1. Spirit Fanfics >
  2. Fanfic Amor Doce - Os 4 anos não contados >
  3. Fases

História Fanfic Amor Doce - Os 4 anos não contados - Capítulo 29


Escrita por:


Notas do Autor


Olá gentw 😗✌️😗 desculpa pela demorar mais uma vez, esse capítulo deu um trabalhinho então espero que gostem e aproveitem!

Capítulo 29 - Fases


Fanfic / Fanfiction Fanfic Amor Doce - Os 4 anos não contados - Capítulo 29 - Fases


Trevor: Aquela aula da srta Jenkis foi incrível, uma das melhores que ela já deu até hoje!

Heyoon: Sou obrigada a concordar, fiquei fascinada do início ao fim!

Docete: É louco pensar que nós temos objetivos diferentes mas ainda assim conseguimos gostar das mesmas coisas!

Trevor: Mas é claro, afinal de contas continua sendo arte!

Docete: Falou tudo!

Heyoon: Absoluta!

(Três meses se passaram desde o incidente com a Sarah)

(O incidente que fez com que todos nós deixássemos nossos problemas de lado para apenas dar suporte a nossa amiga)

(Foi bem tenso e estressante todos aqueles dias... mas no final das contas é perceptível que isso fez com que nós ficássemos mais unidos do que nunca!)

(Andamos até o refeitório juntos e sentamos em uma mesa ao lado da Sarah com nosso lanche)

Trevor: E aí Sarah, como você está?

Sarah: Ah sim... aham... legal...

(Ela falou no automático com sua cara no livro)

Trevor: O que deu nela?

Docete: Ela tem o TCC para entregar, ela está com a cara nos livros a semana inteira!

Trevor: Ah

Heyoon: Pelo menos coma alguma coisa Sarah!

(Ela tentou oferecer um sanduíche de pasta de amendoim, mas ela recusou...)

Sarah: Preciso focar nesse momento, só tenho uma chance!

Docete: Você ainda tem duas semanas!

Trevor: Só tire um intervalo!

Sarah: Eu não diria isso, sem falar que daqui um certo tempo quem terá um TCC para fazer serão vocês!

(Ela começou a guardar suas coisas na mochila)

Sarah: Preciso ir agora, vejo vocês mais tarde!

Docete: Até mais!

(Ela mandou beijinhos e depois saiu apressada)

(Nós continuamos comendo e conversando)

Docete: É bom vê-la assim não acham?

Heyoon: O que quer dizer?

Docete: Assim, do jeito dela. Ativa, espontânea e comunicativa como sempre foi... ela é a Sarah novamente!

Trevor: Humm... pensando por esse lado, acho que você tem razão!


VAP!


Docete: Marko!

(Marko apareceu de repente como um foguete e se sentou conosco!)

Heyoon: Se o meu sanduíche de amendoim tivesse caído você iria ver só!

Marko: Foi mal Yoon! É que eu estou muito empolgado!

Docete: Com o quê?

Marko: Adivinhem quem conseguiu alugar um salão para um festa na piscina no fim de semana?

Heyoon: Como é?

Trevor: Tá falando sério?

Marko: Sério pra caralho!

Trevor: Isso!

(Eles dois ficaram felizes e eufóricos)

Docete: Porquê vocês dois estão tão felizes?

Trevor: Tá brincando? Marko estávamos planejando essa festa há semanas!

Marko: Vai ser épico, tem duas piscinas enormes e tem muito espaço!

Docete: Porquê não avisaram? Eu poderia ter ajudado vocês!

Trevor: Ah você sabe, tivemos que arrumar uma brecha pra isso e vocês são meio...

Heyoon: Meio...?

Marko: Certinhas!

Docete: Ei! Eu não sou certinha! A Heyoon pode ser mas eu não!

Heyoon: Valeu Emily!

Marko: Relaxem, o que importa é que vamos poder curtir a vontade sem hora pra terminar!

Docete: Está bem

Trevor: Vai ser demais, mal posso esperar!

Marko: Eu vou indo nessa, tenho algumas mercadorias para fechar ainda hoje

("Mercadorias")

Trevor: Devíamos ir andando também, daqui a pouco tem aula do Sr. Pellegrini e vocês sabem que ele odeia quem se atrasa

Heyoon: Vão na frente, eu vou dar uma passada na biblioteca antes de ir, tenho que devolver alguns artigos

Docete: Ok te vejo na aula!

(Saímos do refeitório e Heyoon foi em direção a biblioteca mais próxima)

(Trevor e eu fomos andando na frente e conversando enquanto subimos as escadas para o auditório da aula)

Docete: Então o que vai fazer depois da aula? Estava pensando se poderíamos nos reunir novamente para uma sessão de estudos!

Trevor: Foi mal, eu tenho um lance para resolver

Docete: Mas você nunca falta, o que vai fazer?

Trevor: Vou dar uma passada na academia e depois vou ver Lashana...

Docete: Ah...

(Acabei falando em um tom de desgosto e fiz uma cara de relance...)

Trevor: Eu vi isso

Docete: Isso, o quê?

Trevor: Sua cara feia quando disse o nome dela

Docete: Não sei do que está falando

Trevor: Qual é Emily, já está na hora de superar isso não acha?

Docete: Não vou mais discutir isso com você Trevor, eu tentei te explicar mas você não me deu ouvidos então não vou falar mais nada

Trevor: Vocês devia esquecer isso sabe? A Lashana realmente gosta de mim, e eu não tenho muita sorte em relacionamentos

Docete: Somos dois, mas se você está feliz então eu também estou...

Trevor: Valeu! Vamos entrar!

(Chegamos na sala e entramos)





_____________→TREVOR←_______________





(Depois de mais algumas horas de aula, eu me despedi dos meus amigos e saí da faculdade)

(Logo em seguida eu andei até a academia e malhei um pouco durante algumas horas)

(Eu gosto muito de me exercitar na academia depois da faculdade. É como se todo o meu estresse fosse zerado enquanto eu treino!)

