1. Spirit Fanfics >
  2. "Eu te amo" em forma de esquecimento >
  3. Único

História "Eu te amo" em forma de esquecimento - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Eu vivo atrasada nas coisas, isso é fato! Mas finalmente estou aqui postando a fanfic da tag do escritor que a Dani me desafiou.

Tema: fantasma.

Personagem: Jung Hoseok e Park Jimin.

Gênero: drama.

Capítulo 1 - Único


Eu não sei ao certo quando e como tudo começou, quando foi a primeira vez, mas eu lembro a sua reação Jimin. 

Eu lembro também a sensação gostosa que se apossou do meu coração. Isso me fez ficar. Querer ficar, mais e mais, para sempre, pela eternidade. Mesmo que tudo isso fosse incerto e tenha resultado nisso que estamos vivendo agora. 

Talvez eu tivesse achado engraçado o jeito desastroso que foi nosso primeiro contato, mas hoje eu acho, é a nossa história de primeiro encontro diga de contar para os netos e eternizar em cada pedacinho nosso. Mas hoje não passa de um dia qualquer perdido em sua memória. 

Quando você me viu pela primeira vez gritou tanto, mais tanto, que meia hora depois a polícia bateu em sua porta para saber o que tinha acontecido, a vizinha havia chamado. Foi trágico! E foi ainda pior quando você bateu a porta na cara do policial e exatos dez minutos depois um batalhão inteiro invadiu sua casa pensando que você pudesse estar em cativeiro. 

E mal sabia eles que você vivia em um cativeiro interno que foi tirando aos poucos você de mim. 

Eu queria que você lembrasse disso. 

Eu queria ainda ter forças para te contar a cada novo dia nossas melhores tragédias ao lado um do outro, mas eu também afundei nesse mar de incerteza que era ser nós, e enquanto você boia na superfície sem forças para chegar até a terra firme, eu afundo na sua desistência e desapareço aos poucos na sua memória. 

Nós sempre estivemos fadados ao fracasso, mas existimos no para sempre tão finito que tivemos. 

O fantasma em busca de luz e o humano que vivia no escuro. 

E eu queria ter sido sua luz e não ter te deixado afundar ainda mais nas trevas que era ser você. 

E, Jimin, eu lembro quando e como foi a última vez, e eu lembro ainda mais de como foi a sua reação. 

Naquele dia o sol estava lindo e eu aproveitei disso para aparecer perto da janela, a luz que entrava através dela ajudava você me ver melhor. 

Você estava abatido, tão abatido e fraco, que sua reação foi ficar quietinho deitado na cama enquanto eu sumia diante dos seus olhos. 

Eu existiria enquanto você existisse, mas você se deixou desaparecer antes mesmo que qualquer um podesse te trazer de volta. 

E naquele dia, enquanto eu te via pela última vez, eu senti seu amor por mim sumir junto comigo. 

Naquele dia eu também percebi que meu amor por você não bastava para te deixar existir na luz, e seu amor por mim não foi o suficiente para me fazer ficar com você. 

Mas eu espero ainda existir em algum canto da escuridão de suas memórias, assim como você ainda existe nas minhas. 


E eu te amo, mesmo que você tenha esquecido!.




Notas Finais


Espero que tenham gostado! 😞

Links úteis:

Inscrições para o KoreanCity — https://www.spiritfanfiction.com/jornais/inscricoes-abertas-19345259

Jimin ama a Edith (tag do autor | tema: A magia do amor) — https://www.spiritfanfiction.com/historia/jimin-ama-a-edith-19284856


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...