História Fake Boyfriend (Kim Taehyung) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias (G)I-DLE, Bangtan Boys (BTS), Monsta X
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Kim Namjoon (RM), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Personagens Originais, Soojin
Tags Kim Taehyung
Visualizações 27
Palavras 1.131
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Fluffy, LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


✧Hii, eu sou a taelis e eis aqui mais uma história minha, espero que gostem e me perdoem os erros, revisado com sucesso, oh yeah ksks.

Boa leitura pessoal ✨💓

Capítulo 1 - O açúcar insensível


  

 •(S/N) Point of view•

  Acordei do meu belo sono com o despertador tocando, me levantei resmungando algumas palavras desconexas, mas fui me arrumar. Eu estava terminando de tomar meu lindo coffe quando Jungkook e Yoongi bateram na porta da minha casa igual dois loucos. 

— Bom dia florzinha — disse se jogando no sofá ao entrar no apartamento. Vamos combinar que Jungkook é um folgado.

— Oi (S/A), comprou meu queijo? deu um sorriso ladino e foi em direção a cozinha. Yoongi era outro que tinha um buraco na barriga. 

— Já tô gastando meu dinheiro pra comprar queijinho pra Min Yoongi falei após terminar de tomar meu cafezinho, assim, me joguei no sofá junto a Jungkook. 

— (S/N) fez as atividades? — Jungkook disse após pegar minha mochila e ir fuçar meu caderno. 

— Garoto, sai daí! — puxei meu caderno da mão dele. 

— Poxa, eu só queria saber a resposta da primeira questão. 

Mentiroso, safado e descarado. Esse era Jeon Jungkook. 

— Te conheço Jeon! 

Olhei de relance para meu relógio de pulso e foi quando vi que estávamos todos atrasados. 

— Gente estamos atrasados!

  Os três mosquitos pegaram suas mochilas e saíram com pressa da casa da sujeita, a qual era eu mesma. Depois de montarmos nas nossas turbinadas ativamos o modo flash e fomos igual foguete pra universidade.

Conseguimos chegar na faculdade a tempo, assim, seguimos para a nossa respectiva sala, onde entramos com pressa e nos sentamos em nossos lugares e fomos tentar fazer algo útil na vida: estudar.

    [....]

 Depois de um dia longo de aula eu, Jungkook e Yoongi estávamos na frente da faculdade esperando um tal amigo do albino, o mesmo iria conosco para casa hoje, pelo menos foi o que o menino havia dito a Yoongi. 

— Te amo! — Jungkook dizia enquanto abraçava Yoongi por trás dando beijinhos naquele pescoço fino. 

— Eu também — ele retrucou e o mais novo fez bico. 

— Deixa de ser insensível Yoon — Falei vendo a cena. 

— Todo dia o Jungkook diz isso e eu já entendi! Não é necessário repetir sempre.

Ok, essa foi de doer o coração albino, calma. 

— Eu não gosto mais de você Min Yoongi! — ele se distanciou — Eu vou jogar, melhor que beijar você. 

— Ei... Desculpa amor — Yoongi foi até Jungkook tirando o celular de sua mão e o abraçou. 

— Desculpado — ele sorriu beijando Yoongi. 

 Eu aceito perguntas do tipo: "Como você aguenta ficar de vela (S/N)?!".

— Yoon... Aquele ali não é o seu amigo? 

— Sim! Vamos. 

  E então fomos os quatro, os meninos foram andando e eu fui pedalando na frente com a minha Penélope Charmosa bem devagarinho na frente pra poder acompanhar aqueles dementes. O garoto que estava conosco se chamava Hoseok, ele era bonito, tinha um sorriso alegre e adorava fazer uma graça.

  Eu não julgo, porque também sou da zoeira. Salve família. 

  Ao chegar no meu prédio me despedi dos meninos e fui para meu apartamento, onde tomei um banho quente e em seguida vesti um moletom e um short largo, me jogando no sofá. Aproveitei também para assistir um filme, então liguei a televisão indo assistir um bom filme com pipoca. 

