História Eu te amo, mas... (Vkook e TaeKook) ABO - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Abo, Amor, Bullying, Romance, Taekook, Vkook
Visualizações 462
Palavras 3.082
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, LGBT, Literatura Feminina, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Sei que demorei um pouco, sorry <3
Esse ep. foi bem difícil de escrever, eu pensei em mil e uma formas de fazer ele
Espero que gostem 'u'

Capítulo 4 - Four Chapter (Um coração acelerado)


As próximas aulas passaram sem dificuldades, os xingamentos e comentários sobre Jungkook já haviam diminuído consideravelmente, não sabia se era por que Taehyung o havia ajudado e o defendido, fazendo assim com que tenham medo, ou por que Kyol havia parado no hospital. Tudo estará muito suspeito, os boatos diziam, que alguém da escola havia brigado com Kyol, e na mesma só possuía três alfas lúpus, Jungkook só conhecera Taehyung, os outros dois, o mesmo nunca havia conversado, por estarem alguns anos acima de Jungkook. De qualquer forma Jungkook não se importara, não estava afim de fazer uma investigação para ver quem teria feito isso com o mesmo, ele até gostou, mesmo que não gostando de dizer isso. Afinal, alguns dias de paz , sem alguém te atucanando, é a coisa que Jungkook mais queria. Ninguém sabia de fato quem havia brigado com Kyol, já que o mesmo ainda não acordara para contar, as câmeras de segurança de lá, haviam sido quebradas, dias antes por um acidente. Com certeza quando o mesmo acordar , a escola toda vai saber quem fez aquilo com o Kyol.

Jungkook guardava seu material, enquanto os outros conversavam animadamente, na próxima semana teria várias provas, então Jungkook teria que estudar bastante, já que não gostaria de repetir de ano. Já estava se preparando para ir embora, colocou a mochila nas costas e falou um baixo "tchau", curiosamente Jungkook não havia gaguejado.

Taehyung- Eu também tenho que ir gente, minha mãe precisa da minha ajuda em casa. Vamos juntos. - Jungkook ficara vermelho, nunca havia ido com Taehyung para sua casa, ainda mais sozinho, mas apenas assentiu tímido, os dois saíram da sala, aparentemente os outros iriam em algum outro lugar. -

Taehyung- Nós nunca fomos juntos. - Falava Taehyung andando normalmente, enquanto Jungkook tinha que correr para conseguir o alcançar. -

Jungkook- B-bom, s-sim... - Na verdade, esse era o segundo dia que haviam se conhecido. Nem tinha como terem ido juntos a casa de um dos dois, mas Jungkook relevou esse fato. -

Taehyung- Você não gosta muito de mim, né? - Falou dando um mini sorriso triste, Jungkook não entendera essa pergunta, óbvio que o mesmo gostava dele, afinal ele o havia ajudado e, parecia ser alguém legal. Apenas não confiava cem por cento no mesmo, já que sempre fora bem desconfiado. -

Jungkook- N-não é i-isso... - Falou Jungkook, um pouco desconfortável com o assunto que agora estava.-

Taehyung- Tipo, você sempre fala mais com os outros, até parece gostar mais deles... - Jungkook se sentiu mal com o que Taehyung pensava, obviamente o mesmo nunca não gostaria de Taehyung, na verdade o considerava um amigo. Jungkook para por alguns segundos, fazendo assim com que Taehyung também pare de andar e, se vire para o mesmo. -

Jungkook- Não fale assim, Taehyung. Você foi uma das únicas pessoas que me ajudaram, eu realmente sou grato a você. Nunca tive amigos, vocês foram os primeiros, então não sei como trata-los, mas eu juro que vou melhorar, nunca fui de demonstrar meus sentimentos, mas eu gosto muito de você! - Falou Jungkook, em um tom alto e super rápido, apenas dava para ver a surpresa no rosto de Taehyung. Não sabia nada sobre o mais novo, então ver que pelo menos o mesmo gosta de si, já o faz ficar feliz e retirar um belo sorriso de Taehyung. -

Taehyung- Uou...

