História "Eu irei te proteger" (Min Yoongi) - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias 4Minute, ASTRO, Bangtan Boys (BTS), Big Bang, Black Pink, EXO
Personagens D.O, G-Dragon, Hyun A, Jennie, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jisoo, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lisa, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Rosé, Sanha
Tags Jikook, Namjin, Vhope
Visualizações 13
Palavras 2.877
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, LGBT, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura...

Capítulo 11 - Capítulo 10 - sentimentos? Surpresa? Primeiro Beijo?


Eu já havia deixado a S/N na biblioteca, esse momento eu queria ser um mosquito só para saber o que elas tanto conversam, coisas de garotas 

Não sei porque, mas as falas de S/N naquele carro fazia falta, era tão silencioso sem ela, que idiotice Yoongi, pare com isso. Fiz o trajeto em uma velocidade boa até a casa do Nam, ele não morava especificamente no centro da cidade, mas perto

Eu já havia chegado no condômino em que ele morava, o porteiro me conhecia, pois eu vivia na casa do Nam antes daquela menina chegar, direcionei o carro até o estacionamento, deixei o mesmo lá, então fui para dentro do prédio 

O prédio não era tão grande assim, mas era um lugar bom de se morar, era um lugar calmo e sossegado, diferente da rua de minha casa, que era uma baderna, os vizinhos daqui não são fofoqueiros, mas os de lá de perto de minha casa, se duvidar até os cachorros fazem fofoca de madrugada 

Eu estava dentro do elevador, quando uma garota, me era familiar, entra no elevador, apertando o botão para o mesmo andar do Nam, para minha felicidade era a garota com quem eu havia tranzado no escritório

- Yoongi - a mesma diz sorrindo safada - onde vai ? 

- não é da sua conta - digo ríspido 

- aigoo, não diga assim - a mesma faz um biquinho - o que acha de ir lá em casa - a mesma diz querendo se esfregar em mim

- nem ferrando - digo a empurrando para longe mim - e se me der licença, estou comprometido a outra

- quem? Aquela estrangeira? 

- sim, qual é o problema? - pergunto a olhando 

- eu sou melhor que ele Yoon - a mesma diz arrastado - eu posso substituir ela 

- nunca vai ser 

O elevador para no último andar, era onde o Nam morava, eu apenas saio dali e dirijo a última palavra para a garota 

- saiba que você nunca vai substituir ela - saio dali, indo para o apartamento de Namjoon

Bati na porta uma primeira vez, ninguém abriu, bati uma segunda vez, ninguém abriu, bati uma terceira vez e ninguém, na quarta já me irritei e comecei a gritar 

- NAMJOON SERÁ QUE DA PRA ABRIR A MERDA DESSA PORTA - grito irritado, a porta então foi destrancada

(RM) - calma esquentadinho - o mesmo abre a porta - entra e fique a vontade 

Eu tiro meus sapatos, deixando ao lado dos seus, entrei na casa, me joguei no sofá 

- cadê o Jin Hyung? - pergunto deitado

(RM) - teve que ajudar a mãe com as compras - o mesmo se senta na poltrona - agora me diga o que quer falar 

- é sobre a S/N - digo me sentando no sofá 

(RM) - vish, coisa boa não é então - o mesmo diz se ajeitando na poltrona 

- claro que é - digo irritado - bem...não sei

(RM) - tá continue

Então eu comecei a explicar a situação para ele, desde o dia em que ficamos amigos, até aqui, Namjoon escutava cada palavra atentamente, ria e depois ficava confuso com o que eu dizia 

Eu contava tudo, porque ele era como um irmão para mim, tudo o que eu precisava, ele me dava, ele também desabafava comigo, me lembro do dia em que ele disse que era gay, foi engraçado, mas ao mesmo tempo ele se sentiu mais aliviado 

(...) 

(Rm) - Yoongi - o mesmo se senta na poltrona - preciso lhe contar algo

- claro diz - falo desligando a TV e olhando para o mesmo

(Rm) - estou com medo que você não aceite - ele diz coçando a nuca

- fala logo - digo meio estressado

(Rm) - eu...eu...

- eu...

(Rm) - eu sou gay - ele diz de cabeça abaixa 

- era só isso? - pergunto simples - que legal

(Rm) - você não vai parar de falar comigo? - o mesmo em olha surpreso - não vai sentir vergonha de mim? 

