1. Spirit Fanfics >
  2. Fio Vermelho (Taekook-Vkook) >
  3. 01

História Fio Vermelho (Taekook-Vkook) - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Oieee, essa é minha primeira fic e espero que gostem :)
Escrevi com muito carinho e amor para vocês.
Aproveitem o capítulo💜🍃

Capítulo 1 - 01


Fanfic / Fanfiction Fio Vermelho (Taekook-Vkook) - Capítulo 1 - 01

                POVS JUNGKOOK

.

.

.

.

.

Jungkook saiu da boate em que trabalha após uma longa noite, olhou o relógio em seu pulso e já marcavam três e meia da madrugada ou seja bem tarde.

Jeon vai até seu carro senta no banco do motorista e logo seu celular toca:

Sra.Jeon: Ei meu filho já está vindo? Tome cuidado no trânsito viu porfavor.

JK: Oi mãe já tô indo sim, pode deixar que irei me cuidar não se preocupe, em meia hora estou aí.

Sra.Jeon: Tá bom meu filho pelo amor tome cuidado estou com um pressentimento ruim.

JK: Não vai acontecer nada mãe, calma, é coisa de sua cabeça. Tenho que ir tchau - Jungkook desliga o seu telefone e põe no banco do lado.

.

.

Jungkook estava passando pela ponte de Seul quando sua visão começa embaçar e apaga no volante.

.

.

.

.

.

                    POVS TAEHYUNG 

.

.

.

.

.

Eu estava tomando café quando escuto um chamado, corro até a porta do hospital e vejo um jovem em uma maca - É Kim Taehyung esse aí não vive não, coitado - Penso e Bogum logo me chama:

BG: Taehyung arrume a sala 301 para esse jovem, teremos que ir direto para a cirurgia e depois ele precisa de descanso.

TH: Okay, Okay estou indo - Falo andando em direção a sala 301.

.

.

Chego na sala e começo a arrumar tudo, ligo a TV e vejo uma reportagem de um acidente grave na ponte de Seul, meu coração logo se aperta ao ver a cena do carro capotado e todo amassado, aquele era o acidente do menino... Taehyung não sabia o porque mas estava com um preocupação tão grande.

.

.

.

.

.

Se passaram cinco horas e a cirurgia foi um sucesso, o menino Jeon poderia ter uma chance de vida um pouco maior. Taehyung estava ajudando a levar o garoto para sala e mesmo com os machucados no rosto ele viu que aquele menino era realmente bonito. Deitaram o menino Jeon na cama hospitalar e o outro enfermeiro ali presente disse a Taehyung que ele ficaria responsável pelo Jungkook oque o fez ficar feliz, não se sabe porque.

Após o outro enfermeiro sair o Kim foi até o Jovem deitado e disse:

TH: Em que você foi se meter viu... - Olha a folha na mesinha ao lado - Viu Jeon Jungkook, deve ter bebido muito para ter dormido no volante. Taehyung estava realmente preocupado sem saber o porque - Seus pais devem estar preocupados, o se devem estar - Taehyung logo escuta uma gritaria nos corredores e logo vai até lá para ver oque era.

Sra.Jeon: EU FALEI PARA ELE TOMAR CUIDADO EU FALEI, EU NÃO POSSO PERDER MEU ÚNICO FILHO NÃO POSSO.

TH: Calma senhora, seu filho está bem, a cirurgia foi bem e ele está fora de perigo.

Sra.Jeon: POR FAVOR MEU JOVEM NÃO DEIXE MEU FILHO MORRER, ELE É MEU BEM MAIS PRECIOSO.

TH: Eu irei fazer meu melhor senhora Jeon, eu irei pegar uma água para a senhora - O Kim fala indo até o bebedouro pegando um copo de água - Aqui senhora - Fala entregando o copo.

Sra.Jeon: Obrigada meu jovem - Taehyung sorri para a mais velha - Quando eu irei poder ver meu filho meu jovem?

TH: Bom como ele já é de maior você só poderá vê-lo no horário de visita às duas da tarde e as 7 e meia da noite.

Sra.Jeon: Eu não posso nesses horários, trabalho o dia todo e chego cansada em casa meu jovem, porfavor me deixa em outro horário.

TH: Me desculpe senhora mas essas são as regras do hospital, o máximo que posso fazer é te dar notícias de seu filho.

