História Eu No Diabolik Lovers - Capítulo 7


Escrita por: ~ e ~Alya_Nakamura

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Visualizações 47
Palavras 664
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Leiam...Muahahahaha!

Capítulo 7 - Os Mukami


§{Autora On }§


  Já se passaram 2 semanas desde que ocorreu o beijo e desde que Subaru havia ajudado Pâmela a fugir da mansão, para descobri quem era Ananda na real.


Ela descobriu algo e ficou perplexa, desde então, pensa em como contar a Ananda, sobre o que descobriu.


  Ananda passou a evitar Subaru, nas refeições, na limousine, no colégio, toda vez que ele ia falar com ela...Ele já estava ficando louco!


  A garota apenas queria esquecer, mas parece que a lembrança do tal beijo, ficava mais forte a cada dia, além da saudade enorme que ela tinha de sua família.


§{Ananda On}§


  Eu estou na sala principal, lendo Harry Potter e a Pedra Filosofal pela 36° vez, afinal, o livro è melhor que o filme em minha opinião, também, foi uma das minhas poucas coisas que veio comigo.


  Minha atenção sai da minha leitura, quando todos os vampiros e Pâmela, aparecem na sala, por que outros seres, haviam entrado pela porta.


Kou: Sentiram nossa falta!!!Sakamaki's?

Shuu: Esqueci do quão você era irritante...Vou voltar a dormir!

Ruki: Continua sério...Reiji.

Reiji: Igualmente, Ruki.

Azusa: Kanato, trouxe chocolates em forma de adagas pra você.

Kanato: Você è esquisito, mas eu aceito...


       Manonversa mó tediante essa...Eu vou è pro meu quarto!Lá eu termino de ler em paz!


Yuma: Noivas de sacrifício novas...?

Pâmela: Só estamos aqui por azar! Tá repreendido virar noiva de sacrifício!


   Essa voz...Yuma-kun?!?!?Me levanto rápido e olho em sua direção.


Eu: Yuma?!?!?

Yuma: Ananda...


   Eu corro pra lhe abraçar, fazendo assim o gesto, que saudades eu tava dele...


Subaru: Como vocês...Se conhecem?

Yuma: Em uma viajem ao Brasil, eu conheci ela, viramos grandes amigos...Ela nem tanto, continua baixinha, não è mesmo?

Eu: E você tá muito alto, não è mesmo?Senhor bochechas rosadas!

Yuma: Sou mais alto que você e...Você não me chamou daquilo!!!

Eu: Ah, mas se chamei!


  Todos deram risada, menos Subaru.


Yuma: Volta aqui...

Eu: Não se esqueça Yuma...Que eu sempre fui mais rápida!


Sai correndo dali, enquanto Yuma vinha atrás de mim e a Pâmela gritava..."Corre Berg!!!".


  Depois de correr tanto, cheguei a um dos bancos do jardim, parei pra descansar e quando olho pro lado.


Shuu: Ficar exposta não è o melhor esconderijo, sabia...?

Eu: QUE SUSTO!Eu podia ser cardíaca, tem noção disso?

Shuu: Tô nem aí...Aliás, você e Pâmela chegaram aqui e nenhum de nós provou pra saber o sabor do sangue de uma das duas...


  Infelizmente, alguém já fez isso...


Eu: Sorte a nossa...


  Minto e, quando ia me levantar, o Shuu me puxa, mordendo meu pescoço, eu resisto e ao empurrar ele, acaba por puxar um pedaço pequeno da carne de meu pescoço, deixando um pequeno buraco.


Saio correndo com a mão tapando o local, mas a minha pressa foi tanta, eu corri tão rápido, que tenho certeza que chamei a atenção dos outros que estavam na sala principal.


Chego em meu quarto apressada, ainda com a mão no pescoço, procuro pelo kit de primeiros socorros, pego e começo a tentar estancar o sangue, invés disso, começo a tossi-lo, maldito seja o Shuu!


§{Pâmela On}§


Foi surpreendente o fato de Yuma e Ananda já se conhecerem...Falar nisso, depois dele ter voltado, continuamos a conversar.


Ananda, que havia se escondido, passa correndo pela sala principal, com a mão no pescoço, só que, ao olhar mais atentamente, vejo que tá saindo...MUITO SANGUE?!?!?


Eu: Vou ir verificar o que houve com ela, agora!


  Saio de lá às pressas, com minha velocidade, em direção ao quarto que divido com Ananda...


§{Autora On}§


  Após a saída de Pâmela, para ajudar Ananda, vamos observar os meninos...


Eles estão todos perplexos, até Shuu entrar pela porta, com um pouco de sangue escorrendo pelo canto de sua boca, o que fez Yuma falar.


Yuma: Se Ananda passou correndo com a mão no pescoço e saindo muito sangue do local...

Ayato: E o Shuu entra pouco tempo depois, com sangue escorrendo pelo canto da boca...

Yuma: Então...COMO VOCÊ TEVE CORAGEM SHUU?!?!?

Shuu: Ela me empurrou por que quis...


  Subaru já iria voar no pescoço do Shuu, se Laito, Ayato e Reiji não o tivessem segurado, o mesmo foi com Yuma, que defendia Ananda como sua irmã...


         Enquanto isso, com Ananda e Pâmela...








Continua...


















Notas Finais


Yoo Minna!

Eita capítulo tendo esse meu kami-sama!

Eu disse, que TALVEZ vocês fossem descobrir o tal segredo esse capítulo...Não era certeza...

Muahahahahahahahah!!!

Bjs e Sayonara!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...