Jungkook- U-uou? -Falou Jungkook nervoso, nunca havia falado assim com ninguém, ele já sentia seu rosto pegar fogo.-

Taehyung- Você não gaguejou! - Falou Taehyung, sorrindo quadrado. Enquanto Jungkook ficava cada vez mais vermelho, agora percebera que não havia gaguejado mesmo, um avanço? Talvez... Ou talvez tenha apenas sido o calor do momento, que fez com que Jungkook esquecesse sua timidez, mesmo que por pequenos segundos. -

Jungkook- P-parece q-que chegamos... - Falou Jungkook quando vira sua casa já em sua frente, nem havia reparado que tinham chegado, talvez por que havia se entretido mesmo por poucos segundos com a conversa que tiveram.-

Taehyung- Bom, está entregue. -Quando o mesmo falara isso, seu celular apita. O mesmo olha por alguns segundos, e manda um pequeno "tchau", enquanto saia a passos rápidos da frente da casa de Jungkook.-

Jungkook- T-tchau... -Falou, quando Taehyung já se encontrava longe, com certeza Taehyung não ouvira o que o mesmo dissera.-

Jungkook entra em sua casa, retira seus sapatos e vai em direção de seu quarto para estudar, já que as provas estavam chegando, o mesmo passou várias horas em seu quarto, estudando tudo que haviam aprendido nesses dias iniciais do ano. Quando olhara o relógio vira que já era super tarde e, sua mãe não havia chegado ainda, se preocupou por alguns segundos,quando ouviu a porta ser aberta. O mesmo se levantou e foi de encontro com sua mãe que estava toda molhada, aparentemente estava chorando, Jungkook não tinha reparado, mas sentiu um arrepio subir sua espinha. Ele odiava dias chuvosos, tinha medo de trovões, o mesmo tinha um trauma, fazendo o mesmo não conseguir dormir em noites chuvosas.

Jungkook- Demorou, mãe -Falou, retirando o casaco molhado de sua mãe, colocando outro na mesma. -

SRa Jeon- Meu bem, eu e seu pai vamos ficar até a madrugada na loja de conveniência, o dono falou que dará mais dinheiro.

Jungkook- M-mas mãe, você sabe que não gosto de ficar sozinho, ainda mais quando está...

SRa Jeon- Eu sei meu amor, mas você sabe que a situação está cada dia mais difícil, me desculpe. - Falou a mãe de Jungkook, quase chorando ali. -

Jungkook- Tudo bem...

SRa Jeon- Se quiser chamar alguém para ficar com você... Eu tenho que ir, nós te amamos. - Falou abraçando Jungkook e dando um beijo na bochecha do mesmo, até parecia que eles iriam viajar, mas na verdade era apenas algumas horas... Apenas algumas...-

=Quebra de Tempo=

-Fazia 1 hora que sua mãe havia saído com seu pai, para ir trabalhar. Jungkook já se encontrava nas cobertas, com o rosto molhado por algumas lágrimas, o mesmo não estará a fazer drama... -

_-FlashBack-_

Eu estava quase adormecendo, a mamãe disse que chegaria daqui a alguns minutos, e eu me encontro no meu quarto embaixo das cobertas, quem estava cuidando de mim era meu tio. Ele é bem legal, é um alfa, mas as vezes é meio nervoso,

Estava quase pegando no soninho, quando ouço minha porta ser aberta, quem seria? A mamãe?

Jungkook- Tio? -Falou Jungkook se levantando, o tio estava estranho, tinha um cheiro estranho no ar, parecia o cheiro de quando o vovô fumava aqui em casa, ele se aproximava cada vez mais perto de mim, eu estou com medo...-

Jungkook- Tio? Tudo bem? -Falei vendo o mesmo abrir um sorriso macabro.-

Tio- Bem que falaram que ômegas menores, são mais deliciosos. -Falou passando sua língua por seus lábios.-

 Tudo ficara preto, Jungkook acabou perdendo essa parte de sua memória, acabou sendo espancado pelo seu tio e, quase estuprado. Se não fosse pela sua mãe que chegara antes, o dia estava chuvosa, tinha trovões. Desde aquele dia, o mesmo não conseguira dormir, acabou que fora a um psicólogo...