(Peguei meu celular dentro da mochila e vi que já tinha inúmeras mensagens de texto da Lashana perguntando por mim e onde estou)

(Já estou acostumado com essa necessidade excessiva que ela tem de querer ter informações sobre a todo momento, mas confesso que isso é muito desgastante!)

(Ela também tem pressionado muito para conhecer meus pais. Quero impedir isso a qualquer custo, pelo menos por enquanto!)

(Não estou pronto para apresentá-la aos meus pais, além disso nós estamos muito instáveis ultimamente!)

(Nunca fui muito de namorar, mal tive relacionamentos amorosos na minha vida mas não quero estragar tudo agora que eu tenho)

(Sei que tenho que resolver essa questão logo, mas definitivamente isso está fora de cogitação por enquanto... espero que ela compreenda!)

(Já está ficando escuro, melhor eu ir andando... eu devia tomar um banho antes de me encontrar com ela)

(Acelerei meus passos e cheguei até minha casa rapidamente)

(Abri a porta com minhas chaves e entrei...)

Trevor: Oi pai! Voltei...!

(Assim que me virei depois de fechar a porta, me deparei com uma cena inacreditável!)

Pietro: Olá filho! Porquê não me falou que sua namorada viria aqui esta noite?

Trevor: E-Eu...

Lashana: Muito obrigada pela hospitalidade Sr Raynott! Foi muito legal ouvir suas histórias!

Pietro: Agora que o Trevor chegou vou deixar vocês dois juntos, não irei atrapalhar os meus pombinhos conversarem!

Trevor: S-Sim!

(Falei friamente controlando minha raiva...)

(Ela ainda me deu um sorriso de canto de boca vingativo...)

(Como ela pôde...?)






_________→NO DIA SEGUINTE←_________





(Cheguei na faculdade no dia seguinte ainda meio estressado...)

(Estou até com uma dor de cabeça insuportável, juro que estou a ponto de arrancar meus fios de cabelo!)

(Me sentei na grama do campus para respirar enquanto ainda tenho um tempo livre antes das minhas aulas...)

Christopher: Hey Trevor, qual é a boa?

Trevor: Nada boa...

Christopher: Você parece cansado, o que aconteceu?

Trevor: Nada não... só estou meio estressado...

Christopher: Deixa eu adivinhar, brigou com a Lashana mais uma vez?

(Apenas me silenciei como resposta...)

Christopher: Cara, tudo que vocês fazem é brigar, qual foi o motivo dessa vez?

Trevor: Ela foi na minha casa e conheceu meu pai!

Christopher: Oh... não sabia que vocês já tinham chegado nessa fase.

Trevor: Nós não chegamos! Esse é o problema! Eu falei mil vezes mas ela me enganou mesmo assim!

Christopher: Trevor, você não é mais o mesmo desde que começou a namorar ela. Por mais quanto tempo pretende ficar arrastando isso?

Trevor: Eu vou encontrar uma solução!

Christopher: Essa garota está mexendo com você de uma forma muito abusiva! Traiu sua confiança mais de uma vez!

Christopher: Ela não te faz bem e só existe uma solução para isso e acho que você sabe qual é!

Trevor: ...





_______________→EMILY←_______________





(Fim das aulas, o dia foi cheio hoje!)

(Muitos horários, trabalhos e projetos para enviar, essa semana está pegando fogo!)

(Apesar de eu sentir a sobrecarga nas minhas costas, ao mesmo tempo sinto uma empolgação inexplicável!)

(Me encontrei com com Sarah e Heyoon ainda no campus antes de irmos embora...)

(Assim que as vi percebi a presença de uma terceira pessoa...)

(Chris também está lá. Sei que as coisas entre ele e eu melhoraram bastante mas ainda sinto um pequeno frio na barriga ao vê-lo...)

Docete: Não querem dar uma passada no bar antes de irmos, podíamos relaxar e beber um pouquinho!

Sarah: Não valeu, vou passar a madrugada de hoje de acordada e já preparei minhas garrafas de café!

Heyoon: Ainda dando duro no TCC?

Sarah: Com certeza. É louco pensar que eu finalmente vou entregar só daqui alguns dias!

Christopher: Sabia que você pode pessoas para fazerem para você?

Heyoon: Sério?

Sarah: Eu não vou fazer isso, estou dando todo o meu suor e sangue nesse projeto! Ele tem que ficar perfeito!

Docete: Tenho certeza que vai ficar ótimo Sarah, você ama Design!

Sarah: Eu amo, mas tudo parece tão real agora... e que esse é o meu último ano, parecia tão distante!

Heyoon: Minha rua é bem ali então eu vou nessa, até amanhã!

Docete: Tchau Yoon!

Sarah: Quer saber, eu também vou indo, quanto antes eu terminar esse trabalho melhor vai ser! Até amanhã gente!

Christopher: Até amanhã!

Docete: Boa sorte!

(Ótimo! Agora ficamos apenas eu e ele andando nesse clima ainda desconfortável...)

(Apenas ficamos em silêncio, apenas ouvindo o som de nossos sapatos no chão enquanto andamos)

(Ainda tem um bom chão para andar, não vamos ficar em silêncio durante todo esse tempo!)

(Não consigo, preciso quebrar esse gelo de alguma forma!)

Docete: Então... como vai...?

Christopher: Hum... bem?

Docete: Isso foi uma pergunta?

Christopher: Não, e-eu estou bem!

Docete: Oh ok, legal...

Christopher: E você...?

Docete: Também estou... sabe? Só coisas de universitários!

Christopher: E-Eu sei como é... minha professora de Estatística passou um teste surpresa ontem!

Docete: S-Sim, odeio quando isso acontece! Um dia desses eu estava querendo escrever um texto que meu professor pediu, mas eu perdi minha pasta com anotações!

Christopher: Sério?

Docete: Sim, acho que eu vou ter que pedir pra Heyoon, ou talvez pagar alguém da minha classe para me dar uma cópia

Christopher: É uma pasta preta e azul?

Docete: É sim, como sabe?

Christopher: Acho que está na minha casa

Docete: O quê? Como foi parar lá?

