História Euphoria - Jikook - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Drama, Jikook, Namjin, Romance, Taegi, Taeyoonseok
Visualizações 8
Palavras 1.683
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishounen, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Lemon, LGBT, Mistério, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


oie genteeee (o゚▽゚)

ok sem enrrolaçao vamos logo pro cap.

Capítulo 3 - Capitulo 3


-mae eu ja falei que estou me sentindo bem- ja era a centésima vez que eu repetia para a minha mae naquela manha, que eu nao estava sentindo nada e que estava completamente bem.

-eu sei, eu sei, mas o que quer que eu faça? você passou anos dormindo e agora acordou como se nao tivesse acontecido nada, claro que eu me preocupo, eu sou sua mae e amo você acho que é normal ne eu me preocupar- ela falou em um tom triste e eu a abracei.

-eu entendo mae, tambem te amo muito, mas nao precisa ficar preocupada ate o proprio Hoseok falou que estava tudo bem- eu tentei acalma-la novamente.

-ta mais mesmo assim você ainda tera que ficar uns dias aqui- o Yoongi falou entrando no quarto junto do Tae que carregava uma cesta nas maos com comida dentro.

-é so pra ele ter certeza de que estou bem. eu ainda nao me acostumei com vocês juntos-falei arrancando risadas deles.

-bom, pois trate de se acostumar, cunhadinho- o Tae me falou e deu uma piscada pra mim e colocou a cesta em cima da mesinha do meu lado.

-ai meu Deus. enfim gente eu vou ficar bem, podem voltar pro que tavam fazendo por que hoje eu tenho um dia cheio aqui- eles me olharam tristes, mas depois concordaram.

-se cuida meu anjo- minha mae falou me dando um abraço e um beijo na testa.

-ve se dessa vez consegui anda direito em, nao quedo cuidar de você pra sempre, vovózinho- Yoongi delicado como sempre.

-tambem te amo ta Yoongi, e vou ter cuidado sim viu mae, tchau- falei e eles sairam do quarto.

Bom pra quem nao ta entendendo, ja faz quase um mes que eu acordei mas eu nao consigo andar direito. o Hoseok falou que eu devo ter passado muito tempo deitado e talvez por isso eu nao consiga ficar em pe, desde entao eu faço quimioterapia pra voltar a andar como antes. Mas nao é tao ruim assim, o Jungkook sempre vem aqui, ou o Jin mais o Namjoon e me fazem compania fora que a minha familia vem também. O Hoseok falou que dentro de uns meses ou antes disso eu ja estaria melhor, entao so me resta esperar.

-opa, iae meu principe ta pronto?- ouvi o Hoseok falando e entrando no quarto com as minhas muletas.

-ola, bom pronto eu nao to ne, mas nao tenho escolha- ele me ajudou a levantar para eu poder segurar as muletas.

saimos do quarto e fomos ate a sala de quimioterapia. lembra quando eu falei que nao queria fazer nada, que queria ser uma mobilia ou nem existir, entao eu me arrependo muito de ter dito isso, realmente eu entendi agora a tal frase de 'so da valor quando perde' por que eu conseguia anda e correr mas vivia reclamando e falava que nao queria me mover e hoje eu to como eu queria, sem poder me mover e nao era o que eu esperava, é muito agoniante.

-você esta indo muito bem Jimin-o Hoseok falou assim que eu completei um pequeno trajetorio de corrida.

-claro que eu to, eu sou incrivel-ele revirou os olhos e riu do meu comentario.

-ta certo senhor incrivel, da mais duas voltar ai e depois pode ir comer, eu vou olhar os outros pacientes ok? se eu nao voltar poxe ir para o seu quarto ou andar pelo hospital- eu acenei pra ele e ele saiu.

Vamo ja Jimin você consegui é so dar mais duas voltas e você ira comer, vamos la, os tres F lembra?.

-Foco,Força e Fé- sussurrei alto demais e nem notei que havia mais uma pessoa no quarto.

-meu Deus isso é tao antigo- ouvi o Jungkook rindo mas eu acabei me assuntando ja que nao vi ele entrar.

Eu me desiquilibrei mas antes que eu pudesse tocar o chao o Jungkook me pegou.

-e essa cena de você me segurando enquanto quase caiu é muito cliche- eu ri mas tambem fiquei muito vermelho, ja que ele estava com o rosto muito proximo do meu- e da proxima vez me avisa que você chegou Kookie, quase tenho um ataque- ele riu e me ajudou a pegar minhas muletas de volta.

-disculpa Jimin-shi nao foi por que eu quis, te amo ta- ele fez um coraçao com os braços em cima da cabeça dele. amas assim nao vale, como que eu vou ter raiva dele se ele age fofo assim.

-seu bobao- falei baixinho e ele sorriu.

eu continuei a dar as minhas voltas na ' mini pista de corrida ' e o Jungkook foi se sentar para me esperar, so que ele ficou me olhando, socorro Jesus assim nao da pra mim como que eu vou me concentrar em fazer as coisas se ele nao para de me olhar.

-oie Jiminie, oi Jungkook-ouvi o Jin falando e agradeci aos Deuses por ele ter chegado so assim eu nao fico tao nervoso.

-oie Jin, e o Namjoon nao veio mais você?-ele se sentou perto do Jungkook.

-nao, ele precisava resolver algumas coisas da faculdade- ele fez uma carinha triste.

