1. Spirit Fanfics >
  2. Evolved >
  3. Washington DC

História Evolved - Capítulo 8


Escrita por:


Notas do Autor


AVISO

Oi pessoal, então, eu reli o primeiro e o segundo capítulo dessa história e percebi vários erros que eu cometi, já que eu postei essa história em um impulso e quando eu fui ler, eu sinceramente quis que o Capitão América batesse o escudo na minha cabeça.
Enfim, vou corrigi-lo ( o primeiro e o segundo cap) em breve e peço que leiam novamente quando eu for corrigido.
Desculpem por isso.
Enfim, voltei com o cap.

Deus abençoe a América e boa leitura 🇱🇷🇱🇷🇱🇷

Capítulo 8 - Washington DC


A manhã estava tranquila e com o tempo ensolarado.

Na Torre por outro lado, o clima parecia ameno. Na mesa de café da manhã, Clint e Natasha conversavam com Rhodes, Bruce e Pepper. Tony se manteve calado e alheio as conversas ao seu redor.

Steve se distraia ao mexer em seu sanduíche de geleia.

Mais uma noite não dormida.

E por mais que não quisesse, seus pensamentos estavam na morena de olhos estranhamente azuis.

Steve solta um suspiro frustrado ao constatar que o plano deles era sem nexo. Tony estava ao seu lado, como poderia estar preso?!

Nesse meio tempo Olivia entra na cozinha.

Olivia vestia calça jeans preta, all star vermelho e uma camiseta larga preta do AC/DC. Uma camada de blush escondia a palidez de suas bochechas e um rimel destacavam seus longos cílios. Já uma maquiagem pesada e bem feita escondia muito bem os hematomas verdes de seu braço. Um batom vermelho destacava seus lábios carnudos e chamativos.

Realmente parecia que ela estava viva.

- Mãe, eu vou ir no cinema ok?

Avisa a garota ganhando atenção ao roubar um bacon do prato de seu pai comendo tranquilamente em seguida.

Olivia se senta no balcão, balançando as pernas freneticamente pra frente e pra trás. Um sorriso animado em seus lábios fez Pepper ficar bem animada e aliviada.

Mas não Tony.

E Steve encarava Olivia, contemplando sua bela imagem.

Mais viva do que nunca.

Enquanto isso, Clint e Natasha apenas observavam tudo, pela primeira vez, com diversão.

- Tudo bem, você pode...

Pepper é interrompida por Tony.

-Você não vai sair sozinha.

Afirma calma e sarcasticamente.

O clima fica tenso, mas a tensão é cortada drasticamente pelo gesto seguinte de Olivia Stark.

A garota desce do balcão não se importando com o mais velho, indo em direção a Steve, o puxando pelo braço em direção aos corredores.

- Tudo bem, eu vou com o Capitão, vejo vocês depois vingadores.

Todos observam a cena em descrença.

- O amor é lindo.

Comenta Clint rindo em seguida e tendo como resposta uma ruiva revirando os olhos.


------------×----------×-------------

- Sabe que foi bem suspeito no mínimo, não é?!

Steve cochicha mais afirmando do que perguntado. E em resposta recebe dos adolescentes das poltronas da frente um “shhhhhhh” em tom de repreensão.

Olivia se divertia com o olhar irritado e constrangido de Steve. E ela não se sentia nem um pouco mal por debochar do loiro ao seu lado.

Os dois foram realmente ao cinema, afinal, se perguntarem, eles teriam um álibi.

Steve não achou necessário, mas deixou ser levado por Olivia que disse em um tom sério que “era necessário! ”.

Então os dois foram assistir Quarteto Fantástico no cinema.

Por incrível que pareça, o cinema estava quase vazio, o que foi aceito de muito bom grado.

Steve se sentia deslocado e desconfortável ali.

- Eu sei, só não ligo.

Responde simplista.

Steve lhe lança um olhar ainda mais irritado.

- mas...

Continuou.

- Temos que achar meu pai...Nossa, o Jonny Storm é a sua cara. 

Conclui.

- Meu pai conseguiu me mandar uma mensagem.

Volta ao assunto principal com a expressão neutra, entregando seu celular para Steve, fingindo prestar atenção no filme.

Eu adoro eventos, você sabe. Me lembro da sua primeira participação em uma feira de ciências que te inscrevi. Você havia construído um Reator, se lembra? Levamos 4 horas pra chegar em Nova Orleans pra você participar. Lembra do segredo que me disse quando ganhou o primeiro lugar? Você disse que tinha um compartimento secreto no seu coração. Você tem um coração enorme e eu sempre vi o potencial que você tem em prestar atenção aos mínimos detalhes. Te amo mil milhões.

Steve ficou confuso depois de ler.

- Não entendo, não há nada de errado.

Steve nunca se enganou tanto. Ainda sem o olhar, Olivia o responde.

- Meu pai me inscreveu na feira de ciências, e eu construí um robô, não um Reator. Levamos 4 horas pra chegar em Washington, não Nova Orleans. Quando eu ganhei a competição, eu disse que o segredo era o compartimento secreto que ficava em baixo do robô. Tony sabia que ia ser trocado, ele não é burro. Sabe que só eu entenderia suas mensagens criptografadas e, ele sabia o local que seria levado. Agora precisamos descobrir o por quê de ser deixado ser levado.    O robô foi deixado no museu de Tecnologia de Washington, está guardado lá dentro de uma estante de vidro pra exposição. 

Steve estava completamente surpreso. Uma expressão de choque quase a fez rir.

- Ponto de partida ;Washington DC.



Notas Finais


Aviso de novo

Gente, só um rápido aviso. Eu escrevo as fics e vou na casa da minha irmã pra postar porque em casa não tem Internet.
Por causa da quarentena, eu não vou poder sair de casa e recomendo que vocês também não saiam. Gente, lembrem de lavar as mãos sempre e só use a máscara se você estiver com o Covid-19. Não tem necessidade de usar a máscara se você não está doente. Enfim, avisos a parti, vou estar postando só daqui a 15 dias, que é quando eu normalmente posto. Peço a compreensão de vocês, e minhas desculpas.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...