História Eu sou sua cura (imagine Jin- BTS) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jin, Personagens Originais, Rap Monster
Visualizações 926
Palavras 2.664
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Mistério, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi bbs...boa leitura, espero que gostem 😘

Capítulo 1 - Lembranças


Fanfic / Fanfiction Eu sou sua cura (imagine Jin- BTS) - Capítulo 1 - Lembranças

S/n on

Ouço o despertador tocar, mas já havia acordado a mais de meia hora, hoje e o primeiro dia de aula do meu último ano naquela escola, essa e a única razão de ainda ter comunicação com o mundo la fora, por mim eu ficaria o dia  inteiro trancada no meu quarto lendo ou desenhando, nao sou a pessoa mais antissocial do mundo eu tenho um amigo; namjoon e nele sim posso confiar de verdade, tenho medo de que eu cause algum mal a ele já que parece que tudo que eu toco se acaba......enfim minha vida e uma merda

Sou tirada de meus pensamentos pelo segundo toque do despertador, levanto e vou ao banheiro fazer minhas higienes matinais para encarar esse dia que conserteza nao vai ser bom, termino e visto o uniforme ridículo da escola; uma saia azul três dedos acima dos joelhos, meias longas e uma blusa branca com o logo da escola...depois de pronta desço para tomar café e logo encontro minha omma terminando de passar o mesmo 

S/n: Bom dia omma!!- digo dando um beijo em sua bochecha 

Omma: Bom dia querida- diz abrindo um sorriso-pode sentar já estou terminando- diz levando o café ate a mesa 

S/n:Appa já saiu omma?

Omma:Sim filha, hoje ele entra mais cedo, tome o café que eu te levarei para a escola no caminho pro trabalho 

Terminamos o café e fomos para o carro, entrei e coloquei meu cinto 

Omma:Filha ontem sua psicóloga ligou, ela quer que voce volte a fazer suas consultas, eu acho uma ótima ideia...o que voce acha?? 

S/n:Nossa essa mulher nao larga mesmo do meu pé né, deve estar pensando que eu sou uma louca só pode, eu já estou muito melhor nao preciso mais dela- digo já me stressando eu sei que no fundo ela só quer me ajudar, mas eu sei que ela me acha uma doida e isso eu nao sou, só ia as consultas antes para desabafar e nao por que eu ache que realmente eu precise 

Omma:Tudo bem filha se acalme ninguém vai te obrigar a nada- fala ao ver meu estado-pronto chegamos, boa aula!-diz me dando um beijo, retribuo e logo depois desço do carro em direção ao inferno 

Mal entrei e já tem gente se "comendo" nos cantos e paredes da escola, reviro os olhos e sigo meu caminho logo avistando namjoon que ao me ver vem correndo em minha direção, e é nessas horas que me arrependo de ter um amigo 

Nam: Minha gostosa veio, ha que saudades sua baixinha-diz me sufocando em um abraço 

S/n: reviro os olhos com isso- namjoon nos vimos semana passada para de drama e nao me chama de baixinha 

Nam: Nossa nao sei se vou aguentar seu bom humor mais um ano nao em s/n...haa tenho novidades!!-diz feito um gay quando quer contar fofoca 

S/n: La vem....fazer o que ne , fala!!

Nam: Esse ano vão mistura alguns alunos do 3°02 com nossa turma e com eles várias gatinhas -diz ele sorrindo safando pra mim 

S/n: Nossa namjoon agora que eu quero ir embora mesmo, um monte de estranhos que nao sabe como eu sou querendo fazer novas "amizades" eu mereço... pra que fazer isso?

Nam: ideia da diretora, disse que precisamos nos comunicarmos mais com outras turmas pra trocar conhecimentos, e eu quero explorar muito bem o conhecimento de algumas pessoas-diz olhando para um grupo de meninas que  esta passando e logo depois voltando seu olhar pra mim com uma piscadinha

Nao aguento e solto uma gargalhada

S/n:Essas férias nao te fizeram bem, acho que voce assistiu muito porno-falo sorrindo mais ainda e ele me olha com tédio 

Nam: Tá tá vamos quero ver quem caiu na nossa sala, ainda bem que estamos na mesma 

S/n:Nem pense que vou servi de pombo correio pra entregar cartinhas de encontrinhos seus nao tá -digo o olhando seria e ele revira os olhos 

