1. Spirit Fanfics >
  2. Five Nights At Freddy's - Satzu >
  3. Perfect Demons

História Five Nights At Freddy's - Satzu - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


voltei cedo pq eu não tenho nada pra fazer de minha vida

Capítulo 3 - Perfect Demons


Narrador ON

Sana estava deitada em sua cama, os cabelos castanhos espalhados sobre o travessriro. Ambas as mãos da japonesa estavam repousando sob sua barriga. Sua respiração era lenta, quase que inexistente e claro, a sua cabeça não parava de trabalhar.
 
  Por que as personagens circulavam, e viam em sua direção,  das 00h as 6h?

Quem foi o louco que inventou esse modo livre? o mecanismo já não era utilizado o bastante durante o dia? obviamente não era necessário no período da noite.

E por que infernos ela seria comparada a um endoesqueleto?

E a pior, como que elas observavam através das câmeras?

Todas aquelas perguntas sem respostas estava matando Sana. Já fazia duas boas desde que deixará a pizzaria. Ela saiu correndo em medo, tinha lágrimas nos olhos e soluçava alto.

Sana se sentiu caçada, observada e intimidada. Ela quase sentiu a morte em sua boca no momento em que Bonnie aparecerá em sua janela.

Mas esse foi o ponto crucial, apenas Bonnie foi atrás de si, nem mesmo Chica havia o feito.

Freedy não o fez.

E muito menos Foxy.

Outra coisa que havia mexido muito com a cabeça da japonesa foi o fato de Chica passar a maior parte de seu tempo quebrando pratos e copos, chorando. Os gemidos e choro sofrido ainda repercutiam em sua cabeça.

Era como se ela aliviasse a dor por meio do caos que fazia na cozinha. Como se ver as coisas destroçadas a deixassem melhor.

Minatozaki olhou para o lado e viu o relógio digital, ele marcava exatamente 08h13, ela deveria dormir um pouco, mas aquelas duas não saiam de sua cabeça, de preferência, Bonnie.

Seu celular soou ao seu lado e ela virou seu rosto. Lembrou do Phone Guy, o homem que gravou a ligação em sua primeira noite, o jeito que ele explicou tudo.

Ela suspirou e atendeu a ligação, ligando o viva voz.

- Com quem falo? - Sana se jogou para trás, sentindo suas costas baterem contra o sei colchão macio. Fechou seus olhos na tentativa de os descansar.

- Sana? achei que estivesse dormindo. - Ela sorriu ao ouvir a voz brava de Myoui. - Como foi o trabalho? - Seu corpo se arrepiou com a pergunta.

  - Foi nem peculiar, aquilo é assustador no período da noite. - Mordeu o lábio em dúvida, deveria contar a amiga sobre o ocorrido? contar que foi caçada por aquelas personagens que um dia amou?

- Hum, eu realmente apostava nisso. - Mina riu, aquilo aqueceu o coração da maior. - Mas você foi bem? pretende voltar lá?

Não.

A palavra se perdeu em sua garganta. Ela fechava e abria a boca, uma camada fina de suor se formou em sua testa, e a palavra não saia de jeito algum.

  - Unnie?

- Claro que eu vou. - Se Sana havia se surpreendido com aquela resposta? lógico que sim. Ela estava mais surpresa do que Mina, que pensará que a mais velha iria desistir na primeira noite.

Mina mandou um boa sorte para a amiga e desligou, alegando que terminaria algumas coisas para a faculdade.

- Eu devo voltar? - Questionou-se. Seus olhos chocolate miravam o teto, ela estava em dúvida, com medo.

Mas alguma coisa a puxava, ela precisava ir. Ela quer ir.

- Mais que merda. - Bateu no colchão e se levantou  com brutalidade. Iria tomar um banho para tirar toda aquela tensão de seus ombros, logo iria para a faculdade e nem sequer cogitou em dormir.

   Sana Pov

Estacionei o meu carro no mesmo lugar de ontem a noite. Minhas mãos apertavam o volante com força, eu até mesmo podia sentir minhas unhas cravarem nas palmas de minhas mãos.

Mantive a respiração regular enquanto saia de meu carro e observava aquele letreiro amarelado e velho.

Sim, eu decidi voltar.

Mas...o que eu estou fazendo aqui? bem, eu não sei, eu apenas preciso olhar por mim mesma, preciso ter noção de que tudo aquilo era fruto de minha imaginação apavorada.

- Eu devia está pedindo demissão, meu deus. - Falei rapidamente enquanto sentia meu corpo seguindo para a entrada da pizzaria. Eu estragava minhas mãos suadas em minha calça jeans e rezava mentalmente.

Mordi o lábio inferior, enfiando minhas mãos suadas nos bolsos de minha jaqueta. Passei pela porta e observei a pouca movimentação, estava bastante calmo, as crianças estavam mais interessadas em suas refeições do que em brincar.

  - Bem-vinda ao Freedy Fazbear Pizzaria! oh? Minatozaki? - Me virei para a bela atendente. Heejin sorria em minha direção, parecia feliz com a minha presença ali. Sorri e retirei as mãos de meus bolsos. - Achei que só fosse te ver no período da noite.

- Ah, eu também achei que só viria aqui durante a noite. - Cocei minha nuca, envergonhada. - Posso ter uma mesa?

- Claro, por aqui. - Jeon me guiou para uma mesa que ficava de frente para o enorme palco, não me atrevi a olhar na direção delas. Sentei e Heejin me entregou o cardápio, em sua maioria era pizza. - Como foi sua primeira noite? - Ela olhou rapidamente para trás, procurando algum cliente, não demorou para me olhar de novo.

Por que elas não estão tocando?

