1. Spirit Fanfics >
  2. Eu, Você e um Bebê autista - (Uma nova chance) >
  3. Amor Correspondido.

História Eu, Você e um Bebê autista - (Uma nova chance) - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Historia original.
Boa leiturinha.

Capítulo 1 - Amor Correspondido.


Fanfic / Fanfiction Eu, Você e um Bebê autista - (Uma nova chance) - Capítulo 1 - Amor Correspondido.

Juliana - Acorda dorminhoca.

Anna - A mãe ta cedo ainda.

Juliana - Anna, Não vou repetir, Ei e essa fotinha ai, Quem é esse garoto nesse post pendurado?

Anna - Abro um olho só meio sonolenta ainda - Ah esse é o Wander o menino mais gato da escola - Sorriso estava estampado no meu rosto né, e eu nem disfarçava kkkkk.

- Esse era o Wander, O Meu famoso Crush, Sério as vezes eu pensava nele o tempo todo, E ficava babando quando ele fazia live, Como se fosse borboletas revirando na minha barriga.

Juliana - Não se iluda minha filha, Ja tive sua idade e esses meninos gatinhos como você disse não são confiáveis, Agora vai levanta e vai se arrumar - dou tapinhas em sua bunda para apressar-la.

Anna - tá, Tá bom.

*Tomo um banho me arrumo e desso as escadas em direção a cozinha da minha casa*

Anna - Tadam!!, To pronta.

Juliana - Ah não, Não creio que você vai com essa calça Horrorosa?

Anna - Quem mandou você me fazer feia? Ai nem todo tipo de roupa fica bonito em mim.

Caio - Você não é feia, para de falar isso Filha. - Chego dando um beijo em sua testa.

Anna - Ah fala isso pra minha auto estima pra ver se ela vai aceitar, E outra, Você é meu pai e todos os pais acham os filhos bonito, Mais eu puxei a feiura da mamãe, Por que eu não te puxei pai?

Juliana - É oque garota? - Corro atras dela com uma espumadeira na mão.

Anna - Tchau mãe, Tchau pai, Amo vocês - Saio dali correndo pra não levar uma ferrada na cara e saio rindo por cima, Parece que eu provoco a morte as vezes kk.

- Sigo o meu caminho para a escola, Eu não gostava muito de la, O pior lugar pra mim era la, A onde eu era zoada todo dia só pelo meu jeito, Serio eu as vezes queria nunca ter nascido.

Zaak - Ei Anna.

- E la na minha direção vinha Zaak endrees, O Meu irmão, Não irmão de sangue, Falo assim por que nunca pensaria nele como Namorado ou Ficante, Eramos apenas melhores amigos.

- Sim ele é bonito, E nem sei por que ele conversa comigo, Já que chove putas aos pés desse cara gostosão, Mais ele sabe que eu só amo o Wander.

Anna - Ei corno.

Zaak - Já viu seu amorzinho hoje o Wander? - Falo Para provocar ela bem alto.

Anna - Pulo nele e fico tampando sua boca para que ninguém ouvisse oque ele estava falando - Não cala a boca. - Esbarro em alguém e caio no chão sentada.

Wander - Ah Anna me desculpa.

Anna - Ah não de boa - Olho para cima - Oi W-wander?

Wander - Estico a mão para ela e dou um sorrisinho meio bobo - Venha vou te ajudar a levantar Anna.

Anna - Como você sabe meu nome - Digo me levantando - Eu estava tão nervosa ali tendo uma conversa não muito curta com ele, Naquele momento eu ja tava criando uma Fanfic na minha cabeça com ele.

Wander - Ah é como eu sei seu nome? - coço a nuca para disfarçar - E agora meu Deus como vou falar pra ela que sei tudo sobre ela. - Então eu sei teu nome por que eu sou bom de memória.

Anna - Ah claro mais que cabeça a minha.

Zaak - Prazer Wander. Sou o melhor amigo da Anna.

Wander - Amigo? Eu achei que vocês namoravam.

Zaak/Anna - kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Anna - Eu namorar com esse fedelho?

Zaak - Como eu vou namorar uma pessoa que eu xingo 24 Horas por dia?

Layla - OW Wander?

Wander - Me viro para ver quem estava me chamando. - Ah Layla?

Layla - Venha Gatinho Vamos se atrasar para aula. - Entra no Carro. - Digo acenando.

Anna - Essa dai, Era minha maior inimiga no momento, A beldade da escola porém burra reprovou três vezes tadinha, Mais em questão de beleza e gostosura ela sabia dar aula, Indicada a rainha Cinco vezes seguidas ela mandava no coração do Wander na certa.

Wander - Bom Tchau galera foi bom conversar com vocês, Se vemos na escola.

