1. Spirit Fanfics >
  2. Eu só queria ser uma garota normal -noart >
  3. Aconteceu de novo

História Eu só queria ser uma garota normal -noart - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Desculpa pelo horário

Capítulo 3 - Aconteceu de novo


Sina

Quando cheguei no refeitório e todos os meninos estavam olhando pra mim mas como eu disse já estou acostumada com isso. No exato momento em que eu sento na mesa do refeitório sinto um pressentimento muito ruim.

- ai não vai acontecer de novo 

Any- oque amiga ??

- o meu pai ....

Heyoon-como vc sabe que vai acontecer isso de novo??

- eu senti que vai acontecer algo ruim  e sempre que eu sinto isso aquilo acontece 

Heyoon- vc quer passar o dia lá em casa?? aí vc só volta amanhã talvez ele possa esquecer.

Any- vessa de aí podemos fazer a festa do pijama 

- vcs sabem que ele não vai esquecer disso e quando não é no dia que ele quer no próximo pode ser mais perigoso

Heyoon- amiga isso já tá ficando perigoso quando ele faz isso com vc, eu já pedi pra vc ligar pra polícia 

- yoon vc sabe que ele é rico e não ia passar um dia na cadeia 

Any- verdade pensando por esse lado, mas oque vamos fazer ??

- nada vamos deixar isso passar porque de qualquer forma ele vai fazer com migo 

Any é heyoon- mas amiga..

- não eu já disse 

Elas- tabom

Eu amo elas mas que tudo nesse mundo pois elas respeitam minha vida. Terminamos de comer e fomos para sala. As aulas passam rápido e me dispeco das meninas e vou pra casa, quando chego em casa vejo que meu pai nao está dou gloria, acho que deve ter sido alarme falso, eu acho que vcs estão se perguntando sobre minha mãe ne?? Então meu pai me tirou dela quando eu tinha 2 anos de idade então não me lembro muita coisa dela só a cor do cabelo que era o mesmo que o meu loiro platinado, meu pai nunca falou dela nem mesmo o nome entao deixei pra lar porque ele não queria falar dela. Voltando subo as escadas pro meu quarto e dou de cara com meu pai, aí não mas uma vez não...

Como eu disse nao vou falar muito disso pois não me sinto na hora,vou pular para a parte que ele me deixa no chao.

Eu estava muito dolorida em todo o meu corpo, não consegui nem levantar uma hora dessas ele deve estar no outro trabalho dele além de ter uma escola ele tem uma empresa eu nunca sei no que se trata a empresa só sei que é o dono da empresa sim nos somos milionários mas ninguém sabe que ele t uma empresa só eu e minhas amigas, ele não sabe que Any e Heyoon sabem sobre essa empresa se ele soubesse eu já teria morta. Voltando,estou deitada no chão sem forcas pra nada mas consigo me rastejar até meu criado-mudo pra pegar meu celular e ligar pras meninas pra me ajudarem pois não consigo fazer nada. Começo a ligar pra elas 

Ligação 

Any- oiii

Heyoon- oiii

- gente me ajudem por favor 

Heyoon- oque foi sina    

Ela fala num tom de preocupada explico a história pra elas 

Any- fica aí que já estamos indo

- venham logo por favor 

Ligação off

Desliguei  a chamada e em menos de 10 minutos as meninas chegam e me ajudam a deitar na cama 

Any- amiga vc ainda tá sentindo muitas dores??

- um pouco menos mas ainda dói muito 

Heyoon- ok vou pegar um remedio pra dor. Any ajuda ela a banhar e vestir uma roupa folgada

Any- ok 

Heyoon- amiga o seu pai já foi pra empresa??

- sim ele disse que só volta amanhã não sei porque, mas que bom 

Heyoon- verdade nos duas vamos dor.ir aki já trouxemos nossas roupas

- tudo bem 

Any me ajuda a tomar banho e vestir uma roupa folgada de dormir. Heyoon trouxe o remédio pra dor e eu tomei, ficamos  conversando mas um pouco e fomos dormir.

Acordo e vou ao banheiro tomar um banho, visto meu uniforme e vou acordar às meninas, elas acordam e fazem o mesmo que eu tomamos café e fomos pra escola 

Chegamos na escola e como sempre os meninos ficam olhando pra mim mas como sempre eu iguinoro e vou com as meninas para  uns banquinhos, ficamos conversando até bater o sinal pra irmos pra sala, todas as aulas passaram rapidas e chatas, na hora de ir embora me despedi das minhas amigas e fui pra casa chego e meu pai não está procuro ele em todo essa casa e não acho ele, dou um suspiro aliviado e vou trocar de roupa, almoço e vou ver uns filmes no meu quarto, já eram umas 4:00 então descido ir da uma caminhada sempre faço isso nos dia de terça e como hoje é terça eu vou. Saio de casa e começo a caminhar estou quase chegando perto da praia até que sinto que tem alguém me seguindo olho pra trás e vejo um cara que nunca vi na vida começo a andar mas rápido mas ele puxa meu braço e fica na minha frente começo a ficar com medo e penso em gritar mas ele percebe e tapa minha boca, tento sair de seus braços mas não consigo ele é mas forte, ele me leva pra um beco que tinha ali  e fala:

Xx: oi gatinha 

- não me chama assim seu escroto, quem é você e oque quer??

Jake-  meu nome é jake e quero fuder vc 

Quando ele terminou de falar aquilo ele me beijou depois foi tirando minhas roupas e também rasgando mas eu não deixo barato e chuto suas parte íntimas muito forte, coloco minha roupa e sai de lar correndo e chorando, quando percebo onde fui parar foi na praia, aki é um local onde me tranquiliza muito. Vejo muitas pedras e vou até lá sento no chão e começo a chorar muito muito mesmo até que chega alguém 

.

.

.

.

Continua



Notas Finais


Estão gostando??


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...