História Eu lembro de você - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Jay Park
Tags I Remember You
Visualizações 5
Palavras 986
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiiee, esse capítulo vai justificar muitas coisas sobre o passado de Clary que ficaram meio aberto no outro capítulo ksks estou começando tenham paciência comigo ok ksks
Aproveitem!

Capítulo 2 - O não esperado


Não pode ser!

Ele me olha de cima a baixo como se fosse me engolir com seus olhos, eu fico pasma ao perceber que o único "amigo" que eu tive na infância realmente estava de volta...

É você mesmo - pergunto com um olhar ríspido

Então você me reconheceu, bom mesmo - ele balança a cabeça passando seu cabelo para o lado e vindo em minha direção eu fico sem reação ao perceber isto

Oo...que você está fazendo! - respondo meio gaga diante a essa situação - ele me encurrala colocando sua mão na parede, me sinto presa! E de fato isso era bom 

Você não sentiu minha falta?... Eu sei que sim, depois que eu fui embora não parei de pensar em você

*Flashback*

8 anos atrás 

Chego na sala e vejo Jay me acenando novamente estou me acostumando com a ideia de ter um amigo afinal são são dois anos sendo amiga dele depois daquele fatídico dia em que conversamos - sento perto dele e sorrio calmamente

Oiii, você não vai adivinhar - ele me olha atentamente, curioso ao que eu queria falar 

O que foi Clary, brigaram com você novamente, me fale quem foi que eu...

Não é nada disso - retruco - bom tem haver mas dessa vez ninguém fez nada 

Eu estava pensando em entrar para alguma aula de dança, sempre sonhei em dançar Ballet mas nunca quis porquê eu estou um pouco gordinha... Mas eu espero emagrecer dançando porque eu já ouvi falar que a professora dessa escola treina meninas muito bem e assim os outros podem me aceitar - ele parece apavorado com tu aquilo...  

Eu sei que você quer ficar magra, mas eu acho que você deveria se aceit... Eu o corto e respondo de uma maneira grossa! 

Me aceitar, você está louco eu sou ridícula olhe para mim, uma piada como alguém iria querer ficar perto de mim deste jeito - Não consigo controlar minhas lágrimas em um só segundo sinto um toque e Jay me abraça com força 

Está tudo bem, posso não concordar com tudo isso mas... Só quero que saiba, não me importo com essas bobagens e com o que as pessoas falem, mas se você não está feliz assim eu posso te dar incentivo mas por você não pelos outros! 

Ficamos assim por um longo tempo...

                         (<*>)

Dois dias depois

Entrei para academia de dança de minha cidade, procurei alguma que não teria nenhuma colega minha porque não queria ser motivo de piada novamente

Chegando lá minha mãe beija minha testa e fala para eu ficar esperando sentada em frente a secretária da escola porque ela queria falar com a professora de dança, antes disso tudo ela solta a seguinte frase

Tem certeza mesmo disso - me olha como se tivesse algum sentimento de aperto no coração

Sim mãe, eu tenho - balança a cabeça e depois levanta-se para bater na porta, para falar com a professora, elas conversam por alguns minutos e a professora sai de lá, vindo em direção a mim

Olá Clary, meu nome é Rose sou sua nova professora de ballet - penso comigo mesma como ela poderia ser nova professora se eu nunca tive uma velha mas bem... Respondo

Oi, eu gostaria muito de aprender a dançar mas não sei se consigo - ela me chama para dar uma volta e assim eu vou 

Clary sua vida irá mudar de agora em diante, você não poderá mais comer coisas gordurosas e nem algo do tipo - eu olho para ela e fico perguntando para mim se tudo aquilo vale mesmo a pena, poxa isso só é para agradar os outros e... Não eu preciso focar no que eu quero de verdade 

Sim eu aceito!

Depois de chegar em casa sendo ainda de tarde me despeço de minha mãe e meu pai e vou correndo para casa de Jay, queria contar sobre a aula de dança, a professora a escola e tudo! 

Eu bato na porta e ninguém atende em seguida seu vizinho sai de sua casa e olha com rispidez e fala 

Não tem ninguém mais morando ai! - meu chão desaba 

Mas como assim, ele se mudou para outro bairro? - perguntar seriamente

Não, eles se mudaram de cidade menina, já faz um dia 

Mas como, tudo tão rápido... Como e porque ele não me avisou. Eu não acredito meu único amigo meu único porto seguro meu... 

*Fim do flashback*

Minhas costas tremem ao estar perto dele, chegando mais perto de mim ele sussurrou em meu ouvido 

Estou querendo você novamente - ele prega o olhar em mim e fixa seus olhos em minha boca, tenho a sensação de algo mais irá acontecer até que... 

>>>Sinal toca

Eu o empurro para trás e dou de cara com Raphael meu colega de sala, nos tornamos bastante amigos de uns anos para cá... até porquê ele faz aula de dança no mesmo lugar que eu, certamente dança muito bem e tenho que admitir ele é muito gato, loiro de olhos azuis e completamente sarado, meu filho você claramente foi esculpido por anjos...

Você está bem Clary - me pergunta mas cravando seus olhos em Jay, não entendo porquê faz isso...

Sim estou... - fico sem jeito, o clima ficou horrível com os dois se encarando e eu no meio disso tudo 

Jay acaba interrompendo o clima estranho e abre a boca para falar algo

Vejo que fui trocado, ai ai Clary seu mau gosto certamente me fascina de alguma forma - retruca dando uma risada sarcástica

Não sei o que você está falando... Nesse tempo Raphael pega em meu braço e me leva em direção a sala de aula, Jay pega meu outro braço me puxando pela direção contrária 

GENTE EU NÃO SOU BRINQUEDO - Respondo largando suas mãos de meu corpo e os dois se fuzilam com os olhares...




No próximo episódio...

    Oq você está fazendo? - pergunto a ele, quando percebo ele me agarra pelas pernas e me leva para uma mesa sussurrando em meu ouvido

O que eu sempre quis fazer! 









Notas Finais


E entãooo oq acharam para um segundo episódio até que ficou menos ruim que eu pensava e olha q eu pensava em uma coisa muito mas muito mas muito mas muito... Ruim, ficou mais ou menos KSKSK
Bem gente estou começando a escrever e preciso de apoio, críticas por favor me ajudem a ter ideais, para melhorar a história
Espero que tenham gostado... Até o próximo capítulo bjsss ❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...