História Flashlight - Lumax - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias Stranger Things
Personagens Lucas Sinclair, Maxine "Max" Mayfield / "Madmax"
Tags Cadie, Lumax, Mileven
Visualizações 26
Palavras 1.802
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 16 - Cap 16


Dustin on

Minha vida tem andando tão chata ultimamente. Ouve um imprevisto com o trabalho do pai de susie, adiando a volta dela, e nem ela mesmo saberia quando voltaria.

Trabalho o dia inteiro, e faço faculdade a noite, tenho pouco tempo, e pouca paciência, já não me vejo aquele cara alegre de ser. meus amigos andam ocupados com suas vidas, eu os vejo raramente, mas sempre que estamos juntos, a atenção é toda pra Malú, eu não estou com ciúmes, nada disso. ela é linda, é filha de dois dos meus melhores amigos, e eu a amo. As vezes me sinto estranho quando estou perto deles desde que susie se mudou.

Eu e Lucas batemos o olho em Max juntos, assim que ela chegou na escola, aos 13 anos. senti que nossa amizade se abalou um pouco. Eu e Lucas passamos a ficar atrás de Max, e ela correspondeu ao Lucas. lembro de sentir vontade de vomitar quando vi os dois segurando as mãos enquanto estávamos no cinema. e também lembro de chegar em casa e chorar na minha cama depois de ter visto Max e Lucas se beijando no baile de inverno da escola.

Fiquei chateado. pq ela não me escolheu? será que eu não era bom o suficiente? eu nunca seria escolhido por uma garota ? E então com 14 anos, uma garota nova chegou na escola, Linda, dos cabelos pretos e brilhantes, usava óculos, envergonhada, fez dupla comigo na aula de história, e assim passamos a se conhecer.

Minha vida parece que foi ganhando cor, eu não sentia mais nada por Max, só como amiga. alguns meses depois tive coragem e a pedi em namoro, e ganhei um belo sim!. depois dai foi só alegria, até um ano atrás, quando o pai dela foi transferido. meu mundo perdeu a cor, eu não vivia só existia. estou pensando sobre a vida, quando ouço a campainha, droga! não tinha outra hora? levanto bufando e vou abrir a porta, e quando abro...

- DUSTINZINHOOO - É susie com um sorisso de orelha a orelha, ela pula pra me abraçar, eu estou pasmo-

- Susie? mas como? Não tô acreditando- Falo a rodando no ar- O que aconteceu? senti tanto sua falta minha Susie linda - Falo a beijando, um beijo cheio de saudade-

- Voltei hoje! Meu pai enfim foi transferido de volta! Como eu senti sua falta- Diz me abraçando forte-

Nós passamos o resto do dia matando a Saudade, e a noite, fomos p casa de Max e Lucas. era nosso point. liguei dizendo que iria visita- los e queria todos presentes. então chegamos lá.

 Oi Dustin, com vc t... SUSIE?? o que... como? Dustin!!! pq não falou quando ligou? faríamos uma surpresa de boas vindas - Max fala quando abre a porta e abraça  Susie-

Eu que pedi Max, queria fazer surpresa...Você tá tão linda, a maternidade te fez muito bem - Susie fala enquanto entramos-

- Ah obrigada Susie, você que está linda, e esse corte de cabelo, eu amei.

- Susie linda, você  voltou, que bom amiga - El fala abraçando Susie.

- Agora Dustin para de chorar - A vez de Mike e eu mostro o dedo do meio

- Seja bem vinda de volta Susie, se sinta em casa - Lucas fala aparecendo com Malú no colo-

- Meu Deus, que coisa mais linda  - Olha apaixonada p Malú que observa tudo - Posso segurar ? - Ela pergunta e Lucas confirma e lhe entrega a bebê - Ela é mais linda pessoalmente, parabéns gente - Fala pra Max e Lucas, que se abraçam e as olham orgulhosos-

- Cade o Will? - vejo que ele está faltando-

- Saiu, ultimamente ele tem saido muito, acho que conheceu alguém. e que bom, pelo menos ele se distrai um pouco. - Lucas fala-

Ficamos conversando por um bom tempo.

............

Will on

Tenho saido bastante com Billy, mas não falo sobre os outros, só tento falar o que ele tem que fazer p ser uma pessoa de bem, e bom, nós acabamos ficando. é estranho, Ele é mais velho 3 anos, mas tento não ligar pra idade! não contei sobre ele aos meus amigos, não acho seguro.

Hj ele me trouxe na sua casa, Neil não fala nada, e Susan me olha apreensiva. Vou ao banheiro que fica no fim do corredor, mas antes vejo o quarto de Max, decido entrar. Tudo parece do mesmo jeito desde que ela não voltou mais quando contou da gravidez, pego uma bonequinha de pano que tá em cima da cômoda.

- Comprei quando estava grávida de Max, e descobri que seria um menina- Susan fala entrando no quarto- Como ela tá Will? e minha neta? - ela pergunta suplicante - Neil  não me deixa visitar elas, até me ameaçou se fizesse algum contato.

- Elas estão bem, olha - Pego meu cll e mostro a foto de Malú que é o meu papel de parede-

- Ela é tão linda, e tem os olhos de Max -Susan fala deixando rolar umas lágrimas- Diga a ela que eu as amo muito por favor, e que eu peço desculpas.

- Falo sim... posso levar p ela ?- Falo mostrando a bonequinha, e Susan confirma, então saio do quarto, vou ao banheiro  e quando volto, coloco a boneca na minha mochila sem billy ver.

