1. Spirit Fanfics >
  2. Fireworks. (Now United). >
  3. Arranged Marriage.

História Fireworks. (Now United). - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Galera essa é minha 2° fic, eu espero muito que vocês gostem.

Capítulo 1 - Arranged Marriage.


Fanfic / Fanfiction Fireworks. (Now United). - Capítulo 1 - Arranged Marriage.

*Any*

-Você nunca perguntou oque eu quero pai, e concerteza não é isso. Meus olhos ja estão cheios de lágrimas.

-Não importa oque você quer, oque importa é que nós estamos falidos e esse casamento vai salvar a minha empresa. Ele se aproxima, eu estou mais alta, pois estou encima de um pequeno palanque enquanto a costureira coloca alfinetes onde meu vestido de noiva deve ser apertado.

-Eu não o amo pai. Desço do palanque e me arrependo, pelo menos ali em cima eu estava mais alta, me sentia capaz de enfrentá-lo, mas quando deci foi como se eu voltasse a ser minuscula.

-Você pode aprender a ama-lo. Ele me encara, um olhar que faria qualquer um sair correndo.

-Não posso. Eu o olho nos olhos e prendo a respiração. -Eu amo outra pessoa. Solto o ar de uma vez, me viro e volto a subir no palanque.


7 meses antes.


*Any*


Eu sempre fui a garota sonhadora, que acredita em amor a primeira vista, principes em cavalos brancos e no felizes para sempre. Mas a realidade não é bem assim. Meu pai decidiu que eu vou me casar. Isso mesmo, um casamento arranjado. Nem de longe isso é oque eu quero, mas a felicidade de minha família vem acima de tudo, e se isso deixa meu pai feliz, é isso que eu vou fazer. Tudo que eu quero é ter a chance de amar e ser amada.

-Any, Filha?, você esta me ouvindo querida?. Meu pai balança a mão em frente ao meu rosto.

-Desculpa, você pode repetir.

-Você conhecera seu noivo amanhã anoite, lembre-se, precisamos que tudo corra bem, nossa empresa esta em jogo.

-Tudo bem pai, tudo oque o senhor quiser. Eu me levanto, me sinto enjoada toda vez que meu pai fala sobre o casamento. No começo eu discordei mas quando ele disse que nossa empresa depende disso eu não pude dizer não. Meu pai ama aquela empresa e eu faço tudo para ver minha família feliz.

-Any, Any. Sofya, minha irmã mais nova corre em minha direção, eu abro os braços e ela pula em mim.

-Oque foi pequena?. Eu aperto o nariz de Sofya.

-Brinca comigo?. Ela balança a barbia que esta em sua mão.

-Eu estou cansada, mas prometo que amanhã eu brinco com você. Eu a coloco no chão.

-Tudo bem. Ela faz uma carinha triste e sai do escritório do meu pai andando lentamente.

-Pai eu ja vou indo, ok?. Eu forço um sorriso.

-Claro querida. Ele acena com a cabeça.

Eu saio do escritório praticamente correndo, subo as escadas, entro em meu quarto e me jogo na cama. Tudo oque me resta é chorar, é tudo oque eu posso fazer. Sinto falta da minha mãe, ela foi embora a 3 anos, realizar o sonho de ser arqueóloga. Esse ano vai fazer 4 anos que ela se mudou. Ela não queria ir e deixar a mim e minhas irmãs, mas eu e meu pai a encorajamos a seguir seu sonho. Então hoje ela esta na Itália seguindo seu sonho. Nós nos falamos todos os dias mas eu ainda sinto falta de poder abraça-la. Ela vem para Los Angeles apenas no natal, então em 3 anos eu só a vi pessoalmente 3 vezes.
Limpo as lágrimas com as costas das mãos e me levanto, sorrio ao ver minha mala. Amanhã eu vou começar na faculdade. Vou fazer faculdade de moda e estou muito feliz com isso, apartir de amanhã eu vou morar no alojamento da faculdade. Minhas colegas de quarto se chama Sabina e Shivani mas eu não as conheço. Vou até minha escrivaninha e me sento. Abro meu computador e vejo que tem 4 ligações perdidas do Krys no Skype. Eu ligo para ele. O rosto sorridente de Krys aparece na tela do meu computador.

