História Família da Hinata - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Boruto Uzumaki, Hanabi Hyuuga, Himawari Uzumaki, Hinata Hyuuga
Tags Bbw, Boruhana, Boruhima, Boruhina, Boruto, Filha, Filho, Futanari, Gravidez, Hanabi, Himawari, Hinata, Incesto, Irmã, Irmão, Mãe, Scat, Sobrinho, Tia
Visualizações 44
Palavras 1.191
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Harem, Hentai, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Pipoca é muito bom, pipoca... O povo não cultiva milho no Japão, não é? E na Rússia? Na Alemanha talvez? Sei lá... Boa leitura!

Capítulo 5 - Tempo a Sós Demais


 Cozinha, 19h00:

Naruto havia chegado há algumas horas, o que levou Boruto e as meninas a parar de transar antes que ele aparecesse. Durante o jantar, com toda a família ao redor da mesa, o pai resolveu contar uma novidade do trabalho:


Naruto: Bom, infelizmente, eu terei que sair de Konoha por algumas semanas, mas sabem como é, assuntos de Hokage.


Os três não falaram nada, apenas olharam para ele e voltaram a comer enquanto escondiam a felicidade de ouvir aquela notícia, Hinata e Boruto chegaram a uma conclusão em comum ao pensar:


Hinata: Ele vai ficar fora, isso é bom? Isso significa que...

Boruto: O que importa? A única diferença entre ele dentro e fora de konoha é que...

Hinata e Boruto: ... Poderemos nós três transar sem preocupações durante esse tempo!

Hinata: Agora que a Himawari também está junta nessa relação, nada impedirá o Boruto de fazer sexo comigo a qualquer hora e onde ele quiser...


Hinata começou a ter uma ereção por baixo da mesa e tentou esconder cruzando as pernas, mas mesmo assim, os pensamentos dela não convergiam com àquela excitação:


Hinata: Mas se for assim e ele continuar com esses fetiches dele, a casa vai virar um imenso chiqueiro e não poderei limpar ocupada por ele.


Quarto dos Pais, 22h00:

Hinata estava deitada na mesma cama que o marido, que se encontrava no outro sentido em relação à ela, já a Hyuuga usava o Byakugan para olhar o que acontecia no quarto dos filhos, era notável o que ela pensava da visão:


Hinata: Eles estão transando, e sem mim, que inveja...


Himawari se encontrava de quatro na cama, sendo penetrada pelo irmão, que lhe apalpava os seios, em seguida, Hinata viu Boruto trocando de posição para ter o ânus violado pela irmã, logo após, o mais velho ficou de joelhos com a bunda da nova na cara, o que claramente configurava na amada coprofagia do garoto, a mãe não conseguia se satisfazer direito olhando aquilo, já que caso se masturbasse correria o risco de um flagra de Naruto se o mesmo sentisse o balançar da cama.


Frente da Casa, 7h00:

Naruto se despedia de Hinata, enquanto Boruto se escondia atrás da porta, já que os pais acreditavam que ele estava dormindo, depois das despedidas, a esposa entrou, fechando a casa, e foi surpreendida pelo filho ao ter as pernas seguradas e ser derrubada, ela reclamou:


Hinata: Boruto, o que você está fazendo, eu podia ter me machucado.

Boruto: Ele já saiu, não é?

Hinata: Bem... Sim, já quer agora? E se ele voltar?

Boruto: Não quero gastar nem um segundo desse tempo juntos.


Boruto avançou engatinhando até a bunda da mãe e abaixou as calças dela, em seguida, colocou o nariz no ânus de Hinata e pediu:


Boruto: Vamos lá, mãe! Peida em mim!

Hinata: Tudo bem, você e esses fetiches por gases.


Hinata forçou os músculos do esfíncter e um grande jato de metano subiu, sendo aspirado pelo garoto, que ficou ereto e perguntou:


Boruto: Ô, mãe! Você também sente tesão por merda, não?

Hinata: O quê? Não, isso é nojento!

Boruto: Eu te vi comendo a própria merda e gostando, não minta para mim.

Hinata: Tá, eu gostei de fazer sexo com cocô.

Boruto: Fala com mais tesão, mãe, pense em você transando com a merda!


