1. Spirit Fanfics >
  2. Even sober, I still love you >
  3. I want to be on top

História Even sober, I still love you - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


LEMON
L-E-M-O-N
L
E
M
O
N

Capítulo 3 - I want to be on top


Adentramos o apartamento com pressa. Jungkook conta que Jin não voltará da festa essa noite. Rumamos direto para o banheiro. Enquanto Jimin tira as roupas sente o olhar do rapaz em si, está totalmente nu e Jungkook totalmente vestido. Teme que o outro tenha se arrependido ou que o rejeite após ver seu corpo e então anda até o box. Em poucos segundos Jungkook adentra, ainda de cueca. Se encaixa no quadril de Jimin e lá permite seu membro roçar nas bandas das nádegas do outro. Enquanto isso uma das mãos de Jimin massageia seu próprio peito e circunda o mamilo com os dedos, já a outra mão vai para trás e acaricia barriga e virilha ao que Jungkook se movimenta. 

Trocam de posição e ambos estão de frente um para o outro, Jungkook segura a cintura de Jimin e levanta uma das pernas dele com sua mão. E um beijo lento começa: a língua de jimin desliza pelo lábio inferior do outro para logo depois adentrar e acariciar o céu da boca, ambas bocas se mexem e as línguas se friccionam ao irem para cima e para baixo. As mãos de Jimin param nos ombros do Jeon e depois agarram os fios da nuca, massageando no mesmo ritmo em que seus pênis colidem enquanto se beijam. 

Jungkook desgruda os lábios e passa as mãos pelo peito de Jimin, enquanto continua descendo até parar de frente para o membro já ereto e um pouco grosso do Park. É a primeira vez que Jeon está numa situação assim, mas ao ver o membro diante de si tem um misto de curiosidade e vontade. A língua pincela a glance rosada, ao passo que a sorve e assim vai fazendo, não é muito difícil conseguir engolir tudo, mas se torna quando Jimin levemente treme o corpo e consequentemente move os quadris. A fricção em sua garganta lhe agrada e solta um grunhido, que colide com toda a extensão em sua boca. 

— Jungkook, eu vou… 

O Jeon retira a boca e continua o trabalho com uma das mãos, ao que a outra trabalha em seus próprio pênis: o dedão circulando a glande, para logo depois a palma cobri-la e se movimentar sobre a parte rosada e pegajosa.

— Ahn, foi ótimo. - Jimin elogia e suspira. 

— Você é lindo. - A cena faz os olhos de Jungkook brilharem, percebe que foi um erro reprimir por tanto tempo o que sentia. 

Abrem o registro e deixam a água correr sobre os corpos extremamente quentes, Jungkook sai primeiro, indo para seu quarto e Jimin avisa que logo irá também. Logicamente o mais velho estava preparado, mas ainda sim queria tomar um banho e estar pronto para que viria. Ao que terminou foi para o quarto do rapaz, que mexia em uma gaveta e retirava de lá lubrificante e camisinhas.

— Vem cá. - Pediu, Jungkook, já iniciando um novo beijo.

Jimin estava sentado sobre o colo do Jeon, sentindo seu membro, agora já sem a cueca, colidindo com suas nádegas ao que se movimentavam para aprofundar o beijo. As nádegas passaram a rebolar sobre o membro e pequenos gemidos vindo de ambos se fizeram escutar. Enquanto suas línguas se enrolavam e os lábios succionam um ao outro, Jimin alcançou o lubrificante e passou em sua mão. Foi dando selinhos até que o beijo cessou e pudesse se concentrar no que viria a fazer. Ainda sobre o colo do outro, Jimin resvalou um dedo sobre seu anûs e pode sentir um choque passar por seu corpo. A posição pareceu meio ruim e então saiu do colo e ao lado ficou de joelho, uma mão apoiando na guarda da cama e a outra colocando um dedo dentro de si, deu um pequeno grunhido e abriu os olhos para encontrar os do Jeon. Jungkook estava entretido demais olhando a cena compenetrado. 

Adicionou o segundo dedo e deu pequenas reboladas no ar movimentava os dedos como uma tesoura. Quando adicionou o terceiro dedo, suspirou e parou um pouco, fazendo o outro se preocupar.

