História Eu te amo Jack- Fack - Capítulo 21


Escrita por: e PIETRA452

Postado
Categorias It: A Coisa, Stranger Things
Personagens Edward "Eddie" Kaspbrak, Mike Wheeler, Richard "Richie" Tozier
Tags Eu Tenho Um Probleminha, Fack, Fack Is Real, Finn Wolfhard, It: A Coisa, Jack Dylan Grazer, Stranger Things
Visualizações 30
Palavras 1.542
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


CAPITULO ESPECIAL
NÃO FIQUEM CHOCADOS COM A IMAGEM !!!
NÃO VOU ENRROLAR, SÓ LEIAM

Capítulo 21 - I want you for me ! My Baby boy


Fanfic / Fanfiction Eu te amo Jack- Fack - Capítulo 21 - I want you for me ! My Baby boy

Narrador

- An, oi- Noah disse chegando ao lado de Millie, a garota já iria estragar tudo, mas ela lembrou do que o Jack falou, "espera uma brecha"

- Oi, pode falar Noah

- an, você e o Jack estão namorando ?

- se estivéssemos qual seria o problema? 

- não, nada- ele parecia nervoso, mas ainda não era o momento certo- eu só perguntei porque eu vi você e ele se...

- eu sei, eu sei- Millie cortou Noah- é que ele me beijou, eu não beijei ele

- então significa que não estão juntos- Noah mudou o jeito de falar, parecia feliz em falar isso, Millie pegou esse momento, a brecha

- então significa que você gosta de mim e tá feliz por mim e o Jack não estarmos juntos ?- Noah corou, tentou pensar numa desculpa rápida, mas nada se encaixava, Millie conseguiu, "é o Jack tem as manhas", pensou ela, em seguida ela disse

- tudo bem, vem comigo- a garota pegou na mão dele e foi para o lado de fora, naquele momento os fãs já tinham sido expulsos, então ela sentou num gramado e Noah sentou ao seu lado, a garota disse

- eu, eu tô com frio- ela cruzou os braços, Noah percebeu o que ela queria mas estava com vergonha, então ele simplesmente deixou tudo de lado e abraçou a garota calorosamente, Millie colocou a mão sobre o braço dele, ela disse suavemente

- não tem problema gostar de mim Noah, eu gosto de você, gosto mesmo, e não tenho nada com o Jack- a garota tinha perdido a timidez, Noah ainda não, precisava de um empurrãozinho, então Millie olhou fundo nos olhos dele, e começou a se aproximar, ela começou a sentir aquela doce e quente respiração no meio do friozinho que fazia, ela fechou os olhos, e

- espera !- disse Noah, Millie se afastou

- eu, eu não sei, beijar

- eu te ensino- Millie se aproximou e selou levemente os lábios dela com o de Noah, depois de soltar ambos ficaram tímidos, mas eles não podiam parar, então Millie virou novamente, mas dessa vez Noah foi em sua direção, eles deram um selo mais demorado, Noah colocou sua mão atrás do pescoço da Millie acariciando aquela parte, Millie segurou na cintura do garoto, não levou muito tempo até que Millie colocasse a língua na boca de Noah, naquele momento Noah teve uma perspectiva totalmente diferente do beijo, aquilo era incrível, ele fez o mesmo com a garota, Millie ficou impressionada, mesmo Noah não sabendo como fazia parecia que ele tinha controle total da coisa, eles ficaram se beijando por mais um tempo até faltar ar para ambos, depois eles se olharam e simplesmente sorriram, então eles se abraçaram e voltaram para dentro, não estavam preocupados, porque estariam, ninguém viu ! Foi o que eles pensaram.

Quando Millie entrou Jack estava sentado exatamente onde ela estava antes, parecia triste, Noah foi falar com Gaten quando entrou, então Millie se desviou, e foi onde ele estava, o garoto estava com um copo na mão de refrigerante  (já que não davam bebida alcoólica para menores), ele parecia pensativo, Millie disse animada

- garoto, como você consegue isso !- Jack olhou, e tentou responder o mais feliz possível

- ah eu tenho um dom para essas coisas- Millie sorriu, mas percebeu que ele não parecia bem

- qual o problema buddy ?

- eu- Jack soltou o copo numa mesa próxima e disse abaixando a cabeça- acho que eu só acertei com você, mas comigo eu devo ter estragado tudo !- Millie percebeu que ele falava de Finn, mas não entendia, afinal ela não sabia a outra parte da história

- desculpa, eu não tô entendendo- Jack explicou tudo para a garota a outra parte da história que ele e o Finn ainda se gostam, e no final deixou uma lágrima de arrependimento escorrer pelo seu rosto, Millie o abraçou e falou

- relaxa Jack- ela já não achava aquilo estranho, foi mais um choque momentâneo, agora ela entendia o garoto totalmente - eu sei que ele vai entender se tudo for bem explicado 

- tomara, agora eu não consigo entender mais nada- Jack parecia realmente muito triste, Millie se soltou do abraço e disse

- Jack, no apartamento você tem muito tempo pra falar com Finn,  mas agora você não tem que ficar pensando o que ele vai fazer ou não, você está numa festa, agora o melhor a fazer é se divertir- Jack percebeu que estava tocando uma de suas músicas favoritas, I Love It, Millie estava certa, ele pegou no braço da garota e puxou ela até Gaten e Noah, os quatro se juntaram e começaram a cantar e pular juntos

"I got this feeling on the summer day when you were gone

I crashed my car into the bridge, I watched, I let it burn

 I threw your shit into a bag and pushed it down the stairs

I crashed my car into the bridge 

 I don't care, I love it, I don't care, I  love  It love it, I don't care"

A música invadiu Jack deixando ele feliz, Finn via tudo conversando com Maya, ele tentava ignorar e fingir que não estava magoado, mas na verdade estava.

