História Feliz aniversário Mash - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Fate/Grand Order
Tags Gudako, Mash, Presentinho
Visualizações 17
Palavras 671
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Festa, Fluffy

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - Capítulo único


Era um dia comum de descanso na Chaldea, até o momento não havia uma nova singularidade para ser corrigida, fazendo assim com que Ritsuka e Mash tivessem enfim algum descanso.

 

Mash havia notado que o comportamento de sua senpai estava estranho durante toda aquela semana. Ritsuka estava a evitando, nunca parava para falar muito, além de estar sempre andando de um lado a outro, mesmo sendo o momento de descanso. Da Vinci dizia não saber o motivo do comportamento da mestra, enquanto isso, Fou acompanhava a avermelhada a todo instante.

 

Não apenas Lancelot, como todos os cavaleiros da távola redonda pareciam tão estranhos quanto a mestre, mesmo não estando tão agitados quanto ela, estavam todos numa enorme mesa, sendo grande suficiente para reunir os cavaleiros junto de cada uma das versões alternativas do rei Arthur. Em outro canto, uma cena incomum, Salieri e Mozart surpreendentemente conversavam de forma pacífica sobre algum tipo de música.

 

Passeando pelos corredores, outro grupo incomum, a forma caster de Gilgamesh, Napoleão, Nero e Okita conversavam sobre algo de uma forma um tanto empolgada, pareciam planejar algo em conjunto, embora claramente Gilgamesh estivesse tentando pensar num jeito de ter algum destaque a mais em sua parte.

 

Mash sorri, era agradável ver tantas pessoas reunidas naquele lugar, havia feito amizade com basicamente cada servo da Chaldea, se sentindo especial por poder estar ali, sendo parte de uma enorme família. Além disso, outras amizades, até um pouco inesperadas, surgiram por ali, como Nitocris e Scheherazade ou Minamoto no Yorimitsu e Xuanzang Sanzang.


 

A noite caía quando Marie e Anastasia entram no quarto de Mash, vendando a rosada logo em seguida, ambas apenas disseram que tinham uma surpresa esperando por ela. O trio já caminhava pelos corredores da Chaldea, sendo guiada pelas duas, Mash usava uma roupa completamente branca, o vestido tinha as mangas caídas, deixando seus ombros visíveis, usava luvas curtas e um salto baixo. A Kyrielight ouvia um som familiar não muito longe dali, música clássica tocava, provavelmente sendo o motivo pelo qual Salieri e Mozart estavam conversando naquela manhã.

 

A venda é tirada assim que as portas daquele salão são abertas, revelando uma grande festa acontecendo ali. Ritsuka a recebe sorrindo, tendo Fou logo ao lado, a mestre pega na mão da garota, também colocando uma flor em seu cabelo. O aniversário da Shielder não havia sido esquecido, cada um dos servos da Chaldea se encontrava ali em suas roupas de festa, tudo havia sido preparado com enorme cuidado para que não houvessem erros.

 

Uma grande mesa cheia de bebidas e comidas estava no meio da sala, com o bolo no meio, esperando o momento certo para ser cortado. Num canto não muito afastado dali estavam os presentes deixados por cada um ali, as etiquetas diziam quem havia deixado cada um, era realmente emocionante pensar que todos ali haviam lembrado.

 

As horas passavam e todos aproveitavam a festa, se divertiam e comendo. Mash conversava com Lancelot e Da Vinci quando a Fujimaru pega em sua mão, indo com ela para o centro do salão, as duas começam a dança lenta, com os corpos próximos, mãos dadas e sorrindo. Mesmo sem ensaio, ambas dançavam perfeitamente, numa bela sincronia.


 

— Obrigada Senpai. – Mash diz sorrindo, ambas estavam a sós em Uruk, Gilgamesh havia cedido o lugar para que as duas pudessem ficar por lá. - Não só pela festa, mas por tudo.

 

-Eu quem devo agradecer – A mestre se vira sorrindo para a rosada – Estamos nessa juntas, e bem, uma sempre ajuda a outra. E eu também adorei todo esse tempo em que estivemos juntas, não consigo pensar o que faria sem sua ajuda em muitos momentos. - Diz calma. Ela pega uma caixinha no bolso do vestido que usava. – Aqui, um presente não só pelo seu aniversário, mas também como agradecimento por tudo

 

— Não precisava – Responde sem jeito, aceitando a caixinha, a qual guardava um colar, no lado de dentro do pingente, uma foto das duas juntas. - Obrigada.

 

Ambas se abraçam sorrindo, aproveitando a vista daquela bela noite.


Notas Finais


Bem, eu não sei bem o que dizer a mais além de Parabéns Cherry! <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...