1. Spirit Fanfics >
  2. Fallen Angel: Severus Snape >
  3. A Revelação

História Fallen Angel: Severus Snape - Capítulo 16


Escrita por:


Notas do Autor


Oieeeeee, tudo bem com vcs?

Vocês estavam com saudades?

Muito obrigada pelos comentários e favoritos, vcs são incríveis ❤❤❤

Capítulo 16 - A Revelação


Fanfic / Fanfiction Fallen Angel: Severus Snape - Capítulo 16 - A Revelação

🌬  Capítulo XVI - A Revelação 🔹    

Nicolae e Lilith desaparataram em frente aos portões do castelo, o homem puxou a garota para um abraço rápido.

_ Espero te ver em breve _ Nicolae sorriu, Lilith acenou com a cabeça, eles se despediram e ela o viu aparatar novamente.

Respirando fundo, a garota abriu os portões e caminhou lentamente pela trilha que levava até as portas duplas.

Ela viu ao longe um trestrálio, a criatura semelhante a um cavalo esquelético, com asas e feições draconianas.

_ Senhorita Morningstar! _ alguém gritou ao longe, curiosamente não era para ela, franzindo a testa, ela seguiu a voz. Afundando os pés na neve ao correr em direção de quem a chamava, ela se deparou com a maioria dos professores, todos com feições preocupadas.

_ Lilith! _ Hagrid gritou, lágrimas nos olhos, Canino soltou alguns ganidos.

_ EI! Vocês estão me procurando? _ Lily gritou, braços cruzados e um olhar entediado.

_ Lily? _ Hagrid correu até ela e a ergueu, quase a esmagando em seu abraço de urso _ Onde você estava? Ficamos preocupados! E o que aconteceu com você?!

_ Eu cresci? _ zombou, o meio-gigante riu aliviado.

_ Senhorita, onde estava? _ McGonagall perguntou severamente, Lilith encolheu os ombros.

_ Eu meio que me perdi _ mentiu, lançando um rápido olhar para Lockhart, Minerva acenou com a cabeça de leve.

_ Acho que o professor Flitwick deveria a acompanhar até o escritório do diretor _ a professora disse, então se virou para os outros _ Hagrid, pode os acompanhar, Pomona, preciso de sua ajuda...

_ E eu? _ Lockhart a interrompeu, Minerva o olhou com frieza.

_ Seus cabelos estão cobertos de neve, professor! _ ela comentou com uma sombrancelha arqueada, Gilderoy colocou as mãos na cabeça e com um olhar cheio de terror, saiu as pressas para dentro do castelo.

🔹🔹🔹

Lilith se remexeu desconfortavelmente na cadeira, todos os antigos direitos dos quadro, Dumbledore, McGonagall, Flitwick, Sprout, Snape, Hagrid, e o trio de ouro, a observavam atentamente.

_ Sabem, eu não sou um maldito animal de zoológico! _ ela rosnou com raiva.

_ Não tenho tanta certeza... _ Snape a provocou, ela se levantou da cadeira e o encarou friamente.

_ Seu bastardo! _ raiva pura exalava da loira, seus olhos prateados escureceram até seu globo ocular ficar completando preto e demoníaco.

_ Já basta! _ Dumbledore disse com firmeza, a garota bufou e voltou a sentar _ Lilith é um anjo, e ninguém mais pode saber sobre isso, fui claro?

_ Sim _ a resposta veio em uníssono, porém Hermione ergueu sua mão no ar.

_ Sim, senhorita Granger? _ o diretor o encarou.

_ Não que eu esteja duvidando, mas anjos não existem... _ a grifinória murmurou timidamente.

Lily revirou os olhos e permitiu que suas asas saíssem, brancas e majestosas, as pontas das penas eram prateadas, afiadas e fortes como aço, os olhos dela que haviam voltado a sua cor original, ficaram avermelhados, brilhando como as chamas do fogo.

Um ofego coletivo soou, Rony se pronunciou, limpando a garganta antes de começar a falar.

_ Diretor... Como vamos explicar que Lilith cresceu derepente? Sabe, ela era uma anã! _ o ruivo ficou vermelho vivo com os olhares que recebeu.

_ Diremos que a senhorita Morningstar é uma Meio-Veela, senhor Weasley _ Albus respondeu tranquilamente.

_ Eu acredito que seria estranho eu permanecer no primeiro ano, sem querer ser arrogante, mas já sendo, sou velha o bastante, e como havia dito uma vez... Sei sobre muitas coisas! _ a loira sorriu friamente, seus olhos vermelhos encarando desafiadoramente os azuis do diretor.

_ Qual é sua idade atualmente? _ ele perguntou.

_ 14 provavelmente... _ respondeu com uma carreta. Seu corpo estava dolorido em vários pontos.

_ Então, a colocaremos no quarto ano... _ Dumbledore disse tranquilamente.

_ Desculpe, Albus _ a professora de transfiguração se pronunciou com uma expressão severa e preocupada _ Essa situação toda está estranha o suficiente, e não podemos simplesmente avançar um aluno três anos a frente, o Ministério irá questionar!

_ Mas podemos colocá-la no terceiro ano _ Flitwick sugeriu com a voz estridente.

_ Que assim seja, então _ Dumbledore voltou a encará-la por cima dos oclinhos meia-lua, Lilith voltou ao normal com um olhar cansado _ A senhorita também mudará de dormitório, teria alguma preferência?

_ Posso ter um dormitório para duas pessoas? _ Lily perguntou.

_ Sim _ ele respondeu calmamente _ Acredito que a senhorita Lovegood não irá se importar de mudar hoje mesmo...

_ Acredito que não, diretor _ a loira finalmente se permitiu sorrir, então lentamente se levantou e lançou um rápido olhar para todos os presentes _ Bem, acho que já posso ir... Tenham uma boa tarde, irei dormir um pouco!

E ao se virar para a porta, a garota se transformou em uma bola de pelos branca, não era muito grande, ela se sacudiu arrepiando os pelos. Com um olhar rápido e divertido, a pequena raposa albina atravessou o escritório do diretor e sumiu escada a baixo.

🔹🔹🔹

Os três grifinórios atravessaram a pintura da mulher Gorda, a sala comunal estava parcialmente vazia.

_ Agora sabemos porquê Lilith não ficou no Natal! Ela não poderia beber a poção _ Hermione sussurrou excitada.

_ Sim, e eu achando que ela tinha dado de ré! _ o Weasley retrucou envergonhado.

_ Agora temos que descobrir o que é o monstro da câmara secreta _ Harry parou ao ver Percy os encarar com desconfiança _ Acham... Acham que Lilith sabe o que é?

_ Talvez... _ Rony e Hermione responderam.


Notas Finais


Me desculpem se tiver muitos erros!

O que estão achando?

Comentem, adoro ler a opinião de vcs ❤

Beijão e até o próximo 💙💚


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...