História Extremamente Sexy - Capítulo 16


Escrita por: e Harlegin

Postado
Categorias Naruto
Personagens Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Visualizações 65
Palavras 2.262
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oieeeeeeeeeeeee olha eu aqui com mais um capitulo quentinho para vocês.

ignorem os erros.

boa leitura. ahahhah

A e mais recomndo lerem ouvindo essa musica: Sam Smith - Stay With Me Tradução
vcs vão gostar.

Capítulo 16 - Sasuke e Sakura


Fanfic / Fanfiction Extremamente Sexy - Capítulo 16 - Sasuke e Sakura

Ela havia se perdido de seus pais estava chorando de baixo do escorregador, quando o loiro apareceu todo atrapalhado e idiota, ela o socou bem forte no meio da cara e saiu correndo, mas estava perdida e com medo então voltou para o mesmo lugar de onde estava.

– Ah você voltou? Ele disse com um pequeno sorriso, mas estava acompanhado de um moreno de cabelos rebeldes. – Eu não te disse Sasuke que ela é linda! Comentou risonho com o amigo

Sasuke.... Ela pensou contendo o sorriso bobo eles falavam sobre algo que ela não se importou muito apenas viajava nos olhos negros.

- Bem e eu sou o Naruto. Ele disse estendendo sua mão para ela.

- Sakura. Disse pegando na mão do mesmo.

- Por que está sozinha? Sasuke perguntou

- Eu mim perdi. Disse fitando o chão.

- Ora essa como podes ser tão inútil a esse ponto de se perder?

- Sasuke não fala assim.

- Falo como eu quiser.

- B-bem não foi assim. Disse fitando os próprios pés. – Meus pais começaram a brigar, e e eu não sabia o que fazer então mim afastei. E acabei mim perdendo. Completou. Vendo o loiro ficar pensativo e o moreno resmungar.

Sakura não sabia explicar, mas algo no moreno mexia com ela, Naruto e Sasuke a ajudaram a encontrar seus pais, e à parti daquele dia viraram amigos. Os anos foram se passando e Sakura percebeu que Sasuke fazia seu tipo de garoto rebelde, na adolescência a partir dos 12 anos começaram a estudar no mesmo colégio e na mesma classe, com seus 8 anos conheceu Ino em uma colônia de férias e Hinata um ano depois, e então descobriu que ambas estudavam com Naruto e Sasuke desde quando tinham 4 anos.

Sempre via Sasuke a sua frente em todas as matérias e percebeu que ele se interessava por garotas inteligentes e de cabelos logos. Virou a aluna número um junto com ele e deixou seus cabelos crescerem. Mas ele nunca havia de outra forma a não ser como uma amiga, irritante e inútil.

Suspirava nos cantos ao passar no amor não correspondido do Uchiha. Mas ele tinha toda a certeza do mundo, um dia ele veria a bela mulher apaixonada que ela era e cairia aos seus pés.

...

Sasuke quando viu Sakura pela primeira vez não soube explicar o que lhe ocorreu, seu estomago borbulhou , parecia que tinha um milhão de borboletas batendo assas ali ao mesmo tempo, seu sangue ferveu não sabia ao certo o que era, e quando seus olhos negros como noite encontrou os olhos verdes esmeraldas, as coisas pioraram, ele negava, tinha que negar, não queria aceitar, mas era mais forte que ele, e para evitar algo a mais, preferiu criar uma barreira entre si, essa que sempre a tratava como um grosso apesar que cada dia que ele chegava em casa se jogava em sua cama frustrado e se arrependia de tê-la chamado de inútil.

Os dias foram passando e as noites como os dias também, logo estavam prestando vestibular, para a faculdade. E com isso o moreno ao longe percebia o quanto Sakura amadurecia. E ficou altamente revoltado quando ela começou a namora no segundo ano quase no término do colégio, com Kankuro o irmão de um amigo seu Gaara. Foi o dia mais sombrio de sua vida, pois ele ainda nunca tinha chorado por uma garota como chorou as escondidas por Sakura e a amaldiçoou internamente. Quando as férias chegaram Sasuke agradeço internamente pois ficaria por dois meses sem ter contato algum com Sakura, e nesse período o mesmo trabalhou com o pai e o irmão na empresa. Seu maior susto foi quando chegou na faculdade e viu Ino caminhando animada e ao lado uma garota de cabelos róseos curto acima dos ombros.

- Fecha a boca se não entra mosquito.

- Dobe. Rosnou se recompondo cruzando os braços.

- Teme! Riu coçando a nuca. – Eu não tive tempo nenhum nessas férias. Resmungou

- Naruto, pense pelo lado bom, estamos na faculdade agora. Sorriu de canto, logo olhando disfarçadamente para onde Ino seguia.

- Sim, Sasuke.

- Sim o que? Olhou sem entender para Naruto

- Ao lado da Ino, sim, é a Sakura.