_-FlashBack-_

Jungkook ouve seu celular apitar, o pega cuidadosamente e abre as conversas, era Jimin

Jimin- Kook, posso ir na sua casa? A luz acabou aqui. ✓✓ -Jungkook ficara vermelho com o apelido que Jimin dera ao mesmo.-

Jungkook- A minha casa? Mas e a dos garotos? ✓✓ -Jungkook tinha achado estranho Jimin pedir para ir a sua casa, já que tem a casa dos outros garotos.-

Jimin- Bom, tá toda a cambada aqui e, como a luz acabou a gente não tem nada pra fazer... Nós não te chamamos, por que achamos que não iria querer✓✓

Jungkook- Ah, podem vir... Sabem aonde é a minha casa? - Passou-se alguns minutos, Jungkook já se encontrara no banheiro lavando seu rosto. Jimin e os outros estavam vindo, ele realmente estava meio triste por não terem o chamado para a casa do mesmo, mas os entende. -

Depois de algum tempo, ouve-se a campainha apitar, Jungkook desce lentamente a escada e abre a porta, dando de cara com 6 pessoas, o mesmo da espaço para entrarem...

Yoongi- Pensei que morasse com seus pais. -Foi a primeira vez que Yoongi se pronunciara faz tempos.-

Jungkook- H-hoje e-eles vão c-chegar mais tarde...

=Quebra de Tempo=

Já era 23:41, passaram a noite conversando, Jungkook já estava mais solto em falar e, o medo que sentia antes, já havia se dissipado em boa parte, já estava na hora dos garotos irem embora, já que amanhã teriam aula.

Acabou que não conseguiram ir embora, já que a chuva estava muito, muito forte. Seria perigoso sair de casa esse horário. Jungkook acabou dando a ideia de dormirem em sua casa, todos aceitaram, mesmo com algumas reclamações por parte de Yoongi e RM, pelo menos o mesmo teria companhia naquela noite chuvosa. Jungkook não sabia como iria avisar sua mãe, já que a mesma não tinha celular, esperava que a mesma deixasse, já que não tinham opção.

Jimin- Vamos fazer o que? Eu estou sem sono... - Falou Jimin em um tom alto, mas baixo ao mesmo tempo, já que Jin e Yoongi já estavam dormindo.-

Taehyung- Você nunca está com sono, Jiminnie. - Jungkook ficara um pouco incomodado com o apelido que Tae havia dado a Jimin, o mesmo balança sua cabeça, para afastar esses pensamentos, nem conheci Tae e já estava com ciúmes do mesmo?-

Jimin- Isso não é verdade. -Falou Jimin fazendo bico, ele realmente era fofo na visão de Jungkook.-

=Quebra de Tempo=

Já estava de manhã, os meninos já haviam ido para suas casas, já estava na hora de Jungkook ir para a escola, ele se arruma rapidamente, pois havia acordado um tanto tarde do seu habitual, sua mãe se encontrava na cozinha, preparando o café da manhã. Raramente ela acordava cedo, então Jungkook estranhou essa ação logo de manhã.

Jungkook- Aconteceu algo?

SRa Jeon- Não, por que meu bem? - Falou a mesma, colocando as panquecas no prato de Jungkook.-

Jungkook- A senhora nunca acorda cedo... - Falou dando uma garfada na comida, que por acaso estava muito boa.-

SRa Jeon- E o senhor nunca dorme tarde, me diga! Quem eram aqueles rapazes? - Falou, se sentando logo se mostrando super interessada no assunto. -

Jungkook- S-são só amigos... -Falou Jungkook, acabando de comer. Já estava quase na hora de ele ir para a escola -

SRa Jeon- Só amigos... Tenho certeza que algum deles, é algo a mais. -Falou a mesma, tomando um gole do suco de laranja que se encontrara na mesa, logo dando um risinho.-

Jungkook- Mããe!! -Jungkook ficara super vermelho.-

SRa Jeon- Eu não falei nada, vá logo, se não chegará atrasado, meu bem. -Falou a mesma, dando um beijo na bochecha de Jungkook, que se levanta e sai correndo de casa. Já estava quase atrasado.-

Chegando na escola, vê que já estava começando a ficar menos cheio, ou seja, o sinal deveria ter batido faz alguns segundos. Jungkook entra no corredor de sua sala, rezando para que o professor ainda não tivesse chegado. Quando o mesmo entra, vê que suas preces foram atendidas, o professor ainda não estava lá. Jungkook se senta ao lado de Jin , logo depois o professor entra.

