1. Spirit Fanfics >
  2. Family >
  3. Jon

História Family - Capítulo 11


Escrita por:


Capítulo 11 - Jon


Pov's Jon

Engraçado, acho que essa é a primeira vez que verão o meu "ponto de vista".

Hoje é meu aniversário de 9 anos, tudo o que eu quero é ficar com a minha família principalmente com Damian, apesar de parecer que ele é metido, malvado e imaturo, e ele é isso mesmo, mas ele também é gentil, protetor e engraçado.

Eu levanto bem cedo, passo pelo quarto de Jason e escuto uns barulhos esquisitos, desço as escadas correndo esperando encontrar Damian fazendo o café, não o vejo na cozinha então decido ir lá fora, vejo ele falando com um garoto ruivo, com sardas usando roupas esquisitas, ele parece ter a mesma idade de dele, o garoto vai embora e Damian se vira, eu me abaixo para me esconder, escuto os passos dele mais perto e ele diz:

— Eu já te vi Jon, já tomou seu café? — Ele pergunta seriamente

— A...ah...ainda não — Eu respondo um pouco tremulo

— Então deveria, vou me arrumar, depois terei que encotrar o Colin — Tenho a estranha sensação de que era o garoto ruivo, ele vai em direção a porta e eu pergunto:

— Não vai fazer meu café?

— Faça você mesmo, ah e feliz aniversário — Ele diz a última parte sem nem olhar pra mim.

Pov's Dick

Ontem eu e Jason estávamos quase na linha de sexo, porém ele vomitou e depois dormiu, sinto por aqueles que esperavam usar apenas uma mão hoje, mas eu prometo recompensar, eu não sei bem o porque, mas achei que deveria ficar ali com ele e ajudá-lo, era como os velhos tempos, ele bêbado e eu passando a noite toda com ele, na manhã seguinte Jason estava bem o que era simplesmente impressionante, ele sorrio pra mim e disse:

— Bom dia Grayson, a gente transou?

— Quase, depois que você tomou banho você vomitou, ai desmaiou, entāo acordou e foi ai que vomitou de novo

— Fui tão ruim assim?

— Tá tudo bem, não foi o melhor momento que tivemos, mas não foi o pior, além eu te fiz tomar banho outra vez e escovar os dentes, umas 5 ou 6 vezes

— Sabe, depois de uma bebedeira...eu sempre acordo pronto — Jason falou isso descendo sua mão dominante por debaixo da coberta, como estávamos na mesma cama nossa respirações estavam próximas o suficiente, coloquei minha mão esquerda em seu rosto e dei um beijo suave que ganhava intensidade a cada momento, sinto uma de suas mãos sobre a minha cintura, ele se deita e eu fico por cima dele ainda o beijando, esvutamos uma barulho e depois sons vindo das escadas, Jason me para o beio e diz:

— Vamos ter que fazer bem rapidinho

— Tenho uma ideia...

Eu tiro minha camiseta e vou para debaixo das corbertas ainda por cima de Jason, ele estava usando apenas um moletom, coloquei minhas mãos por dentro e puxei até ver o volume, o peguei com minha mãe e comecei a beter uma pra ele, sentia ele se contorcendo e apertando o coxão, aproveitei o momento e chupei seu glande bem de leve, a cada segundo eu ia aprofundado aquilo em minha boca, comecei a ir mais rápido, ouvi ele gemer tentando abafar com sua mão, por cima das cobertas senti ele usando suas mãos para movimentar minha cabeça, já sentia o gosto de seu esperma, tirei minha boca e subi até os lábios dele ainda usando minhas mãos para lhe masturbar, ele gemia entre os beijos, até que finalmente sinto o líquido quente e pegajoso jorrar na minha barriga, ele fica ofegante e eu deito em seu ombro, ele me abraça e diz:

— Por que demoramos tanto pra fazer isso, quer dizer... de novo?

— Damian

— O que vamos fazer agora? Quer dizer vamos contar ou...

— Esconder, pelo menos por enquanto, tudo bem?

— Sim meu... deixa pra lá

Pov's Jon

Mais tarde já era o café da manhã todos estavam na mesa, meus pais ficavam o tempo todo me dando feliz aniversário, então Damian se levanta e Bruce pergunta:

— Onde vai filho?

— Na casa do Colin, ah e nós dois vamos sair amanhã a noite

— Não sei, amanhã eu e seu pai vamos ir ao Havai com o Hal e o Barry, não podemos deixar você sair sozinho — Diz Bruce dando um gole em sua xícara de café

— Ah pai, eu posso ficar com eles se quiser — Diz Dick com um grande sorriso

— Tudo bem

No resto do dia meu pai Clark ficou me perguntando porque não queria uma festa, para ser sincero eu não queria incomodar eles e mais eu não tenho muitos amigos, apenas Damian, que eu acho que nem meu amigo é, passei o dia na cama, Bruce e Clark ficaram tentando me animar, mas tudo o que eu queria era a companhia do Damian, mesmo que fosse para aprontar.

Pov's Dick

Eu estava passando pelo quarto de Jonathan e o vi deitado, ele é o garoto mais sorridente que eu conheço, era estranho vê-lo chateado logo no seu aniversário, então resolvi entrar e conversar.

Me sento ao lado dele e pergunto:

— Oi Jon, por que está assim? Parece que está chateado

— Não é nada Dick, eu estou bem

— Vai me conta Jon, sabe que estou aqui pra ajudar não é?

— Sabe esse novo amigo do Damian, ele roubou o roubou de mim — Ele fala um pouco recluso, era fofo

— O Dami não foi "roubado", olha se você gosta dele deveria ir falar com ele

— E porque você não fala com o Jason? Você gosta dele

— Eu me resolvo com o Jason, agora vai, vai falar com o Dami — Eu falo o colacando de pé, ele sorri, me dá um abraço e sai correndo.

Pov's Jon

Após os conselhos de Dick eu vou correndo até a rua para encontrar Damian, mas quando chego perto da casa de Colin vejo ele e Damian se abraçado, quando separam o abraço Damian parece corado e dá um beijo ma bochecha de Colin, aquilo me deixou bravo, eu não queria ver Damian e Colin juntos, isso doía



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...