Christopher: Você deve ter esquecido, em alguma das vezes que passou lá...

Docete: Oh... que descuido meu... não se preocupe, eu passo na sua casa amanhã e você me entrega bem rápido, não vou te incomodar!

Christopher: Eh... bem, eu posso traz...

Docete: Puxa o tempo o voa não é? A estação de trem já está bem ali! Boa noite Chris!

Christopher: Annn... boa noite!

(Saí correndo para a estação e entrei no metrô o mais rápido possível!)

(Arf! Minha nossa isso foi constrangedor!)

(Eu sou muito burra mesmo, como que eu pude esquecer minha pasta na casa dele todo esse tempo?!)

(Fiquei nervosa e acabei falando qualquer coisa que veio na minha cabeça! Acabei piorando tudo!)

(Agora terei que passar na casa dele amanhã e buscar! Que vergonha!)






_________→NO DIA SEGUINTE←_________





(Assim que as minhas aulas terminaram no dia seguinte eu fui direto até a casa do Chris)

(Estou desconfortável fazendo isso, não sei porquê...)

(Mas preciso ser corajosa e acabar logo com isso!)

(Sem auê!)

(Respirei confiantemente e apertei a campainha duas vezes)

Christopher: Oi tava te esperando!

Docete: Guardou minha pasta? Eu realmente preciso dela!

Christopher: O-Ok! Espere aqui eu volto bem rápido!

Docete: Está bem!

(Ele foi correndo até o corredor e eu fiquei parada na entrada com a porta aberta)

(Vá rápido Chris, pelo amor de Deus!)

Cibelle: Quem está aí?

(Oh não!)

Cibelle: Emily? É você aí na porta?

(Essa não! Preciso me esconder rápido antes que ela abra mais a porta e me veja!)

(Olhei em volta para ver se tinha algum arbusto para eu me camuflar ou coisa do tipo, mas não encontro quase nada!)

(Estou ouvindo os passos dela!)

Cibelle: Emily! Não sabia que você estava aí!

(Merda!)

Docete: O-Olá Sra Cibelle! Bom te rever!

(Não é nada bom te rever!)

(Abri um sorriso tentando parecer o menos forçado possível!)

Cibelle: É muito bom te ver novamente, já faz um bom tempo! Já estava me perguntando quando você viria novamente!

(Novamente?)

Cibelle: Por favor entre! Você deve estar congelando!

Docete: Errr... acho que não é necessário Sra Cibelle, eu vim bem rápido, estou apenas esperando o Chris voltar com a minha...

Christopher: Hey cheguei... foi mal pela demora mas aqui a sua...?

(Ele me viu junto com sua mãe...)

Christopher: Mãe?! O que está fazendo?!

Cibelle: Emily está aqui! Porquê não a convidou para dentro meu filho, que grosseria!

Christopher: Mãe você não está entendendo...

(Quem não está entendendo nada sou eu!)

Cibelle: Vamos, esperem na sala, eu irei preparar um chá e vocês podem ficar juntos!

(Não é possível...)

(Ela me puxou para dentro da casa e depois foi até a cozinha)

(Olhei para Chris esperando uma resposta!)

Christopher: O que foi? Não é minha culpa!

Docete: Você não contou para ela que nós terminamos?!

(Começamos a falar baixo e sussurrando para ela não nos escutar)

Christopher: Bem, sobre isso...

Docete: Chris! Qual o seu problema?

Christopher: Eu sinto muito! Mas é que ela ficou tão iludida e criando planos que eu fiquei sem coragem!

Docete: Você não devia ter feito isso! Já tem três meses e você não conseguiu falar nada? Só pode estar brincando comigo!

Christopher: Ela ficava falando de como você era uma namorada incrível e inteligente e que eu finalmente tinha encontrado alguém, não tive forças para destruir os sonhos dela!

Docete: Mas agora você fez pior!

Cibelle: Já estou chegando crianças!

(Ouvimos a voz dela do outros cômodo)

Christopher: Olha, eu posso contar agora se você quiser... mas você vai me ajudar!

Docete: Tá bom, mas não podemos simplesmente ficar atuando na frente dela

(Andamos para a sala e nos sentamos no sofá lado a lado com certa distância)

(A Sra Cibelle chegou com uma bandeja nas mãos com algumas xícaras e pôs na mesinha de centro)

Cibelle: É tão bom ver vocês juntos...

Christopher: Mãe...

Cibelle: Quando vejo vocês assim consigo ver que você se tornou um homem e que agora tem a sua mulher...

(Meu pai amado...)

(Apenas abaixei a cabeça, vai ser duro ver isso!)

Christopher: Mãe eu preciso te contar uma coisa...

Cibelle: Porque está quieta querida? Não precisa ser tímida, lembre-se que você é da família agora e...

Docete: Errr...!

(Ela falou para mim e fiquei sem reação!)

Christopher: Mãe! Me escute!

(Dessa vez ele falou mais firme...)

(Ela ficou surpresa e apenas o olhou com ar questionador)

(Ele olhou para mim antes de falar...)

Christopher: Emily e eu terminamos, não estamos mais juntos.

(A expressão dela mudou imediatamente... O sorriso que havia em seu rosto desapareceu)

Cibelle: Como assim? Terminaram?

(Ela virou o rosto para mim...)

Cibelle: Ele está brincando? É alguma piada?

Christopher: Eu não estou brincando

Docete: Não... não é Sra Cibelle...

(Tentei falar da forma mais cautelosa possível)

Cibelle: Não...

(Ela se levantou da poltrona e começou a andar de um lado para o outro)

Christopher: Mãe, está tudo bem, nós apenas não demos certo, isso acontece!

Cibelle: O que foi que você fez?!

Christopher: O quê?!

Cibelle: O que diabos você fez para espantá-la? Você tem alguma ideia do que fez?

(Hã? Não tô crendo nisso)

Docete: Desculpe me intrometer, mas acredite Sra Cibelle, o Chris não fez nada de errado...

Cibelle: Por favor não diga nada! Eu sei que tem dedo do meu filho nisso!