- É bem esquisito, não vou mentir. - Forcei um sorriso, ela parecia bem interessada na minha noite de trabalho.

- Então minhas expectativas sobre a garota corajosa foram todas por água a baixo? - Ela riu e eu senti minhas bochechas arderem.

- Eu nunca disse que era  corajosa. - Escolhi meus ombros e fiz um bico.

- Certo. - O sorriso ainda estava em seus lábios. Ela puxou um bloquinho e um lápis. - Posso anotar o seu pedido?

- Acho que vou querer a pizza mais barata que tiver, eu tô quebrada esses dias. - Murmurei e cacei a pizza de menor preço.

- Funcionários do Fazbear tem o que quiserem, não importa se não estiverem em seu horário de almoço. - Heejin cruzou seus braços e arqueou uma sobrancelha em minha direção. - Aposto que ele não te contou sobre isso.

Não, assim como não contou que os humanóides andam durante a noite.

- Me rendo para uma de frango. - Sorri apontando para a pizza, que parecia deliciosa pela imagem. - Uma coca também. - Resmunguei, não queria pedir muito.

Mas eu acho que mereço depois da noite que passei aqui.

- Ok, volto logo.

Assim que Heejin me deixou, uma música começou a tocar, uma música muito conhecida. Travei meus ombros, eu queria olhar. Mais que merda, eu quero muito olhar. Não demorou muito para que os gritos eufóricos das crianças pudessem ser ouvidos.

- Foda-se, eu vou olhar. - Virei meu corpo em direção da melodia e meu corpo tremeu.

Chica, Freedy e Bonnie. As três estavam nessa exata ordem. Meu olhar parou em Bonnie, a coelha que me seguiu pela noite, que me atormenrou durante seis horas. Então olhei para a Chica, a que chorou inteira. E Freedy, a que não se moveu a noite toda.

Elas tocavam como se nada tivesse acontecido, isso me matou por dentro.

Bonnie era uma garota de porte mediano, era a segunda mais alta dali. Seus cabelos eram longos e roxos, eram amarrados em um rabo de cavalo baixo e ganhava mais destaque com a sua pele extremamente branca.

Bonnie trajava um terno de tonalidade roxa, com blazer sem mangas e uma camisa social branca. Ela usava uma gravata mal arrumada de tonalidade vermelha. Suas orelhas mecânicas se moviam de modo sincronizado.

Seu nariz era fino e perfeito, um sorriso largo com três presas davam um ar fofo para a garota, mas aquilo era um pouco estranho, coelhos não tinham presas. E seus olhos, os mesmos que me encaravam na noite anterior, eram de um roxo profundo, quase que vermelhos.

Chica sempre me chamou atenção. Ela é a tecladista da banda, e tinha um toque um pouco mais feminino e sexy, em comparação as outras duas. Era como se Chica fosse criada para o público mais velho.

Ela representa uma galinha, usando um vestido curto de cor amarela, também tinha um pequeno babadouro pendurado em seu pescoço, Com a palavra "vamos comer"

Ela tinha meias 4/8 laranja e com listras horizontais, era a representação das pernas de uma galinha. Seus cabelos eram castanhos claros, longos, longos. Os olhos de Chica eram negros e profundos, e uma coisa me chamava a atenção na personagem, ela tinha dentes de coelho. Aquilo me era estranho, visto que a coelha do palco sequer tinha os mesmos dentes que ela.

Meus olhos pararam em Freddy, a figura principal do palco, o personagem principal, a atração principal.

Freddy era nitidamente a menor entre as três. Seus cabelos eram longos e castanhos escuro. Os olhos eram grandes e possuíam uma tonalidade clara.

O busto de Freddy preenchia bem a camisa social e o blazer fechado, a gravata era negra, assim como o seu terno, e muito portada. Ela tem orelhas de urso de cor marrom e uma cartola preta em uma das orelhas.

Aquilo era um pouco estranho de se ver, era um urso, uma galinha e coelho, eles não convivem bem entre si naturalmente.

Eram 2 predadores e 2 presas, visto que Foxy era uma raposa.

Olhei em direção ao Pirate Cover, eu nunca cheguei a prestar atenção na Foxy. Freddy sempre foi minha favorita, eu sempre ia para lá por causa da Freddy, eu nunca me importei realmente com a raposa que se escondia atrás das cortinas roxas.

Acho que ninguém liga para o que tem atrás da cortina.

Esse pensamento me doeu, deve ser horrível ficar de manutenção durante 20 anos... ninguém se importando com você.

Mas ela é um robô.

- Aqui está o seu pedido. - Heejin me deixou a Pizza mediana de frango, junto a Coca-Cola. Meu estômago roncou de alegria e eu senti minha boca salivar, o cheiro estava maravilhoso. - Se precisar de mais alguma coisa, pode me chamar.

- Heejin... - Ela me Respodeu com um breve "sim?" e eu engoli em seco. - As personagens, elas têm nome coreano?

- Oh. - Ela pareceu pensar um pouco. Me senti um pouco nervosa por isso. - O chefe já comentou sobre dar nome asiáticos para elas. Ele detesta esses nomes da linha Fazbear.

- Você lembra quais são? - Mordi meu lábio, esperançosa.

- Bonnie é Dahyun. - Apontou para a guitarrista, que fingia tocar alguma coisa no palco. - Chica é Nayeon. - A tecladista que sorria com seus dentes de coelho. - E Freddy é Jihyo.

- São belos nomes. - Comentei vidrada. - É...E a Foxy? - Olhei de relance para as cortinas roxas.

- Ela é a Tzuyu.


Notas Finais


Enfim, espero que estejam gostando, nos vemos depois :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...