História Favorite Color - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Romance, Saga, Vampiro
Visualizações 4
Palavras 686
Terminada Não
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 4 - Vida


Senti meus olhos pesados e minha garganta arranhando, tentei falar algo mas minha voz parecia que tinha sumido

-Ela vai ficar bem?-Conseguia ouvir a voz da minha mãe mas ainda não conseguia abrir os olhos

-Claro, quando ela acordar vamos fazer mais alguns exames e ela já pode ser liberada-Senti alguém pegando na minha mão

-Obrigado Doutor

Ouvi a porta sendo fechada e finalmente consegui abrir os olhos mas não foi uma das melhores opções, a claridade fez tudo doer, fiquei piscando o olho até me acostumar com a luz

-Acordou meu amor-Minha mãe que estava segurando minha mão veio mais para perto

Podia ver seus olhos brilhando, ela estava chorando

O que eu mais queria dizer era que está estava tudo bem, mas a única coisa que consegui foi sentir dor

-Não tente falar querida, agora não

Concordei com a cabeça e tentei sentar, senti tudo rodar

"Quanto tempo estava aqui?"

-Você logo estará em casa, não vai demorar para ser curar querida, em um dia vc tá novinha-Meu pai disse passando a mão pelo meu cabelo

Olhei para os olhos da minha mãe e só consegui lembrar da noite passada, eu queria uma explicação, como assim "caçadores"

Eu não estava entendendo mais nada, em que meus pais trabalham? O que Justin quis dizer com aquilo tudo? Eu precisava ver Anne

"Quando eu preciso da Anne ela some"

P.O.V Anne

-Você tá ficando maluca?-Não acabou de ouvir o que Justin disse? Sua amiga é de família de caçadores e adivinha o que eles caçam Anne? Nós

-Eu preciso vê-la, Justin que começou mexendo com ela, ele que procurou. Tá naquela cama porque só faz merda-Gritei pegando meu casaco-Eu não vou deixar minha amiga machucada naquele hospital

-Amiga? Porque não assume para você mesmo que não é isso que você sente-Caleb passou a mão pelo meu rosto-Sabemos porque Justin foi atrás dela e nada justifica o que aconteceu mas você tem que entender que essa vai ser a última vez que irá vê-la

-Não precisa ser a última, conheço os pais de Anne a anos, eles não sabem...

-Não tente convencer a si mesmo, vamos

Antes de sair demos mais uma olhada no Justin, ele ficaria bem

Agora eu só pensava na Melissa, sabia que ela precisava de mim, sentia ela me chamando. Deve estar tão confusa

Caleb pegou o carro e seguimos até o hospital, o sol já havia sumido e eu sabia que esse horário os pais dela estariam ocupados, era a melhor horária para caçar Justin

Passamos pela porta sem sermos vistos, uma habilidade em tanto. Podia sentir o cheiro dela e meus passos se aceleram no mesma hora

-Anne? O que está fazendo aqui?-A voz atrás de mim fez me perceber o quanto estava sendo descuidada

-Senhora Blacker, não sabia que tinha voltado de viagem-Disse tentando desconversar-Soube o que houve com a Mel e vim o mais rápido possível

-Como ficou sabendo Anne?-Sua voz não era tão amorosa como antes

-Sabe como as coisas são né, notícias voam-Falei tentando não transmitir nervosismo

-Ela tá ali-Apontou para a porta entreaberta-Boa sorte Anne

Apenas acenei com a cabeça e fui correndo para porta, finalmente conseguindo respirar

"Cadê o Caleb"

-Anne?-Me virei para a cama vendo a Mel com uma faixa no pescoço

Sua voz estava tão fraca que se eu não tivesse uma audição boa não poderia ouvir

-Amiga-Disse indo até ela, a abracei querendo nunca mais soltar- Não sabe o quanto eu fiquei preocupada com você

Soltei ela e olhei para os seus olhos e eu encontrei tristeza e decepção neles

-Melissa? O que foi? Tá com dor?

-Por favor, vai embora e nunca mais volte Anne-Falou com lágrimas nos olhos

-Temos que ir-Celeb passou pela porta e me olhou, tinha algo errado

-Eu não estou entendendo-Disse segurando sua mão mas a mesma soltou na hora

-Não quero ninguém ferido por mim-Ela olhou para Caleb e se dirigiu a ele-Saim daqui

Senti um cheiro de sangue e vi que saia da sua boca

-Mel-Segurei seu rosto mas só consegui sentir as mãos de Caleb me puxando-Não posso deixá-la assim, me solta

-Você quer morrer? É uma armadilha Anne, temos que ir embora-Ele segurou meu rosto e me fez encarar seus olhos-Ela vai ficar bem

-Vamos-Falei olhando mais uma vez para trás-Adeus Melissa



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...