História Exploding love - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Personagens Bakugo Katsuki, Midoriya Izuku, Todoroki Shouto, Uraraka Ochako
Tags Deku, Dekuchan, Kacchan
Visualizações 219
Palavras 1.703
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


OOOOOOOI GENTE LINDA DO SPIRIT!!! Aiiiiiiih pessoas eu to bem triste hoje, eu fui fazer o lance do Enem e olha no que deu?? Fui pagar de inteligente e não estudei nada durante o ano e pah dae oq acontece? Bombei aahahaha nota super ruiiiim, dae por isso que eu demorei 759 dias pra postar o cap novo!!!1 E aqui está ele lindo cherosoooooooo. Gente eu to bolando umas ideias bem legais pra essa fiiiic vc vão gostaaaar, mas bem.
OLHA SÓ A HORA QUE O LINDO RESOLVE POSTAR FANFIC AHAHAHAHHA DEPOIS CHEGA NA ESCOLA MORTO E NEM SABE PQ AHAHAHAHA GENTE TO MUITO LOKO!

-BOOA LEITURAAAAA!!!!

Capítulo 10 - O sol da manhã


Fanfic / Fanfiction Exploding love - Capítulo 10 - O sol da manhã

Deku acabou por adormecer no peito de Kacchan, que antes de adormecer por completo puxou um lençol para cobri-los.

Na manhã seguinte, os intrusos raios solares invadiam o quarto o iluminando de ponta a ponta.

O loiro se vira na cama tentando evitar a luz, numa tentativa falha já que tinha perdido o sono. Katsuki se sente sobre a cama e sente o cheiro da noite passada, cenas passam em sua mente, cenas que ele fazia questão de lembrar.

Olha para o lado e fita seu namorado dormindo envolto aos lençóis com uma expressão tranquila, um sorriso se forma em seus lábios. De alguma forma Bakugou sabia o que estava por vir, turbulências que poderiam fechar mais os momentos bons.

O loiro tinha a plena consciência do que ele estava fazendo, momentos assim o fazem refletir sobre todas as coisas que ele pensa sobre tudo.

-Uhhrg - Deku faz um barulho estranho ao tentar se levantar, isso corta Katsuki de seus pensamentos.

-O que foi? Sente alguma dor? - Katsuki se mostra preocupado com o esverdeado.

-Um pouco, sinto um desconforto. - Responde o moreno envergonhado.

-Já volto. - O loiro saiu da cama, mesmo sem roupas e saiu do quarto.

Deku fica vermelho por fitar o loiro de costas, ele tinha um corpo ótimo, o menor o considerava um cara gostoso mesmo  que fosse constrangedor pensar isso sobre outra pessoa.  

O moreno estava na casa de outro garoto, e pensar que ele transou com outro cara era uma coisa nova pra ele, muito nova aliás, pois ele nunca teve relações com nenhum dos sexos, sendo assim o loiro foi seu primeiro e Deku não queria que ele soubesse disso, ao menos não agora.

Deku estava olhando para a janela do quarto do loiro, quando o mesmo lhe chama a atenção.

-Deku? - Katsuki estava com um comprimido e um copo de água em cada uma de suas mãos.

-Que isso? - Pergunta o moreno querendo saber se era seguro tomar.

-Um remédio para sua dor, pode tomar é seguro. - Bakugou aproxima sua mão da boca de Izuku.

-Já vestir uma roupa seu pervertido. - ¬///¬

Deku pega a pílula e a água e toma de uma vez só, odiava ter que tomar remédios, mas ao menos isso iria deixar ele mais confortável.

-Precisamos tomar banho. - Diz o loiro sentindo o cheiro que estava no ar.

-Vá você primeiro, depois eu te ajudo a arrumar tudo. - Deku diz se deitando e recobrindo-se com o lençol.

-Tudo bem, depois peço algo pra gente comer já que é tarde pra um café - Diz Bakugou indo para o banho.

P.o.V Midoriya

Kacchan… Ele mudou tanto desde a nossa infância e breve adolescência juntos. Ele realmente parece se importar comigo.

