1. Spirit Fanfics >
  2. Exorcist Girls >
  3. A noiva cadáver

História Exorcist Girls - Capítulo 3


Escrita por:


Capítulo 3 - A noiva cadáver


                   ( Ino on )

Se eu falar que estou petrificada é pouco, estou congelada no nitrogênio líquido depois do que Toneri me falou.

_ Como assim o criança não é dele?_ lembro dos olhos do Hidan quando lhe falei da gravidez da garota.

_ Isso mesmo que você ouviu loira. Pelo que sei o amigo dele fazia café e a namorada número dois levava flores. O mesmo que chamava você e ele de meu casal_ fiquei de queixo caído. Kakuzu talaricou o melhor amigo na cara dele.

_ Preciso passar isso na casa dele agora._ quase sai correndo mas Toneri me segurou.

_ Calma aí noiva cadáver. Vamos esperar mais um pouco. Agora que a louca foi cuidar da família nós podemos nos divertir um pouco. Vou assistir a freira._ ele tem verdadeira fascinação por filmes de terror, e para piorar ele assiste rindo o que deixa tudo mais assustador.

_ Toneri me tira uma dúvida. O Freddy Krueger existe?_ Hinata sempre teve medo dele.

_ Claro que sim, mas ele só mata enquanto as pessoas dormem, sei que ele andou fazendo uma bagunça por aqui durante alguns anos, não precisa se preocupar com isso, ele está em casa atormentando o pequeno Jason seu melhor amigo. Não sei porque essa rivalidade que os humanos criaram entre os dois._ olhamos para ele que falava sobre dois assassinos serial fantasmagóricos como se não fosse nada demais.

_ Tá bom, vai lá assistir seu filme, que eu irei me arrumar e já volto._ saí da sala e fui para o quarto me arrumar como uma princesa. Uma princesa morta é claro mas ainda sim uma princesa. Fiquei fazendo a minha maquiagem e dando um jeito no cabelo enquanto Toneri morria de rir assistindo filme. Que cara patético! Uma hora depois eu estava pronta para brilhar, ou melhor assustar. Coloquei o sapato e desci as escadas e Hinata estava ao lado de Toneri caiu para trás de susto, sim ela caiu da cadeira.

_ Tá amarrado..._ Toneri começou a rir das palavras de Hinata.

_ Quanto exagero Hina. Ino você está perfeita, agora vamos lá fazer uma visita. Cadê as outras duas?_ Tenten e Saky apareceram atrás de nós e quando as olhei as duas tiveram a mesma reação de Hina só que Tenten pulou no colo da Sakura de susto.

_ Que merda é essa? De onde você saiu? Quer reza?_ bem parece que o efeito saiu como o esperado.

_ Na verdade nós iremos encomendar a alma de alguém. Vamos lá meninas está na hora de brincar._ Toneri estava bem animado com isso.

_ Está bem, mas acho melhor a irmos no meu carro já que é todo escuro, não quero que ninguém me veja perto da Ino._ Hina está realmente achando estranho. Mas isso me fez rir, porque sei que Hidan vai se mijar nas calças.

_ Está bem então vamos lá._ entramos no carro de Hina e Saky dirigia. Apesar do acidente e morte/vida/trabalho ela não ficou com trauma do volante. Só está mais atenta com as vacas. Hinata estava bufando ao lado dela.

_ O que aconteceu Hinata?_ Tenten parece ter notado também.

_ Preciso tirar a Hanabi da escola. Toneri você se importa de eu trazer a minha irmã para morar conosco?_ nós olhamos para ele que deu ombro.

_ De jeito nenhum, ela será bem vinda. Você só precisa lhe dar alguns avisos, sobre não entrar no porão. Não queremos que as crianças fujam outra vez._ ele chama os fantasmas e demônios de crianças?

_ Tudo bem, obrigada. Irei explicar o básico a ela quando chegarmos. Mas preciso encontrar uma escola para ela. Você acha que a Sra Tsunade consegui uma vaga para ela tão no meio do ano?_ a Sra Tsunade é madrinha da Sakura e uma mulher incrível. Chegamos no condomínio de Hidan e Toneri sorriu para mim de forma diabólica e maldosa.

_ Nós ficaremos aqui fora. O show vai ser meio grotesco então ficamos aqui._ Saky entendeu o espírito da coisa pelo visto.

