História Família Oposta - Imagine Kim Taehyung - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Jay Park, Monsta X
Personagens Jay Park, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Show Nu, Suga, V, Won Ho
Tags Bts, Novela, Romance
Visualizações 546
Palavras 1.243
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Famí­lia, Ficção Adolescente, Hentai, Policial
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hello

Capítulo 17 - Remédio


Fanfic / Fanfiction Família Oposta - Imagine Kim Taehyung - Capítulo 17 - Remédio

TAEHYUNG OFF

S/N ON

Acordo e me sento na cama, finalmente! Eu conseguia ouvir tudo o que me falavam, mas não conseguia me mexer, não conseguia soltar uma sequer palavra, nem meus olhos se abriam. Olho para os lados e vejo Taehyung em uma poltrona deitado todo desajeitado dormindo, me inclino para vê-lo melhor e sinto uma enorme dor na barriga

- Aiii - grito por impulso e por causa da dor, assim acordando o Tae

Tae: S-S/N - Ele se levanta e passa a mão em meu rosto - Ainda bem que você acordou - ele me abraça forte

- Aii - reclamo da dor 

Tae: Está doendo? - Assinto, eu não estava com coragem de falar com ele direito, porra estávamos brigados até agora a pouco, do nada ele me solta um eu te amo - Vou chamar o médico 

- NÃO - grito o assustando - Está tudo bem, não é uma dor forte não...Não precisa chamar o médico 

Tae: Você está bem mesmo? - assinto, e logo ele  começa a chorar 

- Eii - Passo meu polegar em suas bochechas acariciando ali 

Tae: Eu sou um idiota! Me desculpa - ele pede chorando - Por favor, me desculpe 

- Tudo bem Tae! 

Tae: Você ouviu o que eu disse neh?! 

- O-O q-ue? - Falo já gaguejando sabendo do que se tratava

Tae: Eu eu t - interrompido pelo médico que entra no quarto 

Médico: Que bom que você acordou S/N! Está tudo bem sente alguma dor? 

- Um pouco 

Médico: Tome esse remédio - ele vai a uma prateleira e pega um remédio de gotinha e coloca em minha mão - Trinta Gotas! Boa Noite, ah e amanhã depois de alguns exames você já tem alta! - ele sai do quarto 

Tae: Vai, deita! - Me deito na cama, ele pega o remédio de minha mão - Abre a boca - Abro a boca e ele abre o remédio e pinga gotinha por gotinha dento de minha boca - engole! - Engulo o remédio e faço uma careta ao sentir o gosto daquilo, logo ouço a risada nasal de Taehyung - Que carinha boa hein 

- Aish 

Tae: Vamos dormir, são 03:10 da manhã - Tae se deita na poltrona e eu fecho meus olhos, eu não estava conseguindo dormir, abro os olhos e olho para o Tae que se remexia tentando achar uma boa posição para dormir

- Eii Tae

Tae: Hum? 

- Deita aqui - chego para para o lado dando espaço para ele se deitar

Tae: Pode?

- Claro deita aqui, não dá pra dormir aí - Ele se deita ao meu lado - Porque você está aqui?

Tae: P-porque eu me arrependi do que te disse e, eu gosto muito de você para estragar tudo por um motivo de nossas famílias opostas - Sorri largamente apos ouvir aquilo

- Eu também gosto muito de você - Logo Taehyung me beija, foi rápido porém intenso, logo ele solta uma risada 

Tae: Agora eu entendo sua careta - ele me da um selinho - tá com gostinho de remédio - Dou um  tapinha em seu braço rindo 

- Tae, o que a gente vai fazer quando sairmos daqui?

Tae: Bom...Você vai pra casa, eu vou perguntar para o médico todos os remédios e cuidados que temos que ter com esse corte na barriga, e a noite a gente foge, Ok?

- Ok! Mas..Eu tenho medo...Tenho medo porque a gente não pode fugir para o resto da vida, tenho medo do que meu pai vai fazer quando encontrar a gente

Tae: Provavelmente ele não encontrará, a gente vai sair do país 

- COMO?

