História First Time - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jung Hoseok (J-Hope), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Bottom!yoongi, Crime, First Time, Hoseok, Jimin!top, Primeira Vez, Sad, Top!jimin, Yoongi!bottom, Yoonmin
Visualizações 204
Palavras 508
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu iria fazer uma capa descente hoje para First Time, mas decidi escrever por causa da @yklovers. Agradeçam ela, se depender de mim tudo vai mofar que nem Be There :((

Não é bem o que você queria ainda, Vall, mas quem disse que eu tenho pressa? KKKKKK

Parei, a tradução do título é:
Beco da Culpa

Só falei porque nem eu sabia, tive que usar minha irmã fluente em inglês.

Acabei de escrever, então deve estar cheio de erros, mais tarde eu reviso!

Boa leitura!!

Capítulo 2 - Alley of Guilt



§


- Alô? 

- Boa noite, delegacia do Sul de Daegu, no que posso ajudar?

- Boa noite, senhor policial. Eu sou Min Chaengwon, eu gostaria de saber se alguns de seus homens não poderiam procurar meu filho, e-ele... sumiu!

- Entendo. Qual o nome e idade do garoto? E quando foi a última vez que o viu?

- Min Yoongi, 16 anos. Ele saiu ontem mais ou menos meio dia para ir para a escola, disse que ficaria um pouco com Park Jimin, seu namorado, mas ele nunca chega depois das dez da noite! Já é uma da manhã e esse menino não me atende!

A mulher gritou desesperada.

- Se calme, Sra. Min. Eu entendo a sua situação como mãe, mas se lembre que estamos falando de um adolescente, ele pode ter dormido na casa do namorado e se esquecido de avisar. Não podemos fazer nada antes das vinte e quatro horas, mas se o garoto não aparecer até meio dia de hoje nos ligue novamente, e mandaremos alguns homens atrás dele.

- O QUE?! Como assim não podem fazer nada?! Olhe aqui senhor polic... Alô? Droga! 

Jogou o telefone no sofá. Frustada e com medo do que poderia ter acontecido com seu menino a mulher decide sair, se eles não fariam nada, ela faria.



Apertou a campainha novamente, estava aflita, e se o outro também tinha sumido?

Parou de pensar nisso quando ouviu o barulho da maçaneta.

- Senhora Min?

O garoto de cabelos vermelhos perguntou confuso, o que ela fazia na porta da sua casa uma da manhã?

- Jimin! Meu querido! Yoongi está aí? 

Esta sorria, mais calma, provavelmente Yoongi estivesse com o namorado mesmo.

- Não senhora, vi ele na escola a última vez...

Tentava se lembrar de algo, sabia que ficava totalmente fora de si quando o Jung lhe entregava a mercadoria.

- Meu Deus! Jimin me ajude, porfavor, aquele menino sumiu, e a droga da polícia disse que não pode fazer nada!

A mulher começou a chorar, e o loiro a abraçou, agora nervoso.

- Calma, calma, vou avisar mamãe pelo celular que saí para te ajudar, e vou me trocar, fique aqui na sala me esperando. 

Falou indo rápido até seu quarto.



Eram quatro e meia da manhã quando terminaram de passar nas casas de todos os amigos do Min.

Ninguém sabia de nada, diziam que Yoongi falou que ficaria mais um pouco na escola e foram embora.

- Vamos para a escola agora.

Era o último lugar que todos disseram ter visto Yoongi pela última vez.

Chegando lá eles inicialmente deram a volta na escola, e o último lado que faltava era na verdade um beco.

Assim que estacionou a mulher viu uma pessoa no chão, era seu menino. Começou a chorar como nunca saindo do carro apressada.

Correu até o corpo, caindo de joelhos do lado, colocou a mão no peito do corpo totalmente desnudo e soltou um suspiro alto abraçando o garoto desmaiado.

O mais novo estava estático ainda do lado do carro, quando olhou Yoongi naquele estado teve poucas lembranças do que houve, mas eram o suficiente para se culpar para a vida inteira.

- E-eu...

Tremia e chorava. Droga, literalmente.  


§



Notas Finais


Que dó da senhora Min.

Estranho né? Eu postei de madrugada, postei agora, até que tô bem.

Se subir uma inspiração eu atualizo mais alguma coisa hoje... Acho.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...