História Everything is blue with you - ( Aloris fanfic ) - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Bendy and the Ink Machine, Cuphead
Personagens Bendy, Boris the wolf, Cuphead, Henry, Joey Drew, Mugman
Tags Alice, Alicexboris, Aloris, Bendy, Bendy And The Ink Machine, Bendyxcuphead, Boris, Borisxalice, Cendy
Visualizações 25
Palavras 1.267
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Fluffy, Hentai, Magia, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Outro capitulo que estava ansiosa para escrever.
Olá para a galera que veio de amino Kkkk
Enfim, espero que gostem <3
💙~💙~💙~💙






❝ ᴀᴠɪsᴏs ❞

╓────────────────╖
║✎ criticas construtivas são bem vindas ^^;                            
║─────                                
║✎ Não odeie a Fanfic so por causa de um shipp, se não gosta, pq está aqui?
                            
║─────                               
║✎ se eu parar de fazer a fanfic, considere ela terminada ( mesmo se faltar algum cap )                                    
║─────                               
║✎ Plagio é crime! Ouviu?                                  
║─────                                
║✎ Capa em breve ~                        
║─────                                
╙────────────────╜

Capítulo 7 - Cap 7 - " Perto "


Alice P.O.V

Eu voltei para a cama, meu pai estava com um olhar de preocupação, eu ainda estava tentando entender... Era somente um resfriado, certo? Nada que iria me matar ou algo do tipo...

Senti meus olhos encherem de lágrimas, eu me lembrava da cena que tinha visto, porque aquilo doía tanto? Esfreguei meus olhos e se sentei na cama.

- Eu acho que vou dar sinal de vida para o Bendy... - Disse me levantando da cama 

Procurava meu celular que por algum motivo desapareceu de meu criado mudo, onde ele pode estar? O pior que está no silencioso... Ouço um barulho estranho, olho para trás e nada, procura de onde está vindo esse barulho. Era meu celular, que estava vibrando, ele estava entre umas pelúcias que tenho em meu quarto, ainda me pergunto como foi parar lá. 

*Bendy está ligando*

Encaro o celular por uns segundos, como ele sabia que iria falar com ele? E-eu devo atender? Esse barulho já está me irritando... 

Ligação on

Aló?! O por deus... Você finalmente atendeu! - Ele dizia parecendo aliviado 

É... Oi Bendy - Digo para baixo 

Você está com a voz fraca e triste, aconteceu algo? - Ele diz com preocupação 

Suspiro. Não vou dizer para ele que aquela cena que vi daquela garota com Boris me deixou triste, não iria fazer sentido. 

- Somente... Estou doente. - Digo baixo 

Awn, tadinha, eu e Boris fomos te visitar mas você parecia não estar - Disse ele rindo de leve 

Então as batidas na porta eram deles. Fiquei em silêncio pensando em Boris, novamente... Droga. Eu estava me sentindo triste por causa dele a segundos atrás e agora estou ficando corada novamente por causa daquele... Lobo. Garoto lobo- 

- Alice chan? - Diz bendy na outra linha me acordando 

- Ah! Desculpa Bendy estava desconcentrada - Eu disse balançando a cabeça 
- Tive uma ideia, venha aqui em casa, ou quer que nos vamos até ai? - Disse ele parecendo animado 

Eu sorrio de leve. 

- Pode deixar que eu vou ai... - 

Quebra de tempo

Me vesti com uma calça jeans, uma blusa de mangas compridas e coloquei um casaco. 

Me olhei para o espelho e arrumei meu cabelo, quando notei, minha cauda estava a mostra... Eu não gosto dela, não sei da onde ela surgiu, ela está ali para mim virar mais alvo de piada. A escondi e sai do quarto. 

Eu andava meio enjoada, meu estômago estava doendo, talvez porque eu não comia a alguns dias... O vento gelado batia em meu rosto, senti meu corpo tremer, estava quase lá... " Bendy, eu vou vou ver bendy e sorrir. Esse enjôo vai passar... Essa dor vai passar. " Pensei para mim mesma enquanto chegava na casa dele. 

Quando cheguei, Bendy atendeu a porta e me deu um abraço forte, me comprimentou e me puxou para dentro. Ele disse para me sentir em casa e me sentar, cheguei na sala e vi Boris sentado no sofá olhando tv, suas orelhas se mexem e ele imediatamente se vira para mim. Eu fico em silêncio 

- ...Alice? - Ele pergunta como se estivesse dizendo: " O que faz aqui? " 

Engulo um seco e coro

- Oi Boris - Digo sorrindo e me sentando na outra ponta do sofá 

Sinto ele me encarando de cima para baixo, e depois olhando para mim. Parecia que ele queria falar algo, mas ele não dizia nada... Olho para o chão tentando me esquentar. 