Eu estou apaixonado pelo valentão de um tempo atrás, isso é tão Yaoi americano. E a melhor parte é que o próprio me fez sentir isso. É tão novo.

Isso não se compara a qualquer crush que eu tive em uma garota, ele supera até mesmo o jeito doce da Uraraka-san. Okay acho que eu estou ficando louco, eu estou realmente gostando de um cara como Bakugou Katsuki, eu tenho sérios problemas.

Mas ele é diferente, será que é isso o que as garotas chamam de “pegada”? Se for, ele tem muita, até mais que o Todoroki-san.

Quando será que vai acontecer de novo? Ontem foi tão bom… Mas não devo ter muitas esperanças, quer dizer, Kacchan é muito instável! Como vou saber o que ele quer, aaaah que cara difícil.

Ele é quase uma garota, uma garota permanentemente de TPM.

Estou pensando demais nisso, deveria deixar rolar e ver no que vai dar e tentar não me apegar… Droga! Eu já estou me pegando. O “encontro de ontem” {Cap.: 08} foi a prova disso, que ódio daquelas garotas, se bem que elas nem sabiam de nada.

-Deku? Faz um minuto que eu tô parado aqui na sua frente! - Kacchan me traz de volta ao mundo real.

-Ahn? Me desculpe eu estava viajando. - Digo

Eu olho diretamente para ele e percebo que ele está enrolado na toalha, com o peitoral e os cabelos úmidos. Que visão!! Por que ele tinha que errar tanto assim minha cabeça, sendo tão lindo e embuste ao mesmo tempo!! Se bem que ele estava sendo a melhor pessoa nesses últimos dias.

-DEKU!! - Ele grita, me assustando. -Cara você é muito estranho!!

-Eu não sou estranho, só estou pensando. - Eu digo dando um sorriso sem graça.

-Em que? - Ele me olha com uma expressão desconfiada.

-Nada de importante, mas bem vou ir para o banheiro, e não olha quando eu estiver andando. - Eu digo, eu não queria que ele olhasse, ainda tentando digerir a ideia da noite passada.

P.o.V Autor

-Garoto estranho... - Diz o loiro baixinho ao fitar seu namorado indo para o banheiro, é óbvio que ele ia olhar neh.

Katsuki se vestiu com uma bermuda velha e ficou por isso mesmo.

-Deku, se você quiser algo para vestir, pode pegar qualquer coisa do meu armário!! - Grita o loiro, logo depois ele ouve um “Okay” vindo do banheiro.

Katsuki vai para outro cômodo da casa e vê em uns dos relógios de parede de sua mãe que já é quase meio dia.

Ele pega o telefone e pede uma pizza mesmo.

-Uaau ainda fico surpreso com o tamanho de sua casa. - Diz Deku descendo as escadas com uma camiseta meio longa e só de cueca como parte de baixo.

-Interesseiro! - Diz o loiro como provocação.

-Hey, não sou interesseiro, sua antiga casa era tão grande quanto essa e nem por isso eu te peguei. - Diz Deku revidando a provocação.

-Baka! - O loiro vai até o moreno e sela seus lábios em um beijo calmo.

Suas línguas roçam uma na outra deixando o beijo bem molhando, o loiro aproveitou que Midoriya estava com as pernas nuas e acaricia suas coxas dando leves apertões.

-Você é tão intenso. - Diz o moreno quebrando o beijo.

-Você gosta? - Ele responde com um sorriso lascivo.

-Sim, é ótimo, me faz querer mais.- Midoriya com o rosto quente.

Os garotos iniciam mais um beijo quente, Bakugou parte para o pescoço de Izuku dando alguns chupões, o loiro afundou as unhas na coxa do menor e isso faz ele soltar um gemido baixo.

O clima estava esquentando consideravelmente rápido, mas foi logo interrompido pelo som da campainha da casa do loiro, seu pedido havia chegado.

-Melhor você atender o///o - Deku fala olhando para a porta.

-Eu vou estourar a pessoa por trás dessa porta!! - O loiro diz raivoso por terem o interrompido junto naquela hora.