Hinata realmente tentou fazer o que o filho dizia, ela se imaginou nua defecando, lembrando da excitação que sentiu ao fazer o mesmo ontem, em seguida, teve a ideia de enfiar o pênis no monte de fezes que havia preparado e, após gozar, passou a comer os excrementos misturados com esperma, enquanto a mãe fantasiava, Boruto se aproveitou e começou a sodomizar a progenitora, que gemeu:


Hinata: Ah, filho! Sim! Eu fico excitada enquanto defeco, eu adoro me imaginar comendo e esfregando-me com meus dejetos.

Boruto: Assim que se fala, mamãe.

Hinata: Agora meta fundo, quero que me induza a cagar enquanto me sodomiza.


A mãe se masturbava durante o anal, Boruto estocava nela enquanto levantava as roupas junto do sutiã, não muito tempo demorou até que a Hinata sentisse vontade de evacuar ali e dissesse:


Hinata: Vamos Boruto, agora tire, a mamãe vai te dar um show que você não vai aguentar.


Boruto saiu de dentro e de cima da mãe e a deixou ficar de cócoras com as mãos nos joelhos, em seguida, Hinata começou a defecar ali mesmo, o pedaço era longo, marrom, grosso e contínuo, enquanto os excrementos se empilhavam no chão, a mãe expelia gases ruidosos e dizia:


Hinata: Uh... Eu estou sentindo sair... Como está, filho? Está gostando do cheiro dos meus puns?

Boruto: Você é incrível, mãe!

Hinata: Sério? Que legal... Eu queria saber, se depois disso... Uh... Nós poderíamos fazer anal... Eu em você.

Boruto: Claro, mamãe!


Hinata contraiu o esfíncter, barrando a vazão de excrementos, o que Boruto estranhou, mas em seguida, a mãe se levantou e justificou:


Hinata: Isso foi só para você ter um gostinho, filho. Quer comer direto da fonte?

Boruto: S-sim... Eu vou comer... Nem acredito que minha mãe está me deixando comer a merda dela!


Hinata dilatou o esfíncter e deixou os dejetos passarem novamente, só que antes que caíssem no chão, Boruto abocanhou o ânus da mãe, fazendo que os excrementos seguissem pela faringe do garoto, que engolia sem mastigar direito, a progenitora apertava a cabeça do filho com as nádegas e gemia excitada:


Hinata: Ah... Meu filho está comendo meu cocô... Eu sou uma mãe má... Mas isso me deixa tão feliz...


Hinata segurou a cabeça do filho e a forçou contra o ânus, então disse:


Hinata: Uh... Filho, você está gostando de comer meu chocolate? É bem fedido, mas o gosto compensa, não?


Enquanto o ato de coprofagia continuava, Himawari resolveu descer as escadas por causa do barulho e recebeu as explicações da mãe:


Hinata: Olá, filha... Seu irmão está comendo cocô da mamãe agora, você pode comer depois... Agora, me coma minha menina bem dotada.

Himawari: Hum... Que recepção gostosa... Mamãe cagando na boca do Boruto e me dando a buceta.


Himawari abraçou a mãe, enfiou o pênis na vagina dela e começou a meter, logo após, Hinata segurou a filha pela bunda e a beijou de língua, enquanto Boruto tinha orgasmos apenas por ingerir as fezes daquela que havia dado a luz ao mesmo, a irmã gemia alto dizendo:


Himawari: Mãe... Mãe... Eu vou gozar em você... Quero te engravidar!

Boruto: Hum... Hum... Não!

Hinata: É tão lindinho meu filho tentando falar com a boca cheia do meu chocolate!

Boruto: Mãe, não!

Hinata: Calma, filho, você também pode já ter me engravidado, mesmo que eu fique grávida, o filho poderá ser seu.

Himawari: Mas... E se... Ah... For meu?

Hinata: Não importa, serão os filhos de nós três!


Himawari se excitou com a lógica da mãe e acabou ejaculando nela, ao mesmo tempo, Boruto terminava de comer os excrementos de Hinata, fazendo ambos gozarem pela conclusão do ato.

Enquanto isso, no útero da progenitora, ninguém sabia, mas naquele mês, a mesma havia produzido dois óvulos, que, coincidentemente, foram fecundados pelos dois irmãos, ou seja, um filho para cada.


 Continua...


Notas Finais


As coisas vão ficar cada vez mais interessantes, então não percam os próximos capítulos... Até lá!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...