1. Spirit Fanfics >
  2. Eu Sou um Assassino >
  3. Faculdade?!

História Eu Sou um Assassino - Capítulo 4


Escrita por:


Notas do Autor


Me desculpem pela demora e pelos erros.
Boa Leitura!

Capítulo 4 - Faculdade?!


Passos agora ecoavam pelos corredores sombrios da mansão normalmente vazia, os passos começaram a cessar conforme a aproximação até a Sala de Jantar, até pararem totalmente e o barulho da grande porta abrindo soar por todo local. Dando a visão de dois homens que ainda estavam sujos, sentados em cadeiras no meio da mesa.

 

- Finalmente! Eu já estava achando que iria mofar aqui! - Falou o Homem mais novo se levantando e erguendo os braços para o alto.

 

- Continua com seus péssimos habitos. - Falava o que acabará de chegar, se dirigindo a mesa e puxando uma das cadeiras, se sentando e logo, estralando os dedos, recebendo uma xícara vazia que logo fora cheia pelo mordomo por um líquido quente.

 

- Deixando isso de lado. - Falava o outro homem se intrometendo no assunto e olhando para o que tomava chá tranquilamente. - Matamos o garoto. 

 

 

 

Rêsidência dos Millers

Pov Akira

 

Abria meus olhos lentamente, olhando em volta e vendo que não reconhecia o lugar no qual estava, mas, podia sentir um tipo de nóstalgia como se já estivesse aqui antes, de alguma forma.

Sinto uma sensação de queimação em meu pulso, me fazendo levantar levemente o mesmo e olha -lo com atenção, me deparando com um desenho de duas foices cruzadas no mesmo. 

 

O abaixei e foquei em levantar de algo que percebi ser uma cama, mas ao fazer isso, logo pude sentir meu corpo pesar, o que me fez cair sentado na borda da cama atrás de mim. Levantei -me de novo e andei até a única porta presente no comôdo, no caso, uma porta que levava á um corredor com mais algumas portas. Andei lentamente pelo mesmo enquanto focava o maxímo possível em escutar o que acontecia ao meu redor. Ao chegar a última porta dali, me limitei á simplismente abrir lentamente a porta, tendo a visão de uma sala totalmente minimalista, que julguei ser uma sala de estar.

 

Escutei um toque de celular vindo de um lugar próximo dali e por curiosidade acabo decidindo ir até lá. Com cautela andei até o lugar de onde vinha o toque, vendo que se tratava de uma cozinha, olhando com mais calma avisto um celular em cima de uma bancada. Me aproximo e pego o celular que  tinha " Número desconhecido" escrito em sua tela, atendo e coloco o celular contra minha orelha.

 

- Bom dia, querido! - Escutei a voz debochada de Onix. - Dormiu bem? - Podia até não o ver mas sentia que um pequeno sorriso decorava a face do cretino.

 

-Onde diabos eu tô?! - Perguntei já sem paciência para aguentar as piadinhas infames de Onix.

 

- Na sua casa, Dah~. - Suspirou depois de mexer em algo que fez um barulho estranho. - Ah, e você está atrasado para a faculdade. 

 

- Onix … você sabe que eu não sei onde fica a merda da faculdade! - Falei impaciente batendo o pé no chão.

 

- Vá se arrumar. - Mandou e logo depois desligou.

 

- Hã? Onix?! - Chamei algumas vezes antes de desistir e decidir obedecer Onix.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...