História Florescência - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Neji Hyuuga, TenTen Mitsashi
Tags Naruto, Neji Hyuuga, Nejiten, Tenten Mitsashi
Visualizações 125
Palavras 1.152
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá, pessoal!

A ideia pra essa fanfic surgiu quando pedi em um grupo de whatsapp uma imagem NejiTen pra fanficar enquanto eu ia pra faculdade hahaha então, a lindíssima Louise Alves me enviou a imagem que está na capa e assim surgiu essa belezinha aqui.

Boa leitura e aproveitem 💛

Capítulo 1 - Capítulo único


Tenten já estava cansada de aconselhar Neji a prender os cabelos durante os treinamentos e missões. Com toda aquela cabeleira, que se estendia até a cintura, era comum encontrar emaranhados difíceis de serem desfeitos, bem como galhos, folhas e afins. 

 

E Neji nunca seguia seu conselho. Aquilo dava vazão a Tenten para encher o saco do companheiro de time, dizendo coisas como "eu avisei". E rendia, também, pedidos de Neji para que ela o auxiliasse a se livrar desses problemas. Tenten sempre se divertia com situações daquela natureza. 

 

"Onegai, Tenten" Neji pediu quando pararam para acampar em meio a uma missão para entregar um documento ao Senhor Feudal do Fogo. "O que custa?!"

 

"Custa que eu já te avisei, Hyuuga", ela deu um sorriso vitorioso, "Essa teimosia toda é escolha sua." 

 

Neji revirou os olhos. Já havia pedido duas vezes, era orgulhoso demais para pedir uma terceira. 

 

Divertindo-se com a expressão emburrada que estampava o semblante de Neji, Tenten deu uma risadinha discreta e se aproximou dele. Avaliou atentamente a situação com seus grandes olhos castanhos, e era inacreditável a quantidade de folhas que haviam se prendido nos cabelos de Neji. 

 

"Nossa, Neji, parece um ninho de coruja"

 

Ele fechou ainda mais a cara e Tenten gargalhou. Era assim quando estavam sozinhos: tudo muito leve, com Neji se sentindo à vontade para se expressar e Tenten sem medo das represálias dele. Era claro que Tenten havia exagerado, não parecia um ninho de corujas. Até porque, para um dia inteiro de viagem correndo por entre as árvores, o cabelo de Neji estava ótimo, não havia um frizz sequer! 

 

"Vai me ajudar ou não?" ele questionou, visivelmente irritado. 

 

"E eu lá tenho coragem de te negar alguma coisa, Hyuuga?!" 

 

Com essas palavras, Tenten se ajoelhou atrás de Neji e começou a retirar as folhas que ele não havia conseguido alcançar sozinho. Tenten conhecia cada centímetro dos cabelos de Neji, já estava acostumada a cuidar deles como se fossem os seus próprios. Embora ela odiasse admitir, os dele pareciam ainda mais bonitos e sedosos do que os seus, mas talvez esse pensamento fosse apenas uma manifestação do ditado popular sobre a grama do vizinho sempre parecer mais verde. Ela também tinha cabelos bonitos, oras! 

 

E Tenten catou, uma a uma, todas as folhas que ousaram se embrenhar por entre as madeixas castanhas de Neji. A certa altura, quando já estava quase concluindo, surpreendeu-se ao encontrar um dente-de-leão. 

 

"Olha!" Ela exclamou, mostrando a flor para Neji. 

 

"Ele ainda está inteiro" Neji comentou enquanto analisava a flor com olhos cerrados. "Interessante" 

 

"Por que você não faz um pedido e sopra?" Tenten aproximou o dente-de-leão dos lábios de Neji. 

 

"Isso é ridículo, Tenten" 

 

"Bom, então eu vou fazer" 

 

Tenten fechou os olhos e se concentrou. Enquanto isso, Neji a observava, constatando o quão adorável Tenten ficava quando fechava os olhos para pensar. Instantes depois, ela soprou o dente-de-leão, cujas pétalas voarem em direção ao rosto de Neji e o fizeram espirrar. 

 

"Ah, droga" ele reclamou, franzindo o nariz. "Espero que esse seu pedido valha a pena." 

