História Ex-namorados largados também namoram. - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Jinkook, Minjoon, Namjin, Namjoon&jimin, Nammin, Taeyoonseok
Visualizações 106
Palavras 777
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Lemon, Romance e Novela, Saga, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 8 - Estagiario Jeon


- Olá Namjoon Hyung! Eu sou seu aprendiz, Jeon Jungkook!

- Oi, se já parou com a sua encenação de bom moço, nós vamos começar, o ensaio fotográfico é na sala 12, tem dez minutos pra acha-la e me esperar lá

Viu a expressão confusa de Jeon e riu sádico.

- Vamos garoto, o que faz parado ai? Quer mesmo perder o estágio tão cedo? Eu vou buscar os modelos, dez minutos!

E se virou, saindo dali rapidamente, deixando o rapaz mais novo desamparado

.

.

.

Haviam se passado exatos dez minutos, e Jeon não havia chegado, Namjoon estava contando os segundos para trancar a porta do estúdio quando ouviu passos apressados vindo cada vez mais altos em direção a porta do local

- Eu estou aqui.

Jeon disse arfando e tentando gesticular enquanto segurava a porta

- Está atrasado.

-Não, se passaram apenas 10 minutos 56 segundos.

- Eu disse que te queria aqui pontualmente 10 minutos depois de eu sair de lá certo? Então está atrasado, mas já que está aqui entre, não quero que seja um estorvo pros outros funcionários, por ficar perambulando por ai

O mais novo nada disse, apenas assentiu e entrou na sala, onde os modelos já estavam em seus devidos lugares, eles sabiam mais que ninguém que Jeon ia sofrer na mão de Namjoon, querendo ou não, ele era bem exigente.

- O conceito é o mesmo que o da sociedade atual, alienação e transformação de pessoas em robôs, vê aquele que está com a roupa diferente dos demais? É nele que você deve focar, enquanto eu tiro fotos de todos, tente não me atrapalhar enquanto eu tiro as fotos, se não vai ser expulso da minha sala e da minha equipe, entendeu?

- Sim senhor

- Ótimo, vamos começar agora, Kisu, faça um bom trabalho, confio em você.

A sessão passou num piscar de olhos, a maioria das fotos estavam boas e Namjoon já havia pegado os cartões de memória para entregar ao seu Hyung.

- Podem descansar, fizeram um bom trabalho, equipe beta, parece que tem um trabalho pra vocês na sala 311, então podem se retirar

- E eu Namjoon Hyung?

- Pode ir almoçar.

- Não quer ir comigo?

- Eu sempre vou ao mesmo restaurante, gosto da comida de lá

- Posso ir com você então?

- Tanto faz, mas se formos, vamos a pé.

Concordou e logo saíram do estúdio mediano, deixando a empresa em alguns míseros minutos

O restaurante não era muito longe dali, e era na frente da faculdade de park o que facilitava para o mais velho ver seu pequeno bebezinho.

- É aqui

Disse quando pararam na frente de um restaurante chamado “The7Hogage”, era muito conhecido por Jeon, era o restaurante favorito de Park, já havia vindo diversas vezes com ele aqui.

- Hyung! Por que não me disse que era aqui? Eu amo esse lugar! Vamos nos sentar nessa parte do lado fora!

O mais novo se apressou em sentar em uma das mesas do lado externo do lugar, enquanto Namjoon o acompanhava tediosamente.

- O que vai pedir?

Perguntou e Jeon pegou o cardápio passando os olhos pelas comidas diversas

- Acho que eu vou pedir o número 23

- É uma boa escolha.

- Como sabe? Nem se quer encostou no cardápio

- Eu venho aqui a dez anos, sei o cardápio de cor e salteado

O mais novo arregalou os olhos, o que foi ignorado pelo mais velho, que chamava a atendente do local.

- O que os rapazes bonitos como vocês vão pedir?

- Um número 23 e um 12 por favor

Namjoon disse frio e educado para a menina que quase se jogava para os dois.

A menina apenas murmurou um “Ok” e entrou na loja, um pouco decepcionada.

- Acho que ela gostou de você

- Eu já tenho alguém, você sabe disso.

O clima, antes normal, agora estava mais tenso, nenhum dos dois queria falar algo, eram completamente estranhos um para o outro, Namjoon era atento a rua, enquanto Jeon falava ao celular, só prestando atenção no mais velho quando o mesmo pediu pra que o esperasse, que já voltava. Jeon desligou o celular e prestou atenção em Namjoon que atravessava a rua indo em direção a uma pessoa, que Jeon percebeu ser Jimin, Eles se beijaram, afoitos, línguas conhecidas que ansiavam pelo gosto um do outro e Jeon sentiu seu corpo queimar, o ciúmes que sempre sentiu por Jimin veio à tona e ele teve que se controlar pra não voar no pescoço de Namjoon, ele sabia que era errado, estava apaixonado por SeokJin, mesmo que fosse uma paixão passageira



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...