História Férias de Verão - Bughead - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Riverdale
Personagens Alice Cooper, Antoinette "Toni" Topaz, Archibald "Archie" Andrews, Cheryl Blossom, Elizabeth "Betty" Cooper, Forsythe Pendleton "FP" Jones II, Forsythe Pendleton "Jughead" Jones III, Hal Cooper, Kevin Keller, Personagens Originais, Polly Cooper, Veronica "Ronnie" Lodge
Visualizações 27
Palavras 565
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


desculpa a demora.



boa leitura❤

Capítulo 14 - Capítulo 1.4


- entra né - ela entra e vai direto pro sofá. - o que você quer aqui mãe? 

Não que eu não ame minha mãe. Eu amo ela, mas como ela tem coragem de aparecer aqui depois de todo esse tempo. Por incrível que pareça, eu quero que ela me abrace por muito tempo.

Ela está parada na frente do sofá e vou andando até ela. Dou um abraço apertado nela e ela retribuiu. 

- Eu estava com tantas saudades minha filha- sinto lágrimas escorerrem dos meus olhos.

- eu também mãe- saimos do abraço, sentamos no sofá e Juggie vai para cozinha.

- Eu quero esclarecer tudo - acho que ela está falando da fazenda - e quero que você esclareça tudo - ela olha para Jughead. 

- primeiro você 

- A fazenda também me obrigou a entrar, na verdade a Polly fez isso, eu não sei o que fizeram com a mente dela. Acho que ela se apaixonou pelo Edgar. - eu acredito na minha mãe - Eu não espero que você acredite. Só quero que você me perdoe. Não sei se aguentaria perder outro filho. - minha mãe desaba e eu a abraço.

- claro que eu te perdou mãe - dou um beijo em sua cabeça 

- agora me conte, você e o Jughead? - ela sai do meu abraço e ouço Jughead dando uma risada na cozinha.

- nós reatamos, eu perdoei ele, igual estou fazendo agora com você - ela me olha nos olhos e vejo um sorriso em seu rosto - e tem outra coisa... você vai ser avó - seu sorriso some e ela parece assustada.

- Betty, você tá grávida? Dele - ela se levanta e aponta para Jughead.

- sim - ela me olha surpresa ainda. me levanto e vou até Jughead - você não gostou?

- Eu... amei Betty, vou ser avó de novo - um sorriso maior aparece em seu rosto


Ficamos a tarde inteira com minha mãe, conversando, assistindo TV e outras coisas. Ela foi embora de noite.

Saio do banheiro e Jughead está deitado na cama, lendo um livro chamado Fahrenheit 451. 

- acho que minha mãe não gostou muito da ideia, de ser avó de novo- olho para Juggie e ele se levanta e vem em minha direção.

- claro que gostou. isso é coisa da sua cabeça- ele vai até o seu celular e escolhe alguma música - e pra você esquecer essa doidera vamos fazer algo que você gosta bastante.

- agora não é hora pra transar Jughead - ele joga a cabeça pra trás  e ri.

- nós não vamos transar, ao menos que você queira , você quer? - rio - vamos dançar.

O cara começa a cantar e logo identifico que música está tocando. Então chega no refrão 

Everybody wants to rule the world - Juggie canta enquanto dançamos.

Ficamos mais de 10 minutos dançando a mesma música, até percebermos que estávamos atrasados. 

                           ****

Chegamos no parque e ele estava cheio. Quase que não entramos. 

Fomos em todos os brinquedos, dos mais leves até os mais radicais. Deixamos por último a roda gigante, que dá uma vista incrível de Riverdale inteira. 

Na hora que ela parou, nós estávamos bem em cima. 

- Acho que essa é a segunda vista mais linda que eu ja vi. - olho pra ele curiosa

- e qual a primeira Jughead? 

- você


Notas Finais


que amor.

Gente eu mudei a sinopse. Percebi que a história tava muito boa, e veio mais coisas na minha cabeça.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...