Christopher: Não! Na verdade não tem!

Cibelle: Tem sim! Eu sei que você fica distraído quando se aproxima de garotas bonitas! Agora jogou tudo para o ar!

(Obrigada?)

Christopher: Mãe, você não sabe nada do que aconteceu! Isso foi uma decisão nossa! Nós terminamos ok? Acabou!

Cibelle: Isto não está certo Christopher! Eu não o criei para isso! Tem ideia de como seu pai ficará desapontado?

Christopher: Você está fazendo uma tempestade em um copo d'água!

Cibelle: Você esqueceu os seus princípios? Separações trazem carmas Christopher!

Christopher: Sinto muito mãe, mas não é assim que as coisas funcionam, e não é você que irá mudar isso!

Docete: Ele está certo, sinto muito!

Cibelle: Não... ainda não é tarde demais, eu vou inscrever vocês dois na terapia de casais e eu tenho um amigo que ajudará vocês nisso...

Christopher: Nós não iremos fazer nada mãe, a decisão já está tomada, eu só fiquei sem coragem para te contar...

Cibelle: Então é isso? Vocês vão desistir no primeiro obstáculo que aparecer? O que foi que ocorreu com vocês?

Christopher: Isso não é da sua conta...

Cibelle: É da minha conta sim. Meu filho finalmente encontra uma garota boa e de repente tudo vai por água abaixo, então eu quero sim saber o que houve!

Christopher: Você não precisa e você não vai...

(Essa mulher é surtada, mas acho melhor eu acabar falando tudo e encerrar antes que fique pior)

Docete: Eu o traí!

(Não aguentei continuar calada e acabei soltando!)

(Os dois me olharam com muita surpresa)

Cibelle: Você... o quê?

Christopher: Emily você não precisa fazer isso...

Docete: Preciso sim...

(Olhei nos olhos dela)

Docete: Eu traí seu filho Sra Cibelle. Enquanto estávamos namorando eu não tinha percebido que ainda não estava pronta para um novo relacionamento porque eu ainda carrego alguns arrependimentos do meu antigo namorado...

Docete: Não notei o que eu mesma estava fazendo mas levei adiante mesmo assim. Então eu falo agora para a senhora... Chris não é o culpado nessa história, muito pelo contrário...

Docete: Ele sempre foi gentil, educado, doce e sensato comigo, a senhora o criou muito bem. Então não desconte nele... eu que fui o problema desse o começo

(Um longo período de silêncio ensurdecedor pairou entre nós...)

Docete: Eu tenho que ir agora... desculpa pelo incômodo!

(Peguei minha pasta e fui até a porta)

(Assim que fechei atrás de mim, eu saí andando pela rua bastante tensa com o que acabou de acontecer!)

(Acho que existem grandes chances de os dois me odiarem a partir de hoje mas eu precisava fazer isso, a verdade iria vir a tona uma hora ou outra!)






_____→DUAS SEMANAS DEPOIS←______






Heyoon: Alguém me passa o protetor solar?

Docete: Está aqui...

(Ela entregou)

Sarah: Não acha que já passou bastante Yoon?

Heyoon: Se proteger nunca é demais, não confio nesse sol!

Docete: Você já é quase transparente, se continuar passando vão te confundir com um fantasma!

Sarah: Hahahahah!

Heyoon: Engraçadinhas!

(Hoje é a festa na piscina que o Marko e Trevor planejaram)

(Antes de vir para o lugar marcado, nós tínhamos ido juntas para comprar biquínis novos para usar)

(E depois de um bom nos arrumando no banheiro, nós três saímos...)

(Tem bastante gente no salão e a área externa já está lotada!)

(Várias pessoas com roupas de banho andando de todos os lados, pelo visto hoje vai ser refrescante!)

(Enquanto andamos, Heyoon caminhava de braços cruzados no corpo ainda envergonhada)

Docete: Não precisa ficar acuada, todos nós estamos com roupa de banho

Heyoon: Estou me sentindo quase nua na frente de toda essa gente! Parece uma festa de nudez!

Sarah: Você tem um corpo bonito, não se envergonhe dele, esse biquíni ficou perfeito em você!

Marko: Ah vocês apareceram!

Trevor: Estávamos esperando vocês!

Christopher: Que demora!

(Marko veio até nós já com um copo na mão)

(Chris e eu trocamos um olhar...)

Sarah: Tínhamos saído para comprar biquínis novos!

Docete: Está bem cheio aqui...

Marko: Mas é lógico, estamos perto do fim do semestre, tem muita gente que vai se formar então todos querem curtir o máximo que podem!

Trevor: Então eu acho que nós devíamos fazer o mesmo!

Christopher: Por falar nisso, hoje não era a entrega do seu TCC Sarah? Você conseguiu?

Sarah: Está totalmente entregue e agora eu estou totalmente livre que nem um passarinho!

Marko: Ótimo!

Sarah: Ah!

(Logo depois de falar ele empurrou a Sarah na piscina!)

(Ela caiu na água e nós começamos a rir!)

(Depois disso Chris empurrou Heyoon e depois pulou junto!)

(Nisso, Marko e Trevor me deram um olhar...)

Docete: Não, não! Nem pensem em me jogar na piscina, eu odeio isso!

Marko: Hunf! Não devia ter dito isso!

Trevor: Agora só deu mais vontade!

(Eu saí correndo para fugir deles!)

(Mas não adiantou de nada, Marko me agarrou pela cintura e se jogou na piscina me levando junto!)

(Não demorou muito para que nós entrássemos no clima da festa e começássemos a nos divertir feito doidos!)

(Começamos a brincar na piscina juntos e com várias outras pessoas!)

(Marko não parava de brincar de afogar a cabeça Yoon na água e eu montei nas costas do Trevor!)

(Depois disso cada um de nós pegou sua bebidinha básica para animar!)

(O dia de hoje está bem ensolarado, não consigo enxerga uma nuvem sequer no céu!)

(Aproveitamos também para relaxar deitados nas boias daquela piscina gigante e para pegar um sol)

(Também bebíamos muitas variações de sucos e misturas refrescantes num clima bem quente e tropical!)