Um silêncio domina a sala, onde está Bendy? 

- Sobre o que aconteceu mais ced- Diz ele tentando completar, mas Bendy aparece e o atrapalha 

Ele começa a perguntar coisas sobre mim, se eu estava bem, o por que de eu estar ignorando suas mensagens. Nunca pensei que alguém iria se preocupar tanto comigo assim.

- A ideia de você vir aqui nos visitar foi do Boris - Diz ele rindo 

Do Boris huh? Eu o olho e ele está meio que se escondendo com vergonha, sorrio para ele e ele me olha somente com o olhar, sinto meu corpo se arrepiar por causa daquele olhar que ele me deu. 

Ficamos conversando, até eu ver que já estava meio tarde. 

- Oh céus! - Eu disse a mim mesma 
- Hum? O que ouve? - Disse bendy com cara de gato curioso 
- Já está tarde, tenho que ir para casa - Digo me levantando 
- Mas... Está um vento muito forte lá fora, que tal passar a noite aqui? - Disse Bendy alegre com sua idéia 

Boris o olha levantando as orelhas, eu penso... Olho para meu celular e depois o olho de volta. 

- Claro, mas não vou atrapalhar em nada certo? - Digo sem graça 
- Nahhh, nossos pais estão viajando, não vai ter problema nenhum - Diz ele dando seu sorriso de costume 

Eu sorrio. 

...

Avisei para meu pai que iria passar a noite aqui, até que foi divertido, vemos filmes, conversamos e jogamos alguns jogos. Mas foi ao mesmo tempo foi estranho, Boris ficava muito calado, ele parecia encomodado com algo... Concerteza era eu. Fiquei esse tempo todo tão distraída que me esqueci totalmente que estava quase morrendo, e por estranho aquela sensação de enjôo parou.

Bendy me emprestou um dos seus pijamas de gato, por estranho que pareça, ele coube em mim, dei uma risada ao me ver naquele pijama e mostrei para os dois. Bendy ficou sorrindo e dizendo que talvez iria me dar o pijama, já Boris... Ficou me olhando de cima para baixo corado. Tentei entender, mas por algum motivo gostava que ele me olhava assim. 

E assim... Fomos dormir. 

*04:27 A.M* 

Aquela sensação de enjôo voltou, me levantei e fui até a cozinha tomar um pouco de água, servi e tomei um longo gole enquanto pensava. Quando vi, um vunto escuro passou por trás de mim, me virei e vi Boris encostado na porta me olhando, seus cabelos estavam bagunçados, e ele parecia não tão cansado. 

- B-boris?! Quer me matar do coração? - Falei baixo tomando um susto 
- Desculpa, somente não consigo dormir - Ele ri por causa de minha reação e coloca a mão atrás do pescoço 

Volto a beber minha água 

- Eu... - Ele suspira - Sobre o que você viu ontem de manhã... - Ele diz olhando para o lado 

Eu quase me afogo como a água. Eu acabo me lembrando da cena, daquela garota o beijando. Fico em silêncio 

- E-ela... Não é minha namorada ou algo do tipo, somente... Uma puta. - Ele diz meio bravo 
- Eu... vi você nos olhando. Me desculpa ter te feito ver aquilo. - Ele diz me olhando 
- Você me desculpa? - Ele diz abaixando as orelhas 

Eu congelou e sinto meu rosto ficando meio quente e vermelho, acabo rindo de nervoso e ele parece serio. 

- Alice. - Ele me encosta sobre a parede da cozinha e me olha nos olhos 
- É serio. 

Eu viro um tomate, ele está muito perto de mim, me olhando fixamente nos meus olhos, eu não tenho saída. Eu quero responder, mas não consigo, minha respiração fica ofegante e eu fecho meus olhos. 

- S-sim... E-eu te p-perdoo B-b-boris... - Digo voltando a abrir os olhos 

Ele morde os lábios de leve e fica mais perto de mim, nossas respirações estão se misturando... Meu coração está acelerado, sinto minhas pernas bambas, uma sensação que precisava ser aliviada... Eu iria ter um infarto ali mesmo. 

-  Desculpa Alice... Mas tenho que... Fazer isso - Ele diz juntando seus lábios nos meus

Nos beijamos pela primeira vez, era tão calmo... Tão novo, tão...

Bom.


Notas Finais


Ahhhh aeee!
Obrigada por ler esse cap, e desculpa a demora! ;w;)
Espero que tenham gostado!
Até a próxima! 💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...