Jin- Nunca te vi chegar atrasado. -Falou Jin, em baixo tom. -

Jungkook- D-dormi muito. - Falou pegando seu material e, colocando-o em sua mesa. -

Professor- Bom dia! Hoje eu vou passar um trabalho que poderá ser no máximo em trio e no mínimo sozinho, é sobre a... blá, blá, blá, blá.  -Acabou que o professor deixou os seus alunos escolherem sua dupla ou trio, na maioria das vezes o mesmo sempre escolhia por si mesmo, mas daquela vez fora diferente.-

Jimin- Que tal eu, o Kook e o Tae?

Taehyung- Por mim tudo bem. -Falou o mesmo, olhando para Jungkook, que desviou o olhar. -

Jungkook- O-ok...

Jimin- Na casa do Kook, amanhã às 18h, ok?

Jungkook- N-na minha casa? P-por que?

Jimin- Bom, na casa do Tae com certeza não vai dar e, na minha também não. Minha irmã vai fazer uma festa.

Jungkook- Ok, e-então... - As aulas passaram rapidamente e, já estava no horário de irem para suas casas. Jungkook se despediu de todos e, Taehyung se propôs a ir com o mesmo, mesmo hesitante acabou aceitando. Foram conversando o caminho todo.-

Jungkook- É a-aqui... -Jungkook se virou, em direção de Taehyung. Jungkook, olhava para Taehyung, realmente o mesmo era muito bonito, o seu rosto era totalmente perfeito, Jungkook não poderia mentir, dizendo que não o achava tremendamente bonito. Foi quando, olhando para o mesmo, sentiu uma coisa que nunca havia sentido, as famosas borboletas em sua barriga... -

Taehyung- Jungkook? -Falou Taehyung, tentando acordar o mesmo para a realidade.-

Jungkook- A-ah... D-desculpa, eu estava pensando, só... -Falou, ficando um pouco vermelho.-

Taehyung- Tenho que ir, amanhã a gente se vê! -Falou dando um passo a frente, dando um beijo na bochecha de Jungkook, que na hora pegou fogo.-

Jungkook- J-j-j-já vou i-indo! -Falou, entrando em casa rapidamente.-

Jungkook foi deslizando, colocado na porta, até o chão, com a mão em seu coração, que estava acelerado.

Jungkook- A-acho melhor eu tomar um banho... -Falou para si mesmo, correndo em direção do banheiro, ligou o chuveiro, retirou sua roupa e entrou no mesmo. A água quente relaxava seus músculos, fazendo assim, com que o mesmo relaxasse, seu rosto ainda estava um pouco vermelho e quente, por isso tomou um banho com água fria, para ver se o calor que estava em seu corpo, iria se dissipar. -

Jungkook se encontrava em seu quarto, lendo um livro aleatório. Já eram 16:29, ou seja sua mãe já estava chegando, teria que falar com a mesma sobre amanhã. Seu pai ficaria até mais tarde no trabalho. Já estava na página 182, quando a porta é aberta. Jungkook se levanta, indo em direção da sala, onde se encontrava sua mãe, a mesma estava cheia de sacolas de super mercado. Jungkook a ajuda, pegando algumas sacolas, as colocando em cima da mesa da cozinha, enquanto sua mãe arruma as compras, Jungkook resolveu falar sobre amanhã.

Jungkook- Mãe... Amanhã o Jimin e o Tae, vão vir fazer um trabalho...

SRa Jeon- Quem são esses?

Jungkook- São meus amigos... - Falou em baixo tom. -

SRa Jeon- Não vejo por que não, apenas não façam bagunçam,ok? Ainda bem que fiz compras, vai dar para fazer um lanchinho para vocês. - Falou a última frase, mais para si mesma do que para Jungkook. -

Jungkook- E-eu vou lá em cima, tenho que estudar...

SRa Jeon- Você anda estudando tanto, deveria tirar um dia de folga, meu bem.

Jungkook- As provas estão chegando, mãe. E eu não quero ir mal nelas.

