1. Spirit Fanfics >
  2. Felizes para sempre >
  3. Capítulo 51

História Felizes para sempre - Capítulo 51


Escrita por:


Notas do Autor


A pequena Lena Swan Mills para vocês e a pequena Fernanda ♥️ Boa leitura📖♥️🤘🏻

Capítulo 51 - Capítulo 51


Fanfic / Fanfiction Felizes para sempre - Capítulo 51 - Capítulo 51

Pov. Lena 


Hoje acordei sentindo alguns beijos em meu rosto, vou abrindo os olhos devagar e vejo minha mãe Regina me abraçando de um lado e minha mãe Emma do outro. Abraço as duas e elas deitam do meu lado. 


Emma.—Acorda minha loirinha, já está quase na hora de ir para a escola.


Regina.—A Mamãe preparou seu café da manhã, vá tomar seu banho que te esperamos na cozinha. 


—Ebaaa. 


Regina.—Vamos logo que mais tarde a Srta. Swan Mills tem aula de línguas. 


—Eu esqueci.


Emma.—Minha loirinha já está falando outras línguas? 


—Sim, eu estou aprendendo bastante nas aulas Mamãe. Mais tarde você me leva no treino?


Emma.—Claro meu amor, quero vê minha garota arrasando.


Minhas mamães saíram do meu quarto e eu fui tomar banho. Minha roupa já estava separada então começo a me arrumar e quando saio do quarto Lola já vem para um abraço, passo a mão nela e vou tomar meu café. Mamãe Regina esta muito linda com aquela barriga e eu não vejo a hoje de conhecer meus irmãozinhos. Todo mundo diz que eu estou parecendo bastante minha mãe Emma, já que meu cabelo e a cor dos meus olhos está igual os delas. Minha amiga Fernanda também tem a cor dos olhos iguais aos meus, só que diferente de mim ela tem os cabelos meio castanho ela disse que puxou o cabelo do seu pai, eu nunca vi o pai dela somente a mãe mas ela me disse que essa semana ele estaria em sua casa. Termino meu café da manhã com minhas mães e hoje quem vai me levar para a escola é minha mãe Emma, já que mommy não pode ficar dirigindo assim diz minha mãe Emma e isso deixa a mommy muito estressada já que tudo que ela quer fazer a mamãe diz que ela não pode por que ela está grávida. 


Pov. Fernanda


Hoje eu acordei animada, meu pai veio me visitar já que ele não mora aqui e sim em uma enorme casa de praia que ele disse ser dele, eu nunca fui mas ele prometeu me levar lá algum dia. Tomo meu banho e me arrumo e desço para tomar meu café da manhã minha mãe já havia preparado meu café e meu pai assim que me viu veio me abraçar e eu corri para os seus braços.


Graham.—Quanta saudades mocinha.—Diz beijando minha cabeça.


—Eu estava com bastante saudades mesmo papai, você vai ficar por aqui mais tempo né? 


Graham.—Se sua mãe deixar... sim. 


Elsa.—Fique o tempo que quiser, agora mocinha vem tomar seu café antes que você se atrase para a escola. 


Tomo meu café da manhã junto com meus pais e minha mãe me leva para a escola já que o papai vai procurar emprego por aqui, ele disse que se demitiu do outro por que ele queria ficar mais próximo de mim e minha mãe depois que viu a tia Emma na escola todos os dias ela quer me levar para a escola, isso até que é bom mas dar pra ver que ela gosta da tia Emma. Mas ela não quer nada com minha mãe pois ela é casada com a tia Regina que eu gosto muito. E minha amiga lena também já percebeu isso, mas preferimos não falar nada. Sigo para a garagem juntamente com minha mãe e dentro no carro no banco de trás.


Elsa.—E aí meu amor, dormiu bem? 


—Muito bem mãe.


Elsa.—Que bom meu amor, está gostando do seu pai aqui? 


—Sim, eu estava com muitas saudades. 


Elsa.—Será que sua amiguinha lena vai hoje para a escola?


—Tenho certeza, ela nunca falta e provavelmente a Tia Emma ou a tia Regina vai levar ela hoje. 


Elsa.—Tomara que seja Emma.—Disse baixo.


—Mamãe, você gosta da tia Emma? 


Elsa.—É complicado meu amor, eu e Emma... já fomos quase namoradas e depois disso aconteceu muitas coisas. Só que eu não consigo esquecê-la.


—Entendi. 


Assim que chegamos na escola pego minha mochila e desço e já vejo Lena com sua mãe Emma mas dessa vez não consigo falar com a tia Emma por que assim que eu chego ela já estava saindo e nem me viu chegar, olho para minha mãe e ela estava se ajeitando esperando que a mãe da Lena a visse mas foi em vão já que ela nem percebeu ela ali. Enfim o sinal da escola bateu e Lena e eu entramos para a nossa aula. 


Pov. Regina 


Quem Emma acha que é pra falar que eu não posso dirigir por que eu estou grávida? Emma conseguiu me estressar hoje, ainda bem que ela foi levar lena pra escola porque se ela ficasse perto de mim ela iria vê só... droga quem eu quero enganar? Eu já estava com saudades da minha loira, eu odeio seu jeito excessivo de cuidar de mim mas ao mesmo tempo eu amo esse cuidado todo.