(Só depois de algumas horas aproveitando eu pude saber de como eu estava precisando disso!)

(É tão bom sentir essa vibe novamente! Depois de tanto estresse nas últimas semanas é bom poder curtir e aproveitar esse dia sem pensar em mais nada e esquecer das responsabilidades!)

(É como se meu sangue tivesse voltado a ferver pelas minhas veias e eu estivesse me conectando com todo mundo a minha volta!)

(Ver todos os meus amigos se divertindo nesse lugar do mesmo jeito que estou me conforta bastante!)






_____________→TREVOR←_______________






(Saí da piscina e me misturei com o resto das pessoas para continuar me divertindo)

(Hoje está um calor infernal, então aproveitei para tirar minha regata branca e joguei em qualquer canto...)

(Peguei um picolé de coco para comer, é o meu favorito!)

(Tô me sentindo muito bem hoje, é bom fugir do estresse da faculdade de vez em quando)

(Sinto minha alma e meu espírito tão leves quanto uma pena!)

(Enquanto me balanço no ritmo da música percebi um olhar constante na minha direção)

(Uma garota vestindo maiô estampado vermelho e cercada de amigas começou a me encarar constantemente e também não parava de cochichar com as amigas...)

(Eu já estava um pouco tonto por causa das bebidas que já tinha tomado, mas eu comecei a corresponder os olhares dela da mesma forma e discretamente...)

(Um pouco mais tarde, ela então veio até mim com um sorriso risonho no rosto...)

???: Olá...

Trevor: Oi, eu sou o Trevor...

???: Eu sei quem você é.

Trevor: Você também estuda na Empericus?

???: Não... mas tenho amigos por lá, já te viram...

Trevor: Então você sabe de mim pela boca dos outros?

???: É, mais ou menos... eu conheço muita gente, me chamo Diana

Trevor: Me chamo Trevor

Diana: Você já disse isso haha!

Trevor: Sim sim... foi mal haha!

(Rimos juntos)

Diana: Você está sozinho?

Trevor: Não, estou com meus colegas, aliás um deles é que fez essa festa

Diana: Sério? Então eu acho que devia agradece-lo!

Trevor: Por quê?

Diana: Porque agora eu estou olhando para alguém que gostei muito...

Trevor: Oh...

(Ela pegou o picolé da minha mão e deu uma lambida pra terminar de comer...)

Diana: Não quer ir para um lugar mais privado...?

Trevor: ...



***********



(Subimos algumas escadas do salão e encontramos um banheiro bem grande vazio!)

(Começamos a nos amassar e dar beijos loucamente tentado!)

(Encostamos na parede enquanto eu estiquei meu outro braço para trancar a porta!)

(Abri meu short e ela abriu um pedaço do maiô se revelando)

(Ela começou a me masturbar com muita vontade e nos beijávamos usando muito a língua!)

(Levantei suas pernas e pus seu corpo sentado na pia...)

(E logo em seguida começamos a transar intensamente dentro do banheiro! Ela arranhava meu corpo com força e eu sentia muito prazer!)

(Senti muita pulsação e adrenalina no meu corpo nesse momento!)

(E poucos minutos depois nós chegamos em nosso ápice e nos acalmamos...)

(Ela fechou seu maiô e eu vesti meu short novamente)

Diana: Wow! Você é muito bom!

(Ela desceu da pia... e me deu um beijo rápido antes de abrir a porta e sair)

(Me olhei no espelho me dando conta do que eu acabei de fazer...)

(Que loucura! Eu não tinha a mínima ideia de que isso iria acontecer e agora...)

(Trevor... você namora, se comprometeu com isso, você...)

(Eu acabei de trair...)

(Estou meio tonto, deve ser por causa das minhas bebidas! Preciso de um pouco de ar!)

(Saí rápido daquele banheiro e voltei para a festa procurando qualquer um!)

(Avistei Marko dando uma pirueta e caindo na piscina!)

(Entrei rapidamente e me juntei a ele...)

Marko: Hey Trevor que cara é essa...?

Trevor: Acho que eu fiz uma besteira...

Marko: Do que está falando?

Trevor: Eu... fiquei com uma garota...

Marko: O quê?

Trevor: E-Eu fui no banheiro... com uma garota...

Marko: Cara, seja mais específico

Trevor: Eu acabei de trepar com uma garota no banheiro!

Marko: Wow mandou bem! Bate aqui!

Trevor: Não! Isso não é legal!

Marko: Porquê não?

Trevor: Eu namoro esqueceu?

Marko: Você realmente considera aquela surtada como sua namorada?

Trevor: Bem, sim né...

Marko: Cara, aquela garota só sabe te perseguir e te deixar para baixo...

(Ele abraçou meu ombro)

Marko: Sendo sincero, aquilo já estava ficando muito tóxico pra você. Não fique aguentando essa "relação" por carência ou pena, você é demais e não precisa disso...

Trevor: Mas ainda assim... não me sinto bem traindo, é uma das coisas que jurava para mim que nunca faria...

Marko: Quando você ficou com aquela mulher no banheiro você gostou né?

Trevor: Bom... sim...

Marko: Você se sentiu atraente não é?

Trevor: Sim...

Marko: Se sentiu bem, livre e feliz?

Trevor: Sim também...

Marko: Então está tudo bem! Confie em mim, você precisava disso! Você fez bem, fique tranquilo!

Trevor: Humm... ok vou tentar...

Marko: Vem, vamos tomar uma gim tônica que você fica bem rapidinho!

(Fomos até o cooler e pegamos mais bebidas para tomar)

(E conforme o tempo ia passando, parecia que a festa nunca perdia o ânimo, pelo contrário parecia que só aumentava)

(Me senti bastante energizado!)

(Mas tarde voltei para a piscina curtindo com o resto dos meus amigos)





______________→EMILY←________________





(Pegamos uma bola de plástico cheia e começamos a brincar dentro da piscina juntos)

(O clima continua ótimo e a vibe muito tranquila! É como se todos da festa estivessem extravasando o estresse nessa festa e dando tudo de si!)