SRa Jeon- Apenas não esqueça de descansar, bons estudos. - Falou dando um beijo na testa de Jungkook, que foi em direção de seu quarto. Passara algumas horas estudando o diversos temas que iriam cair nas provas, que não estavam muito longe de acontecer, quando ouve sua mãe o chamar, seu pai já se encontrava em casa. -

O jantar se passou bem animado, com a sua mãe colocada em algo, obviamente ficaria tudo animada e alegre. Jungkook acordara as 05:49, havia acordado bem cedo, e seus pais deveriam estar dormindo, acabou que ele ficou lendo até dar o horário para sair de casa, se arruma rapidamente e sai de casa, claro depois de dar um beijo em seus pais e pegar sua típica maçã. Chegando na escola, já dava para ouvir as pessoas falando do mesmo, ele estranhou de primeira, havia diminuído os comentários sobre si, por que hoje todos estavam o olhando feio e, cochichando sobre si?

Antes de entrar em sua sala, que já se encontrava bem cheia, avistou Kyol, quando ele havia recebido alta do hospital? Pensava Jungkook, sabendo que provavelmente Kyol iria zoar o mesmo, ele entra rapidamente na sala, mas sentiu seu pulso ser puxado.

Kyol- Se acha que seu namoradinho vai te defender, você está muito enganado! -Falou usando sua voz de alfa, fazendo todos se encolherem inclusive Jungkook.-

Jungkook- N-n-namoradinho? - Quando Kyol ia falar algo, apareceu os meninos. Jungkook só conseguia pensar em como Kyol estava ferrado, afinal no grupinho haviam 3 alfas e um deles era Lúpus.-

Jimin- Posso saber o que caralho está acontecendo aqui? - Jimin falou rosnando, surpreendendo Jungkook, já que o mesmo era também um ômega, mas parecia não se afetar com a voz de alfa. -

Taehyung- Você é realmente irritante, quer apanhar de novo? - Falou Taehyung com um sorriso de deboche. De novo? Pensara Jungkook, então realmente Taehyung que havia brigado com Kyol, o mesmo tinha suas suspeitas, mas não achou que realmente isso havia acontecido.Jin aparecera, pegando a mão de Jungkook o levando para trás. -

Jin- Tudo bem? Ele te fez algo? - Falou preocupado, parecia tanto uma omma. -

Jungkook- E-eu e-estou bem, não n-não fez... - Disse escondendo seu pulso, que estava dormente já que Kyol apertara muito forte. -

Jin- Me mostre seu braço. - Jungkook hesitante, mostra seu pulso, que estava um pouco arrochado, Jin ia falar algo quando se ouve a voz do diretor. -

Diretor- Posso saber o que está havendo aqui?! Todos para a minha sala, agora!

                                                                             (...)

Se encontravam na sala do diretor, Taehyung e Jimin contavam tudo, Jin tentava reconfortar Jungkook, Jhope fazia um escândalo imenso dentro daquela sala, RM e Yoongi não estavam falando muito, mas dava para notar seus olhares mortais postos em Kyol.

Diretor- Isso vem acontecendo desde quando, Jungkook? - Falou o diretor, chamando a atenção do mesmo.-

Jungkook- 2 anos... -Falou em baixo som, vendo o diretor suspirar.-

Diretor- Você será suspenso por uma semana, espero que não se repita. -Falava olhando na direção de Kyol.- Irei falar com os pais de Jungkook, avisando sobre a situação. Por favor, o levem para a enfermaria.

Jungkook- S-senhor, por favor... N-não fale para m-meus pais...

Diretor- Jungkook... -Falou suspirando.-

Jungkook- Por favor... -O diretor sabia da situação de sua família, era um dos poucos que sabia.-

Diretor- Só dessa vez, se vier a se repetir...

Jungkook- O-obrigada... - Todos saíram da sala, Kyol saiu rapidamente em passos rápidos, seus pais eram rigorosos, com certeza saberem que seu filho estava praticando bullying com um aluno e ainda ter sido suspenso, vai o causar várias dores de cabeça -

                                               {És a questão, eu continuo?}


Notas Finais


Obrigada por ler <3
Não sejam tímidos, comentem!!
O ep. NÃO foi corrigido, se tiver algum erro ortográfico, minhas desculpas


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...