- Nam - me sento - olha bem pra minha cara, acha mesmo que vou parar de falar com você por causa de sua sexualidade? - o mesmo balança a cabeça negativamente - saiba que você pode ser gay , bi, trans, tudo, mas se eu gosto do seu jeito, não vou nunca te abandonar 

(...) 

(Rm) - é aquele - ele aponta para o garoto, que por sinal era bonito

- é ele de quem você gosta? - pergunto o olhando 

(Rm) - sim - ele diz envergonhado

- vai falar com ele - sorrio 

(Rm) - mas eu... 

- hey você - grito para o garoto que estava com sua irmã - você mesmo - aponto para ele - vem aqui 

(Rm) - Yoongi

(Jin) - o que querem? - o mesmo pergunta 

- eu sou o Yoongi, esse aqui é o Namjoon 

(Jin) - me chamo Seokjin, mas pode me chamar de Jin - o mesmo sorri 

- quer sentar conosco ? - pergunto dando espaço 

(Jin) - claro - o mesmo sorri, se sentando em meu lado 

Ali começamos a conversar e criar uma amizade incrível 

- preciso ir, o Jeongguk me chama - saio dali, os deixando sozinhos 

(...) 

Aquela época, a melhor, logo sou despertado de meus pensamentos quando escuto a porta bater, era o Jin Hyung 

(Jin) - oh Yoongi o que faz aqui? - o mesmo pergunta surpreso 

(RM) - acho que Yoongi está criando sentimentos pela estrangeira - Nam diz no ouvido de Jin 

(Jin) - sério isso? - o mesmo olha para Nam - seria engraçado ver os dois namorando, mas fofo 

- não, não seria nada disso, nós não vamos namorar - faço um "X" com os braços - isso nunca vai acontecer 

Meu celular vibra, feito um louco, talvez fosse alguém me ligando e era, era a S/N, logo antedo 

- alo ? - pergunto 

- Yoongi - a mesma estava desesperada no outro lado da linha

- acalme-se - digo me levantando - o que houve 

- alguém, tem alguém aqui, alguém quer me pegar - a mesma diz chorando 

- acalme-se, onde você está? - pergunto calçando meus sapatos 

- escondida no porão da biblioteca, venha rápido, traga o Jin, por favor 

- Estou a caminho - desligo o celular - Jin Hyung, precisamos ir a biblioteca agora 

Yoongi pov's off// S/N pov's on 

Eu sabia que hoje era aniversário de Yoongi, como? Jisso me contou, ela disse que ele não gosta de comemorar aniversários, mas hoje vou fazer uma surpresa, eu e Jisso preparamos um bolo para o mesmo, com alguns doces, espero que ele goste e não surte, era de chocolate, o seu sabor preferido. Antes de eu ligar para o Yoongi, Jisso já havia ligado para o Jin, avisando sobre o plano, Jin então, havia passado no mercado mais cedo, para comprar uma garrafa de soju, eles bebem mesmo, senhor 

Já estava tudo pronto, só faltava a atuação, eu ligar para o Yoongi, não demorou muito e o mesmo caiu feito um patinho, eu estava preparando umas coisas, quando Taehyung e Hope chegaram, com um notebook, para podermos ligar para Kook e Jimin. Já estava tudo pronto, era só esperar a chegada dele

Eu estava muito feliz com aquele momento, só queria que nada fosse pelo ar, eu conheço o Yoongi, ele é chato e não gosta de surpresas, mas não custa tentar 

(KJ) - gente prepara - ela corre para dentro 

- tá  - digo me escondendo na pilha de livros - 1,2,3 

(YG) - S/N CADÊ VOCÊ? - ele pergunta desesperado e olha no chão - um papel ? - o mesmo abre, está saindo como eu quero 

"Se está lendo isso, siga até o balcão" 

Jin já não estava mais ao seu lado, enquanto ele seguia até o balcão, corremos todos para cozinha, terminando de organizar as coisas, ficamos todos em silêncio, nos posicionamos 

(YG) - S/N, CADÊ VOCÊ? - ele grita preocupado e olha para o outro papel que estava no balcão, o abre e lê 

"Você pode ter esquecido, mas eu não, agora venha até a cozinha" 

(YG) - o que? - o mesmo fica confuso e segue até lá 

(Todos) - SURPRESA - gritamos em coral, fazendo ele se assustar 

(YG) - ah não - ele fica aliviado - de quem foi a ideia? - ele pergunta irritado 

(KJ) - da estrangeira - ela ri 

- feliz aniversário - sorrio 

A tarde inteira foi legal, conversamos com Jungkook e Jimin por webcam, comemos e bebemos. Logo a noite se fez presente naquele local, Jisso já havia fechado a biblioteca, estávamos todos indo para casa, eu e Yoongi em um carro e os outros no do Hope, eu queria ficar em casa agora, apenas deitar no sofá e dormir, mas não, isso não iria acontecer 

(YG) - S/N, vamos...no...no - o mesmo diz baixo 

- no - digo arfando meus cabelos com a toalha 

(YG) - no nosso balanço ? 

