1. Spirit Fanfics >
  2. Femboy >
  3. Parents

História Femboy - Capítulo 21


Escrita por: e tsukiaa


Notas do Autor


Oizin turu bão? Espero q sim kkk
N tenho nada pra comentar no momento ent boa leitura 🍭🍬

Capítulo 21 - Parents


Quem é esse? É o pai dele? Ainda ta de noite, olho o relógio e passou só umas duas horas. Nem pra descansar o suficiente. 


— QUEM É ELE?! 

— Pai, calma. Esse é o ycaro — fala me ajudando a me cobrir melhor e me puxando mais pra perto — ele é meu... Namorado 

— NAMORADO?! 

— Calma! É, ele é. 


Vejo uma mulher chegando no quarto desesperada, acho que os gritos assustaram ela. Quando ela me viu, olhou pro cara, depois pro Rodrigo e novamente pra mim. E me deu um aceno, eu dou de volta porque eu sou educado. 


O cara pega uma FUCKING faca e aponta pro Rodrigo. Da onde ele pegou uma faca? 


— Eu já te disse pra nunca ficar com um menino! Pode estragar a reputação da família! — assim, eu realmente to com medo dele. Do nada ele aponta a faca pra mim, pulei pra trás de medo e meio que me sentei na perna do saiko. — Você! Você estragou meu filho! Ele já era porra nenhuma e agora está pior ainda! Saía da minha casa! AGORA! 

— Eu não consigo — minha voz nem funcionou direito, só devem ter ouvido por causa do silêncio 

— Aé? POR QUE?! HEIN?! 


Esse cara é louco, como conseguiu tanto dinheiro? Deve ser como outros idiotas. Meu rosto começa a formigar, doeu. Ele me bateu?! Como sou uma pessoa bastante chorona, to chorando. Ele me bateu mesmo, a moça ta olhando chocada pra ele. 


— Querido! Por que fez isso com ele? — puxou ele um pouco fraco pra longe da gente 

— Ele estragou nosso filho! 

— Sai do meu quarto! — gritou do lado do meu ouvido — Vai! Sai! 


Ele saiu dando passou longos e pesados. 


— Me desculpe filho. Seu pai só deve ter se surpreendido. Me desculpe também... 

— Ah, ycaro. — levanto minha mão para cumprimenta-la 

— Ycaro, ok. Pode dormir aqui ok? Esta tarde e prometo deixar meu marido longe de vocês 

— O-Ok


Ela sai do quarto. Olho o Rodrigo e ele parece meio mal? Me ajeito melhor e o abraço. 


— Temos que tomar banho. — ele fala — vamos? 

— V-Vamos

— Não precisa ter vergonha. — deu um mini sorriso 


Quando tentei me levantar eu cai, minha pernas não funcionam. Nunca iria saber que na primeira vez isso iria acontecer. 


— Me ajuda amor? — pergunto de um jeito manhoso 

— Ajudo — me pega no colo e leva pro banheiro 



✧༺♥༻✧



Ele não queria jantar com o pai dele então a mãe dele trouxe o jantar pra cá e comemos aqui. Ele ainda ta um pouco emburrado. Um dia ele tinha dito que não gostava tanto do pai dele, será que é por isso? 


Seguro sua mão e dou um beijinho nela. Deito a cabeça em seu ombro e beijo sua bochecha. 


— Por isso não gosta dele? 

— É. Ele é um bosta. 

— Sua mãe é legal. 

— Sim. Ela sempre foi mais legal. Ela aceita bem isso, ainda acho que ela se sente incomodada mas ela não tem nenhum problema. — deitou sua cabeça na minha — Na primeira vez que eu gostei de um menino, eu contei pra ela. No início ela também ficou chocada, mas ela falou que eu poderia dizer tudo pra ela e também disse que era pra eu contar meus sentimentos pro garoto. No fim ele também gostava de mim mas teve que se mudar pra outro país. Eu fiquei bem triste mas segui a vida. 

— Entendi. É sempre bom ser aberto com os pais. Eu tenho. 

— Que bom que tem. Vamos nos deitar? 

— Uhum


Como estávamos encostados na cama então pra mim foi fácil subir nela. 


Ele deitou em meu peitoral. Que fofinho ele! (。>‿‿<。 )o abraço e dormimos assim. 


Notas Finais


Vcs gostariam q eles adotassem uma criança no futuro? Ou por um milagre da natureza e universo tivessem um filho?

Respondam puifavozin


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...