(Nós simplesmente vemos uns aos outros, sabemos que fazemos as mesma coisas e passamos pelas mesmas dificuldades diferentes e automaticamente nos identificássemos!)

Lashana: Te achei!

(Nós olhamos para o lado e vimos Lashana que apareceu repentinamente!)

(Que ódio...!)

Trevor: O que está fazendo aqui?!

Lashana: Eu pergunto o mesmo!

Trevor: Só estou me divertindo com meus amigos, você não devia estar aqui!

Lashana: Como é que é? Como você ousa ir para uma festa e nem sequer me convidou também?

(Ela olhou em nossa direção agora!)

Lashana: Vocês também! Eu sou namorada do amigo de vocês então vocês deviam me convidar para todas as festas obrigatoriamente!

Marko: Hahaha! Obrigatoriamente? Essa foi boa!

Lashana: Qual é a graça?

Sarah: Ah garota cala a boca pelo amor de Jeová, toda vez que você aparece é para estragar o clima!

Lashana: Quem você pensa que é para falar assim comigo?

Docete: Ela é exatamente quem ela é! Porquê você não cai fora daqui de uma vez? Ninguém te quer aqui e você também não foi convidada!

Lashana: Trevor você vai deixar seus amigos falarem assim comigo?!

Trevor: Como você me encontrou afinal de contas, eu pensei que tivesse ido para a casa dos seus pais!

Lashana: Sim mas eu voltei porque eu vi que você estava em um endereço suspeito então eu vim descobrir!

Trevor: Está me rastreando de novo? Mas eu n trouxe meu celular! Como fez isso?

Lashana: Eu botei um chip nos seus sapatos...

Trevor: Botou o quê? Só pode ser brincadeira...

Lashana: Mas é que eu queria...

Trevor: Não me interessa mais! Essa foi a gota d'água! Quero você fora daqui agora!

Lashana: Você não pode me expulsar desse jeito, eu sou sua namorada tá lembrado?

Trevor: Eu posso! E você não é mais minha namorada porque acabou tudo entre nós! Já chega!

Lashana: Não pode fazer isso comigo... Trevor

Trevor: Não aguento mais você me perseguindo a todo momento, você é uma pessoa tóxica e eu não te quero nunca mais perto de mim novamente!

Lashana: ...

(Ela ficou em silêncio com expressão de chocada e indignada)

(Ao mesmo tempo começou a chamar atenção e vários olhares surgiam em sua direção...)

(Nessa hora todos nós saímos da piscina e ficamos ao lado do Trevor para dar suporte a ele)

Lashana: O que vão fazer? Me bater?

Christopher: Você o ouviu...

Heyoon: Exatamente

Sarah: Mas se você preferir que a gente te ponha para fora não será um problema!

Lashana: Uau... parabéns, não sei porque eu fico surpresa... gente sem futuro sempre tem os seus semelhantes

(Ela se virou lentamente de costas e foi embora andando...)

Marko: Você conseguiu cara!

Trevor: Oh merda... nem tô acreditando que fiz isso mesmo!

Docete: Você fez e fez muito bem!

Sarah: Arrasou amigo!

Trevor: Acho que eu devo um pedido de desculpas a vocês... afinal vocês me avisaram sobre ela antes mas eu não acreditei...

Docete: Ela mexia com a sua cabeça, não foi culpa sua

Heyoon: Sim, ela te manipulava!

Marko: Mas agora isso não importa, ela se foi definitivamente!

Sarah: Agora você é um homem livre e independência, você é brilhante, não precisa se amarrar a ninguém!

Trevor: Valeu gente!

Christopher: Ainda está cedo, vamos festejar até amanhã!

(Gritamos em comemoração e aumentamos o som!)

(A festa voltou com o ritmo animado e elétrico e todos voltaram a festejar como nunca!)





_____________→DE NOITE←_____________





(Depois de continuarmos aproveitando bastante a festa eu me sentei na beira da piscina e fiquei quietinha apenas dando goles em meu copo)

(Apesar de me sentir muito bem e livre hoje ainda tenho a sensação de coisas a resolver...)

(Isso é estranho. Acho que estava mais estressada do que tinha imaginado pois agora estou ficando até noiada)

(Chris está bem ali, junto com Marko e Trevor fazendo palhaçadas de garotos...)

(Até que Heyoon e Sarah se aproximaram de mim e também se sentaram na beira cada uma ao meu lado...)

Sarah: O que aconteceu?

Docete: Nada aconteceu...

Heyoon: Nós vimos a sua cara Emily...

Docete: Eu tô bem!

Sarah: Não está, eu te conheço e você com aquela cara de quem está incomodada com algo mas não quer compartilhar e quer fingir que está tudo bem...

Docete: Está bem... Chris e eu ainda estamos muito estranhos um com o outro, já estou cansada disso...

Heyoon: Porquê vocês não conversam?

Docete: Não sei se poderia ser assim tão simples, acho que ambos nos fechamos

Sarah: Faz um bom tempo já Emily, a relação de vocês acabou, só falta vocês darem um ponto final definitivo

Docete: É mais dificuldade do que parece, semana passada a mãe dele surtou quando soube que tínhamos terminado... me senti péssima!

Heyoon: Fale com ele, sério mesmo. Na minha opinião o que vocês precisam nesse momento mais que tudo é honestidade, pode ser dolorido mas tenho certeza que só vai ajudar!

Docete: Vocês tem razão... vou tentar criar coragem enquanto bebo um copo de tequila!

Sarah: Hahaha!

(Rimos juntas!)

(Até que de repente Marko nadou até nós com pressa!)

Marko: Gente, gente! Eu tive uma ideia louca! Vocês topam participar?

Sarah: Depende, que tipo de ideia?

Marko: Eu não vou dizer, vocês só precisam dizer se vão topar ou não

Docete: Então você quer que a gente aceite algo que nem sabemos o que é?

Marko: Claro, vai ser uma surpresa!

Heyoon: Não é nada perigoso, é?

