1. Spirit Fanfics >
  2. Fallout Falls >
  3. Paranóia real

História Fallout Falls - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Boa tarde, ou boa noite, caros leitores, espero vocês curtam e gostem do personagem que irá ser apresentado, fiquem tranquilos e boa leitura

Capítulo 2 - Paranóia real


Pov: Liam.

Meu nome é Liam Dewitt, dezoito anos, desde pequeno, cresci em Gravity Falls, sempre fui fascinado pelo sobrenatural que acontecia na cidade, isso é parece vir diretamente da população, também tem início no OVNI em baixo da cidade, onde quero chegar? Eu peguei a "praga" da estranheza, tenho um QI bem alto, além de poder prever o que vai acontecer.

Certa vez quando estava dormindo, sonhei que estava para do em meio a floresta e um clarão surgiu, destruindo tudo, outra vez sonhei que estava caminhando por uma rua devastada, com uma arma lazer, com treze anos presenciei eventos que me marcaram, vi uma pirâmide Gravity Falls, o que mais me deixou intrigado, foi ele tentar sair de Gravity Galls e um escudo invisível impediu, eu sabia que um casal de gêmeos sabiam coisas de que eu não fazia ideia, longo após os eventos, cheguei no tivô deles, Stanford, perguntei sobre o escudo, como funcionava, então passei por anos, dando um jeito daquele escudo impedir qualquer coisa que entrasse em Gravity Falls, nessa paranóia me jogaram pra baixo do tapete, olha só, uma bomba nuclear caiu em Gravity Falls, QUEM ESTÁ LOUCO AGORA?!

Quando a bomba explodiu no céu, eu abri um sorriso de satisfação, rindo comigo mesmo, os trouxas não sabiam que os poços de petróleo do Oriente médio secaram, causando um rombo na econômico mundial, um barril custava um milhão, isso aumentou as tensões entre estados unidos e china.

Eu pelo menos agora sinto um alívio por ter salvado a minha cidade natal, mas agora não posso sobreviver a esse apocalipse nuclear.

Eu fui logo pra cabana do mistério, para ver Ford, não esperava a presença dos gêmeos, enfim falei com Ford:

-Ford, precisamos conversar.

Ele então me olhou com os olhos arregalados e assustado, não só ele mas todos me metralharam com seus olhares, ele me disse:

-Liam, o que é isso? Você fez isso?

Eu só respondi:

-Ford, não estava na china, eu não posso te falar o que não sei.

O gêmeo Mason Pines, chocado com o que aconteceu, logo falou:

-Isso é loucura, mas como?

Eu só disse:

-Vamos pra dentro, vou explicar tudo.

Fomos pra dentro, expliquei o ocorrido ainda completei:

-Tenho um plano, não vai concertar, mas pelo menos, não vamos lidar com a radiação de fora da cidade.

Mason então disse:

-Cara, eu mal consigo pensar, mas o governo não tinha uma carta na manga pra isso?

Eu então respondi:

-Nas principais cidades, existem bunkers, onde as pessoas devem ficar, em caso de guerra nuclear, pra isso contrataram a empresa privada Vault-tec, hackei os sistemas deles tem dez meses, eles tem planos de  criogenicos, é coisa de filme.

Mabel estava chocada com a situação, então me perguntou:

-Somos só nós no seu plano?

Eu disse:

-Não, quem vocês tiverem de amigos, será útil, agora vem o plano...

Botei esquemas de câmaras criogenicas, das quais eu roubei da vault-tec, logo expliquei:

-Nós seremos congelados, por pelo menos cento e cinquenta ou cinquenta anos, Ford pode junto com Fidel Ford, pode construir as câmaras que precisarmos, vamos com calma, chamem seus amigos, quem vocês confiam.

Stanley com sua ignorância falou: 

-Isso é uma baboseira, não vai resolver nada.

Eu só disse:

-Eu sei, não sei o que pode acontecer.

Eu só olhei pra lado de fora.

Mason perguntou:

-Mas você confia em nós?

Eu respondi de forma fria, calma e despreocupado:

-Eu não confio totalmente, não tenho nada à perder, até onde eu sei, vocês são as pessoas mais corajosas que já vi. -Vamos descansar, nós estamos no início desse abismo.

Continua...







Notas Finais


Bem, espero não enrolar muito, eu tenho medo de um bloqueio criativo, não quero parar outra história, pq não gostei do resultado, ou por preguiça, abraço pra vocês


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...