História Fica aqui comigo. (SuLay) - Capítulo 18


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Tags Baekhyun, Chansoo, Chen, Exo, Kim Jongdae, Kim Junmyeon, Kris, Krishan, Lay, Luhan, Ot12, Romance, Sebaek, Suchen, Suho, Suho Amor Da Minha Vida, Sulay, Xiuchen, Xiuhan, Yaoi, Zhang Yixing
Visualizações 174
Palavras 1.609
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olaaaa, tudo bem com vocês?

Espero que gostem do capítulo

Vamos lá...

Capítulo 18 - O melhor irmão


Fanfic / Fanfiction Fica aqui comigo. (SuLay) - Capítulo 18 - O melhor irmão

POV SUHO

 

De forma resumida, eu planejei um encontro entre Xiumin e Chen numa pracinha, mas não saiu bem como o planejado, os dois mal conversaram, e depois veio o Kris me beijar, Luhan todo revoltado veio  e me empurrou, porque pensou que eu era o responsável pelo beijo, mas depois veio o Lay e empurrou o Luhan com tudo, e para piorar a situação, Kris bateu no Lay, mas eu o defendi, graças a isso, acabamos reatando nossa relação, entretanto, Kris disse que iria desmascarar o Lay na minha frente, e quando foi fazer isso... Xiumin começou vir em nossa direção, Chen veio logo atrás. 

 

Kris - Bom, é o seguinte...

 

Xiumin - Calado! - O interrompeu. 

 

Suho - Gente, o que está acontecendo? - Arregalei os olhos.

 

Lay - Nada não amor... Venha, temos muito a conversar, agora que voltamos. - Sorriu. 

 

Suho - Tem razão, vamos sim, até mais gente. - Acenei para todos.

 

Lay - Venha, vamos para a praia. - Pegou em minha mão e saímos juntos.

 

Kris - Esperem! - Tentou vir atrás, mas o Xiumin o impediu. 

 

POV XIUMIN


           Não podia deixar que esse Kris acabasse com o amor entre o Suho e o Lay, até porque eu sentia que era real, então vou fazer de tudo para que fiquem juntos! 

 

Xiumin - Nem pense em continuar! - Entrei na frente do Kris antes que o mesmo saia. 

 

Kris - Saia da minha frente! - Me encarou de forma assustadora.

 

Xiumin - Não vou sair, ouse abrir a boca para o Suho que você vai ver, eu conto a sua parte da história, que você é apaixonado pelo...

 

Kris - Certo! - Me interrompeu. - Não contarei, portanto que você feche o bico também.

 

Xiumin - Muito bem, pegou o espirito da coisa. - Sorri. 

 

Kris - Hm... - Se retirou meio revoltado. 

 

Chen - Só sobramos nos três. - Depois do que ele disse, olhei para o Luhan. 

 

Xiumin - Perdeu alguma coisa? - O encarei.

 

Luhan - Que grosseria... Estou indo também. - Se retirou ''desfilando'', sobrando apenas o Chen e eu no local. 

 

Chen - Então... Vai me contar sobre o que exatamente estava ameaçando o Kris? Se não quiser contar, não precisa. - Sorriu.

 

Xiumin - Eu conto, já vi que você é confiável, mas é uma longa história, então vamos tomar um sorvete e eu conto, por minha conta!

 

Chen - Opa, vamos! - Falou meio empolgado. 

 

Xiumin - Bora. - Saímos juntos. 

 

POV SUHO


       Eu estou muito feliz, pois nem acredito que depois de tudo que passamos, Lay e eu ficamos juntos, estávamos na areia da praia conversando, nos sentamos e nos olhamos por um bom tempo...

 

Suho - Por que o Kris falou que iria te desmascarar do nada? - Olhei pra ele novamente.

 

Lay - Ah... Deixa isso pra lá, já passou. - Abaixou a cabeça.

 

Suho - Eu só achei estranho ele ter surgido do nada e me beijado, parecia que tinha algo por trás, mas já que você não quer falar sobre isso, vou respeitar. - Sorri.

 

Lay - Muito obrigado. - Sorriu também. - Agora tenho que me concentrar para os treinos para o torneio de Surf, tá chegando perto o dia.

 

Suho - Nossa, até tinha me esquecido, quando é? 

 

Lay - Semana que vem! - Falou animado. 

 

Suho - Tenho certeza que você vai ganhar. - Passei a mão em seu rosto. 

 

Lay - Assim espero, sonho muito com essa vitória. 

 

Suho - E depois que o torneio acabar, você vai embora? - Fitei a areia e meio sem graça. 

 

Lay - Ainda não sei, não pensei nisso ainda, talvez eu vá, talvez eu fique, vamos ver o que acontece. - Riu.

 

Suho - Claro. - Dei um sorriso forçado. 

 

Lay - Não fique assim, vamos focar no nosso amor agora, estamos juntos de novo! - Me abraçou.

 

Suho - Claro, isso é mais importante do que qualquer coisa! - Retribui o abraço e o beijei em seguida.

 

Lay - Agora... - Separou o beijo. - Vou treinar um pouco, você fica me assistindo? Vai me ajudar muito. - Deu um sorriso meigo. 

 

Suho - Claro que fico, mas antes vou em casa pegar algo pra comer e volto em seguida. - Me levantei.

 

Lay - Estarei esperando. - Se levantou também. 

 

Suho - Já já estou de volta. - O beijei como despedida e saí. 


