História Family Issues - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens Jungkook
Tags Black Pink, Bts
Visualizações 99
Palavras 622
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá pessoassss! Meu nome é Bruna, podem me apelidar como quiserem, mas entre amigos pessoais, sou brubs ou bru aushauhs. Caramba, eu to bem nervosa, eu demorei bastante pra criar coragem e compartilhar essa história, que nasceu em 2017, mas enfim, aqui estou!

Tenham piedade de mim e perdoem se eu tiver cometido alguns errinhos, eu sempre leio várias vezes, mas não dá pra garantir.

O título e o prologue foram inspirados em No promisses, do Cheat Codes ft. Demi Lovato.

Eu não sei mais o que falar, então boa leitura!

Beijos 😘

Capítulo 1 - Prologue - Promisses


Fanfic / Fanfiction Family Issues - Capítulo 1 - Prologue - Promisses

Prólogo - Promisses


" Menininha não cresça mais não, fique pequenininha na minha canção, senhorinha levada, batendo palminha, fingindo assustada com o bicho papão... "

Todos já tinham ido embora, era por volta das 23h, e ela se perguntava como ele foi capaz de esquecer.

A pequena Na Eun repousava nos braços da mãe, enquanto a mesma caminhava pelo quarto cantarolando para a filha dormir.

Ela sabia que o relacionamento deles não estava na melhor fase, os dois estão sempre muito ocupados um pro outro, e ela assumia sua parcela de culpa, por isso. Mas, ainda assim, não esperava que ele a largasse sozinha no aniversário da filha, a quem ele sempre foi tão apegado.

Sua cabeça doía de tanto pensar, e toda vez que ela lembrava dos "Cadê o Jungkook?" de algumas horas atrás, sua vontade de matar o maior aumentava.

Ouviu a porta do quarto se abrir e sabia que era ele, não se virou com medo de perder toda a paciência que ainda a restava, sentiu a presença do mais velho atrás de si, e percebeu que ele estava acariciando o rosto da criança em seus braços, e a abraçou logo em seguida. Ela saiu em direção ao quarto da pequena e a deixou na cama, retornando ao cômodo que dividia com seu esposo logo depois.

- Me desculpe por hoje, eu juro que vou recomp...

- Não tem como recompensar Jungkook. - replicou seca. - Você não tem noção de como eu tô com raiva de você. - respirou fundo ao se virar para a figura do marido, que mantinha seu olhar nela.

- Sua filha passou a noite inteira perguntando por você, seus amigos perguntaram por você, nossas famílias, e você me vem com essa de "vou recompensar"? - encarou o maior em busca de alguma explicação.

- Eu sei que eu errei tá bom?! Mas não dá pra voltar! Eu já pedi desculpas! - falou enquanto tirava seu terno.

- Você não vai nem dizer onde se enfiou? - a mulher esbravejou.

- Eu tava no trabalho, onde mais poderia estar?! - respondeu como se fosse óbvio.

- Não sei, só acho estranho o Namjoon trabalhar na mesma empresa que você, vir pra festa da sua filha e você não... - seu tom gritava dúvida.

- Namjoon Hyung tem outros ofícios na StartUp, não confunda as coisas! - ele mirou o rosto carregado de desconfiança e se aproximou.

- Hum, tá. - ela desviou dele que antes de sair foi pega pelo braço. - Não, não, não! - tentou se desvencilhar sem sucesso.

- Amor ... - a respiração da mais nova era pesada e ela ainda estava claramente chateada. - Olha pra mim... - virou seu rosto na direção do dele com os dedos sobre o queixo da menor. - Eu fui um idiota, eu perdi a noção do tempo, você sabe o quanto a empresa precisa de mim agora que nós crescemos, mas eu acabei desapontando os amores da minha vida, e eu não quero isso, por favor me desculpa! - seus olhos estavam vidrados nos dela, e ela sempre perdia os escudos toda vez que encontrava aquela imensidão escura.

- Sinceramente, não é tão simples pra mim. Poxa Jungkook! Eu entendo seu compromentimento com a empresa, eu também tenho os meus compromissos, mas parece que você está se afastando cada vez mais... - suspirou cansada, devolveu seu olhar ao dele mais uma vez, e confessou. - Eu só quero meu marido de volta, e sua filha também quer seu Appa.

Repousou suas mãos no rosto da esposa e selou seus lábios com delicadeza.

- Eu prometo que vou tirar mais tempo pra vocês, tá bem? - afastou um pouco o rosto ao dizer.

  - Tá bem.


Notas Finais


AEEEEE CONSEGUI! e ai, o que vcs acham? Será que o nosso CEO Kook vai cumprir com a palavra? Aguardem os próximos capítulos!

Só a título de curiosidade o trechinho lá do início é uma canção de toquinho muito fofa que minha mãezinha cantava pra mim, o nome é valsa para uma menininha!

Até loguinhooo! xoxo 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...