História Floquinho de felicidade - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama
Visualizações 24
Palavras 643
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Hotzin leve 🌚❤
(E se acalmem por que ainda está no capítulo 11, suas taradas(o) 😂)

Capítulo 11 - Irresistível...


Fanfic / Fanfiction Floquinho de felicidade - Capítulo 11 - Irresistível...


Mais que porra seduzente, eu tô sonhando??

Eu realmente pensei que estava sonhando, mais o toque dela estava sendo real demais para um sonho

Ela estava sentada na minha perna com as mãos na minha nuca, aquele beijo era bastante intenso, então me dei o direito de passar a mãos por suas coxas, as agarrei com força e a trouxe mais para cima do meu pau, já duro

Meus beijos vai descendo pelo seu pescoço em direção a seus seios, eu tiro a alça da regata que ela estava suando, e ainda estava sem sutiã, ela apenas matinha as mãos em meus cabelos e eu passava as minhas mãos por sua bunda, a apertando com todo o desejo

Eu ia dando pequenas mordicadas no bico do peito dela e ela ia dando pequenos gemidos reclinando para atrás

Posso sentir sua pele se arrepiando em meu toque, por que ela estava apenas com uma bermuda de pano e eu também, eu ainda com as mãos na bunda dela, pressionava o corpo dela contra meu pau

Sua b#&[email protected]% já estava encostando na cabeça e era isso que provocava tamanhos arrepios por todo seu corpo

Imagina um beijo quente com um rebolado que eu mesmo fazia ela dar bem lá em cima de algo que já estava pedindo pra entra

Sentir sua língua em contato com a minha com pequenos gemidos de prazer era contagiante

Os bicos do peito dela já estavam duricimos também, eu os peguei e os apertei um pouco, ela se jogou pra trás se apoiando com as duas mãos nas minhas pernas com gemidos um pouco mais alto na qual ela não conseguia abafar

Eu me atrevi a descer mais ainda a mão até lá em baixo, porém ainda por cima da calcinha, ela estava molhada, e com meu toque ficou mais vermelha do que já estava antes

Eu - você quer? - disse ofegante ainda por causa do beijo

Ela balança a cabeça negando, eu me sinto confuso

Eu - não quer?

Ela - N-não

Eu - então quer que eu pare? - ela demora a responder

Ela - não - ela diz em um pequeno gemido enquanto se joga de volta nos meus braços

Eu - então você quer - disse com uma voz provocante enquanto chegava a calcinha dela pro lado

Ela - N-nao quero

Eu - tem certeza? - eu disse dando início aos movimentos rápidos e sincronizados do lado de fora da b$#@%&

Ela - oowwhh

Eu - você tem certeza? - eu me deito e ela se apóia enclinada apenas segurando com as duas mãos no meu peito

Ela - e-eu...

Eu - me diga - eu disse adentrando dois dedos de uma vez

Ela - aaahhhh

Ela apenas se jogou em mais beijos meus, ela estava quente pra cacete por dentro e eu morto de desejo

Ela - N-nao podemos...

Eu - tem certeza?

Ela - eu q-quero.. Mais é melhor não ignoramos isso

Eu - é verdade, meu tio vai me matar - eu disse tirando os dedos devagar enquanto ela tentava respirar fundo

No mesmo estado que nos estávamos, ela se deitou no meu peito e eu a abracei

Eu - desculpa..

Ela - está tudo bem, eu que busquei

Eu - por que veio tão assustada? E com beijos?

Ela - eu fiz algo errado... Hoje mais cedo quando você começou a falar de namoro eu fiquei muito nervosa, porém seu beijo me acalmou bastante, eu pensei que ele me acalmaria novamente mais quase perdemos o controle

Eu - tudo bem, vamos deixar isso apenas em nossas memórias, tudo bem? - eu disse beijando a testa dela

Ela - por mim tá ótimo - ela se agarra muito mais ao meu abraço

Eu - mais o que você fez de errado?

Ela - eu... Matei alguém

Eu - VOCÊ O QUE?

Ela - por favor ficar calmo...


Notas Finais


Continua...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...