          Cheguei em casa e percebi que estava tudo muito quieto, minha mãe havia saído, e o Baek estava em casa, mas isso era curioso, pois ele tem costume de ouvir musica muito alta quando está sozinho em casa, foi a partir dai que eu percebi que havia algo errado, talvez ele esteja trancado no quarto com o Sehun, sei que espionar é errado, mas quando sinto que tem algo estranho no ar, eu confiro até ter certeza. 

 

Me aproximei do quarto do Baek e não ouvi gemidos, gritos, berros, coisas do tipo, só consegui ouvir uma coisa, o choro do Baek, choro de forma que nunca tinha ouvido antes, decidi entrar no quarto mesmo sem bater...

 

A cena que vi foi deprimente, Baek deitado embaixo de 3 cobertas grossas e chorando muito, travesseiro todo marcado de lágrimas, sei que ele me fez muito mal, mas mesmo assim ele continua sendo meu irmãozinho, e não pude deixar de ficar triste por ver ele assim. 

 

Suho - O...O que aconteceu? - O observei. 

 

Baek - Nada! Quero ficar sozinho. - Enxugou as lágrimas, mas logo vieram novas. 

 

Suho - Sei que não está bem! - Me aproximei e coloquei a mão em sua testa, muito quente. - Você está com febre! 

 

Baek - Eu sei que você não se importa, pode ir embora agora. - Virou o rosto. 

 

Suho - Você é meu irmão, não importa mais as maldades que você fez contra mim, tu está doente e eu não quero te ver assim.

 

Baek - Sério? - Desvirou o rosto. - Mesmo depois de tudo, ainda se preocupa comigo.

 

Suho - Claro, irmãos são para essas coisas né? - Sorri. 

 

Baek - Eu... Nem sei o que dizer... - Abaixou a cabeça e ficou sem graça.

 

Suho - Que tal me contar o que houve? Brigou com o Sehun? 

 

Baek - Como você sabe? - Levantou uma sobrancelha.

 

Suho - Posso te ver como um livro, agora conta. - Me sentei ao lado dele na cama e foquei em ouvir a o que ele tinha a me dizer. 

 

Então o Baek me contou o que aconteceu entre ele e o Sehun, a briga entre eles me deixou surpreso, pois não imaginava que o Sehun jogaria umas verdades na cara de meu irmão...

 

Suho - Sabe que ele tem razão né? - Cruzei os braços.

 

Baek - Sei, mas... Sei lá, eu fiquei magoado, ele foi muito grosseiro. - Abaixou a cabeça.

 

Suho - Não acho que você ficou magoado pela grosseira dele, mas sim pelo fato dele ter rompido a amizade de vocês. 

 

Baek - O...O Que? - Ficou vermelho.

 

Suho - Eu sabia! - Falo rindo.

 

Baek - Sei de nada... - Tentou disfarçar.

 

Suho - Acho que você vai se sentir melhor quando eu fizer algo por você...

 

Baek - O que? 

 

 

Suho - Me espera, volto logo, por enquanto apenas descanse, e pare de chorar! - Falo com tom de autoridade.

 

Baek - Sim senhor! - Riu.

 

Suho - Já volto. - Me despedi dele e fui atrás do... Sehun! 


          Meu plano era fazer o Sehun ir conversar com o Baek e reatarem a amizade, assim o Baek se cura, e talvez role algo a mais entre eles, caramba, foi aí que percebi que sou um cupido profissional, primeiro Xiumin e Chen, agora Sehun e Baekhyun, estou cada vez melhor! 

 

Assim que saí de casa, dei de cara com o Sehun, tenho muita sorte mesmo, fui correndo falar com ele...

 

Suho - Que bom que te encontrei! - Olho para ele.

 

Sehun - Bom por que? Eu te fiz tanto mal junto com o Baek...

 

Suho - Águas passadas, você precisa me ajudar. 

 

Sehun - Como? - Levantou uma sobrancelha. 

 

Suho - O Baek está doente, ele ficou assim depois da briga de vocês. - Afirmei.

 

Sehun - Ele precisa saber de umas verdades, a verdade é que eu gosto dele, eu amo ele! E odeio ver o como ele gosta de fazer essas coisas ruins. 

 

Suho - Você pode mudar o jeito dele ser! Eu acho, não, eu tenho quase certeza que ele também gosta de você, por favor, converse com ele, faça ele se sentir melhor, é a única coisa que te peço. - Sorri.

 

Sehun - Eu vou falar com ele sim, porque eu não gosto de vê-lo triste. - Sorriu também.

 

Suho - Muito obrigado! 

 

Sehun - Obrigado você por ser essa pessoa maravilhosa, cuida do irmãozinho com tanto amor, mesmo com as mancadas...

 

Suho - Pois é. - Começo a rir. - Agora tenho que ir, tem alguém esperando por mim. - Penso no Lay e começo a sorrir de forma idiota.

 

Sehun - Entendi... Vou lá falar com o Baek. - Entrou em casa.

 

Suho - Ah sim, você pode entrar em casa. - Falo rindo e em seguida me retiro. 


          Minha missão está completa, espero que eles se entendam, quero ver o Baek feliz, e agora vou cuidar da minha felicidade, por isso fui até a praia, e no caminho eu tomei um suco e um sanduíche numa lanchonete qualquer porque eu tinha me esquecido de me alimentar, e depois de ter feito tudo, fui até o Lay para assistir o mesmo treinando. 

 

CONTINUA...
 


 

 

 

 

 



 

 

 


 


Notas Finais


Gostaram do capítulo?

Comentem o que acharam...

Até o próximo capítulo.

Beijos :*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...