Marko: Depende do que você considera perigoso...

(Ele abriu um sorriso maroto...)



************



Docete: Eu não acredito que eu realmente aceitei isso!

Marko: Agora não tem mais volta hehe!

Heyoon: Sabia que não devia ter confiado, você é do mal

Marko: Parem de ser tão reclamonas, tenho certeza que irão gostar!

(Marko convenceu a gente a subir até o topo da cobertura do salão para pular na piscina!)

(É doidera e bem a cara dele dele mesmo... mas confesso que estou empolgada!)

(Olhei de lá cima e pude ter noção da altura, é realmente uma bela altura... um pequeno frio percorreu na minha barriga!)

(Também todas as pessoas lá debaixo estão nos encarando só esperando o momento que a gente pule!)

(Ainda bem que a piscina é bem grande e funda, as chances de nos machucarmos não é tão alta)

Christopher: Está todo mundo nos esperando lá de baixo...

Trevor: Vai ser demais! Já posso sentir a adrenalina em meu corpo!

Heyoon: Tem certeza que isso é seguro?

Marko: Lógico que é, acha mesmo que eu seria tão irresponsável?

Heyoon: Bem...

Docete: Na verdade...

Marko: Meus amigos já fizeram isso antes ok? Já podem parar de desconfiar de mim

Christopher: Vamos acabar logo com isso!

Marko: Beleza, todo mundo preparado?

Docete: Estou, mas se eu morrer eu juro que assombro todos vocês para sempre!

Trevor: Vamos nessa!

(Nos posicionamos até a beirada para se preparar...)

Sarah: Gente... eu posso falar uma coisa antes?

Marko: Oh... Claro que pode!

Heyoon: Qualquer coisa!

Sarah: Ok...

(Ela respirou fundo antes de falar)

Sarah: Esse é o meu último ano, eu finalmente irei me formar... me tornarei a designer que sempre sonhei que seria...

Sarah: Foram os meu últimos dias na Empericus, e esse também foi um dos melhores anos da minha vida... eu preciso dizer, eu tenho que dizer que... isso só foi possível graças a vocês... então eu gostaria de agradecer...

(Ela soltou uma risada emocionada e notei que seus olhos está um pouco marejados...)

Sarah: Eu nunca imaginei que vocês se tornariam pessoas tão importantes e especiais para mim... vocês me apoiaram quando eu mais precisava e eu nunca esquecerei isso... mesmo eu estando insuportável na última semana por causa do TCC!

Sarah: Não estarei mais no campus mas não ousem se esquecerem de mim!

Heyoon: Jamais Sarah!

Docete: Você é a nossa primeira amiga que está se formando, um dia será todos nós!

(Demos um abraço nela...)

Sarah: Enfim, não me façam chorar! Vamos pular de uma vez para acabar com isso! Nossos fãs estão esperando!

(Ficamos todos lado a lado e demos as mãos)

Marko: No três...ok?

Docete: Ok!

(Apertamos forte as mãos!)

Marko: Um...

(Todo o pessoal lá de baixo começou a gritar entusiasmadas e a fazer barulhos de empolgação por nós!)

Marko: Dois...

(Trocamos olhares antes da contagem regressiva acabar!)

Marko: Três!

(Apertamos bem forte as mãos e saltamos com muita energia!)

(Gritamos de emoção enquanto sentíamos o vento passar fortemente pelos nossos rostos!)

(Esse dia com toda certeza vai ficar marcado para mim!)

(Afundamos profundamente na água e soltamos nossas mãos!)

(Abri meus olhos embaixo d'água e vi cada um deles nadando até a superfície!)

(Assim que eu nadei e tirei minha cabeça da água todos nós apenas tivemos uma crise risos sem parar)

(Todos gritaram por nós e não conseguíamos tirar o sorriso se nossos rostos!)


(..........)




_______→UMA SEMANA DEPOIS←______





Christopher: Andem logo, a gente já está atrasado!

Docete: Só um segundo, tô ajeitando meu sapato!

Marko: Aonde que fica mesmo?

Heyoon: É na área aberta perto da faculdade dela

Trevor: Eu sei um atalho, me sigam!

(Hoje é o dia da formatura da Sarah e a colação de grau dela. Nós prometemos que iríamos e agora estamos a caminho)

(Ela insistiu para que viéssemos bem arrumados para o espetáculo!)

(Trevor foi nos guiando, enquanto nós fomos atravessando o campus até chegar ao local certo!)

(Após andar um bocado nós chegamos no local exato onde a cerimônia já estava prestes a começar)

(É um campo aberto ao ar livre, tem um palco gigante montado e a maior parte das cadeiras já estão preenchidas!)

(Nós corremos e rapidamente sentamos nas cadeiras vazias que tinham sobrado no fundo. Acho que chegamos bem em cima)

(Um senhor ficou testando o som do microfone antes de se apresentar e introduzir o início da cerimônia)

(Até reitora da universidade também está presente no palco. Tem bastantes cadeiras no palco onde todos os formandos estão sentados)

(Todos eles já estão vestidos com aquela roupa comprida de formatura e o chapéu grande nas cabeças)

Trevor: Aonde está a Sarah?

Docete: Talvez ela esteja no fundo...

Marko: Não consigo achar ela!

(Até que enfim conseguimos avistá-la sentada em uma das cadeiras centrais!)

(Nós acenamos com as mãos bem alegres e ela deu uma risada!)

Reitora Lacey: Aqui estão os formandos da sétima turma de Design da universidade Empericus! Uma salva de palmas!

(Todos começaram a aplaudir)

(E em seguida, se iniciou uma sequência de discursos dos diretores, professores, membros do comitê da faculdade e da reitora)

Diretor: Eu aprendi com todos esses jovens, ao longo desses quatro anos, o quanto era importa não só passar o conhecimento, mais que isso, a capacidade de raciocinar e descobrir todos os tipos de beleza... e hoje vemos a coroação de todos os nossos esforços!

(A reitora e o diretor do curso continuaram discursando durante algumas horas até chegar finalmente o momento da entrega dos diplomas!)

