História Fight! - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Neji Hyuuga, TenTen Mitsashi
Tags Nejiten
Visualizações 32
Palavras 964
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - Capítulo 1


Tenten urrou de raiva e fechou a mão direita em punho. Sem pensar duas vezes, desferiu um golpe certeiro dentro do nariz já avermelhado e inchado de Naruto Uzumaki.

Naruto gemeu e levou as mãos ao lugar que começava a sangrar.

Caralho, sua maluca! - ele berrou e Tenten levantou a mão em direção ao rosto do loiro.

Ele correu dali.

Ela encarou todas as pessoas que tinham parado entorno dela para olhar aquela briga.

Eles deviam pensar, "Mais uma vez Tenten Mitsashi está arrumando briga.".

Bom, ela não se importava. Arrumaria brigas quantas vezes fossem necessárias para mostrar para esses idiotas que ela não era um fracote qualquer.

Prendeu novamente o cabelo que havia se soltado em meio a confusão e recolheu, entre murmúrios de indignação, suas sacolas do mercado que estavam jogadas pelo chão.

Não, Naruto não era um ladrão. Apenas era um imbecil de marca maior.

Como todos os outros, ele vivia para irritar qualquer despercebido, ou cidadão aleatório que escolhesse. O problema era que na maioria das vezes, Tenten era esse alguém.

Foi a quarta vez na semana que ela e Naruto brigaram, ou melhor dizendo, quarta vez em que Tenten o cobriu de porrada.

E era apenas terça-feira.

Não, o problema não era com Tenten, por ser "machona" ou briguenta demais, como todos diriam. Ela só não levava desaforo para casa.

Tenten nunca bateu ou quis bater em alguém que não a tivesse feito mal algum, mas, quando faziam pode ter certeza que Tenten Mitsashi apareceria para chutar suas bundas e quebrar seus narizes.

Caminhou pela pequena vila em direção a sua casinha, uma casa simples com dois cômodos e um banheiro. Mas, suficiente para Tenten.

Ela era sozinha.

—TENTENNN! - uma voz estridente conhecida a fez lembrar de que ela não era completamente sozinha, existia um alguém.

—Lee! - ela exclamou, girando nós calcanhares para encarar o melhor amigo.

Rock Lee e Tenten de conheciam desde sempre. Eles se davam bem. Lee era divertido e adorava uma boa luta, além de saber escolher os melhores saquês para um jantar.

—Ugh! Você está suada e nojenta. - ele riu, enquanto tirava um galho seco do cabelo castanho de Tenten.

—Você está ridículo como sempre, cabeça de tigela. - ela riu também e bagunçou a franja grossa e negra que caía sobre as sobrancelhas grossas de Lee.

—Então... É verdade? - ele perguntou.

Tenten franziu as sobrancelhas enquanto destrancava a porta de casa.

—Você quebrou o Naruto na porrada, Mitsashi? - os olhos de Lee brilhavam em empolgação.

—Sim, idiota. Entre. - ela revirou os olhos e fechou a porta assim que Lee entrou.

—Isso! Agora ele jamais terá chance com a Sakura-chan. - ele sorria largamente enquanto dizia as palavras, saboreando uma a uma.

—Sério? Lee, você ainda está afim da Sakura?

As bochechas dele coraram e Tenten dispensou uma resposta.

—Sabe. - Lee a abraçou enquanto falava. —O Sasuke ainda é um empecilho... Você podia, uhn, quem sabe...

—Bater nele?

—Isso, Tenten! Como adivinhou?

—Não vou bater em alguém só para você beijar a menina do cabelo rosa, se quiser bata você.

O sorriso de Lee murchou, ele se sentou sobre a cama de Tenten.

—Ei, Lee. - Tenten se agachou em frente a ele e ergueu o rosto do jovem. —Você é um cara bonito, legal, inteligente e divertido. Além de ser muito esforçado. Se a Sakura não reconhece isso, talvez ela não mereça a pessoa incrível que você é.

Ela sorriu e acariciou o rosto e os cabelos sedosos de Lee.

—Você... Você tem razão, Ten. - ele fungou o nariz.

—Não quero ter razão, idiota. Quero te ver feliz. Vou tomar um banho, por que não começa o jantar?

Ele sorriu e se dirigiu para a cozinha enquanto Tenten caminhava para o banheiro.

Lee era seu melhor amigo. Seu único amigo, ele merecia ser feliz. 

Neji

  Neji Hyuuga sentou-se em sua cadeira de couro enquanto encarava o chefe dos Hyuugas, Hiashi.

—Então, tio, pensou na proposta? - ele segurou entre os dedos uma mecha de seus longos cabelos escuros e a colocou atrás da orelha.

Seus olhos encararam com fervor os olhos olhos de seu tio, dois pares de iris leitosas disputando uma árdua batalha de interesses.

—Achei ótimo, Neji. Já conversei com os chefes das vilas sobre o torneio. Amanhã farão o anúncio.

Neji sorriu de maneira sádica.

A ideia de ver dezenas de pessoas lutando até se acabarem apenas para salvarem seu lar era incrível.

—Vai ser muito interessante, tio. Na folha, por exemplo, existem excelentes lutadores.

Hiashi o encarou e ergueu uma sobrancelha, Neji o jogou uma pasta preta aberta.

—Tem alguns aí. Apenas uma não tem foto, uma tal de Tenten. Mas, alguns são promissores, como Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Rock Lee, Naruto Uzumaki e Kiba Inuzuka.

—Sakura Haruno, força bruta pura! - Hiashi exclamou. —Essa garota seria interessante para você, belos olhos, cabelo bonito também.

—Não estou interessada em garotas, mas, se estivesse gostaria de alguém no estilo Ino Yamanaka ou talvez a Temari da Areia.

—Areia?

—Sim, tio. - Neji o lançou outra pasta preta. —Gaara, Temari, Kankuro, Matsuri, Pakura. Bons lutadores.

Neji o entregou o restante das pastas, eram cinco vilas, muitos competidores interessantes, mas, eles ainda nem sabiam se aqueles aceitariam ao torneio.

—E se não quiserem? - perguntou Hiashi.

—Vão querer.

Neji puxou o blazer que estava jogada sobre a cadeira e saiu, deixando o tio com as pastas acerca dos possíveis competidores.

Hiashi queria colocar um deles ali, Hinata ou Hanabi, talvez o próprio Neji.

Não, esse último era improvável. Neji era frio e não sujaria suas mãos em uma luta por algo que provavelmente ele já tem nas mãos.

Mas, algo dizia a Hiashi que esse campeonato mudaria seu sobrinho, para sempre. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...