História Existe amor em meio ao caus? - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Visualizações 4
Palavras 725
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Survival, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Canibalismo, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 3 - Como foi sua vida antes de tudo?


Fanfic / Fanfiction Existe amor em meio ao caus? - Capítulo 3 - Como foi sua vida antes de tudo?

Pedro - você não irá dormi

-Pedro eu sei muito bem que você sabe oque eu sou então por que confia? eu podia ataca - lo agorinha

Pedro - por que você não nos atacou?

Ele disse sério

-não sei como mais eu consigo me controlar mais ainda sou um Black

Pedro - Black?

-É como eu chamo minha raça já que sou um deles olha vai dormi eu não preciso vou montar guarda se acontece algo eu os chamo e você pegam as coisas justo por isso eu mandei vocês arrumarem as mochilas

Ele apenas suspirou e foi mais antes me deu um beijo na testa me deixando muito vermelha

Já era de manhã todos nós já estávamos de pé nos já estamos saindo mais antes peguei outra faca que estava na casa de minha avó e ensinei um pouco como mecher com ela Pedro aprendeu bem rápido e ficou com a faca e antes de sair eu fui no último andar da casa e peguei uma faça super afiada de meu avô de da para prender na cintura logo saímos

Já estávamos muito longe em um lugar que já não conhecia da cidade nos deparamos com 10 blacks eu matei a maioria já que Pedro ficava com  branca para protegê lá pois ela é apenas a criança

-Pedro como era a sua vida antes disso tudo?

Disse caminhando do lado dele e ele segurando a mão de branca

Pedro - Bom em minha família havia eu branca minha mãe meu pai e meus avós maternos meus pais viajavam muito mais nos éramos uma família muito feliz sempre que dava tempo fazíamos algo em família mais aí aconteceu tudo isso eu e branca fomos salvos pelos nossos avós em meio ao caos meus pais havia viajado um dia antes

Ele disse fazendo uma cara triste

Pedro - e  a sua?

-b bom em minha família era apenas eu meu irmão mais velho e a minha irmazinha  branca sempre me lembra ela

Pedro -e seu pai?

-Ele largou minha família quando eu tinha 13 anos por isso passamos dificuldades mais minha mãe sempre foi uma mulher guerreira por mais que o sofrimento era grande nos tínhamos nossos momentos felizes até que um dia na escola tudo começou eu fui transformada tentando salvar minha amiga logo depois não aceitei ser transformada e fiquei em um lugar da escola para não machucar ninguém mas descobri que conseguia me controlar quando poupei a vida de alguém

Quando eu terminei de falar uma flecha vem em minha direção mais como sou Black a segurei antes que se quer me toca - se

Foi uma garota de provavelmente 16 anos de tamanho médio pele branca mais escurinha cabelos azuis e estava com mais cinco pessoas

???-solte estas pessoas sua imunda você não levará ninguém

-como assim? Do que você está falando?
 
Tudos lá ficaram surpresos por eu ter falado já que sou um Black e blacks não falam

???-c como você consegue falar?

Um garoto de cabelos loiros era tipo aqueles galãs de novela ele Falará mais surpreso que os outros

-com a boca, olha tenho mais oque fazer não tenho tempo pra vocês vamo Pedro

Nos voltamos a caminhar mais uma adaga é atira mais estremamente errado e ela iria acertar a branca mais antes disso eu a parei já com o sangue fervendo e fui rápidamente até a pessoa que atirou e a coloquei em seu pescoço a imobilizando também

-se esta adaga tivesse a acertado eu mataria um por um eu posso odiar matar humanos mais não te poparei se nos atacarem novamente

A pessoa era outro garoto era bem parecido com a menina azulada provavelmente gêmeos e mais duas pessoas uma mulher  de cabelos castanhos  e pele morena com olhos cinzentos e um garotinho também loiro

???-solte meu filho!

-hm então vocês são uma família interessante provavelmente não querem que nenhum de vocês morra então não nos ataquem pois para mim eles também são minha família e se algo acontece e   a eles vai acontecer com vocês

Soltei o garoto e fui rápidamente para o lado de Pedro que apenas observava tudo com branca em seus braços

-deixarei vocês em paz

???-por que você não matou eles nem a nos?

-controle já ouviu falar nisso?

Eu e Pedro fomos embora os deixando com cara de cu
  



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...