Tadinho do Jin ele gosta muito do Namjoon, e o Namjoon tambem gosta dele, nao sei por que ainda nao estao juntos aiai que complicação. e falando em faculdade, eu ainda não resolvi nada dos meus estudos, e vou ter que fazer uma prova pra me formar ja que eu 'abandonei' a escola quando estava em coma.

-mas que merda, é muita coisa aaaaa- falei meio alto sem perceber e notei que os meninos me encararam preocupados.

-o que foi Jimin-shi?- o Jungkook falou se levantando e caminhando ate mim.

-ta tudo bem?-o Jin perguntou e eu so concordei.

-so estava pensando na escola que ainda nao acabei e em uma faculdade- falei e terminei minhas voltas.

-ata menos mal- sorri fraco pro Jin e o Jungkook me ajudou a ir ate a mesa onde eles estavam sentados.

-isso voce resolve depois, por enquanto cuide da sua saude ok?- o Jungkook me falou fazendo carinho no meu rosto e eu so concordei ficando vermelho logo em seguida.

-a nao, pode parar eu nao quero ficar de vela-o Jin falou revirando os olhos.

-que vela o que? nois somos amigos- eu falei meio timido mas notei a cara de deboche dele.

-por inquanto ne- o Jungkook se pronunciou e eu o olhei com uma cara de 'serio isso?'.

-se peguem logo por favor.

-voce e o Namjoon que deviam se pegar logo, e pra sua imformaçao eu sou dificil ta?- falei e o Jin começou a rir.

-ele nao é dificl nao Jungkook isso tudo ai é cu doce dele, da uns beijo nele que tudo se resolve, e eu nao peguei o Nam ainda por que ele fica de cu doce também igual a você- ele revirou os olhos e o Jungkook concordou.

-eu te entendo perfeitamente Jin, mas um dia vamos ser notados- o Jungkook falou e ele e o Jin apertaram as maos.

-voces sao muito idiotas- revirei os olhos e eles começaram a rir.

Passamos o resto do dia ali com eles falando bobagens para me fazer rir e me ajudando vez ou outra a continuar andando. no final do dia o Jin teve que ir embora mais cedo pois precisava cuidar da casa ja que seus pais estavam em mais uma viagem de trabalho e eu fiquei sozinho com o Jungkook, nao sei se acho isso bom ou ruim, sinto que vou explodir de felicidade e nervosismo ao mesmo tempo.

-por que nao tenta andar sem as muletas?- sai dos pensamentos quando ouvi o Jungkook falar.

-eu tenho medo de cair-responde soltando um riso fraco.

-quer tentar? eu te seguro, nao se preocupa-ele se aproximou de mim e segurou a minha cintura.

Eu balancei a cabeça em concordancia e soltei as muletas, senti que iria cair mais o Jungkook agarrou minha cintura evitando que isso acontecesse, eu dei um suspiro alto e me arrepiei todo, nao estava esperando esse tipo de proximidade.

-vai devagar- ouvi ele sussurrar no meu ouvido e isso me arrepiou mais ainda, e como se eu estivesse sendo controlado pela voz dele eu apenas comecei a andar devagar.-voce esta indo bem- ele sussurrou novamente e aproximou mais o seu corpo do meu.

-Jungkookie, eu sugiro você parar de sussurrar no meu ouvido-falei meio baixo mas tenho certeza que ele havia escutado.

-por que Jimin-shi? eu nao posso fazer isso?- ele sussurou novamente e deu um beijo no meu pescoço.

-o que você ta tentando fazer Kookie?- minha voz saiu arrastada, parecia mais um gemido.

-nada, por enquanto, assim que você conseguir andar eu te mostre o que quero- ele beijou meu pescoço novamente e continuou me ajudando a andar.

Esse garoto realmente esta querendo me enrouquecer. aish Jungkook vamos ver quem enlouquece quem primeiro. você que começou com esse joguinho agora aguente.

-opa- fingi que ia cair e fiquei de frente pra ele me apoiando nos ombros dele.-desculpa Kookie- ele me encarou e foi desviando o olhar para a minha boca.

-sem... problema- ele falou pausadamente e continuou me ajudando.

Novamente eu fingo que vou cair, mais dessa vez eu realmente caiu e em cima dele, claro que eu nao sou bobo nem nada, tratei logo de ficar sentado em cima do amiguinho dele.

-desculpa novamente Kookie- falei 'tentando' me levantar mas na realidade eu so estava me mechendo em cima do menbro dele.

-voce... ta fazendo... isso de... proposito ne- ele falou fraco quase gemendo e fechou os olhos logo segurando a minha cintura me empurrando mais ainda pra perto dele.

-do que você ta falando Kookie?- me fingi de desentendido e vi que minhas muletas estavam perto, e as peguei me levantando dali rapido.

-voce vai pagar por isso- ele me olhou e sorriu cínico.

-eu nao fiz nada- me fiz de inocente e dei um sorrisinho pra ele tambem.

Ele levantou com dificuldade e notei que ele estava com um pequeno volume mas fingi nao ter visto nada.

-aish, eu preciso ir no banheiro, e você, me aguarde viu, tomara que você volte a andar logo, mas acho que quando eu acabar voce ira voltar a usar muletas denovo- ele tirou o casaco que usava e amarrou na cintura cubrindo o volume que estava ali e saiu do quarto.

-mal posso esperar- susurrei assim que ele saiu.

Espera ai o que acabou de acontecer aqui? socorro eu to muito fodido, literalmente.


Notas Finais


e mais um cap pra voces :3

espero que tenham gostado

ate o proximo cap ( ˘ ³˘)♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...