— Está tudo bem? - Foi para o lado de Jimin, colocando a mão em seu rosto.

— Sim, é só que...Ahn… - Havia roçado de leve na próstata e colocou a língua para fora fazendo com que Jungkook fizesse o mesmo e ambas se enrolassem. 

Jungkook se afastou e viu os três dedos subindo e descendo com velocidade, ao que os sons produzidos por Jimin lhe deixavam ainda mais excitado. Pegou o tubo de lubrificante e molhou bem em seu dedo médio. Circulou o orifício, preenchido por três dedos de Jimin, e o outro gemeu pela fricção do dedo gelado do Jeon em suas preguinhas. O ânus se contraia e expandia e então mais um dedo foi adicionado, sendo desta vez o do Jeon. Ele claramente não sabia muito bem como movimentá-lo e movia para todas as direções, até que Jimin choramingou e se curvou sobre a guarda da cama.

— Jungkook, va-vamos logo. - Para ser escutado melhor virou para o Jeon que lhe retribui com mais um beijo extremamente sensual. 

— Como eu...Como você quer? - Estava meio perdido e pensava se havia algo que deveria fazer a mais além do que já estava acostumado. 

— Eu vou ficar por cima dessa vez. - Disse, já empurrando o outro contra a guarda da cama. 

Colocou a camisinha no Jeon e passou algum tempo com o membro dentro de sua boca, algumas vezes engolia quase tudo, para logo descer e acariciar as bolas. Adicionou lubrificante e de costas para o outro, começou a descer sobre o membro. Era um tanto comprido, mas não tão grosso. Ainda sim, quase no final, deixou o corpo cair contra o pênis e teve a próstata acertada e gemeu. A visão da bunda de Jimin fazendo seu pênis sumir atiçou o Jeon que não aguentou e trocou de posição, colocando Jimin de quatro e se afundando nele com calma. Enquanto isso Jimin gemia baixinho e acariciava com uma mão os mamilos e com a outra suas bolas. 

— Eu disse que queria ficar por cima. - E com essa sentença, Jungkook deitou e Jimin começou a quicar sobre o membro dentro de si. 

Retomaram o beijo, que ia da boca e parava no peitoral. Tudo era sensual demais. A sensação era tão prazerosa que Jimin não pensava em mais nada a não ser em Jungkook se afundando mais em si. O ápice de ambos estava para chegar e com isso Jimin quicava com mais força e Jungkook levantava os quadris com velocidade. 

Ambos gozaram quase que no mesmo tempo e se beijaram mais uma vez, sem aprofundar muito, mais para demonstrar o carinho entre os dois. 

Já devidamente limpos e deitados sobre a cama do Jeon, ambos estavam meio sonolentos, mas queriam conversar. Haviam ficado quase um ano sem se falar.

— O que rolou entre você e a Yuju? 

— Nós ficamos algumas vezes, mas eu não queria mais. Ela dizia que eu era apaixonado por você e eu tinha medo de que se parasse de estar com ela, ela fosse fazer comigo o que fez com você. - Havia pesar na voz, quase medo.

— Não quer que saibam? - Jimin começava a ficar nervoso. Talvez, agora sóbrio, realmente tudo se transformaria numa noite a ser esquecida para o Jeon.

— Não é isso. É que ainda tenho medo, não sou forte como você que nem se abalou quando aquilo aconteceu. Eu a recém aceitei quem eu sou. Preciso de tempo. 

— Eu entendo… - Estava triste, já via aonde isso iria dar.

— Mas eu preciso de tempo para me sentir mais confiante e não tempo de você. Quero que a gente fique junto...como um casal. 

— Jungkook, eu te amo. - Finalmente conseguia admitir o que sentia, sem medo ou angústia.

— Eu também te amo! Neguei isso desde aquela noite em que nos beijamos, mas se passou um ano e ainda sim eu continuei te amando. Eu te quero na minha vida, te fazer feliz e mostrar que eu posso ser melhor e vencer meus medos junto com você. 

 


Notas Finais


Provavelmente o pior lemon que já escrevi? Sim, but pelo menos tem final feliz k


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...