Sra.Jeon: Me deixe informada por favor querido - Jeon entrega um cartãozinho - Meu número é o último, me ligue por notícias, eu tenho que ir não posso ficar, por favor cuide bem dele.

TH: Pode deixar senhora Jeon, pode deixar.

Pela manhã Taehyung trocou os curativos do menino Jeon e injetou os remédios no garoto.

.

.

.

.

Sete e meia da noite, Taehyung teve que voltar para o hospital, o enfermeiro que estava em seu lugar passou mal e o Kim teria que ficar com Jeon. Ao chegar ele coloca seu traje e sobe para o 301, ele entra na sala e vê Jungkook se mechendo na cama.

TH: Jeon? - Diz indo em direção a cama - Jeon, você está bem? - Taehyung vê os olhos do garoto se abrindo devagar - Ei Jeon, tudo bem?

JK: Eu estou com dor de cabeça, a-ai - Fala colocando a mão na cabeça - Quem é você? Que me lembre não te conheço.

TH- Você sofreu um acidente grave, passou por um cirurgia na cabeça e eu sou seu enfermeiro na verdade tem outro também mas ele passou mal e eu estou aqui.

JK: Acidente?

TH: Sim, você dormiu no volante e agora está aqui. Isso acontece, provavelmete bebeu muito em uma festa e dormiu.

JK: Eu estava trabalhando que eu me lembre.

TH: Aaah - Taehyung diz sem graça - Me desculpe e-eu...

JK: Tudo bem, Tudo bem - Diz sorrindo - Tem comida aqui? Estou com fome.

TH: Mas já acorda com fome pelo amor Jeon.

JK: Affs eu devo tá a um tempo sem comer me deixe viu.

TH: Vou pegar uma comida para você.

JK: Eu não quero, comida de hospital é ruim.

TH: Você já comeu?

JK: Não mas...

TH: Então pronto, eu vou pegar para você - Jungkook logo bufa - Não bufe, quem bufa é boi.

JK: Affs vai pegar essa comida logo.

.

.

.

.

Após comer Jungkook fala:

JK: Okay me surpreendeu, essa comida tava uma delícia!

TH: Viu, eu falei.

JK: Aish então Taehyung como vou ter que te aturar por um tempo né, me conta um pouco sobre você.

TH: Bom não tem muito oque falar eu não sou de muitos amigos, minha vida foi da escola lara casa ou faculdade e depois que me formei de casa para o hospital.

JK: Que vida sem graça Taehyung pelo amor.

TH: Me respeite viu.

JK: Nem namorada você tem?

TH: Eu não prefiro me relacionar agora.

JK: Ah entendo, entendo eu também estou encalhado então.

TH: E você, me conte sobre sua vida.

JK: Bom, Trabalho na boate do centro como bar man, tenho poucos amigos, gosto de festa e é isso...

TH: Duvido muito que você passa a noite em uma festa e no outro dia fica igual aqueles velhinhos enjoados passando mal.

JK: Eiiii - Jungkook diz fingindo estar com raiva.

TH: Tá bravo é kakaka, coitado.

Logo a portar abre revelando um cara mais velho, provavelmente o pai de Jungkook.

Sr.Jeon: Que intimidade toda é essa com meu filho? Você é só um enfermeiro.

JK: Vai começar - Resmunga - Pai pelo amor ele só tá sendo gentil e não me deixando no tédio.

Sr.Jeon: Você pode muito bem passar seu tempo em algum jogo.

TH: Me desculpe senhor Jeon, eu não queria incomodar, eu vou indo quando sair eu volto.

JK: Tchau Tae até depois.

TH: Tchau Jungkook - Digo e aceno para o senhor Jeon.

.

.

.

.

.

POVS JUNGKOOK

.

.

.

.

Taehyung sai do quarto e me deixa com meu pai.

Sr.Jeon: Não gostei desse garoto.

JK: Mas eu gostei, sou eu que vou conversar com ele não você.

Sr.Jeon: Me respeite viu moleque.

JK: Affs

Bom meu pai brigou muito comigo por ter adormecido no carro, sim! Mas ele tem razão né. Ele sai do quarto depois que o tempo de visitas acabou e eu adormeci.

.

.

.

.

.

.

.

.

Continua?


Notas Finais


Ficou bem pequeno mas os próximos serão maiores.
É isso espero que tenham gostado:)
Caso queria dar idéias ou falar algo meu Tiwitter e meu insta é @bitieseei :)
Até o próximo capítulo, Xauuu💜🍃


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...