1. Spirit Fanfics >
  2. Eu não sirvo para escrever

História Eu não sirvo para escrever


Escrita por:


Fanfic / Fanfiction Eu não sirvo para escrever
Sinopse:
Eu não agrado meus leitores, eu não agrado a mim. Estou apenas desperdiçando tempo?
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Visualizações 58
Favoritos 24
Comentários 7
Listas de Leitura 5
Palavras 100
Concluído Sim
Categorias Histórias Originais
Tags Tarab

LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Drabble

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1.
Sempre há algo faltando
7
58
100

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

Postado por Carmenps
Capítulo 1 - Sempre há algo faltando
Usuário: Carmenps
Usuário
Acho que todos pensam assim em algum momento, principalmente no inicio, mas com o tempo vem a experiencia. Não vai tardar para você começar a encontrar seu estilo próprio de narrativa conforme for praticando e escrevendo. Assim como aos poucos seus leitores vão começar a aparecer.

Eu particularmente gosto muito da sua escrita, descritiva e suave, o que ajuda em uma leitura emersiva e rápida. Não me importo muito com erros, pois nem sempre historias de escrita perfeitamente correta são boas de verdade. Eu por exemplo erro bastante ainda, mas pretendo melhorar isso aos poucos, sem presa, pois sei que o meu foco e desenvolvimento.
Você também tem ideias muito boas e que podem gerar historias maravilhosas, (eu li a primeira versão de Caliban, e fiquei surpresa ao ver uma nova versão dessa historia. Eu queria poder participar dessa também, mas estou com bloquei T^T então vou só ler). Espero conseguir te ver as desenvolvendo no futuro.

Eu realmente vejo potencial nas suas historias, mas também reconheço que às vezes as coisas não fluem com tanta facilidade. Bem, eu esterei torcendo para você, desistindo ou não de escrever, lhe desejo tudo de bom.
Postado por Neuter
Capítulo 1 - Sempre há algo faltando
Usuário: Neuter
Usuário
Eu pensei muito tempo assim, talvez ainda pense. Mas não importa. Uma das coisas que eu mais gosto de fazer na vida é criar mundos onde tudo é possível. Mesmo que às vezes o resultado não me agrade, tudo bem, eu nunca gosto do que eu escrevo assim que termino, pois, mesmo que eu queira parar de escrever, as personagens insistem em continuar vivas na minha mente.

Não cobre muito de você mesma(o), isso só vai te deixar frustrada(o). Os comentários não dependem unicamente de você, não receber comentários me feriu por muito tempo, na realidade, ainda magoa muito. A gente só quer saber se está agradando ou não, se o que a gente escreve atingiu alguém de alguma forma...

Só peço que reflita: o que te move? O que te faz querer escrever?
Só isso importa.

Espero que fique bem!
Bye!