História Fadas Apaixonadas - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Angel, Aquarius, Aries, Bisca Connell, Brandish μ, Cana Alberona, Câncer, Capricórnio, Carla (Charle), Crux (Kurukkusu), Elfman Strauss, Erik (Cobra), Erza Scarlet, Evergreen, Frosch, Gajeel Redfox, Gemini, Gildartz, Gray Fullbuster, Happy, Hibiki Lates, Jellal Fernandes, Jura Neekis, Juvia Lockser, Kagura Mikazuchi, Kinana, Laxus Dreyar, Lector, Levy McGarden, Libra, Lisanna Strauss, Loki, Lucy Heartfilia, Lyra, Macao Conbolt, Makarov Dreyar, Mavis Vermilion, Meredy, Michelle Lobster, Millianna, Minerva Orland, Mirajane Strauss, Mystogan, Nashi Dragneel, Natsu Dragneel, Nikora "Plue", Pantherlily, Personagens Originais, Pisces, Rogue Cheney, Romeo Conbolt, Scorpio, Sherry Blendy, Sting Eucliffe, Taurus, Ultear Milkovich, Ur, Virgo, Wendy Marvell, Yukino Aguria, Zeref
Tags Fairy Tail, Nashi
Visualizações 48
Palavras 541
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Ecchi, Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 5 - Capítulo 4


Fanfic / Fanfiction Fadas Apaixonadas - Capítulo 5 - Capítulo 4

O de cima é o Max


Pov Michael

- e aí Michael! - disse sorrindo enquanto tirava um bloquinho e caneta do bolso - em que posso ajudar?

- gostaria de uma macarronada para ela - respondi sorrindo (N/a: foi a primeira comida que veio a minha cabeça) - e suco de laranja - observei ela baixar a cabeça timidamente

- Pode deixar meu amigo! - fez joinha

- valeu Max - fiz joinha também

Max é uma rapaz boa gente, sempre que eu preciso de ajuda em algo que nem o Yuki pode saber, ele me ajuda de bom grado. Se não fosse por mim ter descoberto seu dote na cozinha, ele ainda estaria sem emprego, ele me agradece até hoje por eu ter ajudado ele

Momentos depois, ele apareceu novamente mas dessa vez com a comida em mãos

- Aqui está sua comida madame - disse galanteador com aquele sorriso dele de lado

ele pra ter essas idéias...

- O.obrigada - agradeceu sorrindo fracamente

Ela é tão fofa!!!!

- Você é muito fofa - comentei, e ela ficou igual um tomate - Agora parece um tomatinho - sorri de lado, apoiei meu cotovelo na mesa e apoiei o queixo na mão - Agora dá vontade de te morder - Max gargalhava com fervura, enquanto a pequena em minha frente comia sua comida, mas continuava extremamente envergonhada, dou um sorriso de lado enquanto contemplo ela comer

Momentos depois

- Obrigada pela comida, hum... - não terminou

- Michael, meu nome é Michael - sorri

- Obrigada Michael - me abraçou e beijou meu ombro, já que não conseguia chegar na minha bochecha

- De nada - sorri meio tímido depois do ato da jovem - até qualquer hora - me despedi acenando com a mão, enquanto me afastava

- Até Michael - sorria enquanto acenava, ela de longe fica muito mais pequena

Foi assim minha manhã antes de chegar na guilda

Pov Yuki

- Wow, então conheceu uma menina que não ficou louca perto de você -comentei surpreso depois de ouvir a história dele

- Então ne, gostei dela - deu um gole em seu suco - o mais estranho é que não tinha uma onda de meninas atrás de mim enquanto eu estava com ela - comentou com estranheza

- Concordo, muito estranho mesmo -coloquei a mão no queixo, escuto a porta se abrir e vejo minha mãe entrar na guilda junto com a Tia Levy e a Nashi - Oi mãe, Tia Levy, Nashi - comprimentei as três que entravam, dei uma mordida em meu lanche e um gole em meu suco

- Oi filho - deu um beijo no topo da minha cabeça - você pode cuidar da Nashi? Tenho que ir em uma missão com seu pai e o grupo - perguntou sorrindo enquanto colocava a rosadinha em meu colo

- Claro mãe, mas hoje eu ia pegar uma missão com o Michael, mas acho que podemos ir outra hora. Ne Michael? - o olhei esperando a resposta, ele confirma com a cabeça

- Obrigada meninos - sorriu de lado e nos abraçou, beijou a cabeça da Nashi que deu risada da ação da mãe - até mais meninos, até Levy-chan! - e foi até onde estava meu pai

- Até Lu-chan! - e foi com o tio Gajeel na outra extremidade da guilda

Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...