1. Spirit Fanfics >
  2. Filho adotivo - Jeonjungkook >
  3. Você está bem?

História Filho adotivo - Jeonjungkook - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura

Capítulo 5 - Você está bem?


Fanfic / Fanfiction Filho adotivo - Jeonjungkook - Capítulo 5 - Você está bem?


Depois de longos minutos abraçada a Jungkook, decidi que já era hora de entrarmos e assim fizemos.

- Sua casa é muito bonita - ele murmurou sorrindo -

- Fico feliz que tenha gostado.Essa também é sua casa, agora. - afirmei me aproximando -

Ele se mantinha de cabeça baixa, e isso estava me deixando um pouco tensa. 

Peguei sua mão com delicadeza para não assusta-lo e o guiei até a cozinha, ele não questionou meu ato,oque me deixou mais tranquila.

Me sentei na mesa e ele me acompanhou, ele estáva tão tímido, eu realmente não queria que fosse dessa forma.

Queria que ele se soltasse, eu sou a mãe dele agora,não sou?

Aish! Por deus (S/n), você o acabou de adota-ló, é claro que ele agíria assim. Espero não fazer nada errado.

(...)

Eu não tinha palavras pra explicar o quanto eu estava feliz, Jungkook se mostrou um menino e tanto.

Almoçamos juntos, mas, ele me pareceu mais avontade quando eu não estava por perto.

Eu havia pedido para Yumi ficar de olho nele, não que eu seja aquele tipo de mãe que vigiava o próprio filho, longe de mim por favor, isso seria apenas por enquanto. 

Depois de terminar de ler alguns artígos importantes, pensei na possibilidade de ir me deitar.eu estava muito Cançada,e meus olhos estavam  doídos pelo grau tão forte dos óculos. 

Eu precisava dele para ler aquelas letras tão pequenas 

Suspirei retirando os óculos e me apoiei a cabeça na cadeira.

Fechei meus olhos por alguns instantes me permitindo relaxar, algo que não deu certo,pois veio flashbacks da reunião de mais cedo.

Me lembro muito bem dos rostos daqueles ratos

Eu fiz de tudo por eles e é assim que me retribuem?

É mesmo uma falta de consideração. 

Abri meus olhos assim que escutei alguém batendo na porta

- Entra.

A porta se abriu e Jungkook passou por ela com uma xícara em mãos, ele fechou a porta com cuidado e se aproximou com um sorriso mínimo nos lábios. 

- Isso é pra mim? - apontei para a xícara -

- Sim. Você está trabalhando desde o almoço, e como eu descobri que você gosta de um bom café, resolvi lhe trazer um pouco...pra relaxar,você precisa. - ele murmurou estendendo a xícara em minha direção -

Sorrir pro mesmo que retribuiu de imediato

Peguei a xícara de suas mãos com cuidado e pedi para ele se sentar. 

- Você pediu pra Yumi preparar? - beberiquei um pouco do café -

- E-eu mesmo que preparei ,espero que tenha gostado - ele deu um sorrisinho tímido -

O encarei surpresa,além de tudo, Jungkook sabia fazer um bom café, mas eu quero que ele se sinta confortável, não na obrigação de fazer algo por mim. 

- O café está maravilhoso querido, mas não precisava, temos Yumi aqui pra isso, e não se esforce tanto - esboçou um sorriso compreensivo e deixou a xícara sobre a mesa -

Ele se mantinha de cabeça baixa encarando suas mãos

Uma das coisas que me chamaram atenção do Jungkook além de sua beleza, é que ele é muito tímido quando quer.

- Porque não me olha nos olhos?

- porque você é muito bonita - ele disse baixinho -

(...)

Eu me virava de um lado para o outro tentando achar uma posição confortável pra dormir. 

Aquela maldita frase me causou um efeito enorme, até parece que eu nunca fui elogiada

Jungkook é apenas uma criança 

Me levantei da cama caminhando até a porta sentindo o frio bater nas minhas pernas desnudas por causa da camisola curta.

Desci as escadas com cuidado, as luzes estavam apagadas, um verdadeiro breu.

Consegui chegar na cozinha me arrastando nas paredes e abri a geladeira, minha garganta estava seca e meu corpo estava começando a ficar quente.

Apanhei um copo e o enchi com água o levando até os lábios, ingeri o líquido sentindo uma refrescância na garganta.

Fechei os olhos por alguns segundos e puxei o ar com os lábios. 

Deixei o copo na pia e me virei pronta pra sair da cozinha, mas fui impedida por um corpo sendo chocado contra o meu, me afastei instantaneamente e ergui os braços no ar tateando algo desnudo e duro como... um abdômen.

Jungkook..

Enguli a seco , porque ele estava sem camisa?

- Cuidado - ele pigarreou - você está descendo de mais.

Afastei minhas mãos gradativamente de Seu abs, que por sinal era bem definid.. aish oque eu to pensando!

Ele se movimentou por ali e as luzes se acenderam, ele havia as ligado.

- Você está bem?

Levantei meu olhar e o encarei atônita, ele usava uma calça moletom cinza da Adidas, alguns fios castanhos estavam caidos na sua testa, seus lábios estavam reprimidos lhe dando a áurea mais sexy. Passei meu olhar pelo seu Abs por um instante e pude confirmar minha teoria.

- Estou - pigarriei - estava com calor?

Ele inclinou a cabeça  pro lado e franziu o cenho

Abaixou seu olhar se alto- analisando e arregalou os olhos,se abraçou tentando tampar a visão de sei físico incrível. 

Dei uma risadinha com o seu ato e recebi seu olhar risonho. 

- Está tudo bem, não precisa ficar assim.

- Posso te abraçar? - ele fez um bico discreto fitando o chão -

- É claro.

Seus braços enlaçaram minha cintura, me puxando pra si formando um abraço.

Era um abraço carregado de alívio, necessidade. 

Ele me apertou e eu sorrir tensa, meus seios rígidos por causa do frio, estavam sendo esmagados pelo seu peitoral nú, droga, aquela camisola era tão fina.

Isso é péssimo. Hum,hum, preciso me afastar, sei que ele não tem culpa de eu ser maldosa.ele não deve nem ter reparado. 

Mesmo assim é melhor.

Eu iria me fastar,mas ele me puxou de volta , nossos corpos se chocaram novamente, agora tenho certeza de que ele percebeu. 

Aqueles par de olhos castanhos me encarava como se pudesse ver minha alma.

Sexy..

Eu estava ficando nervosa ,não!

Eu não posso levá-lo pra cama.

Oque..?

Oque...não! Aish é claro que não.

Aigoo,acho que estou delirando, isso é carência, so pode ser isto. 

- Acho melhor você ir domir.

Ele me soltou gradativamente e se afastou. 

Soltei o ar que nem mesmo sabia que segurava e passei a mão na testa percebendo a úmidade ali.



















Notas Finais


Eae gostaram?
Me perdoem por qualquer coisa.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...