1. Spirit Fanfics >
  2. Everything comes back. >
  3. Chapter Two.

História Everything comes back. - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Chapter Two.


Pego a mão do mais velho e levo até meus seios que estavam durinhos por conta do pircing gelado,vejo Hoseok suspirar e morder o labio inferior.


- Vamos passar essa noite juntos ?-pergunto encostando minha cabeça em seu peitoral,ele envolve suas mãos em minha cintura.

- Vamos.


O olho surpresa e ele sorri malicioso,em um movimento rapido ,sou tirada do chão e vou para seu colo,ele apertava minha bunda com firmeza,meus labios junto ao dele inicia um beijo quente e selvagem. Parecia que ambos desejavam aquilo por muito tempo e finalmente estavam saciando esse desejo.


- Hobi.-chamo seu nome ao sentir seu dedo alisar meu intimo que já estava molhado.

- Ah S/n.


O dedo dele passa minha calcinha para o lado e começa a fazer uma massagem no local com lubrificação natural,ao longo dos beijos vou soltando suspiros pesados. Era novo aquilo,por incrivel que pareça eu sou virgem,meu corpo estava reagindo aos toque de Hoseok e isso me deixava anciosa para o próximo ato.

 Ele vai comigo para a cama e me deita com cuidado,ele para o beijo e me olha.


-Vou colocar um dedo,se doer me fala.


Confirmo com a cabeça e sinto um dedo ir entrando,gemi dengoso e agarrei o lençol com força,aquilo era bom.


- Ta machucando? -ele fala no meu ouvio e nego,assim ele comeca a movimentar o dedo e logo coloca mais outro.

- Ahh Hobi! 


Troqui o lençol por seu braço o arranhando,ele me beijava ,dava mordidas em meu corpo e chupões também.

Depois de um tempinho me preparando,ele tirou seus dedos e se afastou um pouco,tirou sua blusa reverando um abdômen maravilhoso,depois tirou sua calça que era marcada por seu membro pulsando,vêr Hoseok só de boxer me fez quere ver ele logo sem nada,todo exposto para mim. Me levantei da cama e fui até ele,fiz ele sentar no colchão e me senteu em seu colo,ele suspirou e eu também,pois nossas intimidades estavam se tocando.


-Seja gentil comigo,Senhor sequestrador.


Rebolo em eu membro que estava bastante sensivel,eu juro que ver Hoseok daquele jeito era maravilhoso,ele ficava tão sexy e lindo. Puxo sua boxer para baixo ,ele pega uma camisinha e coloca,me posiciono para sentar,ele preferiu deixar eu fazer aquilo. 


Eu sinto que vou morrer,isso dói muito! Puta que pariu! Perder a virgindade é sofrência de mais.


Meus olhos começam a marejar de dor,Hoseok me beija e faz carinho em minhas costas,continuo descendo até acabar toda extensão,coloco minha cabeça sobre o ombro do mais alto e fico um tempo parada até costumar um pouco com tudo aquilo me invadindo.


-Você ta bem? -Hoseok me pergunta enquanto ainda fazia massagem nas minhas costas.

-Espera só um pouco.-respondo respirando fundo.

-Vai no seu tempo.


[...]


Acordo agarrada com alguém,olho para tráz e vejo que era o Hoseok,por um momento me assusto ,mas depois lembrei de tudinho e de certa forma me acalmo.


"Eu sempre te amei."


Isso foi oque o mais velho me disse antes de dormimos. Sinto um sorriso surgir e me levanto da cama deixando o outro dormindo,faço minha higiene pessoal ,visto uma roupa e desço para a cozinha onde encontro Jin e Yoongi,eles me olham malicioso e eu abaixo a cabeça com vergonha.


- Bom dia princesa.-Yoongi fala eu o respondo.

- A madrugada rendeu ? -Jin comenta me entregando meu achocolatado,agradeço o mais velho.

- Não tenho comentários.-falo e os dois sorriem para mim.

- Usou camisinha ? -Namjoon aparece e abraça Jin.

- Usamos.

- Ele foi bruto com você? -Jimin também aparece e se escora em Yoongi que lhe da um beijo.

- Foi gentil... Parem de me perguntar sobre isso !  




2 Mêses depois.


Eu e Hoseok mudamos completamente depois daquela madrugada,não estamos namorando nem nada,mas estamos bem intimos.

Os meninos estão voltando de uma viagem que fizeram ao meu antigo país no Brasil,teve Inglaterra,Canadá,Tailândia e Venezuela também. Eu estou muito nervosa pois descobri algo a pouco tempo.



1 Semana atrás.

 

Eu estou me sentindo muito estranha deis de que os meninos viajaram,estou dormindo mais do que o de costume,eu sempre comi muito,mas agora é meio surreal,e tambem estou passando mal muito facil. Meu amigo Lucas que vive junto comigo quando estou sozinha ,me pediu para ir ao hospital ver oque eu tenho e meu pai também. 

Então estou eu aqui esperando os resultados junto ao meu poc que não para de falar dos médicos.


- Gente eu acho que vou começar a passar mal mais vezes.-bato em seu ombro e ele sorri- Olha que anjos em forma de médicos ! 

- Migoh se controla .

- Sera que algum deles me ajuda a cuidar do meu coração? -o olho.

- Só do coração? -ele me corresponde com o olhar malicioso.

- Outras coisas tambem.

- Sua bicha safada! 


Acabamos rindo das nossas bobagens e logo o Doutor que era responsavel pela minha familia aparece.