Bakugou abre a porta e vê que é apenas o entregador, o encara com uma expressão raivosa.

Foi até sua cozinha pegou o dinheiro e praticamente tacou as cédulas no garoto da pizza e fechou a porta.

-Uau… - Midoriya fica surpreso com o namorado. -Então meninas, nunca atrapalhe um Kacchan quando ele ta em um momento hot.

-Ta falando com quem? - Diz o loiro confuso.

-Aah ninguém, bem vamos comer.

-Você está cada dia mais louco. - Diz Bakugou.

Os garotos comem a pizza e resolvem assistir a um filme qualquer já que eles não tinham nada pra fazer.

-Deku… - Diz o loiro chamando a atenção do menor.

-Que foi?

-Como você e o picolé de pimenta se conheceram? - Pergunta olhando para a televisão.

-Ué? - Deku achou essa pergunta, ainda mais vinda de Bakugou.

-Responde! - Katsuki olha para Deku.

-Bem sabe a época que a gente estava em estágio, então eu e o Todoroki-kun acabamos nos esbarrando por aí em uma luta, acabamos parando em um hospital e a partir daí a gente foi se aproximando até isso virar uma amizade coloridinha. - Diz Deku olhando para a imensa cara de bunda que Kacchan estava.

-Deku, você agora é só meu, entendeu? - Diz o loiro subindo em cima do moreno.

Sim! - Deku respondeu com firmeza, aquele jeito que o loiro falava deixava Deku muito excitado. Gostava de ouvir que o loiro queria ele pra si.

-Você vai conversar com ele? - Diz o loiro emburrado.

-Vou, mas como a gente vai fazer? Vamos continuar pagando de inimigo ou assumir logo?? - Diz Deku sem encarar Kacchan.

-Acho melhor fingir que a gente ainda se odeia, mas vamos continuar juntos. - Diz o loiro com um cara meio mórbida.

-Se a gente pensar bem é melhor mesmo por enquanto. - Diz Deku olhando para a expressão de Kacchan.

Eles continuaram conversando coisas banais sobre o filme e também sobre coisas aleatórias, até chegar a hora do moreno voltar a sua casa.

Katsuki foi leva-lo até a sua casa e eles foram de mãos dadas pelo caminho.

-E nossos pais?? - Deku se dirige ao maior.

-Bem,  minha mãe vai surtar com certeza, ela sempre quis me ver casado com uma garota e essas coisas, e meu pai ta viajando pelo mundo e quando souber eu já não vou um garotinho. - Diz o loiro com uma expressão um pouco distante.

-Quer conversar sobre isso?? - Deku diz olhando nos olhos do maior.

-Não, tá tudo bem. Sua mãe como vai lidar? - Pergunta o loiro.

-Não estou certo disso, mas provável que ela já saiba de tudo. -Diz coçando a nuca.

-O QUEEE?? - Bakugou se espanta com a notícia.

-Ela é uma mulher de coração puro, ela percebe muito bem essas coisas, ela vai apoiar a gente. - Diz o moreno.

Bakugou fica surpreso e sente um pouco de inveja de Deku, queria que sua mãe lidasse bem com isso apesar de que ele sabia que ia ser turbulento.

Os garotos continuam andando e no portão da casa de Deku eles se despedem com um selinho e um abraço.

-Esses dois dias foram ótimos, te amo Kacchan! - O esverdeado diz olhando nos olhos rubros do outro.

-Hm, também te amo Baka-Deku. - Bakugou diz, logo fechando um beijo.

Eles se despedem e o loiro vai para sua casa, desejando que o dia passe logo para que ele possa ver seu esverdeado de novo.   

--CONTINUUUUAAA SIIIIIMMMMM!!!!---


Notas Finais


GEEEENTE leia e comente aeee pq isso e importante pra mim, e pah mostra pros amigus pq elex vao adora esses boyzzzzz.
LEIA COMENTE E REBOOOLE!!
PS: Tou sem ideias pra títulos bons, quer dizer nau sou bom nisso ahahaha

Até a próxima essoas lindas


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...