- ah claro - sorrio colocando a toalha no banheiro - só vou colocar um casaco 

(YG) - okay - o mesmo sorri

(...) 

O mesmo estava sentando no chão, mesmo com aquela neve, Yoongi e eu estávamos como sempre estamos, eu no balanço e ele no chão, eu observava o céu, que continha milhões de estrelas, eram pequenas coisas, mas me deixavam feliz, só de estar naquele local, eu ficava feliz, estar ao lado de Min Yoongi, me deixava feliz 

- taradoyoon? - o chamo 

(YG) - sim? - o mesmo desvia a atenção do celular para mim 

- você realmente se esqueceu que hoje era seu aniversário? - pergunto me balançando devagar 

(YG) - é, eu realmente esqueci - ele ri - eu não pensei que meu aniversário seria assim 

- queria como ? - pergunto parando o balanço 

(YG) - bem, eu completo 18 hoje, então imaginei poder dançar valsa - o mesmo diz se levantando e limpando suas calças 

- valsa - solto um risinho - então esse ser a meu presente de aniversário - digo esticando a mão para o mesmo 

(YG) - sério isso? - ele ri e eu balanço a cabeça positivamente - okay 

Ele segura em minha mão, me puxando levemente para mais perto dele, suas mãos pousam em minha cintura e as minhas em seu pescoço e assim ele começou a andar de um lado para o outro, nós estamos dançando, mesmo com a neve caindo sobre nossas cabeças, mesmo com o frio, nós só estamos curtindo o momento

Eu olhei para Yoongi e ele olha para mim, pela primeira vez na vida, ele olha dentro de meus olhos, isso era tão sedutor, mais sedutor que isso, era seus lábios, eu olhava para seus lábios, eu não conseguia não olhar, eu só queria beija-lo ali mesmo, não me importando com as pessoas passando pela calçada e nos olhando, eu só queria seus lábios macios grudados aos meus 

Yoongi por vez, foi se aproximando de mim, inclinando seu corpo para poder alcançar meus lábios, eu como sempre, desastrada, tropeço em meu próprio pé e acabo caindo na neve, em cima de Yoongi, ele me olhou e riu, fazendo que eu ficasse corada, mas o que me deixou mais corada, foi que Yoongi colocou suas mãos em minha nuca, puxando minha cabeça, fazendo com que eu eu o beijasse, eu tomo um susto, mas acabo cedendo, aqueles lábios macios, não queria me separar. Yoongi queria aprofundar o beijo mas eu não consegui, pelo simples fato de nunca ter beijado ninguém na vida, isso é possível ? Sim, mas era a vida, logo então me separo dele

(YG) - o que houve? - o mesmo pergunta me olhando 

- é- é que eu não sei - abaixo a cabeça corada 

(YG) - não sabe o que? - ele pergunta colocando seus dedos em meus queixos e levantando minha cabeça, fazendo com que eu olhasse para o mesmo - não sabe beijar? 

- n-não - coro e abaixo a cabeça

(YG) - vamos por etapas okay? - balanço a cabeça positivamente 

Yoongi por sua vez, se aproximou de novo, e logo encostou seus lábios aos meus, e novamente estávamos nos beijando

Eu estava de olhos fechados, ele também, agora estávamos sentados na neve, eu no colo dele e ele segurando em minha cintura. O beijo estava bom, ele queria tentar aprofundar novamente, mas se assusta ao ouvir um clique e disparo, com um flash entre nós, estavam nos fotografando, eu me assusto também e me levanto correndo para saber quem era, olhei para todos os lados e não enxerguei ninguém

(TH) - e essa vai ser para o cartão de Natal - o mesmo diz observando a foto feliz - sabia que uma hora ou outra se beijariam - ele sai do matagal, junto com Hobi, Jin e Nam

(YG) - estavam nos vigiando ? - Yoongi arqueia uma sobrancelha e cruza os braços

- isso é feio  - digo corada

(TH) - relaxa estrangeira, só tiramos umas fotos e você alface esquentadinho - diz se referindo a Yoongi - sim estávamos vigiando vocês 

(YG) - arg seu...seu...eu vou te matar - ele sai correndo atrás de Taehyung e nós caímos nas gargalhadas

- de quem foi a ideia? - pergunto olhando para eles 

(JH) - Jin Hyung - o mesmo diz apontando para o mesmo

- claro, tinha que ser - rio - mas por que?