- Achei que tivesse caido no vaso - Billy fala deitado na cama só de cueca- Deita aqui-

Me sinto nervoso, mesmo eu namorando com Fílipe, nós nunca chegamos a fazer nada.

- Billy... eu...

- Tranquilo Will, eu sei exatamente o que fazer... - Ele fala e me puxa para a cama tirando minha blusa - É só ter calma

Eu sou incapaz de falar, por um momento penso em sair correndo dali, mas por outro, eu sentia tesão nele, e isso é de muito tempo atrás. Ele começa a me beijar, selvagem, apertando minha boca e segurando firme minha cabeça. Tiramos os restos das roupas e voltamos ao ato. sinto algo duro em minha barriga, e tento olhar como posso. me assusto, era enorme.

- Chupa! - Billy fala se levantando, ficando de joelhos, e eu não resito. o coloco na boca, só consigo colocar pela metade. mas tenho que dizer, aquilo era bom.

Faço movimentos lentos, mas Billy é um selvagem, segurando minha cabeça e forçando mais e mais.

- Isso... hummm... chupa mais forte, vc gosta não é... hmm... - Billy geme como um louco, enquanto enfia seu pau em minha garganta, me fazendo querer  engasgar.

- Vira! - Ele fala e eu faço, fico de 4 na cama, e ele se posiciona atrás-

- Aiiiii billy tá doendoo - Eu fala gemendo de dor-

- Vou fuder, e vai passar - Assim ele faz, e a dor vai passando, e sinto... prazer? é... sinto.

- Mete vai... hummm. mais rápido - Falo gemendo, nossa, aquilo tava me matando de prazer, e Billy se mete em mim como um selvagem.

 Nossos corpos fazem um barulho alto, ouço billy urrar e gritar quando sinto ele me preenchendo. eu não chego lá, mas aquilo foi bom, sexo... só sexo.

Ele sai de cima de mim

- Qundo vou até onde vc mora? - o olho sério-

- Acho que nunca... Billy, só mantenha distância por favor - Vejo billy entortar a cara-

- É melhor você ir embora.... agora! - eu o olho incrédulo, visto minha roupa, pego minha mochila e saio

Ele não mudou! E essa sua insistência de ir até a casa de Max, é óbvio que é pra se aproximar de Malú, eu não deixaria isso acontecer, jamais! Vou para um ponto de ônibus, e espero, perdido em meus pensamentos.

...........

Eleven on

Ainda ando chateada com Mike, A duas semanas, vi uma msg em seu celular 

( Gab: Tenho o que você quer querido, venha pega-lo)

Senti o mundo parar, meu estômago revirar, eu o indaguei e ele apenas dizendo que não era nada demais, meio estranho. sumia as vezes, e não me dizia onde estava.

Eu estava no quarto de Will, dormia com ele, quando ficava na Max, vim vestir um casaco, estava muito frio.

- El.... posso falar com você um minuto - Mike entra no quarto- Por favor

- Seja rápido! 

- Olha, sei que estou distante... e me desculpa, mas entenda, foi por uma boa causa- Mike fala encostado na perece-

- Boa causa? vc deve tá me traindo, e quer que eu fique calada.

- Eu tão tô te traindo.

- A é? então aquela msg, o que significa Mike? me fala, quero uma explicação.

 Mike se aproxima de mim, e coloca a mão no bolso, tirando uma caixinha Vermelha

- Gab, é Gabriel, o gerente da joalheria amor. Eu encomendei isso para você, queria fazer uma surpresa, mas as coisas sairam um pouco do controle.

- Mike.... eu... ai meu deus - Começo a chorar.

- Eu te amo desde o primeiro minuto, tenho a plena certeza que você é a única mulher para mim. Quero viver ao seu lado para sempre, Quero que seja a mãe dos meus filhos, quero chegar, e te encontrar na NOSSA casa. Quero dormir e acordar ao seu lado todos os dias. Jane Eleven Hopper, você aceita se casar comigo? Mike abre a caixinha e se ajoelha

A essa altura eu já chorava feito um bebê.

- Sim!!! mil vezes sim... Mike me desculpa eu te amo muito. - Eu falo chorosa e ele coloca o anel no meu dedo, me abraçando e me beijando-

Depois de alguns minutos, nos descemos para os nossos amigos.

- Nossa pq demoraram tanto? e pq estão tão felizes- Dustin nos olhava malicioso-

- Não é nada do que estão pensando, é bem melhor que isso... Sou noiva - Mostro a mão com o anel, Max e Susie começam a gritar e correm pra me abraçar, enquanto Mike e recebido por Lucas e Dustin.

- Amiga parabéns, ai não acredito, estou tão feliz por você- Max me abraça forte-

- Eu também El, isso deve ser um sonho né 

- É sim, um sonho virando realidade.

...........

Mike On

Ela aceitou, eu nem acredito... bom acredito sim. iria fazer uma surpresa para pedir a mão dela, mas devido aos maus entendidos, tive que falar toda a verdade, antes que a situação piorasse. ja na sala

- Parabéns cara - Dustin me abraça

- É Mike, parabéns, e bem vindo cara - Lucas fala rindo

- Lucas e esse seu casamento sai quando mesmo?

- Max e eu decidimos que vai ser quando Malú tiver 7 meses, vai tá maiorzinha e já vai tá comendo algumas coisinhas, não dependendo só  do peito. afinal, vão ser 3 dias foras né.

Malú chora desviando a atenção de todos, e Max corre para atendê- lá, junto com El e susie. as observo, E quando for minha vez e a de El? deixo um sorriso bobo escapar. Um Filho nosso, vai ser incrível.





Notas Finais


Me falem o que estão achando... não sejam fantasmas, bjos 🌸❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...