(Os formandos foram sendo chamados aos poucos em ordem alfabética e discursando no microfone)

Diretor: Continuando, agora vamos receber a formanda Sarah Cohen!

(Até que finalmente chegou a vez da Sarah receber o seu diploma!)

(Nós ficamos observando ela com um grande sorriso no rosto que era nada mais do que orgulho!)

(Fico muito feliz de vê-la tão contente e muito orgulhosa de ver até onde ela consegui chegar, só mostra que ela é uma mulher muito forte depois de tudo que já passou!)

(É muito gratificante vê-la encerrando essa fase na vida dela, e também me sinto grata por estar fazendo parte desse momento especial para ela!)

(Uma empolgação inexplicável está tomando conta do meu peito!)

(E depois de mais algumas horas com a entrega dos diplomas, os agora formados puderam falar com suas famílias!)

(Nós corremos até ela e todos a abraçamos com muito orgulho!)

Sarah: Vocês gostaram?

Docete: Com certeza! Você estava perfeita!

Christopher: Mandou muito bem Sarah! Meus parabéns!

Heyoon: Parabéns amigaaa! Agora você está oficialmente formada!

Sarah: Obrigada pessoal!

Trevor: Se você quiser a gente pode ir comemorar em algum lugar!

Sarah: Na verdade...

Marko: Sim, você quem manda, podemos ir para qualquer lugar e...

Sarah: Eu acho que...

Docete: Nós podemos ir fazer umas compras no shopping e montar alguns looks juntas...

Sarah: Na verdade gente, eu acho que eu vou ir para a festa junto com a minha turma agora...

Marko: Qual festa?

Sarah: Pois é, vai ter uma festa agora só para os formandos e eu quero ir junto com alguns amigos... espero que não se incomodem...

Docete: Oh claro que não amiga, pode ir para onde quiser, aproveite!

Marko: Sim! Vá se divertir você merece muito, o dia é todo seu!

Sarah: Ok! Então eu vejo vocês mais tarde tudo bem?

Docete: Pode ir, se divirta mas não exagere muito tá bom?

Marko: Qualquer coisa pode ligar para nós!

Sarah: Pode deixar, muito obrigada por terem vindo pessoal! Amo vocês!

(Ela se afastou e foi embora junto com os outros amigos do curso!)

Docete: Nós ficamos parecendo os pais dela falando desse jeito

Marko: Verdade, melhor pararmos!

Docete: Haha!

Trevor: Melhor a gente ir andando então!

(Nós ainda roubamos alguns quitutes do buffet que tinha em algumas mesas e depois fomos indo embora)

Heyoon: Vou sentir muita falta da Sarah, era tão comum vê-la andando por esse campus

Trevor: Ela só terminou a faculdade, ela não vai morrer

Marko: De qualquer forma eu só quero tirar essa roupa de pinguim!

Docete: Ah mas você ficou tão bem nele, parece até uma pessoa responsável

Marko: Eu sou responsável!

Christopher: Acho que ela quis dizer que você não se parece com um traficante!

(Nós rimos alto)

Marko: Falem baixo! Vocês são muito imaturos!

Heyoon: Acho que vou voltar para minha casa, está ficando meio tarde e eu tenho umas atividades pendentes

Trevor: Eu também, até mais!

Marko: Só vou tirar essa gola apertada e me jogar na minha cama e hibernar!

Docete: Até mais!

(Cada um seguiu sua rota e entrou numa rua diferente indo embora)

Christopher: Vou nessa também, tenho que buscar minha irmã no colégio hoje e...

(Ele já se virou meio desconfortável para sair...)

Docete: E-Eh Chris!

Christopher: Sim?

(Melhor eu seguir o conselho que a Sarah e Heyoon me deram)

Docete: Co-Como está a sua mãe?

Christopher: Minha mãe?

Docete: Sim claro, nós não conversamos sobre isso desde aquele dia

Christopher: Oh... é verdade...

Docete: Então...?

Christopher: Olhe, ela vai ficar bem, eu sei que aquele show de horrores do outro dia foi péssimo mas ela vai superar, é sério!

Docete: Eu sei que foi péssimo mas tipo... eu ainda sinto que...

Christopher: Não precisa ficar se culpando, eu sei que eu errei em não ter contado...

Docete: Chris... nós temos que parar com isso...

Christopher: Parar o quê?

Docete: Você sabe... Nós nunca mais conversamos da mesma forma, ficamos desconfortáveis quando estamos sozinhos, tudo mudou entre nós!

Docete: Eu quero que você pare de se culpar também,porque a culpa disso estar acontecendo é toda minha! Mas você é um dos meus melhores amigos Chris... e eu sinto falta disso...!

Docete: Sinto falta da nossa parceria e nosso companheirismo... sei que não demos certo namorando mas... eu sinto falta do meu amigo...

Christopher: ...

(Fala alguma coisa pelo amor de Deus!)

Christopher: Ok... acho que você tem razão...

Docete: Você tem certeza disso?

Christopher: Sabe Emily, quando eu quero alguma coisa, eu me concentro totalmente no objetivo...

Christopher: Geralmente me recuso a ver ou ouvir qualquer coisa, exceto o que quero...

Christopher: Eu estava tão cego que não vi a coisa mais óbvia... quer o que eu senti por você não era o mesmo que você sentia por mim...

Christopher: Foi uma fase bem complicada para mim mas... acredito que eu já tenha aceitado a realidade...

Docete: Podemos voltar a ser amigos...? Por favor?

(Ele respirou fundo antes de responder...)

Christopher: Claro

(Dei um pequeno sorriso aliviada e depois nos abraçamos)

(Fico feliz que nós finalmente conseguimos nos resolver)

(Já não aguenta mais suportar esse peso nas minhas costas e na minha consciência)







(FIM DO CAPÍTULO)


Notas Finais


Se vc leu até aqui MT obg espero que tenham gostado

Por favor comentem suas opiniões sobre os próximos capítulos e oq acharam desse capítulo tbm

Amo vocês ❤️(っ˘з(˘⌣˘ )❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...