-Anyy, eu to pirando, nem acredito que vamos para a faculdade amanhã.

-Eu também não. Tento soar animada mas falho miseravelmente, não que eu não esteja animada, eu estou, e muito, mas o assunto do casamento me deixa pra baixo.

-Eii, oque foi?. Ele faz uma expressão confusa.

-Nada, é só que. Eu olho para trás para me certificar de que estou sozinha, vai que meu pai resolve vir conversar. -Eu não quero me casar, não com alguém que eu não amo. Meus olhos se enchem de agua, é inevitável.

-Fala pra ele Any, você ja é maior de idade, você não precisa fazer isso.

-Eu preciso Krys, eu preciso. Respiro fundo e limpo as lagrimas que escorrem de meus olhos com as costas das mãos.

-Any, você não percebe que esta história de casamento acaba com você?, eu não gosto de te ver mal.

-Ta tudo bem Krys, eu vou aprender a ama-lo.

-E se você não aprender?.

-Não importa, a felicidade do meu pai é mais importante.

-O tanto que você se importa com as pessoas é inacreditável Gabrielly. Ele sorri.

-Eu queria poder te abraçar agora, eu preciso de um abraço.

-Poxa, você vai ter que se conformar com meu lindo rosto na tela do seu computador.

-Poxa como vc é delicado, eu toda fofa aqui e vc nem retribui minha fofura.

-Aii desculpa brasileira do meu coração. Ele fala meio debochado.

-Vai a merda Krystian. Eu reviro os olhos e nós dois rimos.

-Eu tenho que desligar, minha mãe esta me chamando para jantar. Krys acena e me manda um beijinho.

-Tchau, até amanhã. Eu aceno e mando um beijinho.

-Até. Krys encerra a chamada.

Me levanto e vou tomar um banho. Depois de tomar banho e colocar um pijama saio de meu quarto e vou até o quarto de Sofya. Ela esta deitada, parece estar dormindo.

-Ei pequena, esta acordada?. Eu praticamente sussurro.

-Sim. A voz dela esta sonolenta, acho que ela esta quaser dormindo.

-Posso deitar aqui?. Me aproximo da cama dela.

-Pode, mas você ja não esta velha para dormir com a sua irmã?.

-Amas amanhã eu vou me mudar pro alojamento da faculdade lembra?. Eu me deito ao lado dela, a cama de Sofya é de solteiro mas eu consigo me aconchegar perfeitamente.

-Mas você prometeu que ia brincar comigo amanhã. Ela me abraça.

-E eu vou, eu não vou embora de L.A pequena, só vou me mudar daqui de casa, ainda vou estar aqui em Los Angeles.

-Você promete?.

-Prometo. Eu a abraço forte.

-Canta pra mim Any?.

-Claro. Eu começo a cantarolar uma musica e em poucos minutos Sofya pega no sono.

Sempre que estou triste e precisando de um abraço eu recorro as minhas irmãs, Sofya e Belinha são tudo pra mim.
Depois de um tempo eu também acabo dormindo.


Notas Finais


IMPORTANTE.

PERSONAGENS PRINCIPAIS.

Any: Faz tudo pela familia / 19 anos.
Estudante de moda.

Noah: Encrenqueiro/futuro amor de Any / 20 anos.
Estudante de musica.

Bailey: Noivo da Any / 24 anos.
Formado em direito.

Ricardo: Pai de Any / 42 anos. Empresário.

Priscila: Mãe de Any / 35 anos. Arqueóloga.

Sofya: Irmã mais nova de Any / 5 anos. Quer ser bailarina.

Belinha: Irmã da Any / 10 anos.
Quer fazer moda igual a irmã mais velha.

Krys: Melhor amigo de Any/ 20 anos. Estudante de moda.

Sabina: Colega de quarto/melhor amiga de Any / 19 anos.
Estudante de gastronomia.

Shivani: Colega de quarto/melhor amiga de Any / 19 anos.
Estudante de direito.

Josh: Colega de quarto/melhor amigo de Noah / 20 anos.
Estudante de dança.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...