_ Mas eu não vou ficar mesmo. Quero ver a cara dele quando a Ino aparecer na sua frente._ Toneri estava tão animado. Ele é um idiota.

_ Está bem vamos lá, mas antes olhe ali pessoal!_ apontei para um carro onde um casal estava se beijando. Kakuzu e a namorada do Hidan. Segurei o riso com a cena.

_ Ele é realmente burro. Bem vamos ali comprar algo para beber. Nós vemos depois._ elas saíram em direção ao outro lado da rua e eu e Toneri entramos no condomínio sem sermos vistos. O que eu adorei. Peguei uma chave mestra e abri sua porta sem fazer barulho. Ele dormia tranquilo no seu quarto. Fui até a sala e coloquei sua música favorita. Fly Away From Here do Aerosmith. Ao menos esse saco de bosta tem bom gosto musical. A musica foi crescendo aos poucos e Toneri foi se esconder. Eu dei um jeito no meu cabelo e no sangue falso no canto da boca, as marcas roxas no pescoço estavam perfeitas. Logo os passo dele eram ouvidos e seus resmungos também.

_ Puta que pariu mulher, desliga essa merda, e me deixa dormir em paz sua desgraçada!_ ele está adorável pelo visto. Ele acendeu a luz e deu um grito quando me viu.

_ PUTA QUE PARIU, CARALHO..._ olhei para ele como uma zumbi e dei um passo.

_ Amor,meu voltei para o nosso casamento._ ele começou a jogar coisa que nem chegavam até mim. Acho que o Toneri está brincando também.

_ Saí daqui, você tá morta, eu te matei._ ele começou a correr e Toneri apontou para o outro lado e eu segui sua dica.

_ Hidan, por que você me matou? Por que não cuidou de mim? Eu também poderia te dar um filho, um filho seu de verdade._ ele estava encolhido no canto do quarto e com as mãos nos ouvidos.

_ Vai embora você não é real. Você não está aqui eu te matei eu sei que te matei!_ dei mais um passo entrando no quarto e ele se mijou todo. Que patético. Tirei a faca que eu havia escondido nas minhas costas e sorri para ele enquanto passava a língua na mesma.

_ Vem se juntar a mim no outro mundo meu amor, vamos ser felizes para sempre._ ele levantou e saiu correndo outra vez em direção a saída e entrou no elevador. Toneri chegou rindo atrás de mim.

_ Será que você consegue fazer ele se cagar também?_ dei risada enquanto descia as escadas correndo.

_ Posso tentar._ ele deu uma gargalhada.

_ Então segura a minha mão para chegarmos lá embaixo entes dele._ segurei sua mão e em um segundo estávamos do lado de fora do condomínio. Ele vinha em nossa direção.

_ Vai outra vez Ino._ ele parou na minha frente e começou a rezar para alguém.

_ Hidan não me faz esperar muito mais. Vamos ficar juntos na eternidade!_ abri os braços para lhe receber e ele saiu correndo para a rua no momento em que um ônibus vinha em alta velocidade. Toneri me segurou no lugar.

_ Vamos apreciar melhor daqui._ as meninas estavam do outro lado da rua olhando a cena. E... Acabouuuuu... Hidan ou o que um dia já foi o Hidan estavam espalhados na pista e na frente do ônibus. Logo algumas pessoas estavam correndo para ver o que aconteceu. Mas as meninas correram para onde eu e Toneri estávamos.

_ Há é sério Ino? Não poderia ser mais limpo?_ Toneri ria olhando a cena.

_ Meninas agora que vem a melhor parte. Olhem alí._ o espírito do Hidan levantou e começou a olhar para os lados até ver seu corpo ou partes dele espalhados. Ele colocou as mãos na cabeça e eu só ouvia os crecks de Hinata comendo pipoca doce. Três horas da manhã e ela comendo pipoca doce.

_ Me da pipoca Hinata._ ela colocou na minha mão e continuando vendo a movimentação. Algumas sombras se arrastaram até Hidan e começaram a lhe puxar enquanto ele gritava até que me viu e estendeu a mão. Mas eu só comia minha pipoca doce.

_ Adeuzinho Hidan e só para avisar o filho não é seu e do Kakuzu. Mande lembranças minha ao seu deus Jabiroca._ Sakura olhou para mim e levantou a sombrancelha.

_ Não era deus Jashin?_ dei de ombros como se não me importasse e de fato não me importo mesmo.