(RM) - digamos que sabemos umas coisas sobre o Yoongi - o mesmo ri - que não é o momento de você saber 

- fazer o que né ? 

(TH) - gente eu tive uma ideia - o mesmo diz ofeganfe

(YG) - a única ideia é a que eu bato em você - o mesmo diz irritado e eu rio com seu comentário

(Jin) - diz logo - o mesmo sorri 

(TH) - vamos a praia 

(YG) - você está louco? - o mesmo pergunta furioso - negativo 

(TH) - não especificamente na praia, mas sim em uma parte, onde tem um concerto que da para sentar 

(RM) - eu sei que lugar é esse - o mesmo sorri - vamos por favor galera 

(...)

Eu sei que convencer Yoongi é difícil, mas dessa vez, foi pior, quase tivemos que beijar o pé dele para que ele fosse, aquele moleque

Estávamos na caminhonete do Jin no momento, Nam estava dentro do carro com Jin, que estava dirigindo, Hope e Yoongi estavam dentro também, mas na parte traseira e eu e Taehyung, na parte de fora, aproveitando o momento, rindo e conversando. O trajeto demororou no máximo uma hora, foi o suficiente para eu conhecer a história de Taehyung e J-Hope, era algo bonito de se ouvir, era um amor perigoso, mas ao mesmo tempo fofo. Eu já estava dormindo no colo de Taehyung por causa do sono que eu tinha ao andar em carros, claro, viagens longas, pra ajudar Jin comprou doces e salgadinhos

Estávamos todos sentados na parte que continha o concreto, só que agora possuía madeiras, Namjoon disse que os homens que trabalhavam na construção, terminaram de construir o local 

(Jin) - hey S/N - Jin me chama - não acha bonito? 

- an? Ah oi - sorrio - achar o que bonito ?

(YG) - eu claro - o mesmo fez o Jin rir 

(Jin) - você não, o mar congelado

- o mar congelado? - observo para o mesmo - é mesmo - sorrio

Estávamos comendo e conversando, comemorando as últimas horas do aniversário do Yoongi, estávamos felizes ali, mas como tem algo para estragar, meu celular toca, era a mamãe, por que ela ligaria a esse horário? 

- alo? - atendo me afastando dos outros 

- querida? Está onde? - a mesma diz 

- apenas aproveitando com meus amigo 

- hm...Eu quero lhe dar uma proposta 

- diga

- eu sei que você sempre quis morar sozinha, então consegui um pequeno apartamento em Jugji 

- nossa que legal 

- é para você 

- mãe, eu não sei, eu acho que estou construindo uma vida aqui 

- vou lhe dar uma semana para pensar 

- mas...

- até breve - a chamada de encerra 

(YG) - Hey S/N venha cá - o mesmo diz chamando minha atenção e sento em seu lado - quem era? 

- ah ninguém, nada demais - sorrio - vamos aproveitar esses cinco minutos antes da meia noite - sorrio 

(Jin) - gente gente, presta atenção - o mesmo se levanta - quando der meia noite, todos deem as mãos, olhem para o céu e façam um pedido - o mesmo sorri 

- okay - dissemos em coro 

(YG) - vamos aproveitar esses três minutos - ele ergue o doce - um brinde a nossa amizade 

(Todos) - a nossa amizade - sorrimos 

(RM) - levantem -se - Todos levantamos - é agora - damos nossas mãos - 1,2,3 - cada um fez um pedido 

(Jin) - que nossos pedidos se realizem - ele sorri e bate palmas e nos sentamos novamente 

(YG) - o que você pediu S/N - o mesmo pergunta em meus ouvidos

- vem cá - me aproximo de seus ouvidos e digo para o mesmo - você irá saber no momento certo - sorrio e ele faz uma cara emburrada 

(YG) - isso não vale - ele faz bico 

- vale sim - sorrio 

E ficamos lá, sentados, olhando para o mar e céu 


Notas Finais


Ficaram curiosas com o que ela pediu? Vocês também saberão só no momento certo, obrigada por lerem, devo continuar?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...