Sakura... como ficou gostosa. Pensou o Uchiha com um leve sorriso de canto.

- E quem disse que mim importo.

- Ata, sei. Disse Naruto ironizando.

Em um intervalo, que por coincidência os professores liberaram ao mesmo tempo Sasuke saiu com Naruto pois faziam o mesmo curso de administração empresarial, se esbarraram com Sakura pelo corredor, foi um reencontro agradável e por milagre divino, Sasuke abraçou Sakura, um abraço forte e com desejo.

...

A primeira festa da faculdade bateu na porta de todos, a primeira festa, a primeira bebedeira maluca, as primeiras merdas, e sexo, sexo adoidado. Sasuke foi para cama com uma morena, e Sakura ah, nossa linda e diva Sakura não ficou para trás. Foi para cama com outro.

Pensam que Sasuke não ficou sabendo? Se enganaram o moreno ficou sabendo e ficou uma pilha, sim, queridos e queridas, Sasuke Uchiha falto invocar o Susano’o de tão puto que ficou, mas ele guardou aquilo só para si.

Então teve a segunda, festa e o mesmo ritual. A terceira, a quarta, e na quinta, Sasuke Uchiha, foi tirar satisfações com nossa pequena Haruno no apartamento dela.

- QUE HISTORIA É ESSA DE VOCÊ ESTÁ TRANSANDO COM O CAPITÃO DO TIME DE FUDEBOL?

- O QUE? QUE PORRA É ESSA SASUKE? QUE EU SAIBA EU NÃO TENHO NADA COM VOCÊ E EU TRAZO COM QUEM EU BEM ENTENDO.

O Uchiha resmungou, e empurrou a porta com força por fim entrando no apartamento da rosada sem ela deixar.

- Sasuke saia daqui. Disse pegando o celular. – Se não sair eu ... foi interrompida pelo Uchiha que pegou o celular de sua mão.

- Vai ligar para polícia? Riu alto e irônico – Não vai mais. Afundou o celular em um pequeno aquário ali perto de onde ele estava em uma comada media ao lado da porta de entrada.

- SASUKE POR QUE FEZ ISSO? Gritou segurando o choro – EU NÃO TENHO PAZ NEM NA PORRA DA FACUDADE VOCÊ SEMPRE ESTÁ EM CIMA DE MIM E AFASTA AS PESSOAS QUE QUEREM ALGO COMIGO. Disse partindo para cima do moreno socando seu peito descontroladamente. – EU TE ODEIO UCHIHA, EU TE ODEIO SASUKE!

- VOCÊ NÃO PRECISA DELES. Gritou em fúria segurando os braços femininos a impedindo de soca-lo ainda mais. – Não precisa. Disse encarando os olhos verdes que brilhavam em lagrimas acumuladas que logo molhavam sua face. – Não precisa. Disse por fim tomando os lábios rosados e carnudos em um beijo quente que ansiava a tempo, anos. A segurou pela nuca e apertou os dedos de sua mão esquerda na cintura fina, em claro sinal possessivo, de que ela seria apenas sua. A pegou no colo ainda sem parar o beijo, fechou a porta que estava aberta e caminhou pela sala e logo subiu as escadas.

- Primeira porta. Sakura disse com seus lábios colados com o do moreno. – Por que faz isso? Questionou arranhando de leve a nica do mesmo. Sasuke não respondeu pois nunca foi um cara bom de papo, apenas estalou a língua no céu da boca e logo empurrou a porta do quarto dela com o pé direito. Caminhou até a cama da rosada que ficava no centro, e a colocou lá. Voltou em direção a porta a fechou e trancou. Tirou seu casaco e colocou encima de uma cadeira que estava ali. E voltou a caminhar em direção a rosada que observava atentamente tudo o que ele fazia. No meio no caminho tirou sua camisa branca e jogou em um canto qualquer. Logo se ajoelhando na beirada da cama, e ficando por cima da Haruno.

- Sasuke. Sussurrou.

- Sakura. Disse encarando os olhos verdes e a beijando novamente tirando do corpo cheio de curvas o vestido que usava, e para sua sorte a mesma não estava usando sutiã, logo levou as mãos aos seios medianos os tampando pois tinha vergonha deles.

- Por que faz isso? Indagou com a voz rouca.

- Po-por q-quer são pequenos. Respondeu corada e desviando o olhar do dele. Sasuke sorriu de canto.

- São os melhores que já vi. Disse com um sorriso. – Pois cabem perfeitamente... disse segurando os braços da mesma sobre a cabeça desta na cama com certa força. – Em minha boca. Completou abocanhando o seio direito e com a língua começou a brincar com o mamilo rígido. Sakura gemeu baixinho, sentindo todo seu corpo se arrepiar com o contato da língua quente do moreno com seu mamilo, do seio direito Sasuke foi descendo passando a língua pela barriga chapada e branquinha de Sakura até chegar na barra da calcinha com detalhes em renda nas bordas e o mesmo morder e tirar lentamente. Sasuke se ajoelhou na frente de Sakura na cama e a observou.

