maneira possível, tomei um banho vesti uma camiseta é uma bermuda do estilo que o Tho gosta que eu use, passei gel no cabelo e fiz um topete que o Tho também adora passei perfume e já ‘tava perfeito pra ir encontrar com ele.

 

 

 

Thomaz Pov On

 

 

 

Já estava na hora do João chegar, escutei a campainha tocar, grito pra ele entrar que a porta estava aberta.

 

 

 

João Pov On

 

 

 

Chego na casa do Tho e toco a campainha escuto ele gritar que eu podia entrar que a porta estava aberta, entrei e encontrei um bilhete pedindo pra mim ir pro quarto dele fui até lá e quando entro vejo uma cena linda, o quarto estava cheio de pétalas de flores espalhada pelo chão e com várias velas aromáticas acessas iluminando o ambiente, o Tho chega se ajoelha na minha frente e abri uma caixinha contendo um lindo anel.

 

 

 

Thomaz Costa Pov On

 

 

 

quando o Gui entrou no quarto percebi que ele tinha ficado maravilhado com a decoração que eu havia preparado no quarto, aproveitei me ajoelhei na frente dele e abri uma caixinha contendo um anel que serviria pra celar nosso compromisso.

 

 

 

Thomaz: Gui meu amor lhe ofereço esse anel como símbolo dá nossa união do nosso amor aceita oficialmente ser meu namorado e morar no meu coração pela eternidade.

 

 

 

João Gui: Com certeza Tho e o que eu mais quero nessa vida, te amo do tamanho do infinito.

 

 

 

Thomaz: eu também Gui te amo infinitamente.

 

 

 

Me levanto coloco o anel em seu dedo, depois começo a beijar o Gui um beijo primeiro calmo que logo vai se aprofundando e acaba se tornando mais fervoroso, nossas línguas começam a travar uma batalha pra dominar uma a outra por fim a minha língua começa a chupar a do Gui, paro o beijo e levo o Gui pra cama, tiro a camisa dele e o deito na cama, tiro a minha camisa e me deito sobre ele, volto a beija-lo e aproveito pra ficar esfregando minha ereção na dele por sobre as bermudas, paro o beijo e começo a chupar o pescoço dele vou deixando várias marcas pra todos saberem que ele tem dono, que é meu, vou descendo lambendo o abdômen, depois as coxas até chegar no pau que mesmo estando por sob a bermuda e cueca mostrava uma bela ereção dei uma mordiscada no volume da bermuda e a abaixei junto a cueca comecei a lamber aquele pau de 16 cm depois coloquei na boca e ia chupando  e com isso já podia se escutar o Gui suspirando.

 

 

 

João: Noooossaa Tho is isso é bom om demais.

 

 

 

Agora tava chupando a cabecinha do pau dele fazendo movimentos circulares com a língua em volta e aquilo deixava ele mais maluco ainda, percebi que ele estava quase gozando então parei em meio a protestos do Gui pra continuar, mas eu queria fazer ele gozar comigo dentro dele, retiro minha bermuda e cueca e volto a beijar a boca dele, depois subo e posiciono minhas pernas entre seus ombros e enfio meu pau de 18 cm em sua boca comecei a fude-la devagar e o Gui ia chupando como se fosse um pirulito fui aumentando o ritmo até que em certo momento eu já estava literalmente fudendo a boca dele, estava muito bom isso ele tem uma boquinha de veludo, parei quando estava preste a gozar me deitei sobre ele e voltei a beija-lo enquanto esfregava intensamente nossas ereçôes, arfavamos frequentemente sobre os beijos, depois me posiciono entre sua pernas esfregando meu pau bem na entrada dele.

 

 

 

Thomaz: amor você tá preparado, posso continuar.

 

 

 

João Gui: Pode sim isso é o que mais quero agora.

 

 

 

Começo a penetra-lo com muita calma e cuidado vou enfiando centímetro pro centímetro até meu quadril tocar a bunda dele, fico parado por uns instantes esperando ele se acostumar quando ele começa rebolar um pouco sobre meu pau sinto isso como um sinal verde pra continuar e começo a dar leves estocada nele, a cada estocada ele ia gemendo e pedindo mais fui aumentando o ritmo e aproveitei pra beijar ele depois mudei de posição e coloquei ele de bruços nessa posição conguia dar estocadas mais profundas acertando seu ponto G, quando fazia isso ele dava altos gemidos fui dando estocadas bem fortes e rápidas no ponto G e ele implorando cada vez por mais.

 

 

 

Joao Gui: aiiiiiiiiiiiii Tho que deliciiiiiiiiiiia mete mais aiiiiiiiiiiiii mete mais ahhhhhhhhhhh.

 

 

 

Thomaz: Você gosta né seu putinho então toma mais pirocada que delícia te fuder gostoso.

 

 

 

Percebi que estava preste a gozar então aumentei ainda mais as estocadas enquanto ia lambendo o pescoço e  punhetando ele, acabei vindo dentro dele e ele na minha mão, me deitei do lado dele demos mais um beijo, depois Gui deitou sua cabeça em meu peitoral e acabamos adormecendo com a certeza que tínhamos selado nosso amor.


Notas Finais


Entao e isso meus amores espero que tenham gostado da historia que eu tenha conseguido agradar, bjs e abçs a todos vcs ate uma proxima vlw


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...