História Finalmente você - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Once Upon a Time
Personagens Personagens Originais, Peter Pan
Tags Magia
Visualizações 11
Palavras 706
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Ficção Adolescente, Magia
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 4 - Quatro


Acordo, mas agora não foi por causa das crianças. Era umas 7:00 hrs, saiu de minha cabana e não vejo ninguém fui para a praia já que ainda era cedo, a visão e a praia deviam estar ótimas. Não era tão longe de onde a gente ficava, eu estava certa, uma visão maravilhosa, tirei minhas roupas ficando só de langerie e fui correndo até aquele mar maravilhoso, no começo estava muito frio, mas depois meu corpo se acostumou com a temperatura fiquei mergulhando até que senti uma pessoa agarrando minha cintura, viro e vejo Peter, tomo um susto, hoje eu não tava para brigar com ninguém e fui simpática com ele, e vejo ele se aproximando cada vez mais e mais até que ele me beija, AI MEU DEUS, eu cedi na mesma hora, mesmo não devendo. E o Leo? Como fica nós dois? Eu beijei ele ontem! E já tô beijando o Peter? Que beijo! Eu sabia que não era certo e me separei dele. 

-Por que parou?- Ele fala com uma cara confusa

-Eu gosto do Leo, você sabe disso...

-Você tá namorando ele? 

-Não... 

-Então não tem problema-Ele fala voltando a me beijar

De novo eu cedi, LENA SE CONTROLA VOCÊ TÁ FICANDO COM O LEO, E O PETER É UM GROSSO, QUE SE ACHA MAIOR QUE TODOS...

-Não dá! Eu não consigo-Falo me afastando dele 

-Ta bom, tá bom...-Ele saí de perto de mim e volta a terra firme. 

Aí meu Deus!Eu só queria aquela boca encostando na minha de novo, mas eu tinha que me controlar, saí depois de um tempo do mar e imaginei um toalha e comecei a me secar e me vesti já era umas 9:00 e todos já estavam na mesa, sentei na cadeira que eu sempre sentava, todos os garotos tinham um lugar na mesa e meu lugar era perto da Wendy. 

-Onde você estava?-Leo fala olhando para mim 

-Ela estava na praia.- Peter resposte também olhando para mim

-Como você sabe, Peter?- 

-Ele estava acordado e passou lá.-Eu falo quase gaguejando 

-Ah.... -Leo fala desconfiado 

Depois de comer vou para a minha cabana mexer no meu celular, mexi em algumas redes sociais, já no WhatsApp tinha várias mensagens da minha família, não vou responder nada que eles perguntaram, não vão parar, sei disso, então desistalei o WhatsApp e todas as redes sócias que eu tinha. Escutei uma batida na porta e abri, era o Peter, ele foi logo me beijando e ao mesmo tempo me levando para a cama, até que Leo aparece na porta...

-Lena? O QUE TA ACONTECENDO AQUI?? 

-Calma, eu posso te explicar! Não é nada do que você pensa!!

-EU TÔ PENSANDO QUE VOCÊS ESTÃO SE AGARRANDO E INDO PRA CAMA JUNTOS

-Então é o que você tá pensando-Peter diz

-CALA A BOCA PETER, VOCÊ QUE ME BEIJOU. 

-Mas você cedeu,  eu não te forcei a nada bebê...

O Leo saí de lá e eu sigo ele, deu pra ver que ele estava chorando, eu também estava doía em mim também, mas como eu sou fraca velho, eu não devia ter cedido! 

-LEO POR FAVOR, ME ESCUTA, eu te amo poxa! 

-Devia ter pensado no seu amor quando começou a beijar o Peter! 

-Eu sei que eu não devia ter feito isso, mas aquilo não significou nada para mim. O que significou pra mim foi o nosso beijo, eu amei ele, não paro de pensar um segundo se quer... 

-Serio? 

-Sim, você sabe que eu gosto de você e que é verdadeiro! 

Depois deu falar isso ele me beijou, um beijo lento, mas maravilhoso. O Leo era maravilhoso comigo, o Peter não chega nem aos pés dele. Paramos o beijo por falta de ar, nós dois sorrimos e voltamos a se beijar ele tava me levando pra cabana dele até eu me deitar na cama com ele em cima de mim. Não sei se era aquilo que eu queria, mas só deixei rolar...

-Leo... 

-O quê?-Ele fala concentrado no meu pescoço

-É que.... Eu sou meio que... 

-Virgem?

-Sim...-Falo super envergonhada

-Kkk, não precisa ter vergonha disso.-Fala acariciando meu rosto, ele era simplesmente perfeito-Se você quiser que eu pare eu paro, não tem problema-Ele fala saindo de cima de mim

-NÃO, não precisa, eu quero apenas deixar rolar

-Ah... Posso?- Ele fala olhando pra minha blusa 

-Pode... 




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...