1. Spirit Fanfics >
  2. Eu preciso de você >
  3. Quem é aquele?

História Eu preciso de você - Capítulo 14


Escrita por:


Capítulo 14 - Quem é aquele?


~ Meses depois ~

Justin Bieber On

Tudo estava indo tão bem em minha vida, me sentia completo, me sentia amado, e sem dúvidas esse era o melhor sentimento!
Me sentia o homem mais sortudo por estar ao lado de s/n, ela me encantava em tudo o que fazia, cada detalhe seu era único.
Prometi para mim mesmo que faria de tudo para vê-la feliz, eu não quero perde-la nunca.
Hoje fazemos 6 meses de namoro, decidimos fazer um almoço em família na casa do meu pai, a família dela também estava aqui no Canadá, então marcamos.
Eu tinha pedido para s/n vir morar comigo, queria passar cada minuto ao seu lado.

- Amor, me ajuda a escolher? - S/n saiu do quarto com um vestido vermelho em uma mão e um vestido preto com detalhes de renda na outra.

- Gostei do preto. - disse me aproximando. - Mas você fica gostosa nos dois. - beijei seu pescoço.

- Hmm - suspirou. - Agora não... - disse se afastando de mim. - Já tá quase na hora de a gente ir.

- Tá bom, mas vai me recompensar depois né? - dei um sorriso malicioso.

- Só se você merecer meu bem. - piscou pra mim e voltou a se arrumar.

Terminei de me arrumar também. É o primeiro almoço com os pais de s/n, já tinha falado com eles por ligação, aparentemente são pessoas gentis, mesmo assim me sinto um pouco nervoso por finalmente conhecer meus sogros.

- Vamos amor. - S/n apareceu chamando minha atenção. E nossa! Ela estava maravilhosa. Me levantei e a puxei pela cintura dando leves beijos pelo seu pescoço.

- Você tá linda meu amor. - falei em seu ouvido. - Vamos logo antes que eu desista de ir e tire sua roupa aqui. - dei um tapa em sua bunda.

- Você também está muito gato. Melhor irmos mesmo, não quero me atrasar.

Ela me deu um selinho e saímos.

~ quebra de tempo ~

Leitora On

Estávamos indo em direção a casa do meu sogro, já tinha ido lá algumas vezes, o senhor Bieber é um pouco ocupado, mas muito atencioso, me tratava como uma filha.

- Estava com saudades filhos. Entrem, os pais da s/n já chegaram. - Jeremy dizia com um sorriso amigável em seu rosto, entramos e vi meu pai, minha mãe, uma mulher e um homem no sofá. Eles pareciam grandes amigos, mas, quem eram aqueles?
Assim que eu entrei na sala, meus pais vieram me abraçar, eu estava tão feliz por vê-los. Eles chegaram aqui ontem então não deu tempo de ir visita-los. Apresentei Justin a eles, conversamos bastante, eles estavam se dando bem, como eu esperava.

- Amor, essa é a Melanie, a minha irmã mais nova.

- Ei S/n, tudo bem? Prazer em te conhecer. - uma mulher loira me abraçou, ela parecia muito com Justin, logo retribui o abraço.

- Tudo sim. Justin fala bastante sobre você, mas só coisa boa. - rimos. - Prazer em te conhecer também.

Nós almoçamos. Estava tudo indo muito bem, Melanie é incrivelmente parecida comigo, embora ela tenha uma personalidade mais calma, sutil e delicada, tinhamos muitas coisas em comum e logo tive a sensação de que seríamos grandes amigas! Marcamos de sair algum dia juntas.
Logo senti olhares sobre mim, achei que era o Justin quando me virei e vi aquele homem de antes, num canto da sala, ele parecia ter uns 20 anos também, seu cabelo era um castanho claro e tinha olhos cor de mel, ele estava literalmente me encarando.

- Melanie, quem é aquele? - disse tentando disfarçar o meu constrangimento.

- Ah! É o Ryan. É um primo nosso, ele chegou aqui um dia antes que eu. Acho que meu pai contratou ele para trabalhar na empresa, e ele vai ficar uns dias aqui conosco. - ela disse inocente, acho que não tinha percebido a forma como ele estava me olhando.

- Entendi... Vou ir procurar o Justin, já volto. - queria sair dali. Logo subo as escadas indo em direção aonde ele foi. Chego no andar de cima e entro em um quarto que a porta estava aberta.

- Você está bem? Já faz um tempo que esta aqui. - sentei-me ao seu lado na cama.

- Sim, estou amor. - me deu um selinho. - só estava me lembrando de algumas coisas. - noto que ele estava com um quadro na mão, uma foto de quando ele era criança, uma foto em família.

- Você puxou os olhos de sua mãe. - o encarei. - Você é lindo.

- Eu amo você. - me deu um beijo apaixonado.

- Eu também te amo, vamos descer?

- Pode ir. Eu vou daqui a pouco.

O abraçei, e então sai, estava indo em direção as escadas, quando sinto alguém puxar meu braço, me viro e vejo Ryan.

- Olá! Não tivemos uma oportunidade de nos conhecermos. - ele dizia com um sorriso amigável.

- Olá, meu nome é s/n, sou a namorada de Justin e você? - eu já sabia, mas me fiz de desentendida.

- Seu nome é lindo, assim como você. - pode ter sido só um elogio inocente, mas tenho a impressão de que aquilo foi um flerte. - Meu nome é Ryan.

- Obrigada. - disse e virei-me para sair. Mas ele me impediu novamente. - Algum problema?

- Não acho que Justin mereça você.

- Por que diz isso?

- Eu poderia te fazer mais feliz que ele. - disse com um sorriso confiante, e me puxou pra perto. - Seja minha... - disse em meu ouvido e o empurrei, mas que cara sem noção!

- Ryan, eu sou comprometida! Que isso não se repita. - sai as pressas dali, e desci as escadas, tentando parecer o mais normal possível. Aquela frase não saia da minha cabeça, "seja minha"... Não! Eu nem o conheço. E não trocaria quem eu amo por algum desconhecido.
Justin não iria gostar nem um pouco disso. Achei melhor não contar por enquanto. 




Notas Finais


estão gostando? amanhã tem capítulo novo! ❤
muita treta, vish...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...