Nam:Parece uma velha chata-com isso lhe mostro o dedo do meio 

Chegamos na sala, e como cheguei atrasada já ta quase todos dentro, olho pra todos e um arrependimento me bate, nao devia ter vindo hoje, sigo para o fundo da sala e me sento ao lado de um garoto que nao reparo muito bem e namjoon em minha frente.....o professor entra na sala e começa a interagir logo pepedindo para nos apresentarmos, ah eu mereço..... Chega minha vez 

S/n: E.....sou s/n, tenho 19 anos e é só isso que precisam saber...ah e nao tentei puxar assunto, odeio isso, obrigada-logo me sento percebendo todos me olharem- Perderam alguma coisa aqui?-pergunto e todos se viram rapidamente 

Namjoon se vira e me encara sério 

Nam: Precisava disso tudo s/n- em resposta só reviro os olhos 

S/n of

Jin on 

Esse ano vim para outra sala por ideia da diretora, ate que aqui nao e tão ruim, tem uma menina sentando do meu lado que chamou muito minha atenção principalmente depois de sua apresentação, e a mesma me estimou a querer ainda mais conhece-la melhor, apesar de parecer difícil e muito melhor assim, sei que ela nao resistira a minha beleza, sorrio com meu pensamento e volta a atenção a aula que logo sai de minha atenção ao olhar para o lado e ver aquela menina concentrada escrevendo, nossa ela e linda mesmo os cabelos pretos e grandes, a pele branquinha como neve, e os ollhs azuis vidrados no quadro, ela percebe que estou a encarando e olha pra mim com uma interrogação 

S/n:O que e?? 

Dou um sorriso e me viro pra frente deixando a mesma a me olhar 

S/n: Idiota-diz se virando

As aulas passou rápido então já estávamos saindo para o intervalo, e a garota bonito cujo eu sei que o nome e s/n esta saindo da sala com o namjoon-conheço ele por que já fomos colegas de classe antes-o que faz pensar, será que minha futura namorada já tem um namorado, tomara que não se não só vai ficar mais difícil e sim e isso que estão pensando eu quero ela, costumo já bater os olhos nas coisas e já querer, não e essa bobagem de amor a primeira vista mas sim gostei do jeito dela, me faz querer desvendar seus mistérios que eu sei que não são poucos 

Sair  da sala e vou direto para cantina comprar alguma coisa pra comer, depois de pegar meu lanche avisto ela em uma mesa com namjoon decido ir la tentar a sorte, namjoon e bem educado nunca me espulsara de la 

Vou em direção a mesa e ela já me encara como se dissesse "nem pense em sentar aqui" e eu continuo meu caminho que ao chegar la recebo um olhar fuzilante 

Jin:Oi posso me sentar aqui?-Digo com um olhar inocente segurando o riso, por que a cara que ela tá fazendo parece que vai me matar agora mesmo 

Nam e s/n: sim, não-Falaram os dois ao mesmos tempo, namjoon falou sim e s/n falou não, olhei os dois sem entender 

Nam:Claro que sim-Namjoon falou firme encanado s/n como se dissesse "calada"

Jin: Obrigado, tudo bem pra você s/n?-Ela revirou os olhos e não me respondeu, dei de ombros e sentei 

Jin:E ai namjoon quanto tempo, como vai você?-S/n olha pra nos dois sem entender nada solto um sorriso com isso 

Nam: ha s/n esqueci de te dizer, esse e o Jin já fomos colegas de turma antes, e sim estou bem Jin, fico feliz que caímos novamente na mesma sala-Diz sorrindo com suas covinhas 

S/n:Eu mereço, vou no banheiro, tchau Best friends- diz com sarcasmo

Jin:Mas já s/n? Só por que eu cheguei?-digo sínico a provocando, ela me olha de cima a baixo com cara de nojo 

S/n:Idiota-fala saindo 

Nam:Você também gosta de provocar né Jin ?!

Jin:Eu?-digo em to de indignação 

Nam:E você não tem culpa pelo um lado, a s/n e assim mesmo, e um aviso desiste, você não vai conseguir se aproximar dela, mas qualquer coisa estou aqui, agora vou indo atrás da fera-da um sorriso de lado- Boa sorte Jin -diz sorrindo 

Jin:Como esconder alguma coisa de você em namjoon, e sim eu quero me aproximar e não vou desistir e vou conseguir-digo convencido, namjoon sorrir como se dissesse "sonhar" e vai embora me deixando sozinho na mesa, bufo....será que não vou conseguir?!

