História Eunha sempre foi lésbica, - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias G-Friend
Personagens Eunha
Tags Eunha, Gfriend
Visualizações 68
Palavras 285
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Comédia, Drabble, Drabs

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Passei por isso esses dias e não consegui dar a resposta pra pessoa inFELIZMENTE

Capítulo 1 - .sempre foi e sempre será


O discurso ensaiado que escapava dos lábios ignorantes dos amigos de Eunbi a enjoava certas vezes.

Ser a única lésbica da rodinha era extremamente solitário, mas não tão doloroso do que precisar escutar as belas palavras de extrema importância de seus caros coleguinhas.

"Nunca pensou em pegar um cara?" Era o que ouvia diariamente, ignorando os comentários idiotas pelo vínculo que de certa forma, não lhe permitia contradizer.

Embora calma, sua paciência estava se esgotando com o andamento da discussão em que se encontrava imersa, – contra sua vontade – desejando que o horário de ir para casa chegasse mais rápido do que o relógio permitia.

— Eu acho que cada pessoa escolhe o que quer, sei lá. — Um de seus amigos comentou, olhando fixamente para uma Eunbi claramente incomodada.

— Claro que é escolha de cada um! — Escutou outra de sua colega refutar, esperando que ela apenas calasse a boca e percebesse o quanto estava sendo ignorante.

O que infelizmente, não aconteceu.

Eunha, por que você escolheu ser lésbica?

A pergunta era o bastante para que o restante de sua preciosa paciência acabasse por completo, nenhuma gotinha sequer sobrando.

— Mas eu nunca escolhi ser lésbica...— Respondeu baixo, rindo nervosamente com a feição confusa da outra garota.

— Respeito sua opinião, mas pra mim as pessoas podem virar e voltar a serem héteros.

Oi?

Havia escutado certo ou precisaria ir num otorrinolaringologista?

Sua amiga tinha razão, certamente. Até porque, um hétero como ela provavelmente havia mestrado em como bostejar com a boca.

— Posso te fazer uma pergunta agora? — Controlando sua vontade de criar uma zona de guerra, acalmou a si mesma antes de ser capaz de retribuir na mesma moeda.

— Claro!

— E você? Por que escolheu ser hétero?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...