—Droga Emma.—Digo em voz alta.


Opa, falei o nome da Emma e se mexeram? Já to vendo que também vão todos para o time da Emma, o que essa mulher tem que conquista a todos? Tirando seu jeito charmoso, e sua elegância e inteligência. Nossa minha esposa é perfeita mesmo.


Troco de roupa e vou para o jardim tomar um sol, já que mais tarde tenho que ir até a empresa para resolver alguns assuntos pessoalmente. Vou até o jardim e me sento no banco que tem ali e o sol está maravilhoso, Lola deita do meu lado e eu faço carinho nela, fico pensando um pouco e passando a mão pela minha barriga até meu telefone tocar e é Zelena, atendo e vou entrando para tomar uma ducha e ir para empresa.


Pov. Emma 


Levei minha loirinha até o colégio, e segui para a minha empresa. Chegando lá cumprimento todos como de costume e sigo para minha sala e peço para que ninguém me incomode, super em vão porquê Ruby já estava na minha sala me esperando.


—Tá fazendo o que aqui?


Ruby.—Te esperando.


—Minha esposa agora? 


Ruby.—Eu sou bonita, mas nem tanto quanto a Regina.


—Quer ser demitida? 


Ruby.—Brincadeira loira.


—O que você tá querendo Ruby? 


Ruby.—Eu só ia chamar você e Regina para jantar lá em casa hoje.


—Tá querendo aumento é? 


Ruby.—Quem sabe acontece...—Diz rindo. 


—Tá bom, mais tarde estaremos lá. Só vou avisar Regina e pronto.


Ruby.—Com certeza zelena já falou com ela, você sabe como ela é. 


—Verdade hahahaha.


Ruby se despede e vai para sua sala e eu começo meu trabalho, tem uma pilha de papéis em cima da minha mesa. Coloco meus óculos de leitura e começo a ler um novo contrato que apareceu na minha mesa mas eu não faço a mínima ideia de onde seja então ignoro. Olho em volta da minha mesa e vejo uma foto minha com Lena e Regina, e um desenho da minha filha fez para mim minha filha é bem talentosa e inteligente mas eu acho que já disse isso, porém eu não me canso de dizer. Vou para a reunião de emergência que foi marcada bem em cima da hora e isso é uma coisa que eu odeio mas eu tinha que ir. Depois que a reunião foi encerrada já era hora de ir buscar minha filha no treino então pego minha bolsa e a chave do meu carro e vou até o local onde minha filha estava para buscá-la. 


—Como foi o treino hoje meu amor? 


Lena.—Foi bom mãe, eu até fiz 2 gols. 


—Uau, minha menina está cada vez melhor quando chegarmos em casa vamos jogar bola? 


Lena.—Eu vou ganhar você Mamãe.


—Duvido, eu sou muito boa.


Chegamos em casa Lena e eu trocamos de roupa e fomos para o campinho que tinha na nossa casa nova, Regina se sentou na poltrona que tinha ali perto e ficou nos observando enquanto tomava seu suco e eu e Lena estávamos jogando bola. 


—Chuta para o gol loirinha, nada vai passar aqui. 


Regina.—Eu aposto na minha pequena.


—Obrigado pelo incentivo sempre querida. 


Lena.—Mãe, olha aí a Lola.


Olho para o lado e lena chuta para o gol.


—Que trapaceira essa minha filha.


Regina.—Isso aí filha.—Diz batendo palma.


Pego a bola enquanto lena está comemorando e faço um gol também e começo a comemorar pego ela no colo e começo a rodar ela que cai na gargalhada, pulo na piscina e ela nem logo em seguida.


Lena.—Mamãe você não ganhou, estamos empatadas. 


—Isso foi só outra distração.


Sai da piscina correndo e peguei a bola, parei em frente ao seu gol e espero ela vim, Regina me chama e quando eu olho ela acena para lena e quando eu olho para o lado lena já estava bem perto de mim, tentei correr mas ela acaba tropeçando e caindo em cima de mim. Regina cai na gargalhada e eu vou em direção a ela e pego ela no colo.


Regina.—Você não vai fazer o que eu estou pensando Emma! 


—Eu vou sim! 


Lena.—A mamãe vai sim, mas eu vou na frente.—Diz pulando na piscina. 


Regina.—Emma! Emma...


—Calma amor, vai ser com cuidado.


Regina.—Emma eu não quero me molhar. 


—Desculpa querida, mas você ajudou lena a trapacear. 


Digo entrando com Regina dentro da piscina, a água estava até que boa.


Regina.—Hoje você vai ficar na seca.—Diz no meu ouvido. 


Sorrio para ela e me afundo junto com ela, minha pequena Lena era muito boa nadadora e desde bebê adorava piscina e praia por isso decidimos colocá-la em uma aula de natação. Ficamos por alguns minutos na piscina e depois entramos para tomar banho e trocar de roupa já que a noite tínhamos um jantar na casa da Zelena e Ruby. 


Notas Finais


Comentem bastante e até o próximo amores♥️🏳️‍🌈🤘🏻


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...