Tae: Isso...Vou levar bastante dinheiro, e de mês em mês meu pai irá mandar uma boa quantia de dinheiro para nós - Sorri largamente, ele estava disposto a até mudar de país para ficar comigo 

- Pra onde a gente vai? 

Tae: Surpresa, você só descobrirá no aeroporto - me da um beijinho no nariz - Você vai gostar! Amanhã, aliás, hoje porque já está de madrugada, a gente foge as 23:00 e o Voo é as 01:00 

- Tenho dó do ChimChim, ele vai ter que atuar meu pai sozinho 

Tae: O Jimin é forte, ele consegue! Ah, tenho mais uma coisa para contar, dois amigos meus vão com a gente para fora do país, eles sabem falar a língua de lá podem nos ajudar

- Ué, e os pais deles? 

Tae: Na altura do campeonato ta todo mundo querendo fujir dos pais - rimos 

- Quem são? 

Tae: Jungkook e Suga

- Acho que sei quem são, vou sentir falta da Jisoo...

Tae: Passo o dia com ela... - assinto - agora vamos dormir neh princesa, já está tarde de mais! - ele me da um selinho - Boa noite!

- Boa madrugada - rimos 

^^^^^^

Acordo com o médico conversando com o Tae e mostrando alguns papeis 

Médico: A senhorita já pode ir, e boa recuperação - ele sai do quarto  

Tae: O Jimin vai te lavar para a casa, ele está ai de fora, eu não posso ir com você porque a mídia tá lá de fora - Ele me dá um selinho e me abraça - Não faça movimentos bruscos, e não se esforce muito - assinto - Tchau - ele me dá outro selinho e eu aceno com a mão 

^^^^

Já em casa meu pai estava no sofá,só me olhou normal e não falou nada, subi para o outro andar e bati na porta do quarto da mamãe 

Mãe: Entra - entrei no quarto dela e ela estava mexendo em seu iPad - Oi filha

- Mãe posso chamar a Jisoo para passar o dia aqui? 

Mãe: Claro! Meu amor... filha eu não vou perguntar o porque você fez o que fez...Mas eu quero que me prometa que nunca mais vai fazer, promete? 

- Prometo mãe! - lhe abraço e vou para meu quarto 

Mensagem On

- JISOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

- JISOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

- OU

-OU

-OU

J: que foi? 

- Vem pra cá, faz muito tempo que não te vejo

J: Tá na sua casa?

- Não Jisoo eu to no fundo do mar

J: Lugar de piranha é aí mesmo 

- Vai a merda

J: KKKKK To indo

- A merda ou aqui pra casa?

J: AFF nem respondo vai que é doença 

Mensagem Off

^^^^^^

Jisoo já estava aqui em casa e ela estava contando sua linda história de sua primeira vez com o @ que por acaso era o Jin 

Jisoo: Ele foi tão fofo, tão carinhoso, tão....Awwnn

- Poupe-me dos detalhes

Jisoo: Aish, e você e o Tae? Tão de bem de novo? 

- Sim! Vou te contar uma coisa que só você vai saber, se te perguntarem fale que você não sabia, não fale nem sobre tortura 

Jisoo: Hum?

- Vamos fugir hoje para outro pais - cochicho em seu ouvido

Jisoo: COMO??

- Isso aí!

Jisoo: Pra onde?

- Não sei, ele não me falou, e o Jungkook e o Suga também vão...

Jisoo: Ai Meu Deus...Vou sentir sua falta - ela me abraça 

- Também! - retribuo ao abraço 

^^^^^^

Ficamos o resto da tarde vendo doramas e chorando até ela ir em bora as 18:00 

Arrumo minha mala coloco minhas economias em uma bolsa, provavelmente Tae já comprou as passagens, pego passaporte e identidade, mas como que vamos viajar sem pelo ao menos um adulto para autorizar? Somos menores de idade...


Notas Finais


DESCULPEM OS ERROS


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...