Jin of

S/n on

Esse tal de Jin já esta tirando minha paciência que não e muita, além de quase me comer com os olhos durante as aulas tem que sentar mesma mesa, sabia que esse povo da outra sala ia me causar problemas 

Agora estou finalmente sozinha dentro da sala já que ninguém fica aqui, so tem um nerd ali lendo um livro mas garças a Deus ele nao veio puxar assunto......para minha tristeza avisto namjoon entrando na sala, revirou os olhos 

Nam:Achei você sua mal educada, sabia que nao precisava tratar o Jin daquele jeito né ?!

S/n:Me poupe namjoon me poupe!

O sino toca e logo os alunos vão entrando, Jin entra e senta em sua carteira ao meu lado me dando uma piscadinha, como mal conheço esse menino e já o odeio?!....admito ele e bem bonito, aquele rosto tão suave e aquela boca, nossa que boca gostosa, meu Deus o que estou pensando....nao ele e muito feio e irritante, feio s/n ele e feio 

As aulas se passam e toca o sinal para ir  embora, arrumo minhas coisas e espero namjoon na porta 

Nam:S/n hoje eu não vou poder voltar com você, vou ajudar Rosé em uma matéria se e que você me entende-diz com malícia 

S/n:Já esperava por isso, já que ficou a aula toda a comendo com os olhos...se divirta-falo sincera, eu nem gosto mesmo de namjoon o tempo todo em cima de mim, e ele fala de mais, ir embora com ele as vezes e irritante 

Nam:Pode deixar, vou me divertir muito, tchau pequena direto pra casa em-diz autoritário 

S/n:Falou o responsável, tchau Nam -dou um beijo em sua bochecha e vou em direção a saída 

...........

Estou andando distraída quando escuto gritos em meu nome olho pra traz e vejo ninguém mais ninguém menos que Jin haa que saco, menino extressante, apresso meu passo fingindo que nao ouvi 

Jin:S/N ESPERA SOU EU JIN- Ele grita correndo quase me alcançando......merda merda ele esta chegando 

Jin:Nossa você e rápida em-diz ele me alcançando parando em minha frente me inpendindo de continuar 

S/n:Acho que você tem algum problema ou e sonso mesmo, sai da minha frente idiota-esse menino já esta muito atrevido nem o conheço e já esta me parando no meio da rua 

Jin:S/n acho que começamos errado, não  sei por que você tem raiva de mim nunca te fiz nada, quero apenas ser seu amigo.....então?- diz me estendendo a mão 

S/n:deixa eu pensar.......não -ele me olha incrédulo -não quero nem um amigo muito menos você agora tchau-saiu o deixando sozinho 

Jin:Agora que eu quero mesmo, tchau amorzinho esquentada, ate o dia em que você ira me chamar de amor-diz ele indo ate mim me dando um beijo na bochecha e indo 

S/n:Idiota, da próxima vez vou te deixar sem andar -Digo limpando o lugar de seu beijo 

Jin:Humm então você quer uma próxima?! Vou pensar no seu caso tá ?-Diz ele sarcástico e isso que mais odeio nele 

S/n:Vai se fuder -mando ouvindo sua gargalhada 

...............

Chego em casa e nao tem ninguém como sempre, vou em direçao ao meu quarto, mas quando passo pelo corredor vejo a porta do quarto do meu irmão e uma tristeza me percorre.......não consigo aguentar e entro vendo as coisas tudo do jeitinho que ele deixou, não tem um dia sequer que eu nao venha aqui sempre que passo por esse corredor, meus pais já quiseram várias vezes doarem suas coisas, mas eu nao quero, isso e a única coisa que me lembra ele......começo a mexer em suas coisas já sentindo as lágrimas rolarem, por que não consigo simplesmente esquecer e seguir minha vida igual a meus pais, a culpa e minha, se nao fosse eu ele ainda estaria aqui......sou uma assassina tenho medo de fazer isso com outras pessoas ou elas também me deixarem por conta própria, mesmo que indiretamente a culpa foi minha