*Continuo andando até a escola com o Zaak*

Anna - Se ouviu aquele "Se vemos na escola"? Foi um se vemos no sentido que ele quer falar comigo de novo? ou um sentindo que vamos se ver na escola tipo se esbarrar nos corredores alguma hora?

Zaak - Anna minha Filha, Eu acho que se ta ficando paranoica sabia.

Anna - Eu to apaixonada isso sim.

- Chegamos na escola e logos entramos na sala, Pela sorte de jesus cristo, O Wander era da mesma sala que eu, Mais como tudo que é de bom vem um mal junto, A Layla também é.

- Logo olho para o Wander e ele ta me encarando, Claramente fingi que foi sem querer e desviei o olhar, Mais olhei de novo e ele ainda continuou kkkkk - Eu juro eu tava começando a ficar com medo.

Anna - Zaak? oo Zaak acorda ai não é hora de cochilar na aula não. - Em qual a chance de você achar que o Wander gosta de mim?

Zaak - 0 kkkk - Olha ta na cara que ele gosta da Layla né.

Anna - Eu vou conquistar esse menino.

- Tempo se passa e a aula acaba, O Zaak foi embora mais cedo, Disse ele que ia jogar futebol com os amigos. - Tava na porta da escola a um tempão pois tava caindo uma chuva e eu nem tinha levado guarda chuva, Todos os alunos ja tinham ido em bora e eu lá.

Wander - Ei vai ficar ai mesmo?

- Wander você ta aqui ainda?

Wander - É terminei mais tarde hoje as questões. - Mais você vai se molhar toda se ficar aqui, Sobe na minha moto te deixo em casa.

- Na quele momento eu já tava sentindo as batidas do meu coração no cu eu juro. - Claro que tentei me fazer de difícil né.

Anna - Não precisa não, Você não iria querer andar como uma menina que nem eu?

Wander - Como você? - Você não precisa ficar se rebaixando, Venha sobe logo - Desço da moto e coloco a mochila dela dentro do banco da moto, A puxo pela gola da camisa dela e a levo até a garupa da moto - Olha eu só tenho um capacete você usa ta bom?

Anna - Mais e você?

Wander - Se preocupa não, Oque importa é você esta segura.

- Coloco o capacete dele e tinha cheiro de creme de melão, Devia ser a loção que ele usa no cabelo, Subo na moto e Seguro na lateral da moto.

Wander - Eu acho melhor você segurar em mim, é mais seguro.

Anna - Okay. - Segurei em sua cintura e senti seus músculos por baixo da camisa, Eu nunca fiquei tão feliz de ter esquecido o guarda chuva - Ele liga a moto e me deixa na rua de casa. Eu desço e tiro o capacete para entrega-lo.

Anna - Toma o seu capacete. - Digo dando um sorriso.

Wander - Fica com você, Eu tenho outro em casa, Quem sabe amanhã eu não te levo pra casa.

Anna - Para com isso, Eu fico com vergonha.

Wander - Chego bem perto do seu rosto - E desse jeito você senti vergonha também?

Anna - E-Eu?....É Eu vou entrar obrigada - dou um selinho em sua bochecha e saio correndo.

Wander - Essa garota é doidinha.

Anna - Entro em casa e fecho a porta e fico atras dela rindo pensando nele.

Anna - Eu não acredito que vim de moto com ele. - Ah meu coração. 

Anna OFF -

Wander ON - 

- Eu voltei pra casa rindo, Nem tinha acreditado que finalmente tinha tido uma conversa com a Anna, Eu gosto dela, Sinto atração por ela a um bom tempo já, Só tenho medo de dizer pra ela, Por que ela é mais reservada e eu sou mais popular, Acho que ela não me aceitaria por isso.

- Sabe eu nunca tinha notado a Anna, Até um dia que peguei ela cuidando do quintal do meu avô junto com ele, Eu me senti tão na dela que acho que foi ai que ela roubou meu coração, Desde então eu a observo, Ela não sabe mais eu sei tudo sobre ela. Tenho até uma foto que eu tirei dela distraída numa festa.

- Na escola todos falam mal da aparência dela, Não por ela ser feia por que isso ela não é, Pelo fato dar outras meninas ser mais bonitas do que ela, Isso que os outros meninos pensam, Mais eu não penso assim.

Wander OFF

Anna - O dia se passa e eu estava feliz só de lembrar dos momentos de ontem que passei com ele, Termino de me arrumar e desso correndo quando ouço alguém buzinar em frente de casa.

- Olho da janela e era ele, O Wander me esperando pra me levar pra escola - Era um sonho aquilo meu pai?


Notas Finais


Desculpa Pelos Erros.
Se gostarem eu continuo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...