  Isso era o que eu queria, se meu telefone não tocasse, me fazendo revirar os olhos ao ver que quem ligava era minha mãe. Peguei o celular levando ele até minha orelha depois de tê-lo atendido.

— Oi mãe! 

— "(S/N)! Não sabe como estou com saudade de você filha!" 

— Eu também estou com saudade de você mãe! 

— "Estou tão ansiosa para suas férias do próximo mês!"

  Férias?! Acabo de me lembrar das tais férias que minha mãe fala.

— Oh, é verdade mãe! — ri leve pelo meu esquecimento.

— "Aliás, seu irmão vai se casar justamente neste próximo mês, o qual você, Jungkook e Yoongi sempre vem!" 

— Mãe, isso é um máximo! Nam escolheu o mês certo pra se casar. 

— "Eu sei! Também estou ansiosa para ver meu genro."

— O quê?! Joo está namorando?! — falei surpresa — Como aquela pirralha não me avisou? — murmurei. 

— "Oh não filha" — ela riu — "Me refiro ao seu namorado querida!"

  Céus! Ela parece animada demais em relação a esse assunto.

— Mãe... Eu não estou namorando! 

— "(S/N)?!" — seu tom de voz mudou.

  Lá vem a mesma coisa de sempre: "Mas (S/N), você precisa de um namorado." 

— De novo esse assunto mãe?

— "Filha, seja sincera... Você gosta de mu- — interrompi ela. 

— Não mãe! Já disse que gosto de homem, aquele que tem três pernas! 

— "Ok, ok... Mas você precisa de um namorado, vai acabar encalhando meu bem!" — disse com um tom preocupado na voz. 

  Era impressão minha ou minha mãe estava praticamente surtando do outro lado da linha porquê eu não estava namorando?! 

— Mãe, eu já lhe expliquei... Só irei namorar quando achar a pessoa certa, simples. 

— "Filha, não pense que estou lhe pressionando." 

  Magina! Só tá forçando a barra pra eu arrumar um namorado e não virar a encalhada da família, apenas isso. 

— Por hoje chega... Boa noite mãe — suspirei pesado. 

— "Boa noite filha! Amo você!" 

— Também amo você mãe, até amanhã. 

  Após desligar a chamada olhei a hora em meu celular e vi que já estava tarde, então escovei meus dentes e fui pra minha cama, onde comecei a pensar nas palavras da minha mãe. 

  Eu sempre fui muito criticada pela minha família por ser a única que não tinha namorava, eu até não me importava, mas isso só piorou depois que me mudei para Seul, já que minhas tias sempre se reuniam pra falar da minha vida e no meio delas, não poderia faltar minha mãe, claro! 

  Algumas de minhas primas sempre jogavam na minha cara que namoravam, mas eram apenas namoros superficiais, que não tinham amor e ambos estavam ali pelo prazer sexual. Já eu, nunca quis algo assim, sempre quis um namoro que fosse baseado no amor sincero de ambas as partes, e infelizmente, em nenhum dos meus relacionamentos houve isso, o que me fez desistir de procurar a pessoa certa, e apenas curtir minha vida como eu sempre quis, mesmo que fosse sozinha apenas com meus amigos.

  E assim foi, praticamente a semana inteira minha mãe me liga pra falar desse assunto e quando viajo para Daegu as provocações apenas pioram. Com tudo isso, me sinto insegura o bastante para ter minhas pequenas crises existenciais, o que acaba me afetando bastante.

  Saí de meus pensamentos bestas sobre minha família e resolvi dormir, pois literalmente estava tarde e no dia seguinte eu teria mais um dos meus exaustos dia de aula na faculdade. 




Notas Finais


ミYeey, foi isso! Espero que vcs realmente tenham gostado, e tbm agradeço ao Monsta X que escreveu esse capítulo ao meu lado kjsksksks

Bem, me perdoem os erros, até o próximo capítulo amores

SHINEE FOREVEEER🌠💞


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...