_ Tanto faz, Jashin ou Jabiroca é tudo a mesma coisa. Agora vamos para casa antes que alguém nos veja.

( Ino off )

( Sai on )

Ajeitei meu óculos que estava escorregando enquanto olhava para os dados no computador. Anos pesquisando atividades paranormais aqui na cidade e finalmente eu tenho confirmação de que existe de fato o outro lado.

_ É isso caramba é isso!!! Eu consegui!_ falei alto o suficiente para acordar meu irmão que jogou um travesseiro em mim.

_ Cala a boca Sai, tô tentando dormir porque vou trabalhar logo cedo._ corri até sua cama e pulei sobre ele.

_ Shin eu descobri que fantasmas e outras criaturas existem olha isso cara._ ele abriu só um olho.

_ Você vai ver o demônio na sua frente se acordar a Shion. Amanhã você me mostra isso irmãozinho. Vamos dormir agora._ Shion era sua namorada que estava dormindo ao seu lado neste momento. Mas eu estou animado demais para dormir.

_ Tudo bem._ saí do quarto e fui para a sala continuar o que estava fazendo. Mas também preciso dormir amanhã tenho que dar aula. A Sra Tsunade é bem flexível mas não gosta de atrasos. Acabei dormindo no sofá mesmo e acordei com o cheirinho do café de minha cunhada.

_ Sai vamos acorda, seu irmão já está de saída._ caí do sofá com o susto que Shion me deu.

_ Tudo bem já estou indo querida._ levantei e dei um beijinho na sua testa e fui tomar banho. Hô vontade de bater uma, mas não dá tempo. Preciso de uma namorada para transar não só para isso é claro. Mas eu preciso. Shin e Shion logo irão casar e não quero ficar sozinho. Mas não irei pensar nisso agora. Tenho que ir trabalhar! Tomei café da manhã muito rápido e fui para o trabalho. Estacionei a moto e meus olhos foram direto para um grupo de mulheres que estavam entrando na escola e uma em especial chamou a minha atenção. Todas são lindas é verdade mas uma me faz querer lhe olhar milhares de vezes e principalmente pensar em outras coisas que não deveria. Fui para a sala dos professores e no meio do caminho vi as cinco mulheres entrando na sala da Sra Tsunade. Será que são professoras novas? Não, acho que não o quadro está completo. Mas não irei pensar nisso agora. Saí da sala dos professores e o corretor estava vazio. Merda estou atrasado outra vez. Saí caminhando mais rápido sem olhar por onde andava até que bati em algo e cai. Na verdade era em alguém. Levantei apressado e estendi a mão para a pessoa.

_ Muito obrigada, mas dá próxima vez que for cair sobre mim que seja em uma cama._ olhei para saber quem era a mulher atrevida e me deparei com olhos azuis seios perfeitos, barriga chapada e cabelos loiros. A mulher que vi entrando na escola com mais quatro. A que chamou minha atenção. Sorri para ela ainda sem soltar sua mão.

_ Pode ter certeza de que irei lembrar disso lidinha.

( Sai off )

( Hinata on )

Depois de uma noite estranha para nós e divertida para Ino e Toneri nós resolvemos ir todas juntas até a escola da Sra Tsunade. Sei que tenho que ir trabalhar mas já avisei a minha chefe que surgiu um imprevisto. Ela não criou confusão por causa disso. Portanto cá estamos nós.

_ Você vai pegar a Hanabi ainda hoje Hina?_ Temari estava até que de bom humor hoje. Apesar de ter tido que lidar com uma garota fantasma no hospital onde sua cunhada estava e Kankuro também. Ela trouxe o espírito em um potinho de coleta de urina. Ela faz coisas estranhas. Mas Maya está bem e Kan tomou uma injeção de Plasil.

_ Sim, hoje quando sair do trabalho._ as meninas me olharam e eu fiquei curiosa.

_ O que foi pessoal?_ não costumamos nós meter na vida uma da outra mas parece que elas tem alguma coisa a me falar.

_ Hina querida, acha que você deve procurar outro emprego meu bem. Sua chefe te olha de um jeito diferente e ela fez coisas por você que não faz para os outros. É estranho demais._ dei uma risadinha.

_ Há meninas ela é legal comigo. Mas vou pensar sobre isso. Agora temos outra coisa para fazer._ entramos na sala da Sra Tsunade que nos recebeu muito bem.