Flashbak on

Omma:S/n vou sair rapidinho, cuide bem de seu irmão, nao o fasa levantar e nem se esforçar lembrese que ele esta dodói e pra melhorar precisa descansar, a empregada vai esperar a hora do remédio e depois vai embora mas eu volto já 

S/n:Tudo bem Omma- digo triste, pois mesmo com 11 anos já sabia o que se passava, meu irmão gemio estava com câncer e já fazia um tempo que nao brincava comigo e nem podia se esforçar, ele estava de alta por ter melhorado seu estado e podia ficar em casa com uma cuidadora emquamto minha mãe saia......sentia muita falta dele a gente era tão unido e o ver sofrer desse jeito me causa angústia 

Minha Omma saiu e eu resouvir ir ver ele....entro em seu quarto e ao me vêr ele abre um sorriso 

Mark:S/n- ele me segue com o olhar ate eu sentar na ponta de sua cama 

S/n:Como esta Mark ?- pergunto o analisando 

Mark:Bem, so queria que tudo isso acabasse logo pra voltarmos a brincar como antes, nao aguento mais ficar deitado nessa cama s/n -diz ele triste 

S/n:Você vai melhorar, você vai melhorar -digo chorosa -Vou deixar você mandar em todas as brincadeiras eu prometo -vejo ele sorrir fraco com isso 

O despertador ao lado da cama toca, e logo Cy sua cuidadora entra no quarto com seus remédios e da para ele tomar 

Cy:Bem s/n estou indo, sua mãe chegara daqui dez minutos, nao fique muito aqui, Mark precisa descansar, tchau beijo Mark -diz ela saindo 

S/n e Mark : tchau Cy 

Depois que ela foi embora fito o vidro de remédio ao lado da cama na mesinha e tenho uma ideia brilhante, como nao pensei nisso antes, se os remédios servem para fazer-lo melhorar se der mais ele melhorará mais rapido

S/n:Mark tive uma ideia pra você melhorar mais rapido-Ele me olha esperançoso 

S/n: Esses remédios nao servem para te melhorar-ele afirma com a cabeça-Pois então! se você tomar mais, tipo uns dez, melhorara mais rapido-Digo convencida 

Mark:E isso faz sentido.....mas s/n se pode ser isso por que eles nao me daum mais?-Diz ele intrigado 

S/n:Não sei Mark, mas não custa nada tentar né ?! O que você pode perder com isso? Nada!-digo sugestiva 

Mark:E você tem razão, vamos tentar 

Peguei o vidro e Mark tomou quase todos os remédios 

S/n:Acho que amanhã você  já estará melhor Mark, agora vou dormir, ate amanhã -Digo indo para meu quarto

........

Estava no meu quarto já colocando o pijama para dormir, pois amanhã terá aula minha mãe ainda não tinha chegado.......quando estou indo pra cama ouço gritos e fortes barulhos que parece ser de Mark, vou correndo para seu quarto e me deparo com ele se debatendo no chão e espuma branca saindo de sua boca 

S/n:MARK PARA DE BRINCADEIRA POR FAVOR, ESTOU ASSUSTADA PARA PARA!!! -Digo gritando assustada 

Vou pra perto dele e tento acaumalo mas parece que ele nao esta em si 

Eu tento ligar pra Omma mas depois de um tempo ele para de se debater e fica imóvel no chão, vou correndo ate ele....e nao...nao pode ser o que eu estou pensando....

Flashbak of

Sim, eu matei meu irmão e o vi morrendo em minha frente, minha família nao ficou contra mim eles sabiam que eu era so uma criança e mesmo assim se ficassem entenderia pois ate eu tenho raiva de mim mesma por ter feito isso, mas meu avó que era grudado sentimentalmente em Mark nunca mais me perdoo e mal fala comigo.....depois da morte de Mark fiquei depressiva e tive um longo tratamento e ate meus 15 anos me cortava para aliviar a dor, faz tempo que nao me corto as vezes cinto vomtande  mas penso em minha família primeiro.......agora já faz um tempo que parei com minhas consultas pois já me sinto bem e nao sou doida pra ficar indo em um psiquiatra.

Quando acordo de meus pensamentos estou abraçada em seu travesseiro ainda chorando ate que adormeço.....


Continua......









Notas Finais


Bom espero que tenham gostado, dei muito amor a essa fic......enfim obg por lerem 😘
Comentem oq acharam


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...