História Evelyn - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias Harry Potter, Once Upon a Time, Rizzoli & Isles
Tags Evelyn Malfoy, Harry Potter, Severus Snape
Visualizações 21
Palavras 639
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 16 - Lady das Trevas.


Desde que se tornara a nova "bonequinha" de Lord Voldemort, Evelyn era obrigada a usar roupas mais comportadas, pelo menos diante dos comensais da morte, não podia sair sem escolta, mas é claro que a mesma fugia sem dar qualquer explicação, voltando para casa "alta" por conta das bebidas e drogas que costumava usar, sua mãe descabelava-se pois sabia que se Voldemort quisesse a garota e a mesma estivesse fora de casa, era capaz da mesma apanhar e até mesmo ser submetida a coisas que até Merlin duvidava.
Era noite, mais ou menos 21:00 hrs, Evelyn havia acabado de chegar em casa, mas para a surpresa de todos não estava bebada e nem drogada, estava totalmente sóbria. Estava deitada em sua cama, lendo um livro de magia, apesar de já saber e dominar todos os feitiços, ouviu duas pequenas batidas em sua porta e logo levantou-se, ajeitando a camisola de seda verde escuro- Pode entrar. – Falou baixinho e logo viu a porta se abrir, logo de cara percebeu de quem se tratava, era Voldemort, seu coração acelerou, jamais imaginou que esse dia chegaria, o dia que seria obrigada a consumar o "casamento", respirou fundo e tentou esboçar um leve sorriso- A que devo a honra, milord?– perguntou, saindo da cama e colocando-se em pé diante do homem. Voldemort a olhou de cima a baixo e esboçou um sorriso malicioso, levando as mãos a cintura da mesma, a puxando em sua direção- Vim pegar o que é meu por direito... afinal, lhe dei o poder..– disse e logo empurrou a garota para a cama, Evelyn arregalou os olhos e tentou fugir, mas fora presa na cama.

Voldemort era estúpido não tinha nenhum cuidado com a mesma, arrancou-lhe as roupas, a deixando nua, o mesmo beijava o corpo da garota com intensidade, a deixando marcada, a mordia. A penetrou sem qualquer cuidado o que arrancou um grito dos lábios da mesma, que fora silenciado com um tapa no rosto-Não faça escanda-lo!– ordenou.
A morena tivera a pior noite de sua vida, sentia-se suja, estava totalmente machucada, com cortes profundos feitos pelas unhas do homem, estava deitada na cama imóvel, olhava pela janela, enquanto uma lágrima escorria por seu rosto, não só pela dor física, mas também pela humilhação que havia passado. 
Quando o dia nasceu, a mesma continuou deitada por alguns minutos, levantou-se e tomou um banho, arrumando-se como de costume, maquiou se para esconder os machucados e desceu as escadas, saindo de casa logo em seguida, aparatou do local, desaparatando na rua da fiação. 
Evelyn estava quase em frente da casa de Snape, ficou parada ali por alguns longos minutos, ali teve flashes de tudo o que aconteceu com ela ali, cada beijo, cada caricia trocada com aquele homem. Estava amedrontada e mesmo que o odiasse, ela precisava vê-lo, precisava ouvir a voz e quem sabe receber um abraço do homem, mesmo que eles não conversassem a mais de 5 anos. 
Caminhou lentamente até a casa do homem e logo deu duas batidas na porta, ouviu passos vindo na direção e logo a porta abrindo-se.- Severus...–disse em sussurro, logo vendo o homem abrindo mais a porta, foram segundos apenas de um olhar fixo, a morena sentia o coração bater extremamente forte, enquanto o homem a olhava sem acreditar que estava diante da mesma- Milady... a que devo a honra?- perguntou friamente. - Por favor, não me chame assim... por favor- suplicou e não conseguiu se conter, acabou sentindo algumas lágrimas escorrerem pelo rosto, o que fez o homem a puxar para dentro de casa pelo braço, logo a abraçando forte- O que fizeram com você, o que aconteceu? – perguntou baixinho, a fazendo o olhar. - Voldemort....ele...- ela nem precisou terminar a frase, Snape a abraçou novamente e sussurrou em seu ouvido- Ele não tocará mais em você.. eu prometo.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...