No resto da noite eles ficaram cantando e dançando, todos voltaram extremamente cansados, exceto Jack e Finn pelo pesar na consciência, todos que estavam na limousine voltaram calados, e chegaram conversando pouco, pegaram o elevador e cada um entrou no seu quarto, quando Noah se certificou que todos tinham entrado ele abriu a porta suavemente e foi até o apartamento de Millie, como eles já tinham combinado.

No apartamento de Finn o garoto sentou no sofá e disse com a mão na cabeça

- explique-se- Jack começou a falar nervoso

- eu fiz aquilo para ajudar a Millie, ela precisava causar ciúme no Noah, e foi apenas um selinho- Finn passou a mão na cabeça e falou um pouco alto

- mesmo que foi só um selinho me magoou, você não pode sair dando selinhos nas pessoas como se meus sentimentos não importassem, se coloca no meu lugar Jack, seria fácil pra você me ver dando selinhos em alguém ?

- não - Jack respondeu baixinho como se estivesse levando um sermão de sua mãe, Finn continuou

-Mas,- ele abaixou o tom da voz - a Millie me explicou tudo, eu te entendo, mas se a gente vai acabar ficando não pode ser assim- Jack sorriu quando Finn disse e depois ele parou para pensar, então ele falou intrigado

- pera aí ! Se nós ficarmos ?!- Finn levantou se aproximou de Jack que estava de pé diante de toda aquela situação, ele pegou na mão dele e disse tímido

- J-Jack, você, v-você quer...

- Shhhh...- Jack soltou as mão de Finn e colocou o dedo na boca dele em sinal de silêncio, e continuou - eu adoraria !- Finn sorriu e colocou a mão na cintura do garoto, Jack fez o mesmo e disse

- finalmente... finalmente você é meu Baby boy !- Finn riu e encostou a testa na de Jack, ele cochichou de um jeito que ele podia ouvir

- vamos terminar aquilo que começamos antes da festa ?- Jack sorriu, fechou os olhos e selou os lábios do garoto o pegando de surpresa, Finn fechou os olhos e se entregou ao beijo, ele finalmente colocou a a sua língua na de Jack podendo ter sua primeira experiência como um beijo de língua de verdade, no começo Jack achou meio desajeitado, mas Finn foi pegando o jeito lentamente, quando o ar acabou Finn olhou para Jack tímido e falou

- foi bom ?

- não poderia ter sido melhor- Finn sorriu teve uma idéia, tirou rapidamente seu tênis e soltou o zíper da calça, chegou no ouvido de Jack e disse

- você tirou meu bv, tá na hora de mim tirar algo seu também- Finn foi em direção ao quarto e Jack ficou um pouco recioso se ia ou não.

Quando Finn chegou no quarto tirou a calça e se sentou na cama, ele percebeu que Jack não estava vindo e começou a ficar preocupado, Finn pensou "será que eu fui rápido demais ?ah quer saber eu vou lá!" Ele levantou de apenas com a sua camisa e sua cueca, na hora que ele virou para sair do quarto encontrou Jack com apenas a camisa e a cueca também, ele pegou Finn e puxou até ele beijou o garoto ferozmente, eles foram até a cama, Finn deitou e Jack subiu em cima dele e continuaram se beijando, Finn passava levemente suas mãos no corpo de Jack enquanto o beijava, na hora que faltou o ar e eles se soltaram, Finn aproveitou o momento e tirou a camisa de Jack e ele fez o mesmo, Wolfhard começou a notar o volume na cueca do menor, passou a mão levemente e perguntou

- você quer fazer ?

- s-sim, eu quero- então Finn levantou, tirou a cueca e apagou a luz, deitou e cima de Jack esfregando seu membro nele.

(...)

Depois daquilo Finn e Jack limparam o quarto para não levantar suspeitas, e foram dormir porque já estava tarde e aquilo havia cansado eles. Eles se abraçaram e colocaram a coberta por cima deles, Finn disse calmamente

- boa noite little Jack, eu gostei muito

- obrigado, boa noite Baby boy ! - Jack selou rapidamente o lábio de Finn e caiu no sono profundo.


 




Notas Finais


CALMA, EU SEI !
Cortei a FIC na melhor parte, mas eu fiz isso porque eu queria saber, vocês querem que eu ESCREVA um capítulo com tudo que aconteceu nessa madrugada ou querem apenas um Hot leve como esse ?
COMENTEM
NÃO ESQUEÇA DE FALAR O QUE ACHOU DO CAPITULO.
e não se esqueçam "MILLIE E NOAH, O QUE SERÁ QUE ACONTECEU ?"


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...