 

Seus olhares se cruzaram de uma forma íntima, com Tenten ainda sorrindo e Neji ainda carrancudo. As expressões de ambos se suavizaram, de forma que tudo o que se pôde observar na sequência foi o rubor nas bochechas. Neji desviou o olhar primeiro, ficava desconcertado diante daquelas situações. Tenten coçou o braço, também envergonhada, enquanto se repreendia mentalmente por ter encarado Neji por muito tempo. 

 

Há alguns meses aqueles olhares vinham se trocando frequentes, bem como os sinais de vergonha quando estavam a sós. Tenten não era boba, sabia muito bem que estava flertando, e, mais do que isso, sabia que ele estava correspondendo. A reciprocidade de Neji aos flertes era cômica, mas de um jeito que fazia Tenten achá-lo ai da mais interessante. Neji era tímido, reservado e tinha dificuldade de demonstrar sentimentos. Tenten não o culpava por aquilo, dada a história sofrida que ele tinha, e buscava formas sutis de perfurar a fortaleza que cercava Neji. 

 

E ele não achava ruim. Nem um pouquinho sequer. Neji gostava dos flertes de Tenten, do jeito doce dela de se aproximar e até mesmo das provocações. Ela era bonita, inteligente, cheia de vida e, para completar, uma exímia kunoichi. Neji sempre a havia admirado, mas o que sentia por ela vinha se transformando. Antes, ela era sua companheira de time. Aos poucos, tornou-se sua melhor amiga e confidente. Agora, Neji sentia seu coração bater mais forte e seu estômago dar cambalhotas cada vez que estava perto de Tenten. 

 

"Por curiosidade" Neji iniciou e umedeceu os lábios, apreensivo "o que você pediu?" 

 

Tenten piscou, sem saber o que responder. Então, dando de ombros, respondeu com casualidade:

 

"Que você me desse um beijo" 

 

Neji arregalou os olhos, incrédulo e sem saber o que fazer. Sentia um leve tremor nas mãos, um tremor que nunca vivenciara nem mesmo em missões. Entretanto, apesar do nervosismo, ele sabia sim o que fazer. 

 

Por mais que seu coração estivesse batendo desesperado, quase saindo pela boca, Neji se inclinou em direção a Tenten. Segurou o rosto dela entre as mãos e a olhou com um misto de timidez e carinho. Ela retribuiu o olhar, fechando os olhos primeiro e sorrindo antes de quebrar a distância entre eles. 

 

Quando seus lábios finalmente se tocaram, sentiram como se tudo no mundo estivesse alinhado. Ao mesmo tempo, parecia que estavam fora de órbita. Tenten sentia como se estivesse desabrochando e fazendo Neji desabrochar junto. Neji via Tenten como a personificação do sol, com sua aura quente e cheia de vida. Pensando por esse lado, ele concluía que era um girassol, sempre buscando a luz de Tenten e se tornando cada vez mais vivo quando estava perto dela. 

 

Distanciaram-se minimamente e abriram os olhos. O mundo parecia mais brilhante, mas os sons estavam abafados, como se nada mais importasse. A respiração irregular de Tenten tocava o rosto de Neji, cujas mãos firmes ainda seguravam o rosto feminino. Ela sorriu, envergonhada, e mordeu os lábios na sequência. Ele se viu incapaz de negar um sorriso a Tenten, acompanhando-a. 

 

"Seu desejo se realizou", Neji comentou assim que a timidez inicial se dissipou. 

 

"Foi melhor do que eu imaginei", o sorriso de Tenten se ampliou. "Será que o segundo vai ser melhor do que o primeiro?" 

 

Neji soltou uma risada nervosa com a fala inesperada de Tenten, e ela o achou ainda mais bonito e fascinante por estar com a guarda totalmente baixa, permitindo que ela o enxergasse como ele realmente era. 

 

"Só saberemos se tentarmos", ele devolveu, observando os lábios de Tenten. 

 

"E o que você está esperando pra me beijar de novo?" 

 

Mais uma vez, Neji sorriu. Quando a beijou novamente, percebeu que há muito tempo não se sentia tão vivo e nutrido. A força do sol era mais poderosa do que ele imaginava - e Neji não fazia questão alguma de lutar contra ela. 


Notas Finais


Espero que tenham gostado!
Beijinhos 💛🌻


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...