- S/n .-olho o mais velho e me levanto junto ao Lucas.

-Sim ? 

-Pode me acompanhar ,por favor ? -olho para o Lucas e seguro sua mão- Ele pode vir também.


Faço uma expressão de alivio e fomos andando junto ao Doutor,entramos em sua sala e sentamos nas duas cadeiras a frenta da mesa.Ele pegou um papel que estava que estava  impreso sobre sua mesa e olhou e em seguida me encarou,senti um arrepio ao ver a expressão do mais velho.


-Não me assuste assim ,Doutor ! 

-Ela vai morrer ? -Lucas pergunta e eu o encaro- Desculpa.

- S/n ,quando foi seu último período mestrual? 


Faço uma expressão pensativa e realmente estava demorando para minha mestruação descer. Ele suspira fundo e tira seus oculos de grau.


- Você quando faz atos sexuais se previne ? 

- Sim.


Eu ja estava ficando com medo ,pertei a mão do Lucas que reclamou ,mas ele não estava diferente de mim,talvez até pior que eu.


- Você está gravida.


Ele me entrega o papel que tinha em mãos ,olho o mesmo e vejo que pelo exame de sangue estava afirmado.  


-Não... Isso não pode ser.-mminhas lagrimas começam a car sobre a folha e Lucas logo me abraça.

-Calma amiga.

- Não precisa chorar S/n,sei que sua familia vai entender e o rapaz também.




Agora


Foi exatamente isso que aconteceu. Não contei para ninguém ,só o Lucas e o Doutor que sabem. 

Eu não sei como contar isso ao Hoseok, não sei como ele vai reagir e nem como meus pais vão ,muito menos os pais dele,e isso me da medo.

Daqui a dois dias é o casamento do Hee e da Sun,eu definitivamente vou nessa festa só para ver a falsidade virar uma jogada de mestre. 


Eu estava no studio junto a dois novatos treinando Yonce,eles dançam bem ,e a coreografia havia ficado muito boa. Dei uma pausa para descanso e fui até minhas coisa,peguei minha garrafinha e quando terminei de beber,senti mãos em volta de mim,me assustei e derubei a pessoa no chão ,e sorri ao ver quem era.


- Ai !-ele sorri e se levanta do chão,os dois novatos o cumprimetam e logo voltam para seus lugare de ensaio.

- Acabou de chegar? -pergunto colocando a garrafinha no chão e andando até meu lugar.

- Uhum,vou esperar você terminar para irmos embora.

- Ok,esse é o último ensaio.


Ele confirma e se senta no canto da sala,logo a musica volta do começo e eu junto aos novatos a repetir os passos, eu vía os sorrisos que o mais velho soltava ao longo da dança. 

Eu estou morta de cansaço,Hoseok pegou minha bolsa e assim fomos para o carro,eu entrei no mesmo e ele entrou no banco do passageiro.


- Você ta bem ? -me pergunta preocupado.

-Estou sim.


Não demoramos para chegar,fui direto para meu quarto e chamei o Jin para conversar,ele se sentou na cama e eu peguei um papel e entreguei para o mesmo que ficou olhando para a foto e depois para mim.


- Não me diga que... É sério isso?? -confirmo e me sento ao seu lado meio triste.

-É do Hoseok ?

-Uhum.

-Minha princesa isso é maravilhoso !   

- Não é não.

-E porque não? 

-Porque eu não sei se o Hoseok vai gostar disso... Eu não sei como meus pais vão reagir quando souberem, tem os pais do Hoseok também. 


Jin colocou o papel de lado e me abraçou,senti minhas lagrimas cairem por conta da fragilidade emocional.


- Ele vai amar saber que será pai.

- Como pode ter tanta certeza assim ? 

- Porque ele te ama de verdade.-me separo do abraço e encaro o mais velho que sorria para mim de forma doce.

- Eu to com medo.

-Não precisa sentir isso. O Hoseok vai ficar todo bobo quando você falar para ele. Já com seus pais,você não precisa se preocupar,você já é de maior,paga suas contas,trabalha e não depende deles. Com Hoseok é a mesma coisa. 


Após mais algums minutinhos conversando com Jin,ele saiu do quarto e eu fui banhar,após o banho coloquei uma roupa intima e fiquei de roupão. Não demorou para o Hoseok aparecer com uma sacola de presente ,ele me entregou e eu sorri,eram doces que ele havia comprado para mim.


- Obrigado,Hobi.-beijei sua bochecha e ele sorriu- Posso te pedir algo ? 


Era esse o momento,tinha que ser agora! 


-Claro que pode.


Tirei meu roupão e ele me olhou,peguei sua mão e com o coração quase falhando de tão acelerado que estava,coloquei sobre minha barriga. Ele ficou sem entender oque estava acontecendo,e eu logo deixei uma lagrima cair,ele então arregalou os olhos e me abraçou.


-Você...Eu não posso acreditar !! 


Ele me olhou novamente e beijou meus lábios,ele ficou feliz e eu senti um alivio gigantesco no coração. Acho que nunca vi ele sorrir tanto igual agora,parecia uma criação quando ganha um brinquedo.

Após ele se acalmar,ele começou a perguntar varias coisas e eu as respondia dizendo a completa verdade.


- Porque não me contou antes ? 

- Eu estava com medo de você não gostar da noticia e me deixar na mão. 

-S/n,eu te amo e nunca te deixaria por um motivo tão maravilhoso. Eu sempre quis ser pai,e saber que você é a mulher que vai relizar esse meu sonho,só me deixa ainda mais feliz.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...