- Está molhada desse jeito para mim já?! Disse passando dois dedos de sua mão direita na intimidade da mesma que corou com o comentário. O moreno sorriu de canto se abaixando entre as pernas grossas de Sakura as colocando por cima dos seus ombros, logo passando a língua por toda a extensão molhada da rosada, onde começou a fazer uma leve penetração suave com a ponta da língua em sua entrada, Sakura ergueu um pouco as costas da cama e apertou um pouco o forro da cama, e soltava longos suspiros. A sim aquele era o melhor oral que já tinha recebido em sua vida. Logo Sasuke com sua mão direita colocou o pequeno ponto carnudo da intimidade da rosada entre o dedo indicador e maior e com os dedos começou a massageá-lo a estimulando. E quando Sakura pensava que não podia ficar melhor aí que ficava gemendo hora baixo e outra um pouco mais alto até se contorceu, e chegou ao seu clímax, Sakura pensou com sigo mesma o quão bom Sasuke sabia fazer um oral pois não precisou nem por dois dedos para alucinas as coisas. Sasuke não perdeu tempo lambeu e engoliu toda a goza da rosada.

- Você é deliciosa rosadinha. Disse tirando sua calça e cueca já se preparando para penetra-la. Quando sentiu as mãos pequenas e macias tocarem em seus ombros e o joga-lo na cama. Sakura sorriu ficando por cima mordendo o queixo do moreno e foi descendo passando a língua fazendo uma trilha, mordendo todo o peitoral e pescoço, lambendo todo o abdômen semi-definido e segurando o mastro do moreno com a mão esquerda e passando o dedo indicador da mão direita na cabecinha o massageando e vendo o pré-gozo ali. Sakura encarou os olhos negros do moreno que antes suspiravam, e agora mordia o lábio inferior prestando atenção em tudo que ela iria fazer, e com os olhos fixos no do moreno passou a língua pela cabecinha do membro ereto do Uchiha que suspirou com a sensação da língua quente da Haruno. Sakura sorriu abocanhando metade do membro do Uchiha e começou a masturbá-lo enquanto chupava-o.

Quem dominava ali era Sakura ela ia por cima cavalgando no membro de Sasuke que a preenchia, se aquilo fosse um sonho queria que nunca acabasse. Que dormisse para sempre.

Na manhã seguinte Sakura acordou atordoada, e se sentou em sua cama, viu que estava nua, riu ironicamente, talvez tudo o que ele quisesse era apenas sexo. Vestiu uma blusa qualquer que estava jogada no chão e não estranhou o fato dele virar um vestido para si, desceu as escadas com a maior cara amassada e caminhou para a cozinha dando de cara com um moreno de 1,86 de altura mexendo em seu fogão apenas de cueca.

- Bom dia. Ela disse com a voz rouca.

- B-Bom d-dia.

- Espero que goste de panquecas. Disse simples olhando por cima de seu ombro.

- Oh, sim. Sorriu

- Você com minha camisa ficou extremamente sexy. Sorriu de canto se virando por completo para rosada.

- Sasuke. Disse meio corada.

- Não estou mentindo. Disse se aproximando e deixando os dois pratos com as panquecas em cima da mesa. E logo a puxou para um beijo calmo. – Dessa forma você mim excita mais.

- Oh, serio Daddy. Disse em um sussurrou próximo ao ouvido do maior.

- Não brinque com fogo Senhorita Haruno. Disse apertando a bunda da rosada com força enquanto essa soltava uma risada e se afastava do mesmo. 

...

Sasuke a puxou para um abraço forte.

- Espero que você fique comigo. Suspirou abraçado com Sakura, haviam acabado de sairem de mais uma briga -Você é tudo o que eu preciso.

- Se um dia você vacilar feio, eu te deixarei mim vigarei, e quem sabe voltarie.

...

Em dois meses estavam namorando.

Em quatro anos se formaram.

Em cinco anos juntos se noivaram.

E nesses cinco anos a primeira de muitas traições vinda do Uchiha. E uma delas a nossa querida Sakura descobriu... e jurou não deixar barato como não deixou. Agora Sasuke irá pagar caro.

...

Dias atuais...

-Houve alguma coisa Hana? - Perguntei olhando atentamente seus traços, ela negou e deu um sorriso reconfortante.

– Você está a cada dia mais jovem Hana. Afirmei entrando na casa puxando minha mala e a parando do meu lado- olhei para a escada e vi o babaca do Naruto parado que nem um poste com um perfeito “o” na boca que logo foi preenchido por um enorme sorriso.

– Oi Naruto, espero que meu quarto esteja pronto- eu falei com um sorriso de canto.


Notas Finais


Peço a vcs que não mim matem helllllllllp serio nn mim façam nada contra mim. rsrrsrsrs


Espero que vocês tenham gostado. Até o proximo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...