_ Ora Hinata é claro que tem vaga para a sua irmã. Ela pode começar na segunda se os documentos estiverem em ordem._ fiquei feliz e saindo de sua sala. Ino acabou ficando a dois passos atrás de nós e por algum motivo ela não saiu conosco. Mas ficamos lhe esperando na saída.

_ Vamos meninas. Temos que trabalhar ainda. Bem que o Toneri poderia nos pagar ao invés de só nos sugar._ nós rimos de Ino que sempre fala isso.

_ Há meu bem o que seria a vida de vocês sem mim?_ como sempre ele aparece nos piores momentos.

_ Vai assustar outro Toneri!_ Temari tentou lhe dar um soco mas ele desviou.

_ Calma aí loira, vim falar de trabalho. Hoje a Hinata vai buscar a irmã e provavelmente discutir com os pais até o esquecimento, mas as outras terão que ir resolver um probleminha no parque. Tem uma criatura assustando a população durante o passei noturno._ Tenten deu um suspiro.

_ Tudo bem. Hina porque você não liga para o seu primo policial? Assim não terá que ir sozinha para tão longe._ isso é uma boa ideia, talvez até ele vá nos deixar em casa e conhecer as meninas, ou conhecer outra vez no caso. Faz uns dez anos que ele não as vê acho que se esbarrarem na rua não irão se reconhecer.

_ Isso é bom, creio que vai ser de grande ajuda sim. Mas agora tenho que ir meninas. Nós vemos a noite._ entrei no carro e segui para o trabalho e ao sair me deparei com algo realmente lindo. Um anjo estava me olhando do telhado do prédio a frente.

_ Parece que também há anjos entre nós no final das contas.

( Hinata off )

( Tenten on )

Sou da mesma opinião das meninas sobre a chefe de Hinata. Aquela mulher tem segundas e terceiras intenções com a nossa amiga. Não que isso seja um problema, ela fica com quem ela quiser. Mas creio que há algo a mais. E isso assusta um pouco. Mas é hora de trabalhar, ou melhor é hora do segundo trabalho. Temari está correndo de um lado Sakura do outro e eu pela frente, Ino atrás e Toneri está nos observando enquanto bebe chá. De aonde saiu esse chá meu Kami Sama? Temari tirou seu leque para usar seu elemento vento.

_ Invocação: Dança da Decapitação Rápida!!!_ uma grande rajada de vento fez o animal ou demônio cair para trás com força. Sakura se preparou para dar um soco no bicho.

_ Shannarō!!!!_ e deixou ele mais desorientado ainda.

_ Ino vai!!_ Ino fez os selos e invadiu a mente dele. E agora é comigo.

_ Técnica de Manipulação de Fios!_ lhe prendi aos meus fios enquanto ele não sabia bem o que estava acontecendo. E logo estávamos indo embora com o novo animal de estimação de Toneri.

_ Até que ele cresceu um pouco. Era só um animalzinho quando fugiu com os outros, só tinha dois metros de altura. Agora com cinco estou orgulhoso dele._ e com isso ele apanhou da Temari como sempre.

_ Leva logo ele daqui Toneri, logo a Hinata vai chegar com a Hanabi e não pode ver esse bicho por aqui. Vai logo._ ele saiu levando a criatura que diminuiu seu tamanho quando ele o tocou.

_ Vejo vocês em casa, mas só para avisar. Vocês foram vistas trabalhando. Bem agora tenho que ir passar creme para pentear no cabelo da Samara antes que ela vá brincar de caí no poço mais uma vez. Vocês não sabem o trabalho que aquele cabelo dela dá.

( Tenten off )

( Shikamaru on )

Ouvi alguns relatos de que uma criatura estava a solta no parque e fui investigar caso fosse um dos demônios de Toneri poderia mandá-lo de volta. Mas nada me preparou para o que eu vi quando fui atrás das energias. Fiquei escondido no topo de uma árvore esperando os acontecimentos e foi aí que a vi e não pude acreditar. A mulher que eu tirei da água depois do seu afogamento e morte estava com mais três mulheres e lutando contra a criatura. E quando a loira pulou para conter o animal com uma rajada de vento senti como se nossos olhares se cruzassem. Nunca senti isso na minha vida. Mas algo tirou minha atenção dela. A pena que mandei para Kakashi estava de volta neste exato momento com a minha